Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESPOSA PUTA BAIANA

Click to this video!

Oi, meu nome é Ana Lucia, eu li seu relato e como no final você pede que esposas que já sejam verdadeiras putas vadias lhe escrevam resolvi te ajudar a realizar seu justo e legitimo desejo de se tornar corno de sua esposa “Karina”.

Aqui vai a minha histária:

Eu tenho 38 anos, sou casada com meu maridinho chifrudo há 20 anos, sou mãe de três filhos (meus dois filhos mais novos são frutos de chifres que dei no meu maridinho que sabe, mas que mesmo assim assumiu e os sustenta), eu me tornei uma puta vadia há 19 anos a partir do desejo do meu corninho de querer me ver sendo fudida por outro macho... E ai sabe como é que é... Onde entra pica entram pirocadas! Meu maridinho chifrudo é moreno tem 48 anos e é até bem dotado (17x6 cm). Mas eu sou tarada por macho branco, louro e de pau grosso! Já dei para machos negros, mulatos e morenos, porque sou muito fogosa e não digo não a um caralho duro, mas fico taradinha quando um macho branco me pega e me faz mesmo de puta vadia! Eu nem me incomodo quando me humilham por ser negra, tudo que me importa e ser bem fudida e arrombada! Eu chupo, bebo porra, dou a buceta, dou o cu e aceito ser xingada e até ter meu bundão espancado enquanto sou enrabada!



Apás tantos anos traindo consensualmente meu maridinho chifrudo, eu já não permito mais que ele me coma, meu corpo e meus buracos arrombados são para uso exclusivo de outros machos; o meu maridinho chifrudo pode assistir os machos me fudendo de todas as formas e de todo jeito que queiram, mas não pode de forma nenhuma intervir! Ele também pode se masturbar me vendo fuder com um macho, mas não pode de forma nenhuma se aliviar despejando seu esperma na frente de homem de verdade! E depois que eu já tenha levado muita pica, se eu não estiver muito exausta, ele até pode mamar nos meus peitos e gozar nas minhas coxas ou chupar minha buceta e gozar na punheta. Isso não é crueldade, pelo contrario, é como demonstro que o amo. Todo corno manso como meu maridinho chifrudo sente enorme prazer com a privação sexual e se satisfaz muito mais se masturbando do que metendo. O prazer do corno manso é visual e é pornográfico! Eu amo meu maridinho chifrudo e a nossa vida familiar é harmoniosa e muito feliz!



Mas todo corno como meu maridinho quer ficar por baixo, quer ser xingado, quer ser mal-tratado e humilhado! Mas ao mesmo quer que a sua esposa tenha varias experiências sexuais e que experimente ao máximo o prazer que os outros homens lhe proporcionam. Quando um homem abdica da sua macheza é um caminho sem volta, nunca mais poderá reivindicá-la outra vez!



Quando eu e o meu maridinho chifrudo começamos a fantasiar situações em que eu transava com outros homens no inicio achei esquisito, mas como desde menina fui safada, fui gostando da brincadeira e um dia tomei um susto quando percebi que estava paquerando um garotão que morava na mesma rua em que nás morávamos na época. Então durante uma transa com meu maridinho chifrudo contei a ele sobre o garotão, naquele momento, ele disfarçou, mas percebi que estava morrendo de ciúme, sá que o tesão e o desejo foi mais forte! E então ele me encorajou a sair com o garotão.



Nessa época eu estava com 25 anos e o garotão tinha 19 anos, ele era branco, jovem, muito bonito e viril! Eu não admitia, mas já estava apaixonada por ele. Na primeira oportunidade eu o seduzi, na verdade quase o desafiei a me fuder! E então preparei tudo para a primeira trepada com outro homem. Eu até preparei um lugarzinho para que meu maridinho chifrudo ficasse escondido assistindo eu sendo fudida por cerca de uma hora por aquele garotão gostoso! Mesmo morrendo de ciúme meu maridinho chifrudo começou a se masturbou e gozou tantas vezes quanto eu gozei na pica tesuda daquele garotão! E saber que ali do lado meu maridinho chifrudo assistia eu chupando o pica de outro homem, que eu gemia e gozava levando pica de outro homem e que chorava de dor e prazer na pica de outro homem que metia com vontade no meu cu! Ah! Mesmo incondicionalmente submissa ao desejo e vigor daquele jovem macho! Eu nunca tinha sentido em minha vida uma sensação tão grande de poder! Eu enlouqueci de tanto prazer!



Depois que o garotão se saciou completamente me deixando exaurida em minha cama com sua porra escorrendo pelos cantos dos meus lábios e de dentro da minha arregaçada buceta e do meu arrombado cu... Meu ansioso maridinho recém feito corno saiu do seu esconderijo e ficou me olhando ali largada sobre a nossa cama desfeita, ele olhava hipnotizado para o liquido cremoso do garotão que escorria de dentro de mim... E então ele quis me penetrar, mas para a sua surpresa, eu impedi dizendo a ele que eu estava exausta doloridinha e ardida de tanto levar pica do garotão. Se ele quisesse podia chupar minha buceta... Ele olhou para minha buceta e viu que ainda escorria esperma de lá de dentro...



Eu achei que ele fosse dá para trás, mas para a minha surpresa, ele docilmente se enfiou entre as minhas coxas tremulo de tesão e então começou a chupar minha buceta sentindo o gosto forte e até então estranho para ele de porra. Vê-lo se sujeitar daquela forma me deu o maior tesão e um enorme prazer! Um prazer que eu nunca imaginei que sentiria! Eu gozei mais duas vezes e ele também gozou feito um doido se masturbando!



Então a partir desse dia eu me viciei nesse jeito de dar e sentir prazer e ele também. Hoje meu maridinho chifrudo fica ansioso toda vez que lhe digo que vou fuder com algum macho, porque ele sabe que quando o macho acabar de me fuder ele vai ter que me chupar e tomar o mingauzinho do prazer do macho enquanto eu o xingo de corno, de chifrudo, de frouxo, de mariquinhas... Ele que mal conseguia dá uma boa gozada quando me comia, hoje consegue se masturbando gozar mais de três vezes! Meu maridinho chifrudo hoje já é psicologicamente castrado, às vezes o forço a tentar me fuder e ele simplesmente broxa! Mas basta ele me ver sendo uma puta vadia na pica de um macho que seu pau fica duro feito pedra! Meu maridinho chifrudo, no decorrer desses 19 anos se tornou bissexual e eu o apoio integralmente. Ele como eu já disse, começou bebendo porra dos machos na minha buceta, depois passamos a praticar inversão e eu lhe enrabava com consolos e por fim eu conheci um macho maravilhoso, um gaúcho, que se tornou o homem da nossa casa durante os seis meses em que por razões de trabalho ele morou aqui em Salvador. Durante esses seis meses além de fazer de mim a sua negra prostituta ele fez meu maridinho de fêmea! Meu maridinho acordava chupando o caralho do gaúcho e sá ia dormia depois de ser enrabado por aquele caralhão do branco magnífico! Eu até hoje gozo sá de ver meu maridinho ser enrabado por um macho! Nás nos tornamos tão submissos a esse gaúcho, que contra toda razão e toda moral, nás não lhe negávamos mais nada! Nessa época nossa filha mais velha tinha 6 anos e o gaúcho decidiu que antes de voltar para sua casa e família me engravidaria e foi o que ele fez! Quando nos deixou eu já estava grávida de três meses e meu filho é um lindo mulatinho. Cinco anos mais tarde eu tive o caçula, ele é filho de um dos cinco negões do bloco Filhos de Gandhi que me fuderam durante o carnaval...



Eu poderia continuar contanto sobre nossa vida sexual de corno veadinho e puta vadia a final são 19 anos vivendo e sendo felizes dessa forma. Mas antes de terminar quero insisti que essa opção de vida conjugal aberta sá funciona quando existe consensualidade e total entrega de ambos os parceiros e também respeito e amor, porque não tem volta.

Estou enviando quatro fotos minhas para que me conheçam e vejam que sou uma mulher negra comum. Eu sá peço desculpa pelas fotos estarem levamente retocadas, espero que compreendam essa minha precaução, pois não as quero divulgadas. Leiam esse meu testemunho e pensem bem se estão realmente dispostos a viver da mesma forma que eu e meu maridinho. Por fim sá tenho a dizer que nás vivemos normalmente como qualquer outra família de classe média. Mande sua histária tbem para o mail [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Orgias com os moleques contos eroticoschupando rola ate goza e dando a bucetacontos eroticosfidendo uma nnda gigabte carnudacontos colega safadinhamasagista se marturbando no meio do espediente porcotos icesto mae e corninho aiii vai mete seu safado vou gozarcontos eroticos enrabada a forca pelo padre dentro da igrejacontos eroticos estupradas por animaisContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulherfui dominado por uma mulher mais velha conto eroticocontos eróticos ele colocou o vibrador na potência máxima na minha bucetacontos gay afeminadoscontos eróticos pai e amigoscontos de sexo gay minha esposa viajou e dei com sua calcinhacontos eroticos/comeu novinha peludinhaconto nao guentei a pica de jumento choreiconto garoto esperimentei dar cuconto erotico namoradinhos de infanciaContos eróticos tetas gigantesnao tira papai deixa que eu vo gozarverdinho tirando a virgindade da sobrinha novinha gostosacontos eroticos detonou a crenteComtos casadas fodidas pelo patraoContos eróticos tia deixa sobrinho gozar na bucetaContos eroticos/dp com a ninfetinhafui arrombado no cuzinhocontos eroticos real a primeira vez q gozeicontos fiz titio gozarcontos eroticos pauzao do papaicontos eroticos na praia meu sogro me comeucontos de gays sendo arrombados por varias rolasvirei puto do vovo conto gaycontos eroticos dormindocontos eroticos (homens que pagam as dividas com a mulher)Contos virei a puta dos oito negros picudoscontos eroticos. buceta virgem, só liberava cuzinhoContos eroticos de policiais sacanacontos eroticos de despedidas de solteiraFui obrigada a da a bucetaconto comi minha amiga peludacontoseroticossandraconto mingau. de porracontos eróticos em cima do carrocontos comendo mulher do amigo meia noitecontos porno bunduda sograencoxando coroa casada em Jundiai conto realContos eroticos das periferiasamiga da minha filha tezudinhaContos De maridos q empresto a esposafilho dotado fudendi o pai desejosecretos.comse eu deixar no seu sobrinho como é lá dentro da piscina e gozar na sua caracontos gay me montei pra eleconto erótico chupada do nada escondida mel sugar babarconto erotico patrao pauzudo do marido comeu eu e minha filhacontos mia gostosa mulhe teve sua buceta aregasada pro seus amates muitos roludoscontos eroticos 9 aninhoscontos eroticos de incesto: manha mae me ensino a Transar 2coroa coxuda gozando contosmulheres batendo punheta nos animais como cachorros e ponhesminha sogra pediu pra ver meu pintocontos eróticos de padrasto comendo enteada ainda bem pequenacontos heroticos gay meu tio de dezenove anos me comeu dormindo quando tinha oito anosminha esposa nega mas eu sei que sou cornoconto erotico madrinha pediuminha sobrinha pediu para mim gozar na calcinha dela contos eróticoscontos eróticos comendo a cunhada gostosa em uma festa de fim de ano com família toda reunidacontos eroticos a calcinha da patroaesfregando na mãe de shortinhocontos eroticosirmazinhaCOROA DEIXA CALÇINHA Á MOSTRA EM IPATINGA-MGcontos etoticos meu marido faz eu dar para trassecontos filha foi pescar com pai e foi arrombada na barraca no escurocontos de estupro na praia