Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MAIS COM MEU TIO

Click to this video!

Olá. Primeiramente agradeço pelo número de visitas e votos no meu conto anterior "O filme foi o começo de tudo... Tudo mesmo.". Como prometi, estou aqui pra contar mais sobre a minha vida com o meu tio. Pra quem ainda não leu, recomendo a leitura do meu conto anterior para depois voltar a este.



Agora quase todo dia eu mamava na pica do meu tio e tomava todo o seu leitinho. Alguns meses se passaram e eu fui ficando mais tarado por aquela pica gostosa. não via mais a hora do meu tio chegar do trabalho pra tirar sua roupa e mamar naquele caralho. Estava viciado. Em um dia "comum" desses, meu tio chega em casa e como sempre eu estou na porta lhe esperando. Comecei a tirar a sua calça quando ele me pediu pra ter calma.



- calma branquinho, hoje você vai aprender uma coisa nova. Tira a sua roupa e deita na cama que o tio quer te fazer uma surpresa.

Fui correndo pro quarto do meu tio, tirei a roupa e deitei na cama pra esperar "a surpresa". Estava virado pra cima, imaginando mil coisas, mil formas de chupar aquele pau gostoso quando meu tio chega no quarto e diz:



-vira com a bundinha pra cima, vai! O tio vai te dar a surpresa.



Virei de bruços e meu tio chegou perto de mim. Senti sua barba na minha bundinha e foi descendo até chegar no meu reguinho. Comecei a ficar mei chateado, afinal, onde estava a minha surpresa? Estava perdido em pensamentos quando sinto uma coisa muito gostosa no meu cuzinho. Virei pra ver o que era e o meu tio tava lambendo o meu buraquinho. Estava muito gosto. Comecei a gemer e chegar minha bunda pra traz. Queria aquela lingua toda no meu cuzinho. Estava ficando louco de tezão e meu pauzinho já estava durinho. Depois de quase meia hora brincando com a lingua no meu cu, meu tio parou e tirou uma bisnaga de pomada da mochila. Não sabia o que era. Senti meu tio passar aquela pomada com o dedo no meu buraquinho e começou a forçar a entrada. no começo estava doendo.



-ai tio. o que você ta fazendo?

-relaxa porra! espera que você vai ver!



Uma dorzinha não muito forte, mas muito incomoda. Senti quando o seu dedo entrou, estava explorando meu cuzinho que por sua vez, piscava com o movimento do dedo. Agora seu dedo entrava e saia de dentro de mim sem muita resistência. Eu estava me acostumando. Senti uma pressão mais forte e depois mais forte ainda. Meu tio ja estava metendo 3 dedos dentro de mim. Eu não sabia onde aquilo ia parar. depois eu fui saber que aquela bisnaga de pomada era um analgésico tápico. Meu tio tirou os dedos de dentro de mim.

- Vem branquinho, agora chupa essa rola.



Nossa. Era tudo o que eu queria ouvir. Comecei a chupar como um bezerro desmamado. Chupava, lambia e babava naquela pica.



- Pronto, deita na cama que eu quero te dar carinho.

- ta bom tio.



Deitei na cama e começamos a nos beijar. Em determinada hora, meu tio me virou de lado e começou a roçar a pica no meu reguinho. ja estava todo melado com pomada e o liquidozinho que saia do pau do meu tio. Senti denovo aquela pressão no meu cuzinho. Meu tio estava tentando meter a pica em mim e eu não sabia o que fazer.



- shh... isso Miguelzinho, deixa o tio te dar pica. Você quer a pica do tio quer? Diz pra mim viadinho do titio.

- quero tio mas vai devagar. Ta doendo um pouco.

- é? vai doer muito mais.



Nesse momento, sua piroca entrou toda de uma vez sá dentro de mim. Gritei de dor e comecei a chorar. Meu tio me acalmava:



-calma meu branquinho. já já passa a dor e vai ficar muito gostoso.

- ai tio. ta doendo. para tio. paraaa...

- vai aprender a ser macho moleque. Hoje eu vou te ensinar todos os prazeres de sentir uma rola no rabinho.



começou a bombar na minha bunda... depois de alguns minutos, a dor foi virando prazer. Comecei a rebolar naquela pica. Estava adorando. Em certo momento, ja não sentia dor.



-Tá gostando meu branquinho? Quer que eu pare?

-Não tio. Continua. Ta bom.

_humm.. ta gostando né moleque? Sabia que você ia gostar da rola do seu tio dentro de você. Rebola pro tio vai. Rebola meu viadinho. Vc quer sentir o leitinho do tio dentro de você quer?

- quero tio.

- então moleque. Eu vou gozar. Vou gozaaaar... Ahhhh..



Senti seu pau latejando no meu cuzinho. Nossa, parecia que tinham litros e litros de porra dentro do meu rabinho. Meu tio ficou dentro de mim até seu pau amolecer e sair sozinho. Depois ele levantou e ficou de pe em cima da cama e começou a mijar em cima de mim. No começo achei estranho mas nem me movia. Sá fechava os olhos e sentia aquele jato quente direto no meu rosto. Meu tio deitou novamente e me beijou. Ficamos nos beijando na cama encharcada de mijo. Ainda meteu mais o dedo dentro do meu cu e ficou tirando e botando até eu sentir vontade de urinar. Pedi pra ele para por que eu queria ir no banheiro.



- espera tio. quero ir no banheiro.

- vai ficar ai quieto. Sente o seu tio aki.

- tio eu querio mijar.

-mija ae mesmo. a cama ja ta toda mijada.



E continuou metendo e tirando o dedo em mim, cada vez mais rapido, cada vez mais forte até que eu não aguentei e senti me mijando todo. Quando olhei pra ver, não tinha saido nada. Depois meu tio explicou que se tratava do meu primeiro orgasmo. Fiquei muito feliz. Queria ver saindo leitinho do meu pau tambem. Depois meu tio me abraçou e ficou fazendo carinho na minha cabeça até eu dormir. Acordei com ele pedindo pra eu tomar banho e sair da cama pra ele colocar o lençol pra lavar.



Esse foi o segundo de muitos outros contos que estão por vir sobre as minha vida com o meu tio. Espero vcs na proxima e não esqueçam de votar.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha primeira punhetaconto etotico minha esposa fudendo com meu pai e meu irmaocontos lu casadacomo enraba uma colega. de trabalhoconto erotico dando minha bucetinha pro enfeemeiro da minha amigapenis torture alargando a uretratava de sunga gozada no clube contosconto erotico com a diretora da escolasó um pouquinho contos contos eróticos eu dormindo senti uma coisa lisa entrando nu meu cucontos casadas malandrasdando bobeira de baby doll em dentro de casacontos comi uma cabritinhaFui enrabada bem gostoso na festacontos eroticos fudendo garotos hetesexualConto erotico tia 60ano safadacontos minha cunhada de shortinhos bem curtinhoconto sexo de madrasta fazendo fio terra no entiadocontos arregacamos minha esposacontos esposa bi sexual marido sortudoconto etotico eu fedidinhacontos eróticos eposa e amigocontos gay cu arrombadominha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoseu pratico incesto e zoofilia desde pequenaconto gay cinema pornô Recifecache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html contos de gay sendo humilhado pelos pauzudocontos eroticos comendo o cuzinho da minha esposaOlá , meu nome é Tati sou morena , alta , magra , pois bem , vamos ao contocastigo boquete contosContos eróticos tia deixa sobrinho gozar na bucetaquero ouvir o funk mais soltinho bem curtinho cunhadocomi o cuzinho do vizinho novinho contos heroicosCenoura com camisinha na prostata contosainda havia dor mamilo grande e pontudo vídeo pornôconto - bundinha durinha , cuzinhoapertadocontos sou fudedeiracrossdresser conto eroticoContos eroticos-Virei pridioneira lesbicacontos adoro ser cornoConto erotico meu cachorro taradohistorias olha bunda grande da titia coroa safada passa mao  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  contos eroticos minha cona e cu gosta de piça ggpornoc/japonesasetravestiscontos bi minha tia me pegou dando pra o meu tioDesvirginando a subrinha de 18 anosjoana meu sogro comeu cucontos levei uma rolada do meu filhocontos eroticos sou casada mas adoro pica de cavalospau de jegue arrombando minha filhinha contosvideo como eragotosade verdade o que injetam ou introduzem para aumenta bumbum e seiosvi minha tia nua contosComi a cadeirante casada contosContos eróticos cumendo minha mãegostosas com mini calsinha saindo o beisinho da buseta de ladacontos eroticos gay fui buscar uma pipa em uma construçao e os karas me comeramconto gay o negao comeu meu cucomtos bdsm de empregadaminhasobrinhae sua amigacontosvideo de mulher transando no atelier delacontos eroticos meu marido me vendeu no bingoenfiando a perna da capeira na bucetaconto erotico tia de fio dentalconto de incesto de pastor estrupadocontos eroticos maduras eu e minha amiga levamos no cu a mesma piça Contos porno fui sodomizada por castigocomia mae contosdesabafo sou casada trai meu marido com eletricistacontos eroticos gemi no cacete do marido da minja amigacontos eróticos de vibradorfrases minha amante usa fio dentalandrossi Comi o c* da afilhada dormindo bêbada pornô pau bem grande no c* dela e ela nem sentepapa fode a filha com sai posta e mae nao ve porno.comcontos eroticos homem chupando pau pau sujo e bebendo mijochupei mas nao dei que pena contosler contos pornos eletrecista mi comeo no hotelconto erotico minha mim deixado de castigoDESDE GAROTINHA GOSTAVA DE SENTAR NO COLO DELES CONTOShistorias excitantes esposa adora chupar buceta da outra pro marido vercontos a mulher casada aiiiiiiiiiiii meu cuuu ai vou fala para meu maridoFeirao big foto penetrando no cuzinhoporno contosesposa deu cu estranhocuzinho da zildaMinha mulher viu o pau do menino - contoscontos eróticos dopando meu sobrinho gay dormindominha novinha tarada contocontos eróticos gays irmãosbuceta toda vabiada pornomulher de amigo sexo contoscontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadaarrumei um carA pra me comer contosso punhetinha contoschupando rola ate goza e dando a bucetacontos eroticospirulito do titio contos inocentecontos de menininhas sentando no colo de homenseu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incesto