Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CASADA SAFADINHA

Click to Download this video!

Olá, o conto que vou relatar aqui é totalmente verídico e aconteceu durante um período em que trabalhei numa cidade pequena do interior. Eu sou moreno claro, tenho 40 anos, corpo legal e um cacete de 20cm e sou separado. Bom, eu trabalhava numa empresa do ramo financeiro numa cidade considerada de médio tamanho no estado de Santa Catarina e fui convidado para gerenciar uma filial da empresa numa cidade pequena perto da qual eu morava, nesta filial trabalhavamos eu e mais 5 funcionários. Quando cheguei lá para meu primeiro dia de trabalho me deparei com uma mulher que era a sub gerente da filial, tinha 25 anos, casada, muito bonita e um corpinho de tirar o folego, seu nome era Erika (Ficticio). Portanto a Erika iria estar sempre ao meu lado nos trabalhos da filial porque eu seria o gerente da filial e ela seria a minha assessora. A Erika era uma pessoa muito simpática e sempre brincava com palavras que as vezes me deixava em dúvida se eu deveria me escalar para alguma tentativa com ela. O tempo foi correndo e nos tornamos grandes amigos. Depois de um tempo comecei a receber mensagens no celular com algumas indiretas e sabia que era ela que mandava. Num dia resolvemos marcar uma festinha para os funcionários da filial a noite num local fora da empresa, nesta festa ela foi sozinha e começamos a falar algumas besteiras e a nos olhar de modo diferente e foi aí que pensei, hoje ela não me escapa, quando a festa estava acabando eu me prontifiquei a leva-lá para casa, devido que ficava em meu trajeto, ela aceitou de imediato, quando saímos para irmos embora por volta das 23:00 e estavamos passando por um local bem calmo eu pensei, é agora, se eu não fizer algo agora nunca mais vou fazer, parei o carro no acostamento e disse para ela que se eu não fizesse isso agora não iria me conformar mais e lasquei um beijo em sua boca a qual fui bem correspondido, daí ela me disse que era um local perigoso e disse que precisava ir embora porque sua casa ficava bem perto de onde estavamos e seu marido a estava esperando, paramos por aí mesmo e fui embora feliz. Nos dias que se passaram sempre continuava as brincadeiras entre nás, na nossa filial os funcionários menos graduados iriam embora mais cedo, por volta das 16:00 e sempre ficavamos até as 18:00 eu e a Erika, num destes dias que ficamos sozinhos eu fui para a cozinha para tomar um café e logo em seguida ela veio também e começamosa conversar e a falar besteira, eu não me aguentei e fui pra cima dela dando um beijo em sua boca ela na hora retribuiu meu beijo e meu pau ficou durasso na hora, ela sentiu ele duro e começou a se esfregar nele, nossa, eu já estava doidinho pra comer ela, o clima começou a esquentar e eu comecei a tirar sua roupa e ela dizendo que não deveríamos fazer aquilo, mas ao mesmo tempo estava querendo muito, porque já estava gemendo, quando tirei seu sutian e vi aqueles seios lindos e com ums biquinhos duros e pontiagudos, cai de boca neles e ela gemendo todinha, comecei a abrir o ziper da sua calça e coloquei a mão por dentro de sua calcinha e senti a bocetinha toda meladinha, nisso ela já tinha aberto a minha calça e estava segurando o meu cacete duro e enorme e todo babado, quando deixei ela peladinha a vi aquela bocetinha raspadinha fiquei mais louco ainda, coloquei ela deitada em cima da mesa que havia na cozinha e comecei a chupar aquela bocetinha gostosa, ela gemia um monte de tesão, depois ela pediu para eu deitar em cima da mesa e ela ficou em pé ao lado dela e pegou no meu pau e enfiou ele todinho na boca, nossa, que boca deliciosa, quase gozei naquele momento, mas tive que me conter porque queria comer aquela bocetinha linda, depois sai de cima da mesa e virei ela contra a mesa em pé e de costas pra mim, e perguntei se era pau que ela queria mesmo e ela disse me come logo que to com muita tesão, fui colocando devagarzinho naquela boceta para sentir como ele entrava bem gostoso e ela pedindo para eu enficar tudo e eu sá colocando aos pouquinhos e tirando para sentir aquela sensação gostosa, depois enfiei com tudo e ela deu um gemido forte, nossa, era tanta tesão que não demorou muito e gozei naquela bocetinha gostosa. Depois daquela foda começamos a transar umas duas ou tres vezes por semana dentro da filial nos finais de tarde, comia ela em cima duma cadeira daquelas que rodam, nossa que delicia, comia ela em cima da mesa de trabalho, tentei comer o rabinho dela mas sá consegui um pouquinho porque ela dizia que doia muito, as vezes ela sá chupava meu pau até eu gozar, fomos algumas vezes em motal quando ela fugia da faculdade, depois de um tempo saí da empresa que trabalhava e os encontros foram ficando cada vez mais dificil, eu me apaixonei por ela e ela por mim, mas devido a ela ser casada e eu ter namorada o caso acabou, hoje sinto uma saudade enorme dela e sonho com ela sempre, imagino as loucuras que faziamos dentro do local de trabalho e me masturbo pensando nela.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico perdeu cu video gameContos eroticos sobre irma fazendo faxinacontos heroticos incetos irma casada mais com tesão pelo irmão de feriascontos eroticos meu cunhado mim sequestrou mim amarroucontos/esposa na rola do meu amigomeu corpo que era devastado pelo seu pau ainda duro contos eróticos peituda conto eroticoconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cuconto gay dei em cima do meu sogrocontos eroticos paty porteiroquero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhomae.caga.no.casetao.d.fihlo.conto erotico enganei a bobinhaperdi minha mulher no jogo contos eroticoscoroa da buceta griluda espirando poro logemassagem tia corno contoconto erotico crente negra velhacontos eroticos banho meninocachorros rendidos gozando pornokauane minha putinha contos eróticossempre dou uma escapadinha contoscorno cu veado negao conto erotico esposa dedos no cu consoloFudendo a prima,contominha irma fudeu com nosso cachorro conto eroticocontos de cú de madrinhaTrai meu marido com meu compadreContos eroticosBuceta grandeContos Eroticos Pirralhosas amiguinhas da minha filha pequena contos eroticoscontos eroticos ,,sou noiva e o negão comeu meu cu na ,minha camaaconto erotico o tiozinho da meecearia taradoContos.eroticos..de.incesto.no.dia.decasarcontos eroticos d csadas dando pra pivetesConto erotico Zoofiliacontos porno esposas estuprados submissoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casag****** na xoxota da prima beijosbotou tudo nela bebadameu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadecontos eroticos de padrinhos e afilhadas que engravidamsequestradaxvidioConto gay - menininha do paifuder com padrasto contosbucetinha contosIrma colo contocontos eroticos incesto cunhadavideo de mulhe grilano olho na rolacomo o cheiro da maça contosmeu genro e neu cucontos eroticos cm chantagia minha intiada para mim da a sua bocetinhafui criado para ser gay Contosvi minha cunhada dormindo vi minha cunhada dormindo comecei a comer ela acorda assustadaporno comtos corno vendo cu da mulher depois que negao arombouconto erotico na lagoa com a familian aguatei a piroca do meu padrinho no cu eu de saia contoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico: va para o vestiario e me esperecontos eróticos amiga novinhacontos eroticos dava balas e comia cu do pivetemalandrao dando o cuzinho pra boy malhado contoBrincadeira na piscina com meu irmao poran vedeoshttps://googleweblight.com/?lite_url=https://idlestates.ru/conto_26340_estupro-da-madame-pelo-seu-funcionario.html&ei=E_WimWma&lc=pt-BR&s=1&m=800&host=www.google.com.br&ts=1494280466&sig=AJsQQ1DZ_YRUE-wcRdaFd_Iqz-LQ-hyz5Acontos comecei a bater punheta junto com meu irmaominha tia chegou bebada e eu vi ela pelada oq eu façoMoreno olhos verdes gay uberabaas mulher freira depilando o priquito no conventoContos de comadres lesbicasconto desde pequena participo de orgias com minha familiacontos eróticos verídico com mulheres na punheta no maridocontos eroticos tava todos na praia eu vim buscar minha sogra que tava trabalhaconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogrocontos ainda menina dei pro meu irmaozinhocontos eroticos amigas ci pegandofingi dormi e ... me comeu contos eróticos contosfudendo a morena gravida novinha de salto fazendo sexo com negro conto eróticocontos de estupro nao resiste minha enteadagostosa gordinhas tirando cabeçaminha mae e filhos conto eroticocasada foi brincar de esconde esconde e deu o cu casa dos contoscontos eroticos noradeixa eu ver seu peitinho contoscontos de casada no motel e ligando para o maridocontos eróticos ensaioviagei com minha sogra pra praia ela me deu ate o rabo contoshomen bulinando o penis no chortcontos eroticos vingancconto erótico gay o pai do meu primo pauzudo contos eroticos dava balas e comia cu do pivetecontos eroticos arrependidacontos erótico estrupeiContos eroticos podolatria no hospitalmeu noivo me preparo uma despedida de solteira conto eróticosMelhores contos eroticos sobre bem.dotado