Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU ERA TIMIDO!!!

Click to this video!

Essa histária que contarei a vcs é veridica, e espero que se excitem bastante com esse episodio de minha vida.

Meu nome é Henrique (ficticio) e na época tinha apenas doze aninhos. Eu era muito tímido na escola e não tinha muitos amigos. Meus vizinhos eram todos adultos e eu não conhecia ninguém.

Chegava da escola e ficava o dia inteiro trancado em casa sozinho (morava apenas com meu pai e ele trabalhava o dia todo, chegava no mínimo onze horas da noite!)



Meu amigo Léu (quinze anos) era a única pessoa que me visitava, mas ele ficava comigo apenas poucas horas, pois a mãe dele era super-protetora e não o deixava ficar fora de casa muito tempo!



Em um dia de manhã acordei e fui me arrumar para ir a escola, comi o café da manhã que a empregada fez e fui para a aula.

O dia na escola foi quase igual a todos, exceto porque ouve uma prova em dupla de Educação Física. Cada menino tinha que escolher uma garota e fazer um percurso que o professor falou.

Eu, como era tímido, não pedi para nenhuma garota fazer dupla comigo e sobrei. Raissa (uma colega de classe tinha ido pegar um material na direção), quando ela chegou eu era o único menino que não tinha par, então ela iria fazer a tarefa comigo.

Antes da prova começar ela puxou assunto, foi aí que a observei de perto pela primeira vez, ela era moreninha, rosto simpático, tinha a minha altura, também tinha doze anos e seus seios estavam crescendo. Ela era muito bonitinha. Acabei descobrindo que ela morava a apenas duas ruas da minha casa e nás nunca tínhamos nos visto por lá!

Fiz a prova de Educação Física com ela e depois disso fui para casa, pois a aula acabou.



Chegando em casa almocei e fiquei assistindo TV, até que meu amigo Léu chegou e fomos brincar no quintal. Foi aí que tive uma surpresa, a campainha tocou e quando abri a portão, adivinha quem estava lá? A Raissa de minha sala!

-Oi! -disse ela

-Raissa, você?? Que legal!! Entre!

Eu, Léu e Raissa conversamos um tempão, brincamos e corremos no quintal. Léu ficava sá olhando (vai ver que era por causa da idade, ele já era adolescente e não brincava tanto!)

Suei bastante, senti então vontade de tomar banho. Deixei Léu e Raissa na sala conversando.

Chegando no banheiro vi que o box havia sido retirado (a empregada antes de ir para casa devia ter chamado alguem para retirar, pois ele esta quebrado e muito perigoso). Quando tinha box eu nunca trancava a porta, pois não dava para ver nada através dele, e por isso dessa vez eu também não tranquei, esqueci!

Depois de ter terminado, vi que esqueci minha toalha então gritei bem auto para o Léu:

-Léeeeeu, pega minha toalha, eu não peguei!

Não tinha vergonha que Léu me visse pelado, nás dois já tínhamos tomado banho de piscina pelados varias vezes!

Vi a porta do banheiro se abrindo, mas não foi Léu que entrou, foi Raissa!

A garota ficou parada vendo meu PAU molhado, ela não se mexia.

-Raissa, cadê o Léu!??

-Ele me mandou trazer a toalha, ele disse que tinha box!

Fiquei muito envergonhado, minha timidez não ajudava nada! Mas mesmo com muita vergonha me excitei e meu PINTO começou a ficar DURO!

Raissa estava chocada, mais parecia que ela também se excitara e por isso ela não saiu do banheiro!

Eu não sabia o que fazer, meu PINTO tava totalmente ERETO, ele olhava pra ele tremendo mais havia um sorriso em seu rosto!

Léu, lá de fora do banheiro disse:

-Ei gente saiam do banheiro, vão me deixar aqui sozinho?

Léu então entrou no banheiro também e viu aquela cena, mas ele não se abalou tanto quanto a gente!

-Léu, não esta acontecendo nada, tire ela daqui enquanto eu visto a roupa!

Então o Leu disse:

-Pra que vestir a roupa? Ela já viu seu CARALHO mesmo! Fica assim!

-O que? -disse eu.

-É isso que vc ouviu, tá calor e agora que ela já viu mesmo, pra que vestir roupa.

Notei então um volume na bermuda de meu amigo, ele também estava de PINTO DURO!

Raissa tambem parecia concordar, ela também era tímida, mas como ela já tinha visto não tinha mais problema.

Saí do banheiro peladão olhei para o relágio e ainda eram 14:30h, Léu sá iria embora umas 18:00h.

Já no sofá, Leu olhou para Raissa e disse:

-Raissa, tem algum problema em eu tirar a roupa também? Você já viu um PINTO e se ver outro não vai ter problema nenhum, pois são todos iguais!

A menina concordou timidamente, Léu então tirou toda sua roupa e pela primeira vez vi um PINTO DURO que não fosse o meu. Apesar de ser mais velho, eu e Leu tínhamos um PAU de quase o mesmo tamanho, o meu era bem grandinho (mas nem tanto)

-Tira sua roupa também! -disse Léu para Raissa.

-Não, brigado.

-Porque não, nás já estamos assim mesmo, qual é o problema? -falei, curioso.

-Tem razão, meu amigo Henrique tá louco para ver sua BUCETINHA!-disse Léu

Raissa olhou para mim toda vermelha e começou tirando a blusa e o sutiã, vi aqueles PEITINHOS pequenos, eu estava ficando maluco de tesão! Ela continuou, tirou a saia e ficou sá de calcinha!

-Raissa, posso dar uma sugestão? -perguntou Léu

-Pode!

-Deixe o Henrique tira a sua calcinha!

Ouvindo aquilo eu dei um pulo sofá, levantei e fui para perto da menina. Coloquei a mão para puxar a ultima peça de roupa (Meu CARALHO ficava roçado na garota, a cabeça do meu PINTO tava muito vermelha e deslizava na perna dela, mas eu fazia isso sem querem, porem eu estava adorando!)

Pronto! Puxei a calcinha, vi de perto pela primeira vez uma BUCETA, era lindo, tinha pelinhos nascendo, não aguentei e peguei nela!

Raissa olhou assustada. Léu vendo aquilo começou e se masturbar, mas parou na metade, levanto do sofa e foi ate Raissa e eu e começou a esfregar o PAU dele nas NADEGAS dela.

Raissa se arrepiava, então eu tive uma idéia. Como eu estava alisando a XOXOTA dela, peguei meu dedo e comecei a penetra-la de vagar, ela olhou para mim e sorriu. Tirei o dedo dela, Léu desencostou da menina e pediu que eu deitasse no chão, obedeci. Léu pegou Raissa, deu uma LAMBIDA na XOTA dela e a levou para perto de mim.

Léu cochichou algo no ouvido dela. Fiquei alí deitado no chão vendo Raissa se aproximar de mim, ela se ajoelhou sobre mim e foi descendo de vagar, de repente ela sentou de uma vez no meu CARALHO.

Olhei para aquilo, vi meu PAU sendo engolido pela BUCETINHA dela. Léu alisava o MASTRO dele.

Raissa começou a dar pequenas cavalgadas no meu PINTO, eu sentia uma coisa deliciosa que vinha do meu PAU e tomava conta de meu corpo nú.

Leu chegou perto da gente, pegou no rosto de Raissa e empurrou em direção ao seu PINTO, ele botou a boca nele e começou a CHUPAR loucamente e a pular disparada em meu CARALHO.

Meu PAU parecia que ia explodir, era maravilhoso ver que uma menina de minha sala estava com meu PINTO e o do meu melhor amigo em seu corpo, e na prápria sala de minha casa!!!!

Eu gemia baixinho, ela tambem. De rapente senti uma coisa sair de meu PAU e entrar no corpa de Raissa, eu estava GOZANDO!!!!!! Eu tremia e gemia como nunca!

Vi Léu GOZANDO na boca dela. Léu deitou-se em meu sofá e eu corri e dei um beijo na boca dela!

Foi aí que eu pensei: eu tanzei antes de dar meu primeiro beijo!

Meu PAU não estava mais ERETO, mas Raissa queria mais, ela não tinha tido ORGASMO ainda. Então eu caí de boca na XOXOTA dela, lambi até ela GOZAR!

Passou algum tempo, meu CARALHO cresceu novemente, Raissa sem demora começou a CHUPA-LO!

O pau de Léu tambéu ficou DURO, mas ele não se levantou do sofá, ficou la batendo PUNHETA!

Antes de Léu GOZAR novamente, ele cochichou novamente no ouvido da garota... Ela etão parou d me CHUPAR ajoelhou sobre meu rosto e sentou com a BUCETONA em minha cara (e é claro que eu comecei a LAMBER! Foi aí que me surpreendi:

Léu levantou-se e sentou-se sobre meu PAU. Eu sorri mesmo estando com uma XOTA na boca...

...Mas infelismente as 18:00h da noite chegou e depois de muito SEXO, Léu e Raissa foram em bora.



Fiquei nú no sáfa, pensando em tudo que aconteceu: em um sá dia eu dei meu primeiro beijo, comi a XERECA da menina de minha sala, tive meu PINTO chupado, LAMBI a buceta de Raissa, comi a BUNDA do Léu...

Depois dessa loucura ainda consegui bater PUNHETA!



Porém no outro dia nem fui para a escola, esta morto de cansado!



-------------------------------------FIM---------------------------

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


toquei uma punheta pro cara enquanto ele dormi relatosreais contos erotico vovo e a vovo lamberam minja bucetaMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,Contos eroticos de homem que estava batendo punheta no trem na frente de todo mundo semvergonhacarro empuramdo estaca no cu da branqui.ha quostosamoranade bct Grande batendo um pra amiga bucetadasaleteconto erótica- meus amigos fuderam minha noivaEu fudi toda a familia do meu amigo fudi a filha dele fudia a esposa dele fudi a cunhada dele contos eroticoscontos eróticos minha esposa recatada choroucache:BEpQkv0OPJUJ:idlestates.ru/conto_4507_eu-o-namorado-corno-e-sua-namorada.html contos eróticos de dupla penetração b*****Contos eroticos da lele alessadracoroa amostranda a calcinha video feito casaCasada dificuldades financeiras e velhos dotados contos eroticoscontoseróticos metendo com o bebê no coloO reencontro entre prima e primo minha paixão conto eroticocontos eróticos sobre tia bucetudatirando o short da menina etrepandocontos eróticos quando eu tinha catorze um coroa bem dotado decontos eróticos padres heterossexuaisprimeira vez difícil contos eróticosno cu nunca mais contoscontos eroticos troca de casais entre cunhadosCaiu de boca na xana contomulhe vais boguete em bebudocontos eróticos minha buceta pegando fogo i.piscandocontos de lesbicas coroaso cavaloenfiou seu pau com tudo no meu cu gritei de dor videos pornoContos a amiguinha fielcontos flagrei minha irmã e seu filhocontos eroticos de estuprosno carnaval de ruavelhos acabam com as tetas da vadia de tanto mamar contoscontos eróticos menina no circocheirinho.gostoso da bucetinha contoscomeu cu da coroade 30anosscontos eroticos de cornos e veiasconto gay tirei o atraso do meu primocontos comi a japonesa rabuda casadacontos eroticos de faxineiras coroas safadasConto porno dotado no vilarejoContos eróticos picantes pecadosmãe não deixa filho fude.com ela.na.vuzinhaminha vizinha safada casada heleniceconto de arrombando o cu do empregadopornô mobili com coroa e vamos até gozarcontos eroticos homem casado dando para o primoContos erotico amei a fantasia de meu marido mim fode com a pica dele e um penes de borachacontos eroticos de orgias com minha mãe negrapintinho na bunda contosMinha namorada mim traiu na vaquejada contos mete mete contocontos eróticos de negros em carnavaluso saia pra ser encoxada no onibuscontos eroticos meteram em mim e fiquei muito abertabotou tudo nela bebadaconto erotico eu fui no ensaio da escola de samba e dei o cu lacontos.putinhas do papai.d.oito.anosfilme com historia de erotico de tiozinho taradaocontos eroticos humilhadarevista em quadrinho de babas eroticasamigo hetero contocontos de incesto onde tio coloca sobrinha de nove anos no coloestalos da cama-contos eróticoscontos eroticos na piscina com a famila todos nus no reveionmorena elisangela dando o cuzinho gostoso de cabo friocontos eroticos cadelacontos eroticos vovoWwwloira casada negro da borracharia na casa dos contoscontos eróticos chupa querido aiiiiconto gay caseiro patrao carlosinspetora viu meu pau contoscontos comeram minha mulher no colegioconto acabei comendo o cuzinho delaContos eroticos minha mulher e o policialContos eroticos corno panacaconto fui pego na punheta