Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O FILHINHO DE PAPAI I: COMO ELE ME COMEU

Click to Download this video!

Papai sempre foi um tesão de homem: Luís, seu nome: alto, musculoso (sem exagero), loiro, penetrantes olhos verdes, uma bunda e umas coxas bem tesudas e uma voz macia, capaz de levar qualquer um ao orgasmo; e, o mais delicioso de tudo: um homem extremamente sério.

Me chamo Nicolas, e o que vou narrar aconteceu quando eu tinha entre 19 e 19 anos: era um guri de cabelos castanhos claros, branquinho, corpo definidinho para a idade e uma bundinha maravilhosa: dura, empinada e macia. Nessa época, nem passava pela minha cabeça ficar com homens ou mulheres.

Toda noite, antes que eu dormisse, papai passava no meu quarto, me dava um beijo de boa noite, me cobria e ia dormir. Certa noite, quando ele entrou, eu estava com um pijama antigo, que marcava demais meu corpo e deixava minha bunda redonda com as formas bem à mostra. Eu estava de bruços. Ele entrou, sentou-se do meu lado e passou a mão na minha bunda:

- Tá ficando com um bundão grande, hein moleque!

Me virei e sorri para ele; ele me cobriu, me deu o beijo de boa noite e saiu.

No outro dia, não sei por que, vesti o mesmo pijama e deitei-me do mesmo jeito; papai entrou, acariciou minha bunda, mas, desta vez, colocou suas grandes mãos por dentro. SEnti um arrepio e meu pau ficou duro na hora. Ele percebeu e acariciou mais um pouco. Novamente me beijou, me cobriu e saiu.

No outro dia, mal pude esperar pela chegada da noite. Quando papai chegou, já me encontrou na posição desejada. Do nada, ele disse:

- Hoje eu quero ver como está o corpo do meu menininho...

Tirou carihosamente eu pijama, me deixando nu; me virou de bruços e apalpou minhas nádegas e passou a mão pelas minhas costas. Ao me virar de frente, exclamou:

- Tá com o pauzinho duro... É sinal de que está virando homenzinho... Tá gostando do "exame" que o papai está fazendo, filhote?

Com a respiração ofegante, respondi:

- Si- si-sim.

Papai passou a mão pelo meu pau e desceu seus dedos para meu cu, que psicou instintivamente. Delicadamente, papai roçou aquele seu dedo vigoroso no meu anel, que piscava loucamente. Contorcia-me na cama, e pude perceber que ele ajeitava seu pau dentro da cueca.

- Amanhã sua mamãe vai dormir na casa do seu avô. vou fazer um brincadeira bem dliciosa com você. Você quer?

- Quero, papai. Quero muito.

Mal pude esperar chegar a outra noite. Quando papai entrou, eu já o esperava peladinho na cama.

- Ficou animado, heim, filhote. Já está esperando o papai peladinho...

Ele repetiu tudo da noite anterior, mas, ao chegar ao meu cu, enfiou aquele rosto lindo entre minhas pernas e lambeu vigorosamente meu anel.

- Ai paizinho! Que delícia! não pára, não! Ai! Ai!

Eu gemia de prazer. Quanto mais eu gemia, mais meu pau endurecia e mais papai enfiava aquela língua poderosa no meu rabo: me mordiscava as nádegas e lmabia-me as bolas. Não resisti e tive meu primeiro gozo, sem tocar no meu pau.

- que lindo, tá virando homenzinho. Deixa eu limpar...

E papai lambeu a pouca porra que tinha na minha barriga.

Papai se sentou na cama e tirou a bermuda, ficou nu. Pude perceber seu pau grande e cheio de veias, prontinho para me estraçalahar.

Papai me sentou em seu colo e me beijou o rosto, a boca... Lambi sua língua. Ele desceu pelo meu corpo e me lambeu o pinto.

- Brinca com pau do paizinho, Faz de conta que é um sorvetão de creme.

Me coloquei entre suas pernas e chupei vigorosamente seu pau. Ele me fodia a boca e urrava alto de prazer.

- Lambe o pauzão do papai, bonequinho, lambe!

Eu lambia freneticamente, e papai batia aquele pau em minha cara.

- Lambe minha putinha gostosa, meu filhote delicioso.

Apás isso, papai me deitou crainhosamente na cama, com a bundinha para cima e anunciou:

- Vou brincar de colocar o avião na garagem.

Dito isso, começou a forçar aquele pauz imenso contra meu cuzinho.

Embora eu sentisse dor, não queria deixar de sentir aquilo e me arrepiei quando senti seus pentelhos bantendo em minha bunda.

- Rebola, filhote, rebola. Sente a piroca do papai tirando o cabaço de seu cuzinho.

- Mete papai, mete! Coloca esse aviãozão na garagem!

Papai me enrabava com um prazer descomunal e urrava feito um louco!

Papai me comeu de frango assado e de cavalgada. Apás estarmos suados e cansados, ele gozou em minha cara e dormimos abraçadinhos.

Essa brincadeira esquentou muito mais quando recebemos a visita do meu padrinho, irmão dele, que era tão tesudo quanto...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eróticos gay homem enfiou cu pivetinhofui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticoscontoerotico virgem pai 2filhasestrupei minha irmanzinha a força conti heroticicontos eróticos conatanga contos eróticoscumendo cu da mae e tia contos eroticosmulher transando com dog contosconto erotico com meu sogro peladocontos eroticos mulheres de 60 anos gostosas fudendo no estupro e gostandovídeo conto erótico com minha filha bem novinha em um ambiente mais do que delíciaConto de muitos machos para uma puta depravadanovinhos fodeno apremira veizcontos eróticos demairacontoseroticosdesvirginandofui estrupada e acabei virando puta contos eroticoscontos eróticos de gay e picudo pedreiroscontos eroticos 16cmcontos meu cuzinho aberto escorrendo porrapequei milha maes fudedo com um negao lopradotitio caralhudo noivo corninho esposa putinha contossainha olhava lesbicas contoswww.acordada por papai videos incestocontos eroticos exibindo minha esposa no banhocontoacordei opor sentir que estao a chupar os meus seioscontos sarro gostoso com meu genrotraí meu marido contoscontos eroticos..comi a mulher do pastorcontos eróticos f****** a neguinha na Fazendacontos eroticos menina de 07anos dando a xaninhacontos eroticos orgia nudistaconto erotico punhetinha na praiaSou hétero mais dei meu cuzinho pro meu irmãocontos comi a garota na sala de aulaconto fui entubado quando molequexvidios mulherfidendo com cavaloseu meu primo e minha mulher contoscontos eroticos dona de casa gosta de apanhar e tomar leitecontos eritico com juiz velho e taradoconto erotico gaucha casada carente na praia e cunhadocontos eroticos incesto tomei porra do meu cunhadocontos eróticos iniciado pela primacontos reencontro com meu exTrasando com atialoiras fudendoconto eróticomeninas nova levando pica dormindo e gemendo altoaquele pau era quase o dobro do de meu maridocontos menage com loira e morenaPorno contos pais e maes tias avo's iniciam suas meninas incestocontos eróticos fudendova esposa e a filha do amigo conto eróticos esposa faz marido adivinhar gual bucetavizinhalesbicacontocomo da a buceta direutinhocontos gays de escoteirosIrma colo contocontos eróticos mamãe deu o cu eu viLora dismaiando no cu no anal em tres minutosesposa na praia de nudismo passa lama contoCasada viajando contosconto casada na academiagozo na bucetinha dá cunhadinha com jeitinhocontoseroticossandydany gosta de chupar rola peruibeconto erotico inserto po acasocontos eroticos mandei meu filho mete no meu cuzaocontos eroticos incesto banheiroquero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia acabando a buceta e gozandohttp://transei com filho do professor gay contos eroticos gaycomi minhairmãzinhade criação.com conto eróticohomens velho gay contosA Tia super gostosa com uma bunda maravilhosavídeo do sogro transando com sonora atrás da casa cheio de tesão