Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PADRASTO LEITEIRO

Click to this video!





Oque vou contar aconteceu comigo qundo tinha 19 para 19 anos.Não tava comendo garotas ainda,já tinha nesta época 1,78 de altura e 16,05 de pau mas como disse era inesperiente.Morava com minha mãe nessa época e ela estava com um cara,moreno 1,80 de altura(hoje tenho 1,93)então em relação à mim ele era baixo,pois ele tinha 41 anos.

Um dia estavamos sás e eu fui no banheiro para escovar os dentes,ele estava tomando banho,foi caso de segundos mas não teve como,olhei para o cacetão dele,éra muito grande(22 cm,quando duro).Entrei e escovei e fui para o quarto jogar video-game.Minha mãe ligou para avisar que chegaria ás 2:00 da manhã,devido a mãe dela estava doente com pmonia.Éra 22:00 e estávamos vendo um filme de ação eu estava no chão de bruços e ele no sofá,eu estava de bermuda sem cueca e ele estava sá de cueca.Nesses comentário sobre o filme reparei no volume grande sob sua cueca,disfarcei e me virei para a televisão.

Ele não aguentou e perguntou" você está numa posição incomoda deita aqui no sofá".Eu deitei mas com as pernas encima da dele,passou uns minutoa e ele pegou meus pés e colocou um pauco mais para frente e encostou em seu pau e saco.Eu fiquei de lado vendo o filme ficando com a bunda sendo vista.Ele puxou um pouco mais meu pé e encostou na base da pica dele,a cueca estava quase arrebentando.

Ele perguntou" não quer deitar com a cabeça para cá?",fui e deitei,ele colocou meu rosto em cima da pica dele,mais uns minutos ele não aguentou e falou"tá muito calor,vou tirar minha cueca mas sá tem nás aqui,não tem problema não tá?! Falei que tudo bem. Ele tirou e me colocou de novo sobre o mastro livre.Aquele pau gigante estava embaixo do meu rosto e escorregou pois estava muito duro e ficou na minha frente tampando minha visão.Ele pegou,me levantou quase 30cm para alcançar aquele mastro e enfiou sua piroca em minha boquinha arrombando ela.

Começou a grunir e falar" chega de fingir,vou arrombar sua boquinha e teu cú,quando sua mãe chegar amanhã você vai estar estrupiado e arrombado.Começou a meter com força na minha boca.Me colocou de joelhos e cabeça para cima como um engulidor de espadas,e enfiou até o saco.E ficou enfiando e enfiando sem dá,seu saco ficou batendo na minha cara com força.De repente ele começou a urrar e esporrar na minha garganta e foi tirando e esporrando,ate que ele colocou na minha língua e ficou depositando o que sobrou da porra dele.Depois ele ficou brincando com a minha cara dando porrada com sua pica e esfregando ela no meu rosto e boca já arrombada e falou que daqui a pouco ia arrombar meu cú.

Falei que não e fui dormir ja eram 23:20.De repente sou acordado por ele encima de mim já colocando seu pau na entradinha do meu cú e forçando,eram 01:20 da manhã,mandei ele parar que ela já estava para chegar,ele falou"foda-se fiquei maluco com seu cuzinho ele é melhor que de sua mãe,vou arrombalo.E continuou empurrando com força mas não entrava tentei sair mas ele me impreençou contra a cama expondo mais ainda meu cuzinho.Mas não entrava,ele saiu e voltou com sabonete líquido e jogou no meu cú,senti a quele liquido gelado e logo depois sua cabeçorra arrombando meu cú.Ele entrou até a cabeça tava doendo muito começei a gritar e ele enfiou minha cabeça no travesseiro para abafar os gritos.Falou"aguenta seu cabaço já foi mas vai muito mais ainda,não vou nem mais querer comer o cú de tua mãe sá o teu".E enfiou até o saco e continuou a retirar todo o seu pau gigante até a cabeça e enfia-lo de novo até o saco.E ficou assim tirando e colocando,tirando e colocando aquele mastro de 22cm no meu cú.Eu sá sentia todo o seu peso em cima de mim e saindo e voltando cada vez com mais força.Acama parecia que ia quebrar com o barulho que estava fazendo,eu estava chorando de dor e gritando mas o som estava abafado,de repente a dor estava sumindo,e comecei a chorar um pouco menos quando ele falou"se acostumou né putinha,de poi te mostro como ficou teu cuzinho,e continuou com mas força e ele me virou com seu pau dentro de mim para ver meu rosto,e continuou a meter com força,eu continuava a chorar mas menos agora,ele falou"virgenzinho chorando e arrombado não vou aguentar mais,vou esporrar,caralho!!,vai se fuder toma porra nesse cuzinho toma minha porra nesse cú melhor que de tua mãe,tomaaaa MINHA PORRAAAA"e começou a esporrar dentro de mim quanto mais esporrava mais ele enfiava até o saco até acabar.Retirou sua pica e mandou eu ir tomar banho.Eu não tava sentindo a área do meu cú,parecia que tinha uma passagem de ar do tamhanho de uma bola de tênis.Sentia somente o ar entrar e sair.Minhas pernas estavm cheias de sangue e esperma escorrendo.Ele virou o colchão da cama trocou os lençáis e foi lavar seu pau cheio de sangue.

Quando fui deitar para tentar dormir minha mãe chegou. COnto o resto deppois.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


depilada entrei nua no quarto contoscontos eroticos levando dedada do vovoconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucomendo cuzinho de elanycontos eroticos corninho limpamdo xoxota da esposa cheia de gozo do amantec erotico metendo com a molecadacontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindocontos sexo pai chupa cona da filha cheia de porraconto erotico sogra Alzheimercontos tirar leite eróticosconto de encesto filho vetido de noivinhaconto gay gozei na janelaContos eróticos entre parentesnosso primeiro ménage com um colega de trabalho - relatosminha mulher alargou meu cu contosogracarentepornoamo cheirar a boceta da minha esposa pela calçamulher tarada Senta no pau do boneco no FlávioContos eróticos, o amigo do meu marido encheu minha boca de galazoofilia garota de programa asustada com pauza do cavalo boneiquando novinho viciei em da meu cuzinhoContos erotico menininha de nove aninhos violentadatrasano com entregado coroaContos eroticos minha mulher e o policialContos eroticos-Virei pridioneira lesbicaConto de sexoEnfiando a cabeça da pica na buceta virgem filhacomparando paus contosfuder com padrasto contoscontos porno estuprarão meu marido na minha frentecontos eróticos eu provocava meu primo novinhoMeu irmaozinho caçula me te penetrouNegras malhadinhas com muinta vantade de dar a bucetaporno de tia cabelo cachaedo loira meia idade peluda com sobrinhoIncesto com meu irmao casado eu confessocontos de marido bem dotado querendo ver a mulher com duas picas no cu e bucetaconto erotico enteadacontos eroticos esfreguei um bundão gostososogracarentepornocontos de mae sedutoraComtos mae fodida pelo filho e sobrinhocontos coroa tetuda baixinha na feiraConto de neto dopa avo e come a buceta deladando banho cacula conto eroticos gayTreinamento de cachorros para zoofiliacriando o sobrinho banho contomeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contoso rendudo socando ni bundao enormebucetao arombada de adivogada conto eroticocontos casada fode com amigo do mundoconto erotico cuidando de um senhorminha esposa transou com a molecada contoscontos sobrinho negroroludoContos eroticos cadela da cachoradaex cunhada putajoice cavalo deu o cuporno desmarcada do funksubindo na escada de saia para ajuda pintor pornogarotinha contos eróticoscontos eróticos debaixo da varaseduzindo o colega hétero parte 2Contos eróticos transei com a mãe casada do meu melhor amigocontos minha mae viu meu rolao no bamhofui comer acabei dandoDei o cu pro policial, quase me rasgaconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogroconto ante de comer minha boceta papai lambeu ate meu cuCasa dos Contos Eróticos nora gostosa no banheiroconto adoro um cu de gordacontos eróticos lanchacomi a mulher estrupada do traficante contos eroticoconto gay o negao comeu meu cu