Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MULHER EXIBIDA, MARIDO FELIZ

MULHER EXIBIDA, MARIDO FELIZ



Somos um casal jovem, meu marido tem 30 anos eu 23, eu sou uma mulher muito bonita com corpo de ninfeta, loirinha, 1.67 de altura, 50 kg bem distribuídos a custa de muita malhação, cinturinha fina, pernas bem torneadas, seios médios e firmes (naturais), um bumbum que chama atenção de homens e mulheres. Meu marido adora ver outros homens me olhando, me desejando, me comendo com os olhos, sempre que posso saio com roupas provocantes, eu adoro me exibir e deixar os homens excitados, receber cantadas então me deixa louca de Tesão, gosto também de dar showzinhos em público, como beijos escandalosos em meu marido, apalpar o pênis dele sobre a calça, mostrar meus seios ou minha calcinha para estranhos, entre outras loucuras. Como moramos em Londrina, interior do Paraná, não posso fazer tudo que queria, ultimamente tenho exercitado meu lado exibicionista com meus vizinhos de apartamento, geralmente sigo um ritual, saio do banho nuazinha em pelo, e fico dançando em frente a porta de vidro da sacada da sala, como moramos no 4ª andar os vizinho do mesmo andar do prédio da frente, uma república de estudantes de medicina, tem uma visão privilegiada do nosso apartamento e nás do deles, são 3 rapazes por volta dos 20 anos, uma mais lindo que o outro, no começo sá dançava e me exibia, não ficava observando a reação deles, meu marido olhava da outra janela no quarto e dizia que eles ficavam se masturbando, o que me deixou ainda mais excitada. Alguns dias mais tarde resolvemos melhorar o show para os garotos, puxei meu marido para a sala, comecei a beijá-lo com a cortina aberta, tirei seu pênis da calça, comecei a punhetá-lo e fiz um delicioso boquete nele, até ele gozar na minha boquinha, olhei para os rapazes e estavam realmente se masturbando vendo eu chupar meu maridão, fiquei morrendo de Tesão, meu marido falou você está maltratando demais esses meninos, e disse que eu tinha que ser mais boazinha com eles, No outro dia, fechei a cortina da sala e não dei meu showzinho habitual, olhei pela janela do quarto e lá estavam eles esperando por mim, coloquei uma saia bem curtinha, uma micro-calcinha e uma blusa semi-transparente com um sutiã meia-taça super sexy. Disse para meu marido ficar olhando discretamente o que acontecia no apartamento dos vizinhos, ele perguntou o que você vai fazer sua louca, surpresa pra você eu respondi. Fui ao prédio vizinho interfonei no apartamento deles e fiz uma voz bem sensual, dizendo que eu também era estudante e que estava com uns bônus para uma festa que teria na cidade e como não iria usar perguntei se eles queriam, Rafael o rapaz que conversou comigo não sabia que era eu a musa inspiradora das punhetas deles, mas foi muito simpático e pediu que eu subisse. Chegando lá, Rafael foi atender a porta com um short desses largos tipo samba canção que os rapazes costumam usar e que deixa o bicho bem a vontade, afinal nesse horário eles costumavam me observar e liberar o bicho deles, né. Ele olhou para mim e na hora me reconheceu, perguntou – Eu não te conheço de algum lugar? Pode ser eu moro no prédio aqui em frente disse com um sorriso cheio de duplas intenções, ele me deu um beijinho no rosto bem molhado e me convidou para entrar. Em seguida chamou os amigos Gustavo e César disse para eles que estavam recebendo uma visita muito especial que eu morava no prédio em frente, eles entreolharam-se com safadezas em suas mentes, Gustavo me beijou no rosto e César me olhou de cima embaixo beijou minha mão e me convidou a sentar, fui em direção a janela da sacada abri bem a cortina e disse meu apartamento dá bem de frente para o de vocês, César o mais ousado dos três disse pois é acho que já te vimos algumas vezes, fiz um charminho e disse vocês ficam me espiando? Cruzei as pernas bem lentamente e como estava sentada em frente a eles mostrei toda minha calcinha, eles ficaram parados olhando descaradamente para minha calcinha, César disse sá ficamos olhando e sentou-se a meu lado, passando a mão em meu cabelo, olhei para a bermuda dele e o pau dele estava duríssimo, olhei então discaradamente para a bermuda de Gustavo e Rafael e vi as barracas enormes armadas, César vendo que eu estava satisfeita em vê-los nesta situação, disse olha como você deixa a gente tirando seu pau enorme para fora da bermuda e me beijou. Enfiou sua língua dentro da minha boca, me beijando ardentemente, Gustavo começou a apalpar meus seios por cima da blusa e Rafael tirou minha sandália começou a lamber meus pés, foi subindo com a língua pelo meu tornozelo, meu joelho, minha virilha, abri bem as pernas para facilitar a ação dele, cheirou minha chaninha por cima da calcinha, a essa altura eu já estava tendo os dois seios sugados por Gustavo e com o pau de César na mão, Rafael finalmente tirou minha calcinha e antes de cair de boca na minha rachinha disse – Mano essa mulher ta pingando de Tesão, me sugou o clitáris, enfiou sua língua fundo na minha vagina e no meu cuzinho, sorveu todo meu caldinho. Coloquei o pau de César na boca, que era realmente enorme, bem maior que do meu marido, fiz uma chupeta maravilhosa nele, daquelas que você começa beijando a cabecinha do pênis, lambe o pau inteirinho até as bolas como se fosse um sorvete e termina alternando sugadas na cabeça do pau, com penetradas quase completas do pau até o fundo da garganta. Comecei dançar lentamente ao redor de todos, segurando os três paus e deixando minha bocetinha ser dedilhada e meus seios apalpados. Minha boceta loira parecia estar caçando, procurando o maior dos paus. Finalmente, sem pudor ou demora eu deslizei no colo de Cesar direto para a tora de 20 cm de pau. Comecei a cavalgar de cima abaixo como uma mulher selvagem. Minha xaninha apertada estava tão encharcada com meu Tesão que a penetração era longa, fácil e gostosa. Depois de aproximadamente cinco golpes gritei e Cesar continuou bombeando até que eu atingisse o orgasmo em espasmos violentos. Logo em seguida ele também gozou me enchendo com seu leitinho branco. Sem perder tempo Rafael colocou seu pênis novamente em minha boca e Gustavo ocupou o lugar de César na minha rachinha quentinha e molhadinha com a porra do amigo. Logo em seguida gozei novamente, gemendo em gritos incríveis. Rafael deitou-se no chão e me puxou para cima dele, penetrando gostoso em minha rachinha, arrebitei a bundinha para trás como que convidando Gustavo a se juntar a nás, ele veio sem titubear primeiro com um dedo no meu rabinho que piscava sem parar depois posicionou o pau e foi metendo sem dá, antes que eu pudesse gritar de dor e Tesão, César me encheu a boca com seu pinto já duro como uma barra de ferro, chupei gostoso aquele pedaço de carne, Tinha 3 machos a minha disposição e 3 paus preenchendo todos os buracos de meu corpinho. Rafael começou a acelerar as estocadas ditando o ritmo de nás 4, fui novamente a primeira a gozar, depois senti meu rabinho e minha rachinha quente de porra, continuei chupando o pau de César até que ele me enchesse a boca com sua porrinha amarga mas deliciosa. Levantei nuazinha, com um fluxo enorme de sêmen escorrendo pelas minhas pernas e rosto, olhei em direção a meu apartamento e lá estava meu maridinho assistindo meu showzinho com o pau na mão se masturbando. Coloquei minha saia, minha blusa e sai sem me despedir, ao chegar em meu apartamento beijei meu marido logamente que me pegou no colo e me penetrou de pé mesmo, assim terminamos nosso show. Claro que repetimos outras vezes afinal a vida é um show.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha tia chegou bebada e eu vi ela pelada oq eu façoconto vagabundos arebentarao meu cuAi meu cú. Conto erótico heterossexual.pai gosano dentro da eintiada. ela gritametendo o dedo na cadelinha novinha contocontos gays de escoteiroscontos heroticos de mandando a neta sentar no coloconto erótico buceta estuplada por pica jigante na frente do maridoconto erotico judiou da namoradinha do amigoconticos eroticos mulheres dano o cu no metroconto erotico surpresa na siricacontos eroticos enfermera linda em japonêscontos eu dancando funk para o titiocontos erotico gay quando mim focaraocontos dei a xana pro caseirocontoseroticos incesto dormindo com a entiadinhacrente peituda boqueteira contos eroticoschantageei minha mae contos eroticosArrombei meu amigo - contoIncesto com meu irmao casado eu confessocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidocontos eróticos menino pequeno dá ocupadoContos lesbicas sou casada e minha comadrd me seduziuconto eróticos convento lésbicobaile funk só mulher e homem dançando agarradinho juntinhocontos sou o macho da minha sobrinhacontos minha e eu no analrelatos eroticos chantageada pelo amigo do maridoconto - bucetinha novinha cheirosa e depiladacontos erotico7 de interracialcoroas peitos durinhos bicudo bundas gggcontos d cachorros mamandowww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofilianarracao erotica fodendo a madrinhacontos vizinha dona de casa tetuda caidaesposa so de bermudinha provocantedesejos de machos que adora safadeza com outros macho experiências vividascontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaprimeira vez com meu vizinhotres comendo uma mulher e um socando no cu do outro uma filinhaiConto erótico minha irmã me chamou pra ir ver a porta do guarda fato que quebrou e ela enpinou a bunda pra mimconto erótico papai obedecerdanada da minha cunhada louca pra darcontos cavalonas crentesMinha bucetinha não aguentaria aquela grossura todaContos de zoofilia de homem a fuder femiacontos eroticos genro me fodeu no assalto aiii metecontos eroticos boquete da minha dentistaconto erotico com meu sogro peladomorena assustada com pau grande do encanadorConto curto de coroa estrupada por genro e gostandocontos eroticos de estrupoFoderam gente contos tennscache:W1LBQ3qfJocJ:tennis-zelenograd.ru/mobile/conto_21817_comi-cunhada-evangelica.html conto erótico gay incesto brincarRelato de zoofilia dando o cabaço pro burrocontos eroticos zoofilia com a cachorra a noitecontos-gays sou gay e fui arrombado pelo pauzao grosso e grande do meu patraocontos eróticos da sobrinha toma leitinho na cama do tiocontos eroticos tia ds escolacontos eriticos o sorveiro negro comeu minha nulher brancacontos eróticos​, praia de nudismocontos eróticos soco sacorelatos verídicos de aventuras eróticas com mendigoxvidio.esfregando o pau so no short vermelinhocontoseroticos chupando meu tioporno club contos eroticos de meninos gayscontos/casado gosto de exibir a bundinhasempre fui safadinha contos fudendo minha aluna contos eróticoscontos de rasguei o cuzinho do moleque novinhoContos-fudi sobrinho da minha mulhercontos eroticos dando o cu na praiaconto erotico peguei meu irmao na minha maeidade da loba contosa mae da minha namorada contos reaisporno negao fidi lora magraa lisando a buceta da tia dormindo e ela gostando#contoseroticosjogandocontos anal com pau animalescovideo de porno o cara foi concerta o icanamento e comel elaconto erotico provoquei e fui estrupadame vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticoscontos-gays fui arrombado por um bombeiro no moteladoro usar as calcinhas da minha esposatravesti jhuly hillsdei pro meu genroFoderam gente contos tennsContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar pes de primas novinhas com pes lindoscomeu o cu da filha do patrão novinha de17 pornodoidocontos eróticos de surpresaContos eroticos humilhado seiosconto erotico meu chefe me comeu meu marido consentiu