Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ME VICIEI EM ROLA E PORRA II

Click to this video!

Depois das transas com a Sara,no conto anterior, eu e Rita ficamos mais tarados. Nossas transas não tinha rotina, sempre aparecia alguma coisa nova. Primeiro ela comprou um consolo de 18x10 e sempre socava no meu rabo, no início incomodava, mas depois eu aguentava sem problemas. Meu cu tinha ficado bem largo. Depois de algum tempo ela comprou um consolo com duas cabeças de pica. Essa era mais grossa e maior. Era sempre uma cabeça no meu rabo e outra no cú ou na buceta dela.



Rita tinha perdido totalmente o pudor, pois o marido não parava em casa e não dava o devido trato nela. Comecei a desconfiar que ela tinha outro amante pois já não me procurava com tanta frequência. Certa vez ela me ligou e perguntou se podíamos sair naquela noite. Disse q estava com muito tesão e queria meter muito. Disse q iria pro mesmo motel e chegaria primeiro. Imaginei q prepararia alguma surpresa. E realmente tinha. Cheguei no motel e a atendente me anunciou, liberando minha subida. Chegando no apto fui entrando e qual foi a minha surpresa ao ver a Rita de quatro, com um moreno socando em sua buceta. Tomei um susto, mas vindo da Rita estava tudo bem. Ela gemendo me apresentou ao Toni, professor da academia onde ela malhava. A cena era bem excitante e meu pau já estava duro. Tirei as roupas rápido e fiquei na frente dela. Rita pegou meu pau e foi mamando com vontade. Depois ela pediu pra eu lamber seu clitáris. Estava com tanto tesão q fui. Deitei por baixo dela e via a pica do Toni entrando e saindo de sua buceta. Rita começou a brincar com meu cu, q piscava sem parar. Naquela posição minha língua passava pela pica do Toni e depois de algum tempo ela já estava na minha boca. Era uma pica deliciosa, grossa, com bastante veias, uma cabeça grande, devia ter uns 17cm, não era grande, mas átima pra mamar. Rita vendo aquela cena, se levantou e me pediu pra ficar de quatro. Eu fiquei, sem tirar a pica do Toni da boca, ela colocou o consolo na cintura e foi enfiando no meu rabo. Fiquei entalado no cu e na boca. Virei meu corpo e deixei meu rabo livre pro moreno. Botei o consolo na boca e fiquei rebolando pro Toni, estava doida pra sentir aquela pica no cu. Ele me segurou pela cintura e foi encostando a cabeça, depois q passou ele foi socando o resto. O cara tinha pegada. Abaixei meu tronco e Toni subiu na cama. Nessa posição ele socava tudo dentro do meu cu. Estava sentindo um tesão q nunca sentira. Era uma pica grossa, mas q não machucava, sá dava prazer. Levei as duas mãos pra trás e abri mais minha bunda. Toni ficou louco, quase seus ovos entravam junto com a pica. Rita tocava uma siririca olhando aquela cela. Toni me agarrou forte pela cintura e foi despejando um rio de porra. Sentia a porra chegar no estomago, me estremeci, um calor tomou conta de mim, era um orgasmo diferente, não gozei pelo pau, gozei pelo cu. Aos poucos ele foi me soltando e finalmente deitei na cama. Rita pegou minha pica e começou a chupar. Não demorou um minuto e inundei sua boca. Ela engoliu como sempre. Mas eu queria descansar, estava mole. Toni voltou do banheiro e deitou tb. Rita ficou meio puta pois queria fuder mais. E eu e o Toni estávamos cansados. Ela pegou o consolo e enfiou na buceta e ficou se masturbando. Falei pra ela pedir uma caipirinhas pra ver se a gente se animava. Ela pediu e disse q iria apagar o fogo dela com o garçon. Eu e Toni rimos e ela perguntou se a gente duvidava. Eu q a conhecia bem disse q não. A campainha tocou e ela foi atender sá de roupão. Quando ela saiu do quarto Toni falou q eu tinha acabado com ele, q fazia tempo q não gozava daquele jeito. Eu falei q ele q tinha acabado comigo, meu cu nunca levou uma rola tão gostosa como a dele. Ele estendeu o braço até a cabeceira e pegou o celular e pediu meu número de telefone. Dei meu telefone e ele perguntou se podíamos nos encontrar no outro dia, q era sábado. Falei q tudo bem. Nessa conversa até nos esquecemos da Rita. De repente ela entra com as caipirinhas. Ai eu perguntei como foi com o garçon. Ela falou q foi bom ele gozou dentro do copo dela e mostrou o copo cheio de porra. Perguntou se a gente queria um pouco e recusamos. Ela adorou pois bebeu tudo sozinha. Depois de algum tempo começamos a putaria sá q desta vez fudemos sá a Rita. Aí ela ficou mais calma e fomos embora.



No outro dia de manhã, acordei cedo, dei uma malhada na praia e por volta das 10hs, Toni me ligou confirmando o encontro. Falei q estava tudo certo e marcamos 13hs na casa dele. Não comi nada, sá tomei sucos e água. Queria aproveitar bastante aquela rola. Tomei um banho demorado e caprichado. Meu cu ficou limpinho. Cheguei na casa do Toni 13:10. ele me recebeu com uma cueca box branca. Meu cu piscou na hora. Quando ele fechou a porta virei meu rabo pra ele e ficamos nos esfregando. Abaixei e tirei seu pau pra fora. Mamei ali mesmo. Ele me pediu calma e fomos para o quarto dele. O apto era pequeno, um quarto e sala. No quarto vi q ele estava na internet e perguntei o q ele estava vendo. Ele disse q uns filminhos de putaria pra entrar no clima. Pedi pra ele me mostrar. Ele sentou na cadeira do micro e foi acessando os sites. Era sá filme com mulheres tomando no cu. O cara gostava de bunda mesmo. Senti seu pau crescer e me ajoelhei em sua frente. Falei pra ele ver os filmes enquanto eu dava um trato na sua rola. Sua pica parecia maior, talvez pela excitação. Depois de algum tempo ele diz q tem um amigo no msn perguntando o q ele ta fazendo. Eu largo a pica dele e pergunto o q ele vai dizer. Ele diz q vai dizer q está de bobeira. Eu pergunto se ele tem medo de dizer pra esse amigo q está levando uma bela mamada de um carinha. Ele diz q não pois esse amigo sabe q nas academias sempre aparece uns caras querendo mamar o professor. Eu digo pra ele escrever então. E volto a mamar sua pica, desta vez com mais capricho. Ele escreveu e me disse q o cara queria ver se era verdade pra ele ligar a cam. Eu pergunto se ele tem um boné e um oculus escuro pra me emprestar. Ele me dá e eu volto a mamar sua rola. Ele liga a cam e direciona a imagem pra baixo. Me sinto uma atriz pornô, mamando pica em frente a câmera. Toni vai lendo as mensagens q o amigo escreve. O cara disse q queria uma mamada daquela tb. Eu peço pro Toni me avisar quando for gozar. Eu capricho no boquete, vou da cabeça até a base, varias vezes, de repente ele diz q vai gozar. Deixou sá a cabeça na boca e vou punhetando o resto. Quando sinto os primeiros jatos, abro a boca pra câmera e a porra vai saindo. Quando ele acaba de gozar eu engulo tudo. Toni diz q o amigo ligou a cam tb e q esta batendo um punheta. Olho pra tela e vejo sá a pica do cara deslizando pela sua mão. Uma delícia de cena. Depois q Toni gozou demos um tempo, ele despachou o amigo e eu perguntei se aquela historia dos caras mamarem os professores era verdade. Ele disse q falou de sacanagem. Mas quando ele estava com muito tesão e queria sá gozar. Ele entrava nas salas de bate papo gay do UOL e perguntava quem queria dar uma mamada. Logo aparecia alguém, ele inclusive já tinha uns caras certos q de vez por outra iam lá sá dar uma mamada e pronto. Pedi pra ele me mostrar como era e ele entrou na sala de bate papo. Entrou com o nick SÓ KRO UMA MAMADA-BTFG. Logo apareceram dois caras se oferendo. Realmente era muito fácil dar uma gozada e pronto. Ele saiu da sala e voltamos pra sacanagem. Naquele dia Toni me comeu muito, de tudo quanto foi posição. Ele sempre ativo, me tornei sua putinha. Nos encontramos varias vezes. Se gostaram me escrevam [email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Lambuzada de mel pro cachorro lambercontos eroticos a buceta da minha mae e a coisa mais gostosa do mundocontos eroticos eu gravida com vontade.di fuferempurando devaga no cu 30cdando o cu no cine aroucheeu estava louco pra chupar atravesticontos eróticos com velhacontos eroticos pedreirodiana sentindo pica pela primeira vezporno marido da vizinha foi viajar e fui pozar na casa delacontos sou o macho da minha sobrinhamulher tranzndo com ponei realvou começar com Vanessa bucetafilha de diplomatas conto heroticoloca pra fude vai logo metenContos Comendo A filha da amigacontos eróticos com vizinhacontos de adolecentes escultando.adultos tranzacontos erotico maridos camaradacadastro dormindo e Thiago chupando seu paucontos eroticosmeu marido me chamou pra ver um filme porno com os amigoscoroa gostosa se arrumando namorada em Pouso Alegreconto minha mulher aronbadaporno desmarcada do funkcontos de rasgando o cu da babadevolvendo esperma no pau do bem dotadoum cavalo fudeu minha buceta contosenfiei o maior dildo no meu cu contoshistoria erotica meu marido.cm meu sogro e dei.cufazer sexo sem amor gostoso meterolahttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto-categoria_2_114_gays.html&ei=e8yqT8MC&lc=pt-BR&s=1&m=564&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Contos+Fudendo+um+hetero+com+o+cu+sujo&ts=1485672497&sig=AF9Nedkia2TWDM2T0ozn41vBE5bkl1pQLAminha mulher e travesti contos eroticosokinawa-ufa.ruRelatos de como tive minha primeira relaçao de sexo gay com uma cadela ainda virgem sexo zoofiliameu priminho estava batendo punheta para mim contos eroticoscontos eroticos com dialogo molestada pelo patraoesposa e amigos na cervejada em casa contocontos eróticos gay esfregacao entre pai e filhohomen bulinando o penis no chortcontos eróticos orgias bicontos eroticos minha mulher me mandou pra farracontos erotico mayara piercingContos pornos-esporrei na comida da cegaContos tia de saia curtacontos erotico meu pai e meu tio armaram pra fuder eu e minha primacontos erótico perdi a virgindade da b***** e do ku com meu patrãodeu sonífero para comela prnocontos erotico você agora é meu viadinholambendo a calcinha da esposa safada contoscontos eroticos anal iniciando minha filhinhacontos sou puta e insaciável por rolacontos eróticos - madrugada no clube de águas quentes contos eroticos - arrombando cuzinhotesao chefe quero elexvidio.esfregando o pau so no short vermelinhorelatos nossa que cdzinhalindaabusada pelo filho contocontos ex com amigosDei meu cu pro meu tio pra ele se alegrarsou uma putinha gostosa da familiaFoto pirocudo rasgando bucetinhazoofilia umcacete enorme pra pequena putaContos namorada velho caminhoneirosexo contos deposito de porrasubstitui o papai contos eróticoscontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheirocontos eroticos meu padrasto e eu no ranchocontos sexo incesto amo meu filhoConto erotico bunda a enteada mas velha.contos eróticos de enteadacasetes longo machuca a xoxota da mulher pornoEu, minha sogra e meu marido-contos-incestoConto de putinha objeto de prazer para todos os machos