Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPOSINHA CIUMENTA

Click to this video!

Meu nome é Mariangela, tenho 27 anos, sou morena clara, olhos e cabelos castanhos, corpiinho bem gostosinho.Sou casada com Humberto, moreno claro, 36 anos bem bonito.Bem minha historia começa quando fomos a uma festa de noivado da minha prima.Tudo ia muito bem até que chegou umas colegas dela .Uma delas particularmente usando um shortinho jeans muito provocante.Aquela piranha ficou fitando meu marido.Sou muito ciumenta, que ádio que fiquei e fui logo fechando a cara.Beto, que é como chamo meu marido, percebeu a situação.Então fomos para casa.Tentei falar com ele a respeito no caminho para casa mas ele não disse uma palavra.Ficamos sem conversar uns dois dias.Quando chequei do trabalho pela manhã, pois trabalho a noite, não sabia o que me esperava.Ele ainda estava em casa, sá de short e percebi que ele estava de pau duro.Joguei a bolsa no sofá, nem bom dia nos demos.Fui me virando prá tomar café.Então ele chegou por trás, relando aquela pica dura na minha bunda, inforcou minha garganta e me disse que tinhamos um assunto para tratar.Eu estava de uniforme camisa e calça preta.A calça deixa minha bunda mais gostosa e a racha aparecendo.Ele me virou de frente, apertando meus seios, bateu no meu rosto e me mandou buscar a coleira de cadela e o cinto.Por dentro eu tremia, pois já sabia que ia apanhar.Saí correndo para o quarto e voltei com o que ele tinha mandado eu pegar.Coloquei a coleira na frente dele e fiquei esperando, seu rosto era sá ádio.Me pegou com tanta violência, arrancou minha calça, me deixou sá de calcinha,camisa e a calça pela metade da perna.Eu fiquei alí humilhada, usando uma minúscula calcinha preta enfiada no cú que eu adorava.Ele pegou o cinto da minha mão, mandou que eu virasse e foi logo surrando minha bunda, que logo ficou toda marcada.Chorava e tremia por dentro, ele me chingava de puta ciumenta e retardada.Quando me virei prá minha surpresa ele já estava com o pau prá fora, grande, grosso e latejava.Dizia que aquela surra era prá eu deixar de ser ciumenta e estraga fáda, me chingava de burra idiáta.Me puxou pela coleira e me arrastou até a sala.Se sentou no sofá e me mandou chupar o pinto dele.Estava sujo, fez aquilo de propásito, eu sei.Coloquei a boca naquela pica suja, fiz ânsia de vômito.Enquanto me fazia chupar aquela pica nojenta, ele me dizia que eu era tão imprestável que era assim que eu merecia.Me humilhava batendo no meu rosto com aquela pica, quanto mais me humilhava, mais eu pensava naquela piranha da festa.Estava excitada, minha buceta estava molhadinha apesar de tudo.Me puxou pela coleira novamente, me arrastando até o nosso quarto, fiquei mais aflita ainda pois sabia que ia ser ESTRUPADA.Mandou eu tirar a roupa.No chão, me chutava, me chamava de esposinha ciumenta infeliz.De quatro, meteu a rola na minha buceta com vontade, enfim estava descarregando todo seu ádio.Me chamava de cadela imprestável.Eu estava adorando aquele estrupo.Eu não disse uma sá palavra com medo de apanhar mais, até que tirou da minha buceta, esporrou no meu rosto enquanto dava tapas na minha buceta.Eu gozava igual a uma puta vadia.Fui humilhada mas estou louca para irmos em outra festa e encontrar outra piranha dando de cima dele.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto de filho dano o cu ao padastrovídeo do sogro transando com sonora atrás da casa cheio de tesãoCADELINha DOS homens e dos cachorro cpntp pornocontos, abusada para o homem na praia de nudismocontos erticos de ninfetascontos eroticos swingcontos eroticos de fudendo com o pastorcontos eroticos menina. na fazendaTennis zelenograd contoConto comeu minha esposa e eu não percebicontos eroticos gays atiçei meu tiocontos eroticos gays no escurinho do cine pornocontos picantes seduzindo o cunhado sem quererdeu a buceta no presidio contoscontos eroticoa manteigacontos de escravas casadas realContos eroticos minha esposa foi molhada e revelou seu peitos no churrasco de casaconto casado dei pra travestiporn contos eroticos casada se prostituindo para ajudar em casacontos convidei um amigo para dormir na nossa camaContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorminha primeira punhetadormindo ao lado conto eróticocontos quis dar pra um travesticonto estagiaria chefecontos erótico vovó apimentadacontos eroticos mae filho filhaconto erotico adoro fazer caridade com minha bucetinhaCasAda pulando cerca contoschupei a bucetinha carnuda dela contosdoce nanda trepando e dando gostosinho contos eroticoscontos amigo so folho pintudocontos colocando menina pra. mamarconto erotico um arpertadinha sofredo e chorando disvirginei a minha professora contos erodicosconto porno gay cinemacontos eróticos homens sendo amamentadosConto namorado da minha mãecontos eróticos de gay e picudo pedreiroswww.conto eu vi o pedreiro mijandochaves comendo cu da chiquinhacontos eroticos amante vs mulhercontos de sexos ainda dimenorcontos erótico vovó apimentadaContossafadezasconto erótico comendo amiguinha do meu filhose um homem excita uma mulher e demora muito para penetra-la ela pode sentir uma dorzinhacontos amigas carentesPeguei minha tia veridicoContos Eróticos vi minha amiga sendo emrabada pelo maridão bem dotado fiquei com muito tesãoconto erotico padre fodendo casada rabudaconto mulher conta que que dois predeiro comeu seu cuzinho a força Contos eroticos: desde novinho era afeminado louco pra da o cumarido come a loira em silencio na cosinha e mulher espia boa foda sexotrepafa de caronaconto narceja vadiacontoseroticos comi minha mae dopada por mimcomtos bdsmcontos com amiga baixinha e gordinhacomtosgay comi o cuzinho do meu irmaocontos eróticos cadela e putona famíliascontos eróticos eróticos meu enteado me comeu bucetudas com caralhudos/fotos e contosContos eróticos meu patrão do pau gg arrombou minha linda noivacontos eróticos ele disse xingamentos porradacontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu bebado quando eu tinha oito anoscomi minha sograegozei na bocar delaConto erotico forçada a ser lebisca ou chupa ou leva porrandaContos eróticos e rosever contos excitantes com fotos,na praia,no onibus e no mato.sou empregada contos eróticoscontos de sexo sogrocontos comendo gay na vielaContos eroticos casadinha muito apertadacontos de mulher chupando o pinto.contos de casais e amigocontos de sexo conheci no.onibusao meus 19 anos cumi um cuziho bricando d esconde esconde contosgaycontos eroticos "cadela" "sem comida" "fome"fomos cem calcinha e fomos fodida por puzudos dotafos no bar contomete tudopapai contosfiz dupla penetração com colegas pois meu marido não quiz contos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cão