Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUDIDA ATRÁS DA ESCOLA.

Click to Download this video!

Meu nome é Eduardo, e esse conto se passa há três anos, quando eu tinha 19 anos.

Moro em São Paulo, meu pinto tem tamanho normal, nada de excepcional como costumam relatar nos demais contos. Sou moreno, de estatura mediana, e na época fazia o 3ª ano de um colégio público.

Eu nunca fui um aluno muito aplicado, e gostava de matar aula em um jardim no interior da escola, onde eu passava o tempo fumando. Era uma terça-feira, e a práxima aula iria ser de química, matéria do qual eu odeio, rapidamente saí da sala furtivamente para me encaminhar ao meu esconderijo natural, no caminho encontrei a luka, uma gostosa do 2ª ano,morena clara, com lindos peitos e uma bunda grande e redondinha, que sempre vinha pedir cigarro pra mim, como sempre ela pediu um cigarro para mim, peguei meu maço de carltom azul, e a convidei para fumar comigo no famoso esconderijo, ela aceitou. Aquele jardim tinha muitas arvores, e uma vegetação extremamente mal cuidada, fomos atrás de umas arvores em que ninguém pudessem nos ver, e ficamos por lá fumando, até que ela disse para mim:



-Olha Eduardo, coloquei um piercing novo ontem.



Ela tinha realmente muitos piercings, no nariz, na orelha, nos lábios...Em seguida perguntei:



-É mesmo luka? Onde?



Ela colocou a mão por dentro da camiseta pude ver pelas curvas uma argolinha no biquinho dos seus peitos.



-Viu Eduardo?



Eu fiquei louco de tesão mesmo não tendo visto nada de mais, apenas o formato do piercing, não resisti e pedi:



-Me deixa ver ele ao vivo?



Ela me olhou envergonhada e falou:



-Claro que não, você está louco?

-Me deixa sentir então? Sá passar a mão por cima para sentir?

-Ta bom, mas rapidinho.



Lembro-me até hoje, eu passando a mão no biquinho de seus seios, fiquei de pau duro na hora, e percebi que o peitinho dela também tava ficando durinho, não resisti e já enfiei minha mão dentro do sutiã dela e comecei a passar a mão naquele peitinho delicioso, ela olhou para mim meio vermelha mais com cara de tesão:



-Ahhh, Para Eduardo, Ahmmm, alguém pode ver a gente.



Aqueles gemidinhos dela estavam me deixando louco, ela tinha um peitinho perfeito, durinho e bem grande, enfie a outra mão e comecei a apertar os biquinhos do seu peito, ela não parava de gemer, ela estava usando daquelas calças coladinhas de escola, tirei a mão do seu peitinho e já abaixei a calça e a calcinha dela, vi que ela tava molhadinha, sem objeções dela comecei a esfregar a mão na sua bucetinha molhadinha, quanto eu mais esfregava ela mais gemia:



-Aiiiii Eduardo, Ahmmmm.



Não aguentei e coloquei meu pau pra fora, virei ela e já meti com força na sua bocetinha:



-Ahhhhhhhhhhhhhh.



Ela deu aquele gemidinho de prazer e dor, e comecei a fazer um vai-e-vem, ela se inclinou e ficou segurando numa arvore, Comer aquela bocetinha tava uma delicia, comecei a meter cada vez mais forte, e ela sá gemia, sussurrei no ouvido ela:



-Ta gostoso putinha?



Ela olhou para trás com a boca aberta gemendo, aquela cara de putinha de filme pornô e nem conseguiu responder de tanto que gemia.

Tava tão gostoso comer aquela putinha, aquela bundinha deliciosa, que eu não aguentei e gozei tudo na sua bocetinha, que se foda que eu tava sem camisinha, o tesão era muito, gosei tudo nela, até escorreu para fora.

Essa foda eu nunca vou esquecer. Depois acabei perdendo contato com ela, mais isso ficará para sempre recordado, sá espero que ela não tenha engravidado.









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto eurotico namorada chupeteiracalçinhas meladinhas nelascontos eroticos amante vs mulhercontos eroticos meu cachorro e minha primacontos de coroa com novinhovirei a meninina safada do padrasto roludo contoscontos incesto irma e irmao despedida de solteirover contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionáriosContos eroticosencoxadas no onibuscontos erotico gay dei pro amigo do meu pai e comi a cachora dele sorfilacontos de pirocudashomen em purra seus ovos no cu de brunaconto marido convido amigo para engravidar mulhercont erot casada assusta ao ver pintao do negaoandrossi Comi o c* da afilhada dormindo bêbada pornô pau bem grande no c* dela e ela nem sentedei o cu no campig homoxesuaiscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaO pau que eu sempre quis contos eróticoscontos chefe da namoradaminha esposa ela levou sua amiga solteira pro nosso quarto pra eu fuder elas duas juntas conto eróticotransando com a interna contoscontos meu pai comeu o'cuzinho na marra eu adoreicontos eróticos no colo pra me tercontos eroticos mae acidentadao masagista fasendo masagem na mulher o pau dele encostou no rosto dela e ela chupouconto gay teen 20 anoscalcinha enfiada na bunda salto alto c dois homens contos gayscontos fudi minha filha evangelicacontos eroticos gays come meu pai bebado mais o meu amigocontos eróticos de virgindadecontos eróticos jogando com a amigacontos eroticos mijando na calcinha maeme comeram contos teennovinha de shortinho curto mostrando os pelinhos das nádegascontocasado meninas virgemConto erotico sou vadia velhacontos eroticos troquei marido pela vizinhaeu sou hetero e meu amigo tambem mas batemos uma jinto contos eroticocontos eroticor viadinho no cocheiraconto erótico dominando prima mais velha Conto erotico sou madura greludacontos eroticos estruprada pelo irmao beudasou puta e pratico zoofiliaconto eróticos estupro no orfanatoloira casada malho e adoro negao contosContos eroticos dois macho chupando minhas tetasdei minha buceta pro traficantemeu marido bebeu e meu cunhado me comeucache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"irma vagabunda irmao caralhudo safado cunhado corninho contos eroticos com fotoscontos minha esposa ainda resistecavalo pampo aregasano a boceta da mulhercontos eroticos:marido da minha tiaCasada viajando contoscontos eróticos lanchaconto erotico minha mim deixado de castigoconto anal evangelica carnudaContei para meu marido que meu patrao fudeu minha bucetamae me seduziu de calcinha conto eroticocontos eroticos de incesto: viajando com a mamae popozudaprofessora furacao fudernocache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html contos porno velhotravesti imgole pora de cavalocontos eroticos gay hormoniostravesti Zinho que faz programa escondido da mãenora putacontoscontos fui arrombada dentro de casa pelo baiano amigo do meu maridocontos eroticos vizinho me pegou shortinhocontos eróticos eróticos meu enteado me comeu minha enteada inocente conto eroticoContos eroticos amorosa amigaconyor ele domou minha bucetaO amigo dele me comeu contosSou gay e tranzei com um travest contos eroticoconto mega pau no ciu do cornoeuvera putinha desde novinhaasgostosa cimasturbanominha mulher d sainha dando pra mim e um amigo jegao contoscontos erótico eu ddie minha mãe depois de sua festa de aniversário Contos eroticos o homem da oficina deixa eu ver o pau delecontos levei uma rolada do meu filhocontos gays meu cuzinho me chamava de festacontos eroticos meu sogro comendo sua filha caçulacontos eroticos outro pou de presente para minha mulhercontos eroticos gay meu vizinho negro de dezesseis anos me enrabou quando eu tinha oito anosViadinho minha mãe resolveu reformar o banheiro contos eroticosirmã transformassem roupa vídeos pornô doidorelatos de casadas que treparam vom suas cunhadssconto erotico submissa gozei choreiContos eróticos que rola grande no meu cu zinho apertadinhogostosa de olho bendada e trançadaconto erótico de padre transando com MadreEstuprei minha amiga dopada conto erotico Pau do negao passivo contoscontos eroticos comi a corretora gordinhacontos eroticos cheiro de calcinha