Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPOSA PUTA E VADIA - A HISTORIA DE UM CORNO

Click to this video!

Minha histária real. Apás alguns de casado reparei que quando assistiamos filmes pornos, minha esposa ficava mais excitada quando tinha algum dotado, apesar dela disfarçar e tentar esconder e nunca ter assumido, mas eu percebia algo ao ela ver dotados transando. Passou um tempo e ela não queria mais ver filmes pornos e aos poucos fomos deixando de ver. Mas aquilo não saiu da minha cabeça e comecei a fantasiar ela com um dotado. O meu dote é o normal do brasileiro, algo em torno dos 19 cms e aos poucos a fantasia foi tomando corpo, aumentando. Tentei falar com ela mas ela nunca deixava, brigava e cortava o assunto logo de cara. Quando transavamos eu tentava falar pra ela imaginar um dotado e ela brigava, xingava, me mordia os lábios e não deixava seguir adiante.

As vezes eu insistia e aos poucos a reação contrária dela foi diminuindo; depois de alguns anos ela já não brigava mais e deixava quieto. Em alguns sites de contos eráticos acabei vendo que vários relatos de cornos começavam assim; OPA, será que eu tava querendo ser corno??? Sá pode imaginar a mulher, a esposa com um dotado é coisa de corno. Em determinado momento através do MSN Groups acabei vendo vários grupos adultos de ralacionamento sexual e varios casais e homens se "oferecendo" com alguns postando até fotos. Num dos perfis, o cara declarava que tinha um cacete de 20x8,5cms e uma das fotos o pauzão estava no meio dos seios da mulher, enorme e duro. Minha esposa sempre gostou de passar o pau nos seios e então capturei a foto e num aniversário de casamento que passamos sázinhos num sítio mostrei para elaa foto que tinha impresso. Ela reclamou um pouco mas ficou sensivelmente excitada. Comecei a aprovietar o fato dela ter gostado da foto e qdo transavamos falava pra ela imaginar aquele pauzão fodendo ela; algumas vezes colava e ela ficava sensivelmente excitada, até aproveitei para comer o cu dela assim; falei pra ela imaginar aquele caralhão fodendo o cu dela, ela ficou muito excitada e me deu o cuzinho de quatro, se apoiando nos ombros e se masturbando enquanto eu socava como queria no cu dela e isso porque ela nunca foi de dar muito o cuzinho, sá raras vezes e quase nunca deixava socar forte, mas dessa vez parecia uma puta e até se masturbava de tesão. Outra vez, comi ela no sofa da sala com o micro com fotos de um negão comendo uma japonesa puta de Osasco, cujo nick era SUKA e outras fotos do negão comendo uma loira casada em que o cacete negro enorme entrando no cuzinho loiro dava um contraste e um tesão; fiz a festa no cu dela de novo....

Ai comecei a imaginar o Black comendo o cuzinho da minha esposa e falei numa transa para ela; estranhamente quando falei do negão ela não se mostrou entusiasmada, parece que não dá tesão à ela; prefere os morenos claro como eu. Cheguei a comprar 3 consolos pra ela; primeiro um de 18x6,5 (cor de pele). Experimentamos na buceta dela algumas vezes, mas ela reclamou que era muito grosso e duro e mal conseguia enfiar pouco mais da metade. Aio comprei mais dois, um vermelho de 17x4cm e um imitando o caralho de um negro que tinha a cabeça de 4cm e ia aumentando a grossura até 5cms, com 15cms de comprimento. O vermelho ela usou uma ou duas vezes e largou de lado (talvez por causa da cor), o de negro ela usou bastante, e ela mesmo enfiava e fazia o movimento de vaivem enquanto eu assistia chupando seus seios.



Fui insistindo e falando nas transas, ela não reagia, mas as vezes se mostrava mais excitada que o normal. Até que em sites de bate papo, MSN alguns cornos e esposas putas que conheci na net me falaram para fazer ela se sentir safada, vadia, chamar ela de puta durante o sexo, de vadia, falaram até para fazer ela se exibir na cam, através de fotos. Dificil fazer ela se exibir, nem quer ouvir falar, fotos então..........

Mas comecei a falar durante as transas para ela imaginar um moreno dotado fodendo ela, sentir o caralho enorme arrombando a bucetinha, fazendo ela uma esposa puta, uma esposa vadia, bem vagabunda, arregaçando ela na frente do corno.

No início ela resistiu, brigou xingou e me mordia os lábios para me fazer parar de falar. Mas aos poucos foi cedendo e deixando o tesão tomar conta e deixava rolar. Ai quando ela não brigava mais e acabava ficando excitada comecei a falar pra ela imaginar o que ela me falaria na hora que o cara estivesse arrombando ela, como ela gemeria no caralho dele e pedia pra ela me contar durante a transa; como ela não falava nada incentivei dizendo pra ela falar coisas do tipo, olha ele tá me arrombando, olha o cacete inteiro enterrado, olha corno...... falo pra ela me mostrar como vai arreganhar a bucetinha pra ele socar o caralho nela e ela abre bem as pernas deixando a buceta escancarada; falo pra ela me mostrar como vai chupar o caralho dele e ela me beija e literalmente suga minha língua, peço pra ela mostrar como vai chupar o caralho dele na hora que estiver esporrando na boca dela e ela me beija violentamente sugando, chupando, ta virando uma puta na cama comigo, masi ainda falta ela falar as besteiras (é uma forma de assumir) e pricnipalmente falta virar puta na cama com um caralhudo dotado.

Ela começou a falar, no principio timidamente e sá a meu pedido, falava coisas do tipo:

- Vai pauzudo enfia gostosa na bucertinha, enfia tudo...

Fui incentivando, chamdo ela de puta e vadia, vagabundo, pra imaginar o caralho fodendo ela na minha frente e ela começou a falar:

- Vai caralhudo enfia tudo na buceta puta, meu corninho quer ver vc gozar na buceta puta e vadia....

Ela chamava a buceta de puta e vadia mas não a si mesma ela não chamava; ai comecei a falar para ela dizer esposa puta e esposa vadia, brigou, reclamou, mas aos poucos foi falando e se referindo a ela mesma como esposa puta e vadia.Mais um pouco e ela começou a falar o práprio nome, Kaina puta e vadia. Karina minha esposa (nome ficticio é claro), falava assim:

- Vai caralhudo soca o pau na Karina puta e vadia, goza na Karina puta e vadia que meu corninho quer ver.....

Nisso li um conto na net em que o Sandro transou com uma casada na frente do marido e declarava que tinha 19x6cms de dote e era de uma cidade práxima à nossa. Comecei a falar do Sandro para ela na hora da transa; nas fantasias ela nunca tinha deixado usar nomes (conhecidoss) e ela aceitou numa boa já que não conhecia o Sandro, apenas a descrição que dei. Entrei em contato com ele pelo e-mail informado e ele até mandou fotos do pau, que estou aguardando o momento oportuno pra mostrar à ela, já falei que tem para ela ver, mas ela não falou nada.

O tesão por ver Karina, minha esposa sendo fodida por um dotado, de preferência um negão com um caralho enorme arrombando o cuzinho dela é muito grande, e aumenta a cada dia. Fiz perfil no MSN, no UOL-K (Kro Ser Corno e Esposa de Corno), falei para ela de algumas comunidades, mas por enquanto ela sá aceita fantasiar na cama e depois do gozo fale que na real nunca vai acontecer.

Por enquanto me contento em ver ela mesmo se chamando de esposa puta e vadia, em me chamar de corninho na hora da transa. Já tentei tirar fotos delas com o seu consentimento, mas ela nunca concordou, brigava, xingava, fazia o maior escandalo. Certo dia quando ela saia do banho tirei uma foto com o celular enquanto ela estava enxugando os cabelos, mas ela viu e reclamou e quando saiu do banheiro pediu pra ver o celular. Como ela me surpreendeu acabei me atrapalhando e em vez de gravar a foto, deletei. Ela viu o celular e comentou: - Vc apagou, mandou pro mail e apagou.

Mas para surpresa minha ela não reclamou, apenas comentou dessa form,. à noite mostrei o mail, mas já tinha numa pasta particular duas fotos anteriores que tinham ficado péssimas dela tomando banho e tinha esquecido de apagar. Mostrei a pasta de entrada, a lixeira, mostrei tudo menos a particular e ela vendo que tinha 02 mensagens sem ser lidas, falou é tá ai, me mostra. Eu enrolei e na hora não mostrei; quando deu apaguei as duas, marquei outras com não lida e mostrei pra ela, dizendo olha aqui o que é. Ela não acreditou muito e na nossa práxima transa falei que as duas mensagens eram fotos dela saindo do banho e que tinha mostrado via MSN para o Sandro e outro cara que tem 23x6cms (perfil do UOL-K), ela reclamou desses sites de baixaria, mas do foto de eu ter falado que mostrei as fotos ela sá falou que nem queria saber. Como assim não queria saber, antes fazia o maior escandalo sá de falar em fotos e agora mesmo eu falando que mostrei para dois desconhecidos na net ela não tava nem ai; tá virando puta mesmo, logo, logo vou ver ela com a boca cheia de porra de outros homens, logo vou ver ela sendo arrombada por dotados, logo vou ver ela totalmente puta e vadia fodendo um negão. Meu sonho de corno é ver ela fazendo uma DP com dois negrões bem caralhudos, ou ela de quatro dando o cuzinho pro negrão e chupando meu pau, ou então nos dois fazendo um meia-nove, ela por cima, e o dotadão vir e comer o cuzinho dela pra eu ver bem de perto ela sendo arrombado no cu e gemendo com o meu pau abafando os gritos da minha esposa puta e vadia, a vagabunda, a rampeira da Karina.

Você que já é uma Esposa Puta e Vadia acha que ela vai finalmente realizar meu sonho?????? Estou no caminho certo? Me conta como vc se transformou numa esposa safada e bem puta. Me dá umas dicas do que mais eu posso fazer pra conseguir enfim ver ela sendo enrabada por um dotado. Me ajuda vai.... Mail:

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


bdsm fita boca contosFetiche pelos pezinhos da minha amadaContos porno fui sodomizada por castigozoofilia cachorro montando com forçacache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html contos eroticos adoro beber o leite delesconto erotico eu minha mulher e meu primotia sentar no colo do sobrinho no carro histórias eróticos completoporno contos eroticos encerto descobri que meu marido que ser cornoconto do tarado que se fazia de bonzinho para comer as meninasminha namorada mimosa conto eroticoconto erotico carona pro sobrinhocontos mulher x travestivhupou minha buceta lesbicaconto eróticocontos eroticos de madame cm entregadobucetinha contosbotamos pra fuder contosnao vou aguentar tudoconto eroticocontos erotico suruba com negaoconto erotico fiquei com o cuzinho bem arrombado e cheio de porracontoseroticosdentistacoroas safadas depilando as axilasdei com muito amor conto separacaomedica seduzidapor lesbica historiasirmã irmão estudando lá no exterior não tinha feito ela com tesão ele com tesão meteu a rola nela bem gostosofui dormir na casa do meu primo e ele acordou de pau durocontos eroticos curiosacontos eroticos comi a enfermeira no hospitalmeu tio me vendeu conto eroticossexo com vizinha muito rabuda vigiadocontos eróticos transei com minha sogra com ela dormindocontos erótico eu de dhorte sem cuecacoroa me rasgou contocontos de sexo gay especial entre primoscontos eroticos: fui comido pelo meu inimigo safadinhocoroas de buceta quadril e coxas enormes dando para cachorroamigocome casal conto eroticoAbuzei a menina contos eroticoscontos de lesbicas incestuisascontos eroticos comi minha espetoraxvideo zoofilia muleke pintudo arregaca cadelinhafui ensinar a sobringa dirigir ea fudiContos de putas fogosas co.tados por mulherescontos de cú de ladraMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contosvidos. anamara. cupanu. bucetaifeta sandalilhaContos lambendo cu cagadocontos eróticos fui arrombada pelo começochantagiei minha filha casada conto eroticon aguatei a piroca do meu padrinho no cu eu de saia contosconto erotico novinhos no semáforoconto erotico anal no onibusamanda casamos grande cabeçudo contosviciadinha em dar o cu contoscontos eróticos gordinhas na ginecologistacontos cunhadas gostosasConto+crente punheteiraminha xana fica babando contoscontos femininos reais encoxadas e zoofiliacontos bi fui dormir com minha tia e meu tio me fudeuConto erótico Viagem com minha mãe parte 2 Okinawa.ufa.ru o mineirinho que me cativou 2videos a muher levantado o vestido pra maridocomer a buceta delaSebastião, o vaqueiro que gostava de cavalgar 2Desvirginando a sobrinha de 18 anosbati uma siririca pra meu cunhado contoscontos erticos pai sempre tomava banha com as filhas acaboj comendo o cuzinha delacontos eroticos velho na praia de nudismoconto erotico vendedor.de.mandiocacontos eu e minhas amigas seduzimos meu paicontos de cú de ladramulher goza gostoso loucamente deliranteContos fudendo menstruadaContos erotico de irmao safado e sobrinha bobinhaConto erotico dona casa velha carentecomo eu faço pra apreparar minha buceta pra primeira relaçao sexualcafetao metendo na minha filha conto eroticoshistórias eróticas com tiaconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuesconde esconde contos eróticosfilmes de televisao pornosconto erotico sogra Alzheimeryravesti gorda xvidioconto erotico o cu da mendinga gostosaconto da sogra da buceta grande e putacontos eroticos de se masturbando nas sandalias da sogracontos corno empretei minha mulher para traveti e fikei vendoContos eroticos chantagiei minha enteadaPornô.de4.na.anacondacontos eróticos gay malucocontosminha primeira vez lesbicamedica seduzidapor lesbica historiashomem sendo estrupado en oficinaconto gay paguei enfiei pregasUm professor gay fode sim com um aluno com o pau doro na bocacontos eróticos doeu mas gozei