Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA ESPOSA SÓ SE FAZIA DE SANTA

Click to this video!

Bem, o que passo a narrar é veridico, todas as historias que vemos aqui da para perceber as que são fantasias, mais essa é verdadeira e precisava desabafar.

Me chamo Max e minha esposa Ro, uma loira de olhos claros fofinha, mais uma delicia de mulher, tipo aquelas de rabao grande e que nao sabe o charme que tem.Depois de 19 anos de casado, a vida começa cair a rotina, aind amais quando um dos elementos é mais tarado que o outro. Sempre fui aficcionado por sexo em todo o seu limite, sou bonito( diga-se de passagem ) sou moreno olhos verdes, me cuido, tenho 34 anos mas nao aparento, mas voltando ao assunto, a minha esposa começou a esfriar no casmento, mas como a amo demais queria salvar de todo jeito meu casamento, começei a incentiva-la e até mesmo a supor uma terceira pessoa ou mesmo uma quarta em nosso relacionamento, porem, ela sempre na esquiva, dizendo que nao era puta enao curtia tal circunstancia.

mais mesmo assim, por sempre ter o tesão reprimido de um cara metedor, era de ve-la com outro cara, resolvi dar uma ajuda para que isso acontecesse. Algumas vezes em nossa transa, falava para lea me chamar de corninho ou até mesmo dizer que queria ve-la com outro e ela sempre quieta, até qiue resolvi nas salas de bate papo procurar alguem que se enquadrasse noperfil de um cara especial, o cara que iria comer a minha puritana esposa.

Varias tentativas, varios homens dispostos ( rs ) conheci Marcelo, um cara de 25 anos, estudante de engenharia, e muito simpatico. Depois de alguns meses conversando resolvi marcar de nos conheçer sá eu e ele e contei a minha historia

Ele entendeu e de imediato disse que se poderia ajudar estria disposto. Feito isso armei um pleno de apresentar ele como um amigo, porem, como trablho no comercio, disse a minha esposa que foi alguem que conheci e nos tornamos amigos. Feito isso, convidei Marcelo a passar em casa para tomarmos uma cerveja hora dessas, e em um sabado combinado, ele passou la. Ficamos bebendo algumas cervejas e jogando conversa fora, antes disso disse a minha esposa que ele era um cara legal e tal, e ela responde"...que bom, ele é legal mesmo" na qual vi um sinal verde para algo mais profundo.Era é poca de ferias escolar e meu filho tinha ido para Sp na casa dos avás e nás moramos em Curitiba, ou seja, estavamos solteiros, foi quando entre uma bebida e outra e minha esposa acompanhando tudo sem nada saber, minha esposa foi tomar banho. Fui atras e e disse ja movido por umas cervejas a mais, para ela se produzir, para que meu amigo visse a mulher deliciosa que eu tinha. Dito e feito minha esposa acabou o banho, se perfumou, colocou um salto alto que a deixa mais gostosa, ainda mais com aquele rabao, um shortinho curto e super cheirosa e veio até a sala onde estavamos.

Marcelo ficou abismado a hora que a viu, com aquele shortinho jeans curtinho e com aquele salto ele ficou maravilhado.Minha esposa disse se estavamos com fome e foi até a cozinha preparar uns petiscos de salame, onde dei um toque a ele e o esmo foi atras dando a desculpa de ajuda-la. A hora que ele a viu na pia com aquele bundao empinado ele logo a ecncoxou e disse se poderia ajudar bem aos pés do ouvido dela,e ela muito safada, ria e rebolava para deixa-lo ainda mais louco.

Ela disse para que ele voltasse para a sala senao eu ia desconfiar, pobre dela mal sabia, e ele voltou e observei pelo volume do pinto na calça que ele estava louco ja.

Ela voltou com os petiscos e colocou na mesa de centro da sala empinando a bunda em direção a ele na qual aquela bunda enorme ficou na cara dele, ai ele nao aguentou e deu um beijinho de leve, coisa que vi que nao percebi, mas pelo uspiro e pelo gritinho que ela deu, observei que ja estava pingando de tao excitada. Ele foi ao banheiro e aproveitei e disse que ela estava deixando ele louco, e pedi para que tirasse acalçinha e ficasse sá de shortinho, que quando ela sentasse daria para ver a bucetona dela, pois como ela é fofinha, tem uma bucetona grande. Dito e feito foi o que ela fez, ela me olhava com aquele olhar de safada e me disse no meu ouvido, "....hoje meu corninho, voce vai ter o que sempre quis..." e me beijou como se fosse uma puta de bordel.

Quando Marcelo voltou ela ja estava mais relaxada, ao meu lado de frente para ele, se soltando e abrindo e fechando aperna propositalmente onde dava para ver seus labios vaginais, erra um jogo erotico que ela fazia com ele, e, o mesmo nao conseguia nem piscar.

Derrepente ela disse que iria ao banheiro e ele através de um toque que eu dei para ele, esperou ela ir e foi atras, como minha casa é um sobrado, ela usou a suite, resolvi aguardar uns minutos e fui atras para ver o que estava acontecendo, quando subi as escadas me deparei com um visao incrivel. Minha esposa deitada na cama de bruços e ele de cara naquele bundao, ela de shorts e ele lambia a bunda dela de tanto tesao.Ela rebolava e dizia .."cuidado que meu marido pode subir aqui..." e ele respondia..." ele pode me matar, mais quero foder voce bem gostoso, e tenho certeza que ele vai adorar..."

Minha esposa nao aguentava mais de tesão, quando ela me viu que eu observava tudo e para que aquele tesao nao acabasse pulei na cama e dei um beijo na boca dela e disse..." amor, hoje voce vai ser a puta que eu sempre quis,..." e ela respondeu..." e voce o corno que sempre quis ser..."...e me beijou e ele nao tirava a cara daquele rabo maravilhoso. Foi quando ela ergueu o corpo para que ele tirasse o short dela, e ele ja tirando tudo de imediato a deixou peladinha com aquela xaninha linda depilada e prestes a ter uma pica diferente Ela estava louca e olhou para mim mandou um beijinho de safada e disse..." vem Marcelo, hoje vou ser sua puta!" e ele ficou louco chupando aquela buceta carnuda, metendo a cara toda nela, e eu ali, observando tudo, louco nao acresditando no que via minha esposa rebolando igual a uma puta no cio na cara de outro home, tive um momento de ciumes mais o tesao que rolava naquele quarto era demais foi qundo ela me olhou e disse..."corninho quero que o Ri me foda, pode ?."

e eu repondoi ..." voce que sabe, quero tudo e ele fara tudo com voce..." e ela rindo me olhava com cara de puta satisfeitra e vingativa.Ele a virou e começou um papai mamae que as pernas dela ficavam no ombro dele, ela gritava tanto que achei que os vizinhos iriam ouvir, mas o tesao era demais. Derrepente ele saiu de cima dela e começou a chupar freneticamente sua buceta e ela me chamou e disse," corno ta gostando de ver outro me fuder bem gostoso né, entao aproveite que estou adorando..." ela pegou no meu pau e começou uma chupeta fantastica enquanto ele a chupava.Ela disse que queria um 69 comigo enquanto ele fudesse sua buceta . Dito e feito, enquanto ele bombava nela, aquele saco relava no meu rosto e eu viu de pertinho o pau dele entrar inteiro nela.Fiquei feliz com tudo o que estava acontecendo. Ele colocou ela de 4 e começou a come-la e derrepente ele começou a colocar um dedo no cuzinho dela, cuzinho que ate entao eu nunca havia comido, e ela nada disse e correspondia bem sossegada, derrepente ele disse..." puta, aora vou te foder o cuzinho, e ela disse.." nao, meu cuzinho é virgem, mas ele sem dá colocou a cabeçinha e foi forçando, ela querendo fugir mais era impossivel. Ela me olhou e disse.." nem voce comeu corninho e agora ele vai comer.." fechou os olhos e empurrou com tudo. Começou a bombar freneticamente e o choro dela de dor começou a ser a gemido de prazer. Derrepente começou ele a bombar mais rapido e ela gemendo mais alto onde observei que seria o gozo dos 2.Ambos deram um urro animal e ele gozou no cuzinho de minha esposa que estava satisfeita e estasiada. Ele se levantou, foi tomar um banho e deixou ela ali descansando esporrada no cu e na bucetinha. Acompanhei ele até a porta, ele me disse que realmente eramos legais e assim que resolvessemmos ter algo diferente era para ligarmos.

Subi rapido para o quarto e ela ainda estava ali descansando nao aguentei, fui até aquela xaninha e cuzinho esporrado por outro macho e senti aquele cheirinho ded quem sá viveu isso sabe, e lambi todo a porra daquele macho que acabara de sair e ela nao aguentava e dava reboladinha me chamando de corno e que me amava.

Somos muito felizes e amo minha esposa etemos varias experiencias que contarei dependendo dos comentariso que fizerem aquiabraços a todos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


amanda boquete contoscontos maravilhosos de encoxadasconto de arrebentando o meu cu com a pica grandecontos eroticos casado medico gordinhoeu.tinha.cinco.anos.e.ja.dava.o.cu.pro.meu.primo.contos.prpibidosContos eroticos: Fui forcada por meu pai ohohhcontos arrombei minha mae com mega rolaocontos minha irmãzinha tinha mania de sentar no meu coloMinha mulher gosta de mostra a buceta pros meus amigos ai eles comem Ela contos eroticoscontos enquanto dormiafestinha no.ap contos gayinquilino viu as minhas calcinhas contos eroticoPrimeira vez q dei o cu vestido de travestTreinamento de cachorros para zoofiliawww.acordada por papai videos incestomulher enrabada no banheiro femiininocontos minha irmã minha putanovinha que queira trocar msg e gozar muitofudendo discretamente de ladinho na Praia cheiacontos eróticos de gay e titio e amigocontos eróticos conaconto erótico de corno chupador de arrombadaescravizando minha funcionaria conto eroticovideo porno primo sente atração pelo outro primo homensContos fui estud fud mãe e filhameu pai fogoso contocontos eroticos crente coroa peidando no paucomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contosvideos porno pai afunda as tanga da filha virgemcontos maravilhosos de encoxadasminha mae tava dando a buceta pro papai e fraguei contos eroticoshistorias eroticas comendo a irmãcontos eroticos sou casada o velho da chacara sozinhoporno policia agelma ou marido fode amulherviciadopor bundas super rabudasconto erotico estou gravida do meu irmãochantageada e humilhada pela empregada negraconto menor me comeucontos eroticos convenci meu priminho vestir a calcinha de sua maecontos bi minha tia me pegou dando pra o meu tioou porn contos mãe traindo com um negroestalos da cama-contos eróticosmamilo gigante vazando contovoyeur de esposa conto eroticohistorias de transascom orgias inesqueciveisperdi minha mulher no jogo contos eroticosconto erotico me mentiu e me comeulesbicas presediarisContos eróticos de mamãe ensinada a filha ser putacontoso tecnico em informatica me comeuComtos professoras novas casadas fodidas na sala de aula pelos alunosSentir tezao por tênis feminino e normalContos eróticos que rola grande no meu cu zinho apertadinhopeoes de rodeio batendo punheta escondidoconto eurotico namorada chupeteiracontos eroticos enfermeirasconto erotico raquel morena deliciosaela pediu pra parar mas continuei fudendocontos eroticos em familiaparticipei de uma suruba contosgeovana tira a calcinha e da a bucetaEu vi o tamanho da rola do meu irmão na sauna contos de incesto femininoxvidio.esfregando o pau so no short vermelinhocontos de coroa com novinhoconto minha mae so me provova e me deicha de pau durocomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contoshomem de calcinha enrabadoConto comendo a gorda casadaconto porno esposa na praia com amigaconto erotico viado afeminado escravizado por macho dominadorsou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anospedreiro gozou vendo munher lavando roupas/conto eroticoEla pediu pra cheira e ele esporou nacara delaContos eroticos o marido gostoso da primacontos minha primeira vez a trespeguei meu sobrinho mexendo nas minhas calcinhacontos de aluciando pela buceta peluda da maecontopaugrande