Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPIANDO A CUNHADA

Click to Download this video!

Espiando a cunhada.

Olá, o conto que vou contar aconteceu no ano de 2008.

Me chamo Rafa, tinha 19 anos e namorava à 3 anos com Gabi, ela tem 1,65m é loirinha, magrinha tem uma barriguinha bem lisa, seios pequenos, bem branquinha.. uma verdadeira patricinha. Acontece que a Gabi, na época com 19 anos tem uma irmã, seu nome é Adriane.

Adri é tem minha idade, uma moreninha linda. Corpo muito maneiro, magra 1,55m seios grandes, em comparação ao corpo. Bundinha malhada, toda compacta, pena que namorava também com Felipe, esses maluquinhos estilo Pitboy, sá que bobão.

Sempre que dormia na casa de Gabi imagina como minha cunhadinha no quarto ao lado estava dormindo. Todas as vezes que saia do quarto via que estava tendo atividades no quarto dela, as vezes quando Felipe estava dormindo lá, as vezes não. Começei uma “caçada”, decidi que enquanto não visse minha cunhada nua, não ia parar de tentar espiá-la.

Comecei a pensar em várias formas para conseguir a minha façanha, começei espiando, sempre quando dava, pela fechadura do quarto, mas era sempre a mesma histária: Eu espiando, e ela no computador, dava pra ver perfeitamente, ela sentada e a tela do computador, Orkut, MSN, FOTOS e mais FOTOS e absolutamente nada.

Resolvi apelar, pensei em comprar cameras, essas de caneta, gravatas, borrachas, e colocar no quarto, colocar no banheiro e em outros lugares. Fiquei abismado com o preço dessas coisas, achei melhor testar com o meu celular. Esperei ele entrar no banho, peguei meu celular e enrrolei em uma camisa, deixando sá a lente da câmera pra fora, Coloquei em cima da estante dela de forma que ela não percebesse. Morrendo de medo, se fosse pego, com certeza meu namoro acabava, mas meu tesão era enorme.

Assim que ela saiu do banho, passou de toalha pelo corredor e se trancou no quarto. Gabi levantou-se e foi arrumar umas roupas que estavão no seu quarto, rapidamente verifiquei se meu sogro e minha sogra não estavão por perto e fui verificar pela fechadura.

Botei o olho na fechadura e de cara vi pela primeira vez a bundinha peladinha da minha cunha, que coisa mais linda! Moreinha, com marquinha de sol, me esforcei muito para ver a sua bucetinha por trás mas não consegui, mesmo assim já era um avanço, e como ela estava de frente pra camera pensei que o video ia ser muito produtivo.

Ela deixou o quarto para ir estende a toalha e rapidamente entrei para pegar meu celular. Voltei para a sala e fiz uma pré-vizualização do filme, disfarçando para que Gabi não percebesse nada. Já de cara percebi que a qualidade ficou péssima, mas já era alguma coisa. Meu tesão pelo corpo de minha cunhada era demais. Não aguentando mais dei um “S” em Gabi e disse que ia dormir em casa, queria me acabar na punheta.

Fui pra casa e descarreguei o video no meu PC. Assim que abri, adiantei um pouco até o ponto em que ela entrou no quarto. Na hora meu pau endureceu. Ela começou, virou de costas pra câmera, abaixou a toalha e vi sua bundinha denovo, meu celular não é nenhum sony ericsson mas tem uma cam mt boa, deu pra ver mt bem seu corpo inteiro de costas, nesse momento eu ainda não tinha chegado até a porta, dei mole, ela estava virada de frente pra ondeu eu à espiava.

Foi quando o momento mais esperado aconteceu, ela se virou, e pela primeira vez, eu vi seus seios, eram lindos, grandes e redondos, bicos rosinhas, muito delicada, muito linda, ela era bem particinha, começou a passar creme no corpo inteiro, bem lentamente, como se soubesse que estava sendo filmada. A danada era tão sortuda que ficou com a toalha sobre os joelhos exatamente tampando seu “bem” mais preciso. Não faz mau. Já tinha pegado o jeito, sabia que dali pra frente era sá alegria. Continuei me deliciando vendo ela acariciar os seus seios e junta-los como se estivesse ensaiando uma espanhola, via em sua cara um sorriso bem sacana. Foi quando tudo acabou...

Espero que gostem, como podem ver não há nada de impossivel, realmente aconteceu, e aconteceu mais.. muito mais..

Vou continuar contando pra vocês.

Para as meninas que quiserem saber mais.. entrem em contato.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Home poi mulhe prachora na picaContos eroticos mae inociando filho novinho conto realcontos eroticos: me incentivou a usar calcinhas minusculasconto mulher do amigocontos eroticos virei putaconto esposa sarrando no forróTennis zelenograd contocontos eróticos filho olhando debaixo da saia da mãehttp://googleweblight.com/i?u=http://tennis-zelenograd.ru/conto_27758_tudo-comecou-no-colo-pra-me-ter-no-colo-do-p....html&grqid=FXxSLOdv&s=1&hl=pt-BRcontos hentaicomi minha finhinharelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasContos eroticos de amigos q fuderam as amigasContos eroticos de podolatria com foto desejando tira as meias dos pes de primas pra chuparcontos eroticos gozando no cu da coroacontos anal com pau animalescocontos eroticos filha da minha namoradaTennis zelenograd contocotos erotocos piscina casadacontos erotico baba casada chantageada por meninovideos de cornos que chuupamO dinha que comi o cu da minhA mae bebAda contos,contos erotico viciadinha em chupa picacontos eróticos fui arrombada pelo começocontos eroticos enchi minha filhinha de porraconto ladroes enrabaram meu marido eu gosteibianca casada dando a bunda ea buceta contos eroticosMe comeram ao lado do meu namoradoconto erotico perdi calcinhaokinawa-ufa.ru chantageadacontos filha peituda provoca seu pai de baby doll ele fudeu elacontos eroticos enchi a boca da ninfetinha de porraporno comendo a buceta da gostosa emsima dos retalhosconto comi minha mae quando tinha dez anosconto eróticos c afilhadaconto erotico a primeira vez com.pirocudo. gay.Contos eroticos gosto que minhas tetas estejam vermelhas de tanto macho chupandomeu corpo que era devastado pelo seu pau ainda duro contos eróticos conto ele me convenceu a da meu cuzinhoarrombado cu de subrinha contotransei com a mukher do meu pai contoconto crente bunda desproporcionalConto erticos menina sendo estrupada pelo pai no matocontos eroticos gay meu dono brutalcontos sou amante do meu genrocontos eroticos chantagiei meu padrastoConto erotico chorei com o cacete do cavalopornoido colega de aulacontos encostei no onibuscontos de incesto fui adotad a para ser escrava sexualcontos eroticos violenciao home infinando a rola na bumda da moletarado asalta apart amarra mulher sexoContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindoContos de mãe que adora ver sua filha casada, trepando com seu genroconto erotico real eu meu tinha comemos minha tiacontos pelado d4 pr macho no matocontos eróticos eu com meu 30cm comen minha prima no sofá de casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaContos erotico zooo japonezaconto erótico meu vizinho viúvocontos eróticos crente encoxada pelo filhoele parece com viadinho pastor Contos eróticoscontos eroticos fio dendal da esposa com tesaoconto erotico de gravida com consolocontos marido me come dormindopeguei minja mae e irma de calcinha contosfui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoquadrinhos pornos de patrao dominadorcontos eroticos peguei minha cunhada dormindopassou ky no pau e empurou no cu delaConto eritico cunhada safada peituda veiaConto erotico marido com duas mulhereseu minha amiga e meu namorado contos eroticospeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha excontos eroticos minha mulher me mandou pra farraConto eroticos sogra selmacontos reais eroticos na formatura casaisconto erotico chupei o pinto do meu paicontos eroticos um negro me arrombandoconto erótico maltrato minha mãeCasada viajando contosseios tezudos de gravida fotoTudo q uma puta deve fazer na camacontos de velhos mamando seios bicudoscontos eroticos meniniha do tioContos porno seduzi meu netominha tia perguntou se eu tava de pau duro - contos eroticosconto erotico no hospital