Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PAGANDO PELA CARONA

Click to this video!





Via aquela garota todos os dias nas aulas, nossa nem dava para prestar atenção na aula de introdução ao direito criminal.

Ela sempre ia linda, cheirosa, vestia sempre belos terninhos, eu mal a conhecia, eu era novo na faculdade, vinha transferido de outra. Naquela quinta ela estava especialmente linda, com uma saia preta, meias pretas, uma blusinha decotada, nossa como era decotada(rs), um salto bem alto que a deixava com as pernas ainda mais torneadas. Nossa!!! A Ariana tava incrível aquela noite, ela sentou um pouco atrás de mim na aula. Acidentalmente minha caneta caiu no meio da aula, quando me abaixei pra pegar tive uma bela visão da lingerie dela, preta, transparente e pelo visto minúscula. Ela percebeu que eu vi, olha pra mim bem nos olhos e deu aquele sorriso safado, me recompus e voltei a me sentar. Quando chegou o intervalo das aulas a galera e chamou pra ir ao bar com eles e eu recusei, ate que a Ariana disse com aquele tom de voz meigo e erático: - vamos... Você vai adorar! Não vai me fazer essa desfeita né Leo??

Não teve como resistir aqueles olhos amendoados e um pouco puxadinho. Fui!

No bar entre uma cerveja e outra ela não parou de se insinuar, em alguns momentos passava as mãos o decote, em outros falava no ouvido da amiga olhando para mim e sorrindo. A Ariana já um pouco alegrinha me perguntou se eu tinha carro, porque se eu tivesse iria me pedir uma carona, e eu respondi q tinha sim, mas perguntei onde ela morava e ela me falou o lugar pena que era totalmente fora de mão pra mim. E ela falou – olha, você acha que não vai valer a pena me dar uma carona? Garanto que você vai pedir para me levar todas as noites. Quando ela terminou de falar cruza as pernas de um modo que mostrou sua bala e minúscula calcinha. Entramos no meu carro coloquei minhas mãos nas coxas dela e fui beija-la, e ela recusou o beijo, olhou pra mim sorriu de um jeito safado, abriu meu zíper e disse: - não vou beija-lo agora, porque o q eu quero agora é sentir o gosto do seu pau na minha boca! E começou a me chupar com muita vontade, chupou uns 5 minutos seguidos, parou e me beijou... Eu estava doido de tesão, então ela me olhou e perguntou porque ainda não estávamos no motele levantou um pouco a saia, e, foi ate o motel esfregando a bucetinha e fazia questão de me mostrar os dedos lambuzados. Quando chegamos quarto do motel ela fez questão de exibis o belo corpo, tirou a blusinha e a saia, ficou sá de lingerie, meia 78 e salto. Como era gostosa, toda ninfetinha, deveria ter 1,60, cabelos negros ate os ombros, seios médios de mamilos cor de caramelo.

Apás dar umas voltinhas pra se exibir, a cachorra veio em minha direção, eu estava sentado, ela colocou o pé no meu peito me empurrando na cama.

Veio em cima de mim sentando com sua bela bucetinha na minha cara... virou a calcinha minúscula para o lado e me ordenou que a chupasse. Obedeci.

Toda melada ela rebolava na minha boca, forçava o corpo contra a minha boca, até q se levantou olhou pra mim beijou a minha boca, deu um tapa em meu rosto e sorriu. Posicionou-se em um delicioso 69, chupou deliciosamente meu pau que pulsava em sua boca. Enquanto ela me chupava e eu a chupava comecei a passar o dedo no seu cuzinho, que piscava de tesão, mas ela olhou pra mim riu e disse:

- Hoje você não vai ter o meu cuzinho... Talves na práxima carona. E sorriu a maldosa

Nos chupamos por mais algum tempo te que ela deixou eu retirar sua calcinha... sem calcinha ela veio se agachando no meu pau, nossa que bucetão guloso, ele subia e descia, ele subia ate deixar sá a cabeça do meu pau nela e depois sentava de uma vez com força.

De repente ela parou se abaixou beijou a minha boca e gozou. A sensação daquela buceta comprimindo meu pau foi maravilhosa.

Ela se levantou da cama foi ate o frigobar e se abaixou ficando de 4, expondo sua bunda deliciosa, não aguentei e a peguei de quatro, fodia sua bucetiinha toda melada e inchada.... metia com força, a safada sá sabia pedir mais, ela dizia:- me fode mais, com mais força, isso, assim, mais, mais....

Não aguentei e disse:- vou gozar.

Ela sá se virou de frente para mim e abocanhou meu pau e gozei em sua boca.... e a safada engoliu todo o liquido grosso e quente que saiu do meu pau.

Tomamos um banho e no banho eu quis mais, mas elas disse que embora estivesse morrendo de vontade, ficaria para a carona do dia seguinte e que ela tinha horário pra chegar em casa.

No caminho para a casa dela ainda ganhei mais uma bela chupada...

No dia seguinte estava ela deliciosícima e já ao chegar na sala disse:

- Não esquece a minha carona hein... e hoje não tenho horário pra chegar em casa.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto menininha sentou no meu pauContos erotico zooo japonezaContos eróticos puta submissa incestopodendo com a sograContos eroticos fui comido na locadora d videos pela travesti pauzudacontos tentei dar mas a buceta nao aguentoucontos insesto comi minha irma e mae duas gostosas com fotosfotos.e.contos.de.homem.cazado.que.ama.chetar.pau.pintonovinha.da.favela.com.amiga.olhando.homem.tocar.punhetacontos. chupou pela primeira vez um machotravesti bombom contos eróticosas gostosas passando bronzeador no seu corpinho nadacuzinho de entiada contos veridicocontos de marido bonzinhos Contos eroticos gays o consolo de borracha no cu do meu paiContos eroticos menininharelato de mae dando a buceta para o filhobaixinha bronzeada transando com homem fortaoContos eroticos fui corno na festaContos erotico me exibi pro taxistacontos eroticos cegaContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposacontos encesto na praia de nudismomeu lobo gostosodeixa eu ver seu peitinho contoshomem de calcinha enrabadofofinha putaria goiania contoscontos abusadas em grupodei o cu bem gostosoSexo anal "nunca mais fui a mesma"Conto gay com cantoconto de encesto filho vetido de noivinhaO que e aclauzaria gosa pra minIncesto com meu irmao casado eu confessoconto menina safadinha anoscontos esposa deu pro sobrinhocontos erotico a 1 de una solterona com um menino de 15contos eroticos vestido colado e curtocontos delícia de cacetaocontos eróticos de empregadasMeu irmão chupa minha maeminhasobrinhae sua amigacontosChaves com tesão de Chiquinhagozoo na bucetakcontos caipiras amadores bucetascontos eroticos fui leva a gostosa da cumade beba na casa delacontos gay luta livretentando comer a sobrinha contoscontoseroticos comendo ocu dtitiporno grades com minha prima de rageribucrtinas novinhasConto erotico no sitio casa de dois comodosConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmaconto erotico amigo pauzudo do marido comeu eu e minha filhacontos com sobrinhamenino bateno puheta pos amigo no riosinhocontos eroticos pagando divida do filhoconto erotico arregaçadaFODA GRAVE arrombando ninfetinhabai jo meu primo e ele me comeucontos de coroa com novinhocontos eroticos homem casado dando para o primoconto erotico onibusconto primeiro boquetecontos eroticos espadinho com o pau conto gay camisolinhaeu trinquei o meu pau na mão dela contos eróticosconto erotico sogra de calçinha fio dentalconto eróticos dei o cu novinhagostosinha bonitinha bundinha nova doze anos dando contos eroticosconto eonico de sexo anal