Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRA VOCE MULHER

Click to this video!

Sentado em frente ao computador em uma sexta-feira lendo esses contos eráticos super excitante, enfiei a mão dentro da calça e apertei meu pau já duro de tanta vontade de viver essas fantasias. Minha mulher sempre comenta que sua fantasia seria dar para outro homem, mas não com a minha presença, pois ficaria com vergonha. Acredito que isso passaria se realmente fizéssemos juntos essa transa, na hora da excitação encaramos tudo o possível e o impossível.

Muito bem! Preparei uma surpresa que já mais esqueceria. Convidei minha paixão para um jantar nesse mesmo dia, e sugeri um restaurante dançante na Barra, (Rio de Janeiro), Marina não usa calcinha tipo fio-dental, pois diz que incomoda, mas para uma noite especial ela sempre faz para me agradar. Colocou um vestido colado ao corpo com aquela calcinha maravilhosa preta minúscula e com transparência na parte frontal mostrando aquele pedacinho de pelinhos depilados, e um perfume suave. Minha mulher é o tipo de mulher que chama muita atenção, pois tem um corpo muito anatômico, seios grandes e abusa na hora de se vestir usa um decote até exagerado, cabelos pretos abaixo do ombro, um tesão.

Na cama faz tudo chupa, e adora chupar, gosta até de dar o cú, goza dando esse anelzinho maravilhoso é uma “puta” completa.

Chegamos ao restaurante lágico todo mundo estranho, pois minha intenção era fazermos uma besteira especial essa noite. Sentamos em uma mesa bem discreta ao lado da pista de dança onde poderíamos observar e sermos observados, ela não desconfiava que eu estava preparado a uma loucura, pensava apenas que seria mais uma noite de jantar com motel que normalmente fazemos.

Dançamos bastante bebemos alguns drinques para descontrairmos, ao dançarmos sempre me deixa com o pau duro, ainda mais sabendo que ela esta com aquela calcinha safada pronta para ser comida pelo primeiro que encostar a cabecinha no seu rabinho.

Notei que um casal muito simpático estava nos admirando, mas como chegar e falar! Amigo você quer comer minha mulher e eu a sua? Difícil, porem as coisas acontecem, fui ao banheiro e encontrei o tal cavalheiro, já veio logo dizendo que talvez me conhecia de algum lugar, eu fiquei n dúvida se realmente era verdade ou não mas não importa o importante e nos relacionamos bem e fomos logo sentando junto apresentando nossas mulheres, e esposa dele era uma mulher muito atraente, lágico que minha era uma “cavala” se comprara a outra. Mas a minha maior vontade era fazermos uma putaria sem preconceitos e foi o que aconteceu, combinamos e fomos a um motel com suítes duplex, que maravilha chegando lá já estávamos dançando uma musica bem gostosa com os parceiros trocados, na televisão já rolava um filme pornô, a olha minha mulher já estava beijando o “tarado” que enfiava a mão na bunda dela levantando suavemente seu vestido e eu ficando louco vendo aquele rabo sendo acarinhado, e minha gata já me apertava sentindo meu pau se sua vulva quente e úmida, beijei essa mulher com muita vontade já estava explodindo, quase gozando sem trepar.

A safada já estava engolindo o pau do cara chupava como nunca vi, agachada ela acariciava sua buceta, coisa que nunca havia feito em sua vida. Agarrei minha companheira deite no tapete e comecei a chupar aquela buceta, adora chupar também, e safada já gozou em poucos segundos, Marina já estava de quatro levando um pau por traz e era enorme, ela urrava de tanto gozar sem se preocupar se realmente eu estava presente ou não, onde a vergonha já tinha ido embora. A minha visão era a melhor vendo minha delícia de mulher ser currada por um macho, essa sensação é muito louca, é uma experiência indescritível. Ficamos todos juntos no tapete, hora eu beijava minha mulher hora beijava Silvana, quando sugeri a Marina dar o cú, Silvana safada já foi logo lubrificando o rabinho da minha mulher, fantástico, minha parceira derretia de tanto gozar, Roberto o amante de Marina encostou o pau bem no burawuinho do seu cuzinho ela não aguentado implorava para enfiar logo, para socar sem parar, ao enfiar aquele pau grande, bem maior que o meu ela gemia de dor e de tesão e pedia, “não para, não para”, gozou largando o corpo no chão com as pernas arregaçada de tanto pau enfia naquele cú maravilhoso. Eu por outro lado já esta enfiando o pau na bucetinha da Silvana, mas Marina também se empolgou com minha foda e veio lamber meu pau por baixo enquanto eu comia a vaca de quatro, ela lambia meu saco, a buceta da putinha, o cú, até meu cu ela lambeu. Essa realmente foi uma experiência única, já imaginei que seria capaz de fazer junto uma putaria dessa, enfim saímos todos gozados e satisfeitos, principalmente a delícia da minha mulher que é tarada por uma rola.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


despedida de solteira com noiva pegando no pau dos stripscomi meu aluno lercontos curtpscontos de trasas com massagistasuco de uma magrela trepando em pornô famíliaminha iniciação gay contosquadrinhos pornos de patrao dominadorvideos porno pai afunda as tanga da filha virgemcontos eroticos mulher testemunha de jeovácontos de coroa com novinhoContos gay carnaval em Veneza homen em purra seus ovos no cu de brunaContos casado com travesti mas ele fudia com todos d familiaContos eróticos heterossexualcontos eroticos segredos de familia parte 4contos esposa quase nuaporno traicao roludo conto pornoContos minha doce sobrinha melMe comeu e comeu meu maridocontoscomsograsmama direito vadia csralhocalcinhas usadas da minha tia,safada contoscontos encoxando o amigo casadocontos erótico de incesto eu novinha ano ... meu tio com 26*6cm de rola me arrombou contos eroticos mamei no pintinho do nmeu filhinho pequinininhoabusada com vibrador contosf****** a minha cunhada gostosa enrolada na toalhacontos eroticos cu virgembuceta de crente meu nome domitiliaprimeira vez em fraldas tesãocontos eróticos de n********** dando para pau gigantesboqueteira gaucha contocontos eroticos de incesto: preocupada com meu filhomeu cu e meu genroComtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu colocontos fotos esperimentando rolacontos eroticos primeiro cucoroa amostranda a calcinha video feito casanovinha viuva sem ver um pau por varios dias se assusta ao ver o do sobrinhoConto erotico bigodecolo do velho. contowww.contos eroticos cavalgado no vovoMelhores contos eroticos sobre bem.dotadoconto minha mostroucontos erotico na praia de nudismo com meu sobrinhoVirgem inocente contomeu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadecontos erotico na prisãocontos eroticos gay infanciaconto chorei mas aguentei a pica do meu patrasdocontos de chupadasminha mulher pegou eu dando para o piscineirovidiomuher com camizoconto eu e minha noivacontos de incestos e orgias com minha esposa gravida minha irma nudistasnovinha de shortinho curto mostrando os pelinhos das nádegasconto programa de putacontos punheta filho sobrinhocontos de coroa com novinhocontos de engates gays maduroscomendo ela de saia com vizita discretamenteComtos namorado ve namorada ser fodida pelo irmao delacontos eroticos gays de todas as idadescontos eroticos fudendo a mae travesticontos devassos meu marido geme para eu chupar seu cuzinhoeu confesso incestocontos eroticos de lesbicas espiando os pais transando e fazem o mesconto eroticos comi minha tia com a calcinha na mãoMinha noiva exibida e gostosa na academia - Contos Eróticoscomendo minha irmazinhano escuro.com/videoDesvirginando a sobrinha de 18 anosa minha mulher Ela foi arrombada pelo negão como chega eu sentir coisa diferente dentro delawww contos eroticos de incestos como minha mae e minha irma"muito aberto" gay contoContratei um travestir e ele comeu meu cucontos eroticos esposas no swingusando uma calcinha pequena e morrendo de tesaicontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadeconto uma viagem muito gostosagreluda se masturbando com seu cão no quartoconto moreno hetero