Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEPOIS DA BOATE - CORNO

Click to this video!

Ola amigos, estou de volta pra contar mais uma aventura nossa, hoje vou contar de uma vez que encontramos um garotão em um barzinho, ele começou a paquerar a minha mulher e eu o convide pra sentar em nossa mesa, bebemos um pouco e eu dei caipirinha a ele pra ficar alegrinho mais rápido, depois fomos em uma boate, e lá que a coisa esquentou, todos já estavam meio altos, eu tinha bebido menos, quando eu chamei ele e disse que éramos um casal liberal, e que, se ele topasse poderíamos ficar a noite toda juntos, minha esposa já tinha dançado com ele, e insinuado um pouco, ela dançava com ele bem provocante. Já não nos aguentávamos mais de tanto tesão e fomos para um motel na saí¬da de Goiânia.

Pegamos uma suíte espaçosa, e começamos a festinha. Ficamos os três pelados. O Roni tinha uma pica muito grande e grossa e ele começou a acariciar minha esposa e ela a chupar seu cacete. Eu fiquei olhando e esperando ela me chamar, mas ela ignorava totalmente a minha presença, depois ele comeu ela de todas as formas e ela aos gritos e olhando pra mim, dizia: -Ai amor, esta bom demais. Nossa que maravilha de macho que você arrumou...aaaiii...uiii...mete...mete gostoso...mostra pro meu corninho como se mete numa mulher...olha amorzinho o pau grosso que ele tem...vem colocá-lo na minha buceta vem...Poe o pauzão dele na minha entradinha ..quero esse pau gostoso todo enterrado na minha bucetinha ta...você gosta de ver sua mulherzinha sendo fodida por outro homem?...gosta em...fala pra mim, fala...agora pega o pau dele e põe na minha boca vai...quero chupar bem gostoso este pauzão...isso meu corninho...agora quero que você chupe minha buceta com o pauzão dentro e depois vem me beijar na boca pra você sentir o gosto da pica dele, ta corninho?...seja obediente....viu? Ficaram assim por uns vinte minutos e ela já tinha gozado um monte quando o Roni tirou de sua buceta e colocou em sua boca....ele gozou um monte, lambuzou todo seu rosto. Ela engoliu um pouco da porra e o restante passou nos peitos e em seguida me chamou pra chupar sua bucetinha e sua boca melada de porra do pauzudo. Meu tesão era tanto que o fiz com maestria, comecei beijando-a, depois fui descendo e limpando toda a porra que tinha em seu peito, barriga, ate chegar na buceta, que estava toda melada dos orgasmos que ela teve, gozei sobre ela. Depois fomos todos pro banheiro, e lá começou a pegação novamente, ela ajoelhou e começou a chupar nos dois, quando olhou pra mim e disse: - Amor, vem me ajudar a mamar nessa mangueira. vem sentir o gostinho do pau que vai comer sua mulherzinha novamente, vem meu corninho, sei que você está doido pra sentir esta picona na sua boca. Coloquei-me de joelhos e ajudei ela a mamar aquela pica, que mal cabia nas nossas bocas. E chupamos por uns dez minutos. Que sensação gostosa em dividir o pinto com minha esposa. E logo o Roni virou-se para mim e disse:

-Vem mamar meu pau sozinho, meu viadinho. Vem chupar meu caralho.

Assim fiz abocanhei o caralho dele, grosso e bem duro enquanto via minha esposa bater uma siririca. Que tesão. -Uhmm que mamada gostosa que o teu marido faz, ele tem uma boquinha de veludo. Aí ela disse:

-Esse corno é especialista em chupar pica, não é amor?. é bom mamar num pinto duro né, amor? -Quero esse caralho na minha buceta, corno do caralho.

E ai, pegou no pinto que eu estava mamando e disse: - Vamos pra cama, vamos. Quero levar esse caralho na minha buceta e depois quero que coma o cu do meu marido corno, não é amor? Fomos pra cama e o pauzudo deitou em cima da minha esposa e disse: -Quero fuder agora essa boceta de puta. E virando pra mim disse: -Oi corninho, vá bater uma punheta que depois vou fuder teu cu.

E minha esposa emendou: -Fode mesmo o meu corninho, fode bem gostoso o cu que ele gosta não é viadinho? E ele tirou o pau de dentro dela, me colocou de quatro e veio me enrabar, ele foi metendo o caralho todo no meu cu. Que gozo!

Minha esposa olhava pra mim e dizia: -gosta deste caralho, corninho? Gosta de pinto no cu não é meu viadinho? Grande viado que é, alem de corno, é viado!

Ai eu disse: - Goza na minha boca, quero beber todo o leitinho do teu pinto.

Ele tirou do meu cu, e gozou, fez-me chupar seu pinto gozado ate limpar tudo.

-Viu corno, como é gostoso encher a boca de porra de outro homem? Me dá este pau pra que eu lamba um pouco. E assim ele fez, ainda gozou dentro da buceta da minha esposa, que gentilmente me convidou a limpar, e disse assim:

-Vem corninho, vem lamber a buceta da tua mulherzinha, lambe a porra que o meu macho gozou, vem viadinho, vem corninho, é sá pra isso que você presta mesmo.

Claro que eu obedeci fielmente, e deixei a bucetinha de minha esposa limpinha.

Terminamos a noite no motel, e quando acordamos, por volta do meio dia ainda demos mais uma trepada de despedida.

Sei que vão me achar depravado, más tenho certeza que todo corno quer dar o cuzinho pro pau que come sua mulher, uns têm coragem, outros pensam e gozam.



Alex & Elisa



Email: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Finquei o pau no cu da manaEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DI CALCINHA FETICHE OLHONDO ESELHO MINH BUNDAver contis eroticos de incesto passando oleo na maecontos sogra punhetasobrinho dopa sua tia historia eroticacontos erótico me rasgaram mo acampamentoporno de tia cabelo cachaedo loira meia idade peluda com sobrinhoprimeira vez em fraldas tesãowww contos eroticos de incestos como minha mae e minha irmacontos eróticos de upskirt em escoteiraconto erótico casada arrependida na noite de carnavalcontos gays comessado pelo primomostrei a buceta toda babada pro papai brincarcontos eróticos com mulher alemoacontos eroticos traindo o marido com pivetescontos gozando pelo cuzinhoContos Mamadas no paizimconto erotico comi minha prima enquanto ela dormiao pai da minha amoginha me comeu contosfotos chapéu ao traveco até ele gozaContos meu prefeito me comeu com fotossou casado mas fui dominado gaycasada lesbica com sobrinha contocontos eróticos de sobrinhas com tiasporno babalu pede pra não gozar antes do tempominha amiga me levou p suruba contos eroticosconto erotico com prima de nove anoconto pega na siriricaxvidio louco desejo vizinha mulata sainha mostrandogordinha contando suas trepadas c ontoEu agora eu sou mulher do meu ex primo viuvo conto eroticohomen dotado arronba cu rapaz de programaComo eu faço para passar a minha pica dura na bunda da minha tiagozada na boca sueliContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cucontos eroticos chantageada pelo segurança da lojacontos eroticos negrinha casada ficou bebada na festa mais de treze caraas fizeram suruba com elacontos erotico sou cazada beti punheta pro meu amigo pornominha novinha tarada contoConto o zelador e meninocontos heroticos - brincando de pique escondecontos eróticos comi a bunda da minha tia enquanto meu tio dormirswing tio com sobrinhas flagrante historiasChantageada e comida contoscontos eroticos de marido corno bebedor de porrabuceta bem regacada peluda perna aberta na camaContos Comendo A filha da amigadei minha bucetao mestruada e ingravidei contosgorda sobe a saia e transa na ruagaroto malandro pega tia dormindo e meti nelaContos eróticos linguada safadogostosa gordinhas tirando cabeçaafeminados de praia grande contatoscontos eroticos gay recem casadorose empregadinha contosPrazer Gay:Contos sobre Valentão da minha vidacontos eróticos eu e minha mãe na praiaContos gravida de outro marido adoroucontos eróticos irmã f****** na frente do irmão por assaltantescontos eroticos um casal de amigos nos convidou pra uma jantacontos massagem na tiaconto erótico ajudando a irmã na faltaai que lambida contosContos um garota me ensinou oque era uma punhetanetinha alizada pornodoidocontos coxudas de saiaporno grades com minha prima de ragericontos amigas carentescontos ela punhetava todoscunhada com previlegios pornscontos de cornostodos dias me mansturbo com a cachora da minha casa,contos eroticos