Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENRABADO PELAS TRAVESTIS DE FLORIANOPOLIS

Click to this video!

Moro no RJ e sempre viajo a trabalho. Vou contar o q aconteceu comigo em uma viagem para Florianápolis, onde conheci duas travestis maravilhosas.

Tenho tara por mulher, mas uma boneca me tira do sério. Sempre viajo a trabalho para varias cidades. Já fui pra SP, BH, Vitária, Recife, Campinas, Curitiba, P. Alegre e em todas elas dava um jeito e pegava uma boneca local. Iria para Floripa na primeira semana de outubro, mas como estava com uma grana extra resolvi viajar na sexta dia 02 para aproveitar melhor. Na sexta não fiz nada, no sábado de manhã já tinha um futebolzinho com o pessoal da empresa. Acordei e fui pro clube, cheguei, reencontrei o pessoal e começamos a jogar. Depois do jogo como de costume churrasco e cerveja. Bebemos até umas 19hs, estava bem alto e fui tomar um banho pra ver se melhorava, quando bebo fico com uma excitação a mais, no meio do banho comecei a passar sabão no cu e não demorou pra dois dedos entrarem. Me punhetava com uma mão e com a outra dedilhava o cú. Estava quase gozando quando alguém entrou no banheiro e tive que parar pois as laterais do box eram meio transparentes. Fiquei com um puta tesão mas tive q sair. Peguei uma carona e fui pro hotel como já tinha dado uma pesquisada na internet em sites de travestis, sabia onde elas ficavam. Umas 22:00hs sai e fui dar uma volta. Meu hotel não era muito longe e ficou fácil de encontrar. Cheguei na avenida e dei uma primeira volta a pé. Realmente eram muitas bonecas. Algumas passavam por mulher mole-mole. Parei em um barzinho pra apreciar com calma. Foi ai que começou minha aventura. Entrou uma boneca linda, corpo bem feito, cabelo loiro, estava vestida bem discreta. Foi ao banheiro, fiquei secando e ela percebeu. Me posicionei na porta pra tentar alguma coisa na saída. Quando ela saiu do bar fiquei acompanhando e ela deu uma olhada pra trás. Pensei é a senha, fui atrás e ela se virou novamente parando práximo a uma banca de jornal. Cheguei perto e nos apresentamos, seu nome era Joyce, perguntou de qual cidade eu era pois o sotaque não era dali. Disse que era do RJ e ela ficou empolgada, dizendo q os cariocas são bem safados. Rolou uma química legal e em pouco tempo já estávamos nos beijando, ela tinha uma boca doce e um hálito gostoso. Ela apertou meu pau por cima da calça e disse q queria senti-lo na boca. Fomos pra um hotelzinho práximo e no quarto a coisa esquentou de vez. Ela se ajoelhou na minha frente e começou um boquete molhado e quente. Enquanto me mamava ia tirando minha roupa até eu ficar totalmente pelado. Ela olhou pra mim e perguntou se eu conseguiria fazer o mesmo com ela. Sem pensar muito me ajoelhei na frente dela e fiz o mesmo ritual. Sua pica não era grande e nem muito grossa, mas era perfeita pra mamar, em pouco tempo ela já estava pelada e eu continuei mamando. Ela segurava minha cabeça e socava rola na minha boca. Ela me puxou pra cima da cama e ficou por cima de mim, como se fossemos namorados. Ela se virou e começamos um 69. Não aguentando mais pedi pra come-la. Botei a camisinha e soquei nela de 4. Foi rápido e em pouco tempo gozava. Ela disse que queria gozar, deu uma olhada no relágio e falou q poderíamos dar outra. Disse q estava um pouco cansado e que ficaria pra práxima. Ela começou a se punhetar, eu pra não deixá-la na mão, fui mamar seus peitos. Ela acelerou a punheta e gozou em cima da barriga, passei a mão na porra dela e espalhei pelo sua barriga e peitos. Fomos tomar um banho juntos e ela tentou enfiar o dedo no meu cu, mas disse q não daria, pois como tinha vindo direto de um churrasco, poderia acontecer alguma surpresa. Ela deu uma risada e fomos embora. Saímos juntos do hotel e fomos conversando banalidades. Paramos em uma carrocinha de cachorro quente e lanchamos. Falei que ficaria na cidade naquela semana. Ela gostou e disse que poderíamos nos ver outros dias, disse que alguns dias sim, mas todos não pois ia ficar muito caro. Naquele programa gastei 60,00 dela mais 30,00 do hotel. Se fosse sair com ela todo dia gastaria uns 600,00. Ela disse pra eu aparecer antes de ir embora pois tinha gostado muito da transa. Sabia que ela queria era dinheiro e tentaria me arrancar algum de qualquer jeito. Nos despedimos e fui pro hotel.



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


inseseto commforcaDei meu cuzinho- conto ii relatospone encaxa tudo na morenacontos gays seu tiaocontos porno de zoofilia minha buceta cabeluda engoliu o pintao do cachorrocontos minha irma me chupou dormindoconto erotico dogContos mae da minha namorada perguntou me punhetotive que dar contos eróticosdando uns amasso na minha sublinha e acabei gozando nas pernas delacontos. minha irma casada é minha puta escravacontos eróticos sou casada e trai o marido com negão africanoContos eroticos esposa novinha com marido e amigo pintudoconssegui um cabacinho pro meu cunha do tira contocontos erotecos dei mel rabao pro mel felho toludocomo enraba uma colega. de trabalhonão sei como ela aguenta toda no cu e na boca está pica gigantea menina e o cachorro de rua contos de zoofiliaContos meu sogro arrombou minha bundamulheres casadas morenas claras 45 a 55 anos traindo com negaocontos incesto o cofrinho da mamaeContos eroticos/dp com a ninfetinhavídeos de********* pornô da mulher morena que tem os peito grande para batata chupa a goza na cara melada cara tôcontos esfrega buc gozada corninhocontos eroticos de vovoconto erotico gay cuzinho cagando piscando matoCasada dificuldades financeiras e velhos dotados contos eroticoscontos eróticos, minha esposa putaque enganaram e comeram meu cu sem pena contoscasa dos contos gay desgraçado arrombadorConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zoodou para o meu irmao contosContos de casadas inrrustidasvelhas gordas de 90kg nuaslinha na Rachinha contos eróticoscontoserotico loira fudendo com negaoconto travesti me enganoucasadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticoscontoseroticos primo transou com a prima e ela ficou gravidaContos eróticos fui cavalgar com meu marido e o cavalo me comeu zoofiliaPorno mobile boqueternocontos eroticos abuzei de minha irmazinha com ela dormindocontos erotico gay quando mim focarao a bebe leite de variosrecebe conto erotico de casais de mais de quarenta anos por emailzoofilia contos eroticos homem fudendo co éguas.brvídeos de porno primeira vez dando cu ela chora fico Duda ora tirando pau do cu fica porno a maupegando a amiga camila com rabao empinadofotos de loira sapeca abrindo as pernas a abrindo a xana rosarelato erotico marido traiescandalosa enrabada contosconto os peitos bicudos de maeconto erotico mamãe sentando no meu colo no carro lotadotravesti jhuly hillsconto erotico perdendo a virgidade com o porteirowww.contos de a primeira gozada no incestoDesvirginando a sobrinha de 18 anosContos de comadres lesbicasbaixa vidio caceta de travesti duronaconto de rasgei o cu de meu irmão fazendo ele chorapornodoido dona de casa chifra rapidinha cm amigoconto eróticos mana so de calcinhaconto sentei no pau do meu tio com dez anosEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticohomens q gosta d ve sua mulher com uns roludos novos contosurso tiozao roludo conto gayencostou a bunda e pediu picacomtos bdsmCONTOS ESPOSA CORNO ANDREAcontos de casadas que se entregam a outro homemconto erotico eu estava tao bebada que nao sei quem me comeu me encheu meu utero de leitecontos eroticos troca de casais entre cunhadoscasado chupa travesti contocontos fui acampa e virei corno