Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NA GARUPA DA MOTOQUEIRA SELVAGEM...

Click to this video!

Sou casada, 29 anos, tenho 1,72 de altura, olhos castanhos, pele branca, cabelo ondulado loiro-acobreado que vai até a cintura, 57 quilos, 104 de quadril, 98 de busto, e sou LOUCA POR MOTOS. Embora eu seja feliz com meu marido, não consigo parar de ter as minhas “aventuras”, acho que sou uma espécie de “sexo maníaca”. Certa vez, quando eu fui trocar a minha CB500 por uma Hayabusa, notei que um cabeludo estilo roqueiro (tipo de homem ao qual não consigo resistir) me “filmava” dentro da loja, resolvi então “retribuir” com um olhar “daqueles” que falam por si sá. O cara entendeu o “recado” e se aproximou elogiando a minha compra, agradeci e perguntei logo de cara se ele gostaria de sair comigo para “comemorar”. Quando ele ia me responder, outro cara se aproximou: um moreno de olhos verdes, de corpo atlético. Apresentamos-nos e logo perguntei se ele também gostaria de participar da “comemoração”. Meio espantado, pois parecia ser um pouco mais tímido do que o cabeludo, ele aceitou. Saímos, eu com o cabeludo na garupa da minha Hayabusa Preta, seguidos pelo moreno em sua Hornet Vermelha. Já no caminho pude sentir a “pressão” do cabeludo na minha bunda, então acelerei para forçá-lo a segurar-se em meus seios. Ele então abriu o zíper da minha jaqueta de couro e começou a acariciar meus mamilos. O moreno quase bateu quando viu o que estava rolando, pude ver seu “volume” crescer instantaneamente. Ao invés de irmos para um motel, como era de se esperar, segui para minha chácara, que fica a uns 3 quilômetros do centro, sempre a utilizo para meus “propásitos”, pois sei que meu marido quase nunca vai lá. Ao entrarmos, estacionamos nossas “máquinas” práximo à piscina, então perguntei aos meus “convidados” se eles queriam beber algo, eles aceitaram, então fui pegar as bebidas enquanto eles se “preparavam”. Voltei “vestindo” apenas minhas botas de couro e uma minúscula calcinha preta, visual que fez os dois se “animarem” na hora. Servi os dois com campari mas, ao invés de tomar as bebidas nos copos, eles me deitaram na grama, jogaram todo o campari no meu corpo e começaram a “enxugar-me” com as línguas, não deixando nenhuma gota. Como minha calcinha era de lacinho, foi fácil remove-la, então o cabeludo jogou mais campari na minha buceta e começou a lamber. Enquanto isso, o moreno sugava meus seios como se sua vida dependesse disso. Gozei feito uma louca. Então puxei os dois e os coloquei de pé na minha frente, me coloquei de joelhos e comecei a chupá-los com tudo, alternava entre um e outro, ambos eram “bem-dotados”, embora o cabeludo fosse mais, digamos, “apetitoso”. Fiz os dois gozarem na minha cara, deixando escorrer pelos meus seios. Jogamos-nos na piscina, eu de bota e tudo, para nos refrescarmos, mas foi em vão, pois o “clima” esquentou ainda mais: o cabeludo, sempre mais “animadinho”, me agarrou e me beijou, enquanto o moreno veio por trás acariciando a minha bunda, eu me deliciava com tudo aquilo. Então o moreno tomou a iniciativa, para meu espanto pois ele era, digamos, mais tímido, ele meteu na minha buceta por trás gritando como eu era apertadinha. Enquanto isso, o cabeludo me beijada e me masturbava, e eu batia uma punheta alucinada nele. Gozamos praticamente juntos desta vez. Saímos da piscina e fomos juntos tomar um banho e nos “recompormos”. Depois do banho, propus ao cabeludo que experimentasse sentar na minha Hayabusa para senti-la, ele sentou de costas para o painel e eu sentei no seu cacete e comecei a “pilotar”, aí disse ao moreno que a minha “máquina” aguenta mais um na “garupa”, ele entendeu na hora e subiu na moto abrindo a minha bunda e metendo com força. Foi uma “viagem”daquelas. “Inauguramos” a minha “máquina” com estilo. Descemos da moto exaustos e tomamos outro banho. Como estava anoitecendo, os rapazes tiveram que ir embora. Despedimos-nos prometendo “viajar” mais vezes juntos.

Essa foi apenas uma das minhas muitas “aventuras” e “viagens” que relatarei a vocês...

AGUARDEM...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãocontos de i****** aprendemos a fazer sexo em casamulherbrasileira conversando putaria contoscontos de mulheres q se masturbamporn corno contos eroticos amarrada e usadachapuleta inchada no cuzinho cache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"porno estrupo do chefunho cnto eroticsvamos a mulher Helena chupando sua filha com mulher mulher mulher mulher mulher mulher com mulher chupaconto erotico jogando game com o garotinhocontos eroticos de homens que vestem as calcinhas das esposas e saem com travesticontos de coroa com novinhovidios novinhas dos mamilps diros pontudosvamos a mulher Helena chupando sua filha com mulher mulher mulher mulher mulher mulher com mulher chupaContos eroticos fudendo gravidaContos erocticos dei comprimido ao velhocontos de coroa com novinhorelatos eroticos de traicao consentidafudeno a amanda e nanda duas gostosinha mobilecontos reais eroticos na formatura casaiscontos eróticos na roça com minha maewww.contoseroticos eu e a minha vovócom.br/conto_4323_tudo-em-casa-real-mae-e-filho.htmlContoseroticosdesolteirascontos eróticos cheirando a bunda de minha sogravoyeur de esposa conto eroticocontos comendo mulher na despedida de solteira no carnavalcontos eróticos leite incestosexo com renata crentinhaemcabeçando no cu bucetaloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinasamba porno buceta com sujeiras brancascontos eroticos as tres safadinhadContos Meu pai dividiu minha buceta com seus amigoscontos eróticos para ler a sogracontos erótico me rasgaram mo acampamentocontos gozando pelo cuzinho3negros-_contos eróticoscontos eróticos lésbicas casada vira escrava da vizinhaconto erotico incesto sonifero filhaConto erótico namorada mestiçaeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eróticos de novinha dando para garanhãocontos a filhinha de fii dando p i papaiContos meninas d doze anos perdendo o cabaço com papaI ddotadoconto do tarado que se fazia de bonzinho para comer as meninasliga contos de loirinhapornodoido transando com mulher peituda e fim de noite espíritaContos eróticos gay meu amigo da bumda grande sempre deu o cuJamanta comeu meu cuzinho a forçacontos eroticos da minha tia amadorascontos eroticos lesbica chineladasmulher trai marido pela primeira vez e perdi o cabaço do cu com super dotados contos eróticostravesti de microsaia fica de pau duro na ruasofri no pau de outro contome arrombou o rabo contos casadacontos eróticos com vizinhacontos eroticos o dia que comi a novinha gordinhaseios da esposasaindo fora da blusa no sexoincentivanda pelo marido contos pornoCOROA DEIXA CALÇINHA Á MOSTRA EM IPATINGA-MGminha namorada apertando meu pau com a sua bucetacontos comiminha primaConto Erótico ninfeta Fio Dentalcoroa gostosa se arrumando namorada em Pouso Alegrea filha da minha empregada vive me provocando contosfui chupada igual uva contosso conto erotico de mendigoscontos eróticos gay lambendo o cu do macho heterowww.contos eroticos com fotos de comendo a madrastacontos gay fudendo com o desconhecido no terreno baldioconto submissa ao paus negros e grandecontos eroticos syrubascontoseroticostesaochupei minha netinha contos eróticos