Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BRINCADEIRAS DE ADOLESCENTES

Click to Download this video!

Brincadeiras de adolescentes



Qunado eu tinha 19 anos morava com meus primos em uma casa bem isolada que ficava perto do Lago Paranoa em Brasilia.

Nos bricavamos no lago com os filhos dos vizinhos, nessas brincadeiras os meus dois primos mais velhos( o Augusto de 19 e o Victor de 19 ) sempre davam umas encochadas na gente por de baixo da agua, o normal era a gente sair fora e dar umas gargalhadas e chingar eles, mas uma vez eu levei uma encoxada do Augusto e fiquei quietinho, so estava eu e ele o resto do pessoal estava fora da agua, eu ate dei uma esfregadinha no pau dele, O augusto ficou meio assustado e saiu da agua.

Um dia os adultos foram todas para a casa da minha avo em Minas Gerais e deicharam a casa por nossa conta. De noite o pessoal ja estava pensando em fazer uma festa, mas a gente queria aproveirtar de dia tambem. O Victor alugou uns dois videos pornos e colocou na sala com tv de plasma gigantesca, os filmes eram totalmente heteros mesmo assim eu me excitei muito vendo o pau dos meus primos e do Otavio(um dos filhos do viszinhos de 19 anos, meu amigao), NInguem percebeu que eu olhava para os paus mais do que para o filme menos o Augusto que me olhou no fundo dos olhos. Fomos para o lago, deu para ver que a sunga do Victor estava toda melada de gala. Depois daquele dia o Augusto nunca mais brincou comigo de uma forma digamos gay, mas sei la, o alcool e o filme o deixaram mais desinibido do que ele costumava ser. Ele chegou em mim me agarrou por tras e encostou o pau na minha bunda e ficou coladinho em mim:

-Voce gosta disso nao gosta veadinho

-urg, sa-sai August-to

Ele entao enfia a ma dentro da minha sunga e pega o meu pau que estava duro como pedra

-entao o que e isso

-e por causa do filme

Ele começa a me masturbar e beijar o meu pescoço, meu corpo foi ficando mole e eu pensei que iria desmaiar.

Entao o Victor diz:

-Que porra e essa que voces estao fazendo seus gays?

Eu todo sem jeito me afasto rapidamente

-E o Augusto de sacanagem hehehe

-Esse Augusto e uma bicha mesmo hehuehehe



De noite, um monte de mulher na casa dando em cima de mim, so tinha uns seis homens na casa e umas dez mulheres, entao todos os homens eram disputados.

Eu dispessei todas elas das maneiras mais criativas que pude, mas nao consegui despistar o Augusto, ele e super inteligente e atencioso. Nesse momento eu percebi que havia me tornado um alvo sexual para ele, um desafio, seu obijetivo era me comer mesmo ele sendo hetero. Ele pegou uma menina timida que voltou para casa bem cedo, algumas ficaram para transar com os caras.

Quando eu ja estava para dormir alguem bate na porta do meu quarto, eu imediatamente pensei que era o Augsto e o meu pau a foi fiando duro. Quando abri era o Otavio.

-Cara, nao tem como voce me emprestar seu quarto essa noite, tem uma gata me dando mole, eu acho que e hoje que eu perco a virgindade

O cara era meu amigao, nao tinha como eu recusar. Peguei minhas coisas, decepcionado por nao ser o Augusto e fui dormir na cama dos meus pais que era sagrada e ninguem iria trepar la de jeito nenhum. Quando eu tentei abrir a porta ela nao abriu, os meus pais haviam trancado. Fiquei com muita raiva e fui para a sala, o Victor estava dançando com umas duas garotas do lado de fora e estava maior barulhera. foi quando uma pessoa passa por tras do sofa que eu estava deitado:

-Ue! ta fazendo o que ai seu veadinho?

Era o Augusto so de cuequinha.

-O Otavio vai dormir no meu quato hoje.

-Dormir!? Tem certaza? Acho que ele vai fazer outras coisas tambem huehueue

-hehehe provavelmente.

-Bora dormir no meu quarto, o Victor vai ficar nessa bagunça ate amanhecer

-...ta bom entao



Fui calado no caminho ate o quaroto dele que ficava em outra casa, mas ainda era parte da mesma propriedade, era mais longe, e ainda dava para ouvir a musica.

-Voce esta afim de mim, nao e?

-Como assim Augusto?

-Ja deu para perceber

-Eu se eu estiver, vai querer me comer igual as suas mulherezinhas

-Nao, voce e a minha bichinha, deve ser tratada com carinho. Mulher tem aos montes, mas um viadinho gostoso igual a voce e dificil de achar

Falando isso eu parei olhei para ele, ele ficou olhando para mim, se virou abriu a porta da casa:

-Vamos

Qunado chegui no quarto dele ele estava sentado na cama, uma cama de solteiro e nao havia outra cama ou um colchao para mim.

-Eu vou dormir no sofa Augusto?

-Entra e tranca a porta.

Eu entrei e fiquei olhando para ele, silencio!

-Tira a roupa

-hãm?

Eu fiquei meio desnorteado, entao entendi o que iaria rolar naquele quarto. tirei lentamente minha camisa e olhei para ele que prestava atençao a cada movimento meu.Naquele quarto meio escuro azulado e silencioso. Ele fiou o dedo entre minha bermuda e minha cueca e foi descendo lentamente, eu o ajudei a tirar a bermuda e estavamos os dois so de cueca. Ele levantou da cama e me abraçou bem forte, eu levei um susto foi a coisa mais rapida que acontece nos ultimos minutos.

-Promete que se a gente fizer isso nada ai mudar depois?

-Eu promeuto Au...

Eu desci minhas maos pelas costas dele ate chegar na cueca dele e a abaichei e peguei na bunda dele, queria mostrar que eu tambem estava afim. Eu dei um beijo na boca dele e senti a lingua dele invadir minha boca com desejo. Eu tinha dado carta branca para ele fazer o que quisesse comigo, ele foi me beijando ate a orelha e disse baichinho:

-Me chupa

Eu fui bijando o pescoço dele e fui decendo, dei uma lambidinha no mamilo dele, lambi toda abarriga dele e senti um gosto salgado de suor, cheguei nos primeiros pelos pubianos daquele corpo malhado, mordi o pau dele por cima da cueca. Eu a abaixei e peguei aquele pau gordo ainda sem estar totalmente ereto e o fui lambendo toda a glande, coloquei a cabeça na boca e ele foi endurecendo e entrando sosinho. Comecei a chupar para valer. Era bom ouvir os pequenos gemidinhos do Augusto. Ele me levantou, me encochou por tras e me colocou frente a cama. Eu deitei ele veio por cima abrindo minhas pernas(frango assado).Cospiu no dedo e foi enfiando o cuspe, ele me deichou todo lubrificado e foi colocando o a cabeça do pau. A sençao era bem diferente de qualquer outra coisa que eu ja senti, podia sentir ela quente e macia.Com minhas pernas abertas eu nao podia controlar nada, Augusto foi forçando bem de vagarinho, a cabeça forçava a entrada e foi entrando bem de vagar.Quando ela entrou totalmente eu apertei o anus. O Augusto percebeu e deu uma risadinha e eu tambem.O resto foi entrando mais rapido que a cabça e eu pude sentir seu pelinhos que pareciam ter eletricidade estatica. Ele começou a foder, uma vai e vem crecente e acelerado. Eu estava muito excitado e fechei os olhos. Derrepente senti a mao dele pegar no meu pau e começar a me masturbar.Nunca tinha sentido aquela sensaçao, parecia que o mundo havia sumido e nossos corpos tambem e so sobrou o desejo incontrolavel pelo Orgasmo.



Espero que tenham gostado do meu primeiro conto.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotic meu treinado taradocontos eróticos fui currada pelo meu patrãoparou na borracharia pra arrumar o pneu e levou pau gay fudendocontos eroticos de escrava de madameConto erotico novinha.pediu pra passar bromseadorcontos de vizinho taradocontos eróticos 2 meninos comeu minha mulherconto gay caseiro patrao carlosSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininotarado asalta apart amarra mulher sexoconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cucache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html Contos sou viadinho dos tios e amigos delescuzinho da zildacontos enrabado na saunaMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .contos eroticos d zoofilia cine maxcontos dando de mamar para filhinha engulin porraxzoofilia animal casaro casadaContos de Capachos e submissos de garotasAgarrando o pênis com tesãoconto eroticos baile de carnaval c. filhacontos eroticos, dei a buceta pro traficanteconto de encesto filho vetido de noivinhaempregada gostosa transando de bruço com patrãowww.contos gays na bebedeira cerveja e xixiconto erotico gay macho feminizado vira femeaContos meu marido me pediu chifreChupei Contosconto aquela mulher mexeu na minha buceta cu teencontos de cú por medovideornpossvirei a meninina safada do padrasto roludo contosContos erotico de exibi a bunda muito grande de fio dentalamarrada e amordaçada porno contos eroticoscontos eróticos mulher gostosa cuidando de menininhosContos de putas fogosas co.tados por mulheresContos eroticos ai mo seu pau ta me matando mete ai ai deliciosa aiicontos de cú de madrinhacontoseroticos obrigaram minha esposa a usar drogasconyo erotico pai e filha ahh uhh mais meteesposa torcendo de biquini em casa conto eroticoComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêsContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiacontos eroticos de freiras com jeguessexo contos eu e meu filho adotivo fizemos sexocontos eroticos chantagem sexualcontos erótico minha irmã eu no motel sogras e madrasta fazendo boquetes rapidospaguei boquete na infancia contoscomtos arrobadaContos erotico como minha cuinhada mais velha de 45anos.meu genro me fez gosar contoscontos minha mulher me traiu contossua buceta me pertenceno hotel com meu filho contos de encestoinsisti e os homens da oficina me comerem contos gayscontos eroticos enfermeira saco peito grandecontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacanto erotico de homem que gosta de usar calcinhaconto erotico homem andando fay de cueca pela.casacontoeroticoarregacadacontos mia gostosa mulhe teve sua buceta aregasada pro seus amates muitos roludoscontos erótico menininha elevadomae jenmendo muito alto filho comendo mae no quartosou apaixonado pela minha mãe sexo incesto contos novosconto sexo casada proposta indecenteeu entrei no banheiro e não sabia que a minha madrastra estava la e come. a xota delaContos gay coroaMinha esposa deu a xoxota pra um mendingocontos picantes se masturbando com pepino