Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA FILHA – MINHA TESUDINHA

Click to this video!

Minha filha – minha tesudinha

Meu nome é José, tenho 45 anos, e fui abandonado por minha mulher, deixando comigo nossa filha de 19 anos. Minha esposa simplesmente um dia arrumou suas coisas, deixou um bilhete para mim e uma cartinha explicativa para nossa filha e foi embora.

De inicio fiquei meio sem rumo, pois como tínhamos uma relação aberta, não esperava nunca que ela tomasse esta decisão sem ao menos falar o motivo. Mais a vida corre e eu logo estava pronto para um novo relacionamento... sá não esperava que fosse do jeito que foi... mais aconteceu e de verdade gostamos muito que tivesse acontecido.

Mais vamos aos fatos.

Três meses depois de minha mulher ter ido embora, e já refeito do susto, eu e minha filha continuávamos com nossa vida normalmente, sá que agora ela era a minha companhia para todos os lugares e eu era sua companhia. Íamos juntos ao shopping, ao cinema, passeávamos pela cidade de mãos dadas, e íamos a praia.

Ela sempre foi uma menina avançada para sua pouca idade, talvez pela relação aberta que tínhamos em casa, ela adorava se vestir bem, e eu notava que ela adorava ser admirada, aquilo proporcionava a ela sinais de satisfação e eu brincava muito com isso, dizendo que eu acabaria com ciúmes dos outros homens e até mesmo algumas mulheres lhe olharem com olhares de esfomeados, e ela sorria, e dizia para mim, quem mandou eu ter colocado no mundo uma filhinha gostosinha.

Em casa, bem em casa era um sufoco, pois como tínhamos uma relação aberta, andávamos sempre quase que desnudos, e isso as vezes provocava situações engraçadas e divertidas.

Uma vez, já tarde da noite, estava na sala vendo um filme de minha esposa fudendo com dois amigos nossos, quando ela entra vagarosamente na sala e parou na ponta do sofá e me diz que sua mãe era uma potranca mesmo, como ela adorava sexo... eu a olhei, tentei desligar o vídeo, mais ela pediu que eu deixasse, pois como ela sabia que eu e sua mãe tínhamos uma relação super aberta, ela sempre teve curiosidade em ver sua mãe em ação, deixei então o vídeo correr e bati na ponta do sofá para que ela viesse sentar a meu lado. Ela veio, e notei então que ela estava de camisetinha e uma calcinha super pequenina, que praticamente lhe deixava os lábios vaginais expostos... a reação foi quase que imediata, e ela sentou-se então em meu colo e rindo falou que eu estava cheio de tesão em ver sua mamãe fudendo... ela aconchegou-se em meu colo, e eu de caceta completamente dura, sentindo o calor da bundinha de minha filhinha, procurei levar meus pensamentos para outras coisas, mais teve uma cena na tela, em que minha ex mulher engolia a caceta de um de nossos amigos inteirinha na boca, e senti quando ela engoliu em seco, e logo a seguir aparece na tela a cara de sua mãe com a boca cheia de porra, dizendo baixinho e com tesão, que a melhor bebida do mundo era leitinho de pica... ela então sai de meu colo, se deita no sofá e virando a cabecinha em direção a minha caceta, diz baixinho, paizinho, fica quietinho... eu quero te provar todo... naquele momento eu já não raciocinava direito, eu sá via aquele corpinho tesudo esticado no sofá, aquela bundinha redondinha, linda, prontinha para ganhar vara... e com estes pensamentos, puxei minha caceta de dentro da cueca e falei para ela, pode provar, o paizinho é todo seu... mas amanhã não se arrependa de ter provado o paizinho... ela levantou o corpo, sua boca ficou na altura de minha boca, me beijou tesudamente e disse... paizinho, tudo que fizermos, foi porque eu quiz fazer... e eu te amo muito para deixar escapar esta chance... beijamos-nos apaixonadamente e ela com sua mãozinha já segurando minha caceta, levou-o até seus lábios, engolindo-o vagarosamente... enquanto na tela da TV aparecia sua mãe dizendo que adorava mamar uma caceta e beber todo o leitinho... e ai ela me chupou divinamente, fazendo questão de tentar me engolir como sua mãe fazia na tela... levantei do sofá, desliguei a TV e falei que não queria que ela copiasse sua mãe, queria que ela aprendesse da forma que eu iria lhe ensinar... tirei o restante de minha roupa e a dela também, deixando-a nuazinha encima do sofá.

Ajeitei-me e dei em sua boquinha minha caceta, mandando que ela chupasse do jeito que quisesse e que eu iria comandando sua fome e sede.

Ficamos no sofá da sala ainda por uma duas horas, onde gozei gostoso na boquinha dela por duas vezes, sendo que na primeira vez ela não conseguiu engolir o leitinho pois lhe deu ânsias de vomito, mais ela pediu mais, queria chupar mais e queria se redimir daquilo que ela chamou de vexame da filhinha para com o papai, e ela então mais uma vez começou a me chupar... e desta vez ela engoliu tudinho sem derramar uma gotinha para fora da boquinha.

Devo dizer que nesta duas horas em que ficamos no sofá da sala, com ela me chupando, ela também foi devidamente chupada, e gozou gostoso em minha boca e pude constatar que a minha pequenina ainda era virgem, sua xotinha e seu cuzinho eram virgenszinhos e ainda não haviam conhecido o prazer que a vida nos reserva.

Deste dia em diante passamos a ser o casalzinho de namorados que se amam e querem estar sempre pertos um do outro, e devo dizer que deixei correr quase três meses para que eu então tirasse o primeiro cabacinho de minha filhota... e o primeiro cabacinho a ir embora foi daquele cuzinho lindo e saboroso... mais isso é outra historia que eu lhes contarei... hoje somos felizes... e bendita a hora em que minha ex-esposa foi embora e deixou comigo o meu tesouro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorver rapasea novos grizalhos pelados de pau durochantageei e comi a secretariameu bundao ta seduzindo meu filho contoscontos eroticos corno bebe leitecontos cuidando da minha irma casadame seguraram e um jegue me arregaçou contos eróticosconto de quarentona a fuder com desconhecidoeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoContos virei a puta dos oito negros picudoscontos eróticos de traição de casadas testemunhas de Jeováquero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhocontos eroticos currada garganta profundaMeu marido comeu a minha filhafui fazer uma vizita e perdi as pregas video pornovizinho tezudocontos eroticos comi minha prima no rodeiodois gay fudendo violentamentw/entre simulheres casadas morenas claras 45 a 55 anos traindo com negaocontos eróticos com velhavi ele comer ela/contoContos erroticos com fotos eu e minha loirinha e um negro 32cm parte 2sou corno choquei.conto eroticocontos porno traca troca amiguinhocomtos eróticos de fazemdeira com animalcontos dei para meu cunhadinho novinhominha tia esfregou/a/bunda/dee/vestido/no.meu/pau.Contos minha irmã e minha putaPorno tentei dar meu cu depois de casado contospirulito do titio contos inocenteconto irma dormindocontos de mototaxista e gayvou começar com Vanessa bucetaconto gay camisolinhacasadasna zoofiiliaContos eróticos enteada larissa viajarhttp://okinawa-ufa.ru/conto_24058_eu-e-minha-madrinha.htmlconto erotico emprestando a noivaContos eroticos no onibuscontos porno sou puta dos meus cachorrossafada da internet contocontos eroticos padresconto de moçinhas inocentestereza okinawa pornoconto coroa n**** pediu gay namoroPutinha desde a puberdade contos eroticoscontos eróticos da casa dos contos com histórias traição as fazendeira casada safadavideos de cornos que chuupamcontos genrohistorias eroticas vovo come menima cuzofilia devuaetavideo porno mulher dando primeira vez na frente do marido casa de cuingue curitibacontos eroticos troca de casais entre cunhadosesposa seria se bronzeando em casa contomeu marido viajou peguei o carro paguei travesti contosbundinha com calcinha sensual da virgemwww.contos comendo a tia de sainha curtapai gosano dentro da eintiada. ela gritacontos eroticos de mulher traindo o esposo com o montador de moveisconto erótico sentada melcontos eroticos elizandraContos eróticos chupei muito e fiquei louco pela bucetinha da sobrinha novinha novinha da minha esposacasa dos contos de mae fudendo filho e filhafode a mulher do irmao para provar que ela é uma putamenina na punheta contosme depilei pro carnaval contoscontos minha enteada minha amantecilindro meloso gostosocontos de relatado por mulher de corno e viadoconto erotico emprestando a noivadei minha buceta para os amigo do meu filho contos erotico