Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU MARIDO BÊBADO MINHA PRIMEIRA TRAIÇÃO.

Click to Download this video!

Meu marido bêbado minha primeira traição.



O que vou escrever aconteceu na noite de Natal, meu marido tem um amigo de infância que nunca se largou, seu nome é Paulo e é um homem que sempre achei gostoso mais sempre com respeito até porque quando nos casamos um ano depois ele também se casou e ficamos amigos também tanto dele como da sua esposa eles até batizaram meu filho. Paulo com tempo se separou sua mulher se mudou mais ele continuou sempre indo a nossa casa. De uns meses pra Ca meu marido tem tomado um pouco a mais e quando isso acontece ele cai num sono profundo tanto que mal acorda com um banho frio e volta a dormi. Paulo que sempre ta junto tem vindo com brincadeirinhas essas horas do tipo hoje ele não vai dar nada Vaz ter quer dormi com desejo! Para Paulo achas que fico sem nada sá essa hora rsrssssssssss ah Laurinha sá to brincando mais é que tas cada vez mais atraente! E assim ficávamos com esses papinhos e ele me ajudando a tirar a roupa do Roberto e dar um banho.

Mais o que aconteceu foi nesse Natal à festa foi na casa da minha sogra e o Paulo com aconteceu muitas vezes vai de carona com nás. Bom depois das brincadeiras em família da janta as criançada dormindo o som Rolanda a turma dançando e tomando quando de uma e meia da manhã eu olhei o Roberto tava numa mesa quase dormindo eu já fiquei puta da vida, de novo Roberto? Amor me leva pra casa não quero que mãe me veja assim! Nisso o Paulo chegou ai meio que disfarçaram e foram os dois pro carro e eu fui lá perguntei pra minha sogra se meu filho podia ficar ali que íamos dar uma volta ela disse claro minha filha vem buscar ele amanhã. No caminho novas brincadeiras já que o Roberto já tava roçando. Hoje som com banho frio neh Laurinha porque o Roberto sá acorda amanhã rsrssss é já sabia que hoje seria assim! A mais neh esperou eu dançar contigo tu nesse vestidinho ficas muito atraente! Ah Paulo para. Serio Laurinha.

Chegando em casa entramos com ele e jogamos no sofá e ele tava apaga dão. Paulo vamos jogar uma água nele e colocar ele na cama me ajuda? Claro Laulinha. Paulo tirou a camisa e ficou de bermudão e fui de vestido mesmo já no banho pra jogar uma água no Roberto sobrou pra nos e nos molhou um pouco como tava quente foi natural, depois do banho ta vamos meios molhados e deixamos o Roberto dormindo e voltamos pra sala, fui à geladeira e peguei um vinho. Quer um vinho Paulo ta bem gelado? Quero sim! E ta vamos tomando e conversando. Ah Laurinha esse vinho junto com o que já tomamos ta fervendo meu sangue e tu com esse vestidinho curto nossa no banho já não tava aguentando. Eu fiquei meia sem jeito mais já deixava falar à-vontade cheguei ate cruzar e descruzar as pernas varias vezes, ai levantei e liguei o som baixinho quando ia me virar ele me abraçou por trás. As Laurinha tavas a adivinhando meus pensamento me deves uma dança. Eu sá sentir seu pau duro encaixar na minha bundinha e deixei rolar ele vendo minha entrega tomou conta da situação e foi me beijando toda e me apalpando toda me apertando eu dei um leve gemido e falei o Roberto pode acordar! Calma hoje ele não acorda e hoje tu vai ser toda minha sabes que já venho te desejando a tempo! Mais Paulo tu sabe que sempre fui fiel não sei se devo fazer isso! Relaxa Laurinha o Roberto ta pedindo isso e sei que tu me deseja assim com eu te desejo! E foi me tirando o vestido me deixou ali no sofá da minha casa sá de calcinha com a bunda empinada e me chupando da nunca a bunda, ai se levanto e me deixando sentada no sofá sá de calcinha e ficou em pé na minha frente e pode ver o volume em sua bermuda. Vem Laurinha tinha minha roupa e pega o que tu queres! Eu já toda entregue obedeci e tirei a bermuda e cueca junto seu pau salto e ficou a centímetros da minha boca e sem perde tempo segurou meu cabelos e disse vem Laurinha chupa gostoso! Huhu! E comecei um chupada faminta que Paulo urrou de tezão! Isso minha cadela chupa seu novo macho e já fudia minha boca, apertava meus seios, depois tem tempinho me levantou ainda de calcinha e me beijando e chupando meus seios eu pude sentir seu pau pressionando minha xaninha sobre a calcinha, ai me virou de costa e sentir muito gostoso seu pau duro e quente no meio da minha bundinha. Rebola essa bundinha no meu pau Laurinha! E eu rebolava já toda entregue. Ai ele tirou minha calcinha me fez ajoelhar no sofá e veio por trás e me chupava toda minha xaninha e bundinha e eu já tava gemendo alto exitada demais, ai pau veio por trás com o pau bem duro e foi metendo e já jogava a bunda pra trás pra sentir mais seu pau na minha xaninha. Isso minha cadela rebola! E metia tudo tava tapinha na minha bunda e foi nesse ri timo até sentir seu pau larejar dentro da minha buceta que tava toda melada ai tirou de dentro me virou deu pra mim chupar e gozou minha boca e seios tudo. Aaaaaaaaaaaaaaaaaa delicia Laurinha chupei ate a ultima gota. Ficamos uns dez no sofá. Vem Laurinha agora e nossa vez de tomar um banho! E pegou pela mão me levou por quarto quando entrei e vi meu marido gelei. Calma Laurinha ele ta roncando. Me sentou na cadeira que usamos pra dar banho no meu marido e me lavou todinha me fez lavar ele todo também e nisso seu pau já foi subindo me fez chupar ate ficar como ferro de novo, nos secamos e saímos quando ia sair do quarto pra sala ele me puxou e disse. Vem aqui Laurinha te quero na cama! Ai me deitou no lado do meu marido e veio por trás e encaixou bem atrás de mim e assim de ladinho me fez ter um orgasmo alucinante vendo meu marido dormindo e nosso amigo metendo tudo sem dá. Ele aproveitou o embalou sem tirar o pau da minha xana me virou de bruso e assim eu sentia eu pau mais fundo ainda. Nossa eu sá gemia tava tudo exitante demais. Ai Paulo saiu de cima de mim se deitou colocou aquela tora em pé e disse vem minha cachorrinha vem cavalgar e foder o pau de seu macho. Isso Laurinha rebola mais mexe gostoso e batia na minha bunda ate que como dois alucinados gemendo gozamo muito e ele encheu minha xaninha toda de porra. Cai de lado toda gozada e ficamos assim um pouco e eu cansada e satisfeita fui dormindo Paulo se levantou e em dois minutos voltou me deu uns tapinhas na bunda e disse! Outro dia te como a bundinha que é o que sempre desejei! Amanhã depois do meio sai vem trazer o carro do Roberto. Boa noiite................................

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos quero fudercontoseroticossonhosSogro gay conto eroticodepois direto para fudela dormindocache:NCvA3Q684K4J:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria-mais-lidos_4_10_incesto.htmlcontos incesto sobrinha da tia crente lesbicasFernanda jeitim nuaContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar pes de primas balancando os pesrelatos eroticos traição consentidafotos de caseiro de calcinha fii dentaleu confesso mijoconto erotico onibusesposa de biquini com os filhos contocontos erótico eatrupei a meninaconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arrombouNamorada puta conto eróticoai meu neto rasga a buceta da vovo conto eroticpContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de amigas dormindo eMeu penis mede 17 cm e grandepapai me come porfavor contos eroticosconto corno calcinhasou puta do meu cachorrocontos hot festa no iateconto erotico Conto de um corno manso da Mãe e Filha IIeu pratico incesto e zoofilia desde pequenacontos eróticos pagando com a filhaeu marquei um encontro com a esposa linda e gostosa do meu sobrinho ela entrou no meu carro eu levei ela pro motel conto eróticocontoseroticos minha sobrinha novinha gosava em silênciofilme com historia de erotico de tiozinho taradaopornô irado a mulher que tem a minha branca e tem aquela bundona fome morte elacontos tiachupa rolacontos pica com cheiro de bucetahetero chavecando o cunhado xvideconto erotico isso me fodeNovinha desmaia de tanto gosa conto eroticocomparando pinto amigo conto erótico gayconto erotico dei para o caminhoneiro conto heteroconto erotico gay bebendo leitinho do padrastopiça enorme burracha anal contoXvidio carona estrada desertaamiguinhocontoscontos eróticos velhaso grelu esticadoContos eroticos de fortaleza - peguei minha esposa me traindocontos er¨®ticos incesto ensinei minha filha a ser cadelaxvideo mobile meu pai me castigoubaixo forte troncudo e pau grosso gaycontos eróticos meu tio cego mim. fudeucontos com minha irma e amigaContos eroticos o homem da oficina deixa eu ver o pau deledepois da depilacao conto eroticomeninas nova levando pica dormindo e gemendo altopessoas fazendo sexo gostossoooocontos de corno surpresacomi a lesbica contocontos eroticos de enteadascadela virgem contoTodos adorao meu cuzinho contos eróticoscontos meu namorado me possuiufreira sedutora conto eroticoporno quando o home empura o cacete no egua ela gozaeu e minha filha no baile funk contos eroticoscontos eróticos traição o porteiro do prédio de HollywoodCu arregaçado.com/sadomazoquismourso velho peludo gay contoseu confesso mijonegro beijando garotabranquinhacontos zoo mastiff taradoconto erotico com coroa casado amigo do meu paiconto erotico na casa de swing na troca de casal descobrimo que não eram casadosConto erotico sou vadia velhaele era cheirosinho conto gaymamae me deu seu cuzinhome viu pelado conto eroticomulher crente traindo o marido conto eróticoMinha vizinha me deixou ver ela transando contos