Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUDI A DALI, CÚ E BUCETA,FOI UMA DLICIA

Click to Download this video!

Olá, o careca esta de volta com seus contos picates, e, vejam, desde os nove anos que eu tocava punheita, quando via um jumento fudendo jumenta, égua,burra, e outros animais trepando, não aguentava e ia tocar punheita, quando compento 19 anos meu pai arruma na sede do municipio uma casa para eu estudar, a que fui, era casal tinha 4 filhos dos meninos bobos e duas meninas, a mais velha sofria de falta de ar que chegava a ficar roxa, nessa sexta os pais precisaram leva-la para Mossorá-rn, diante do quadro, não fomos à escola, logo que os pais sairam, os meninos foram jogar bola, disseram mana vamos dormir na casa do tio, ficou eu e a sapeca, vou chamar de Dani "danada", 19 anos tbm, sá que corpo de mulher, bumbum arribitado,coxas grosas, peitos durinhos de ficar furando o vestido, era o que ela gostava de vestir, tudo que os meninos faziam ela queria fazer tambem, eu fui para o quintal lá para o pé de cajarana, logo ela chega e foi subindo, quando olho para cima vejo os pertelhos, ela estava sem calcinha, a minha pica ficou logo dura laterjando que levantava o calção, quando ela vi desceu dizendo deixa eu ver, uma colega me disse que agente molha a bucetinha e vcs ficam de cacete duro molhando a calça,os meninos sairam a empregada foi comprar o pão, nos estamos sá, isso não vai dá certo, nas ferias no mês passado trazei com uma mulher, sse eu te pegar vou fazer tudo que nos fizemos, estou aqui com agrenalina e terzão a mil, deixa para a noite que a empregada apás o jantar vai embora, ela não aguentou e por cima de calção pegou no cacete, não aguentei tbm, passei a mão na buceta dela que estava tuda melada escorrendo pelas pernas, encontu-a no tronco da cajarana, levantei um perna dela e coloquei o cacete na xerenha toda melada, fiquei fazendo um vai e vem, quando ela disse esta gostoso, não aguentei gozei rios de gala que ficou escorrendo nas pernas dela, passo a mão na xerenha dela apanho a gala com o mela-mela dela e passei na boca dela e na minha e dei aquele beijos de lingua quando ela disse é gostoso, ficou se tremando toda que o gozo dela estava escorrendo, quando olho para a cozinha a empregada já havia chegado, disse vamos parar a empregada chegou, será que ela viu.

Chega a noite, jantamos, a empregada arruma tudo e vai embora, com os bobonhos não viam dormir, quando foi as 9 fechamos a casa toda, ela foi para o quarto, armei a minha rede e em seguinda ela chega sá de camisola dizendo deixa eu dormir com vc, tenho medo de domir sozinha, a pica já estava laterjando, ela deita na minha rede e ficamos nos amassos, ela gozava tanto que chegou a molhar a rede, havia uma mesa na quarto que para agente estudava, não guentei pego uma toalha ponha na mesa e deitu-a com as pernas para cima e me ponho no meio que a pica ficava na altura de xoxota e cuzinho, fiquei mamando nos beitinho durinho, a terzão era tamanha que ela estava tendo orgosmo sem parar e dizendo é gostoso, gostoso vc vai sentir quando eu colocar a pica dentro dessa bucetinha toda melada, fiquei pincelando da buceta e cú, cada pincelada que dava ela se tremia, saluçava e disse, bota logo eu para sentir, encontei na furicá que de tanto pincelar estava relachado e tocando siririca, ela xigava,urrava,quando eu disse agora vc é que vai empurrar a bunda para trás, a cabeça da pica foi entrando que ela deu um grito, deixei ela se acustumar e fiquei fazendo um vai e vem gostoso, não aguentei, quando ela disse ponha na bucetinha que quero perder a veriginilada com vc, pq o cuzinho vc já furor, não aguentei tirei do cuzinho e gozei emcima dela, depois nos lambuzamos, desconsamos e famos tomar banho, como no banheiro tinha um tanque, sentei na borda e nos encaxamos na posição de X com o cacete no meio e ela abria a xoxota e abarçava o cacete na tronco subindo até a cabeça ficando num sobe e desce parando na buceta que entrou imedatamente ela deu um urro e disse agora estou compenta fudida cu e buceta. Depois eu quero mais, e dai para frente agente fudia 3 vezes por semana, sempre indo para a praia.

Bom caros leitores deixem a sua nota que o careca agradece

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de incestos detei de conchinha fiquei de pau durocontos eróticos a crente peituda de vestido levequadrnhos eroticosnao queria mas fui obrigado a foder a novinha contosFui Comida pelos colegas do colegios contosporno fui estudar na casa da prima gostosa e ela dise que ia ter aula de fideconto vesti as roupas da minha madrasta e ela me fagroucontos eroticosda secretaria viciou a dar o cu para o patraotomando banho de rio com titio contos gaycontos eroticos traindo marido na Sala ao ladoconto erotico com gordinhameu namorado me castigou conto eroticocontos de cú de irmà da igrejaconto sobrinha curiosacontos eróticos casadawww.conto erotico de novinha que na infansa foi comida pele um negao conhesido aluninha dando cuzinho virgem para o professor pirocudo contos eroticosconto gay primos no sitiocontos de noiva putinha corninho safado titío caralhudo noiva putinhageovana tira a calcinha e da a bucetaContos eroticos com faxineiraconto erotico eu minha esposa e uma garota de programaSubrinha sapeka adora usa ropinha provokante para da para mimxvidio preza na ilhame depilei pro carnaval contoswww.contos eroticos de tias soteironas com sobrinhos.comcontos eróticos mulheres casadas greluda que gosta de meninas virgemvem me comer me esfolar porr conto porno conto meu primeiroamorcontos eróticos de viúvasvideo pono pequano aprima do midocontos erótico ele derrubou com a esposa junto"Deflorada pelo titio parte i"cache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html contos tia marta rabao e margaidadepilando o sobrinho pau durocontos eróticos com bucetas grandescontos eroticos a forcameu sobrinho gordinho e gay tetudoContos erroticos de prinos e prinas sexo o mineirinho que me cativou 2Contos eroticos: calcinha com freadas de cuconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arromboupadrinho cuida da afilhada contos eróticoscontos minha mulher com um dotado mi fez chupa eleContos Eróticos tamanho do pau de Meu sobrinho Na Praia De Nudismovídeo pornô com travesti travesti transando com a outra por amor todinho raiva da outravideo pono pequano aprima do midoContos bucetinhas religiosascontos de incestos na madrugada ele se encaixou em mimconto erotico bundinha de garotocontos eroticos, dei a buceta no barcontos casado se vestiu de mulher e cgupou seu cunhadoa minha mulher Ela foi arrombada pelo negão como chega eu sentir coisa diferente dentro delacomendoagatinhada farmáciacontos enrrabandominha irma b3m gostosometendo com a tininhavou gozar na frente não contoconto erotico comendo esposa e sogratravesti Juliana de primo metendocontos eeroticos peguei minha sogra no flagraconto peguei putinha van escolarconto flagrei minha mãe dando para um bem dotadocontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscasada resebe proposta indecente contocontos de casadas o negro desconhecido me arrombouquando era pequena mamava na pica do meu tioconto erotico minha esposa com o pateaomenina vizinha pau bucett conto relatoMeu primo caralhudo fodeu os meus cabacinhosContos eroticos de podolatria chupando pes de primas brincando com os pesContos erotico amigas devendoos fritones dando o cumarido chupa seios quando está nervosocontos eróticos sentindo dorcontos eróticos, cuzinhoconto erotico homem andando fay de cueca pela.casahttp://tennis-zelenograd.ru/conto_9686_resolvendo-um-teen.htmlSodomizada no incesto contosconto casadaContos filha de 7 com papaicontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaela me endinou a roçar grelo com gtelo/contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacunhadavidioporno