Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA SEMANA

Click to this video!

Meu nome e Marcelo, trabalho no setor de marketing de uma grande empresa. Ano passado a empresa me mandou para uma conferencia de uma semana no interior do estado, todas as filiais mandariam seus representantes. Acabei dividindo o quarto com um cara da filial de curitiba. Boa gente, uma conversa boa, depois do primeiro dia a gente acabou ficando conversando ate mais tarde no quarto do hotel. Tava ficando tarde, ele levantou da sua cama para tomar um banho. Girei os canais do hotel, esperando ele terminar para poder tomar meu banho, ia ser otimo pra relaxar da viagem. Ele saiu enrolado numa toalha, entrei, tomei meu banho tranquilamente. Quando sai do banho ele estava deitado na cama dele, vendo algum canal erotico. Acariciava de leve o volume, dava pra ver que era grande. Ele sorriu quando me viu, pediu desculpa e disse que tinha ficado com tesao pelo filme. Eu disse que tudo bem, nao tinha nada demais e deitei na minha cama. Ele sorriu de novo e aproveitou pra ficar mais a vontade, tirou a toalha pra apreciar melhor o filme. Acabei dando uma olhada no pau dele, era bonito. Grande, ele acariciava bem de leve. Ele sorriu e comentou "que gata ne? Ela deve adorar chupar, nao acha?" Respondi que sim, deu pra perceber seu pau crescendo mais um pouco. Fiquem meio sem jeito pela situaçao. Ele continuou "ja imaginou? O pau crescendo dentro da boquinha?" Nao disse nada, mas olhei sem querer o pau dele de novo. Ele so sorriu, abriu um pouco as pernas deixando mais a mostra. Comecei a imaginar se ele nao tava me provocando. Pensei que fosse paranoia minha. Era bonito mesmo, daqueles raspados, sem nenhum pelo. Ele percebeu eu olhar e disse "linda ne?" Respondi um sim meio sem jeito, sem nem pensar. Tentei disfarçar. Ele sorriu, voltou a olhar o filme, acariciando bem devagar a rola e começou a dizer "Ela e bonita mesmo... uma vez um colega de quarto nao conseguia parar de olhar. Achou ele lindo." Me espantei um pouco com a conversa. Percebi que a rola dele ate brilhava de tesao. Ele sorriu pra mim e continuou "Fiquei curioso, deu pra ver que ele tambem. Acabei levando a melhor chupada da minha vida." Fiquei mais sem jeito pelo que ele tava falando. "Voce nao imagina o tesao que ele sentiu chupando..." Olhei pra ele sem nem saber o que dizer, vi o pau dele enorme, duro. Era grande e grosso, a cabecinha rosadinha. Ele virou um pouco pro meu lado, deu pra ver melhor a rola. Dai disse "Depois ele me contou que o que deu mais tesao foi sentir a cabeça pulsando na lingua." Ele sabia mexer com a curiosidade, eu nao conseguia tirar os olhos daquela cabecinha inchada. Nunca tinha visto um cacete lindo como aquele. Ele virou mais um pouco, ficando sentado na cama. Deixou as pernas bem abertas, dava pra ver direitinho. "E o sabor entao..." Ele sorria, continuava acariciando bem de leve. Se divertia ao ver que eu parecia hipnotizado. "Ja imaginou o sabor?" Eu nao acreditava na cena, nunca tinha sentido nada por homem, mas nao conseguia tirar os olhos. Ele se levantou sem pressa, sua rola ficou pertinho do meu rosto. Eu sabia que tinha que me afastar, mas nao me movia, so olhava. Ele acariciou meu rosto, perguntou "e lindo ne?" Sussurrei um sim, quase sem voz. Ele pediu "abre a boquinha, abre..." Olhei pra cima, sem saber o que dizer. Ele acariciou mais e disse "abre, voce vai adorar o sabor". Nao deu pra resistir. Abri um pouco a boca. Ele sorriu, vi a rola se aproximar. Senti a cabecinha encaixando direitinho nos meus labios. Uma pulsadinha. Nao resisti e estiquei a lingua pra sentir o sabor. Senti ele apoiando a mao na minha nuca e sua rola deslizou lentamente pra dentro da minha boca. Fechei os olhos. Senti pulsar na minha lingua, nos meus labios. Era grande, bem grossa. Nao entrava nem a metade. Aos poucos o instinto tomou conta e comecei a subir e descer os labios naquela rola linda. Ele dizia "chupa delicia, chupa gostoso..." acariciava meu rosto e gemia de prazer. Segurei firme a sua rola e comecei a chupar com vontade. Sentia as pulsadinhas, o sabor. Sentia ficando ainda mais duro na minha boca. O safado apoiou a mao na minha nuca e começou a afastar a rola, ate sentar na cama. Segui ele com a boca, ficando de joelhos. Ele urrava de tesao e eu sentia um tesao enorme, chupava com força, punhetava ao mesmo tempo. Nunca imaginei sentir tanto tesao ao dar prazer a um macho. Ele me acariciava o rosto, a nuca, gemia forte, me dizia "chupa, mama, tesao. Sente como ele adora a sua lingua, sente... boquinha deliciosa..." Meus labios subiam e desciam com força, deixei a boca bem apertadinha. Senti seu pau começando a inchar. Ele urrava cada vez mais. Percebi o que estava pra acontecer. Tentei afastar o rosto. Ele me segurou pela nuca. Senti seu pau inchando mais, pulsando bem forte. Ele deu um grito de prazer, seu pau explodiu e inundou minha boquinha de porra. Senti o gosto forte, ele nao deixou eu afastar. Acabei engolindo uma parte. O resto escorreu pelo queixo. Senti seu pau pulsando e jorrando, ate que foi diminuindo dentro da minha boca. Ele relaxou, tirou o pau e ficou acariciando meu rosto. Sentia ainda o gosto forte da sua porra. Ele me olhou e agradeceu, "a sua boquinha e uma delicia". Fiquei meio sem graça, mas ele foi muito carinhoso. Acabei gostando da experiencia. Durante o dia a gente agia como se estivesse tudo normal, mas acabei chupando ele todas as noites, ate acabar a semana da conferencia. Aprendi a beber tudo e com paciencia e muito carinho ele acabou me ensinando a engolir cada centimetro do seu pau. Foi dificil receber tudo aquilo na boca, mas foi um tesao sentir seu saco no meu queixo. Nos ultimos dias, quando eu ja estava acostumado, ele adorou comer a minha boca como se fosse um cuzinho, urrava muito de prazer. Uma vez ate gozou dentro da minha garganta, acabei engasgando mas foi um tesao. Tambem matei a curiosidade de abocanhar seu pau mole e sentir ele endurecendo dentro da boca. Aquele pau era muito gostoso, acabei viciando em chupar e a sua rola viciou na minha boca. Se ele pedisse eu chuparia o dia inteiro. No ultimo dia fiz uma deliciosa chupeta de despedida, com direito a beijinhos, beijo de lingua na cabecinha, ele amou. Depois cada um voltou pra sua vida, a gente ainda troca alguns e-mails, mas ainda nao deu pra gente se ver. Acho que nunca senti tesao por outro pau como senti por aquele.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


porno policia agelma ou marido fode amulherum bode fudendo variss cabritinha vigemresguardando a namorada contomulher botando a x*** para o cachorro lambercontos eróticos gays cavalgando no tiohttp://googleweblight.com/?lite_url=http://idlestates.ru/m/conto_27789_a-filha-do-pastor-trai-o-maridinho-com....html&ei=1oTtrbBr&lc=pt-BR&s=1&m=808&host=www.google.com.br&ts=1495076218&sig=AJsQQ1AbXAP1GMmL_jJ_BMz5hNlYHPUBFQcontoseroticosgordinhaestuprada na festa contos eroticosvidiomuher com camizocontos eróticos fictício de ginecologista e grávidaconto erótico a manicure lesbicanoite pono nata dormiucontos eróticos de lésbicas meu marido mandou sua irmã me ensinar a dirigirbochechas da bunda da minha irmãcontos eroticos enrabada a forca pelo padre dentro da igrejacontos eróticos no elevadorContos eroticos eu meu tio e minha mulherminha cunhada gosta de piroca grossa,contos e relatos eroticoscontos enfiei tudo a minha picona nele e ele reclamou muitoTuco e nene buceta da grande familiAContos tia de saia curtaContos eróticos gay Comido pelo Amigo do meu paiconto erotico esposa olhava por marido e gemia com cara safadaconto.erotico.tia.sogra.cunhadaDona Florinda chupando a rola de Seu Madrugabitei no cuzinho da minha enteada caçula dormindovidiod etoticos madrata dominando a esteadagozei nas coxas da filha contosTransei com minha quando agente brincavaCanto erotico de velha 68 anosconto punheta depois futebolcontos armei estrupo para minha esposaFAMÍLIA LINDA CONTOS ERÓTICOSbotando caralho no cu do bebadoContos eroticos com cunhadascontos eróticos esposas traduzidas na minha frenteContos eroticos engravideicontos erótico meu pai meu cafetao contosConto erotico sou madura e vadiacontos eroticos com pescadorsogracarentepornoContos erotico sogra fiu filha batendo punhetacontos de menininhas sentando no colo de homenscontos eróticos um casal transando na sala enquanto os pais tiram um cochiloconto erotico policial beijou minha namoradamulher enfiando chave de fenda no pênis do homem xvideosvideo de sexo c langerricontos Surpreso em ver tia sem calcinhamassagem de homem com mulher depois fudela contos eroticos novinha coroa ricovovô lubrifica o pau come o cú da netinhacontos eroticos minha mulher me castiga apertando minhas bolascontos sou puta e insaciável por rolasocando na minha irmã compressão sexetia peruca gosta de chupar pau e a buceta sai muita gozacontos erotico farmaceutico macho negao fodendo gaycumendo cuzinho gostozinhocontos erótico me rasgaram mo acampamento chiquinha arrombada contos porncomi a n********* na mata contos eróticosminha mae me ensinou a ser puta do meu padrastocontos eróticos virei cdzinha do vizinhocontos eroticos fui estupradacontos iniciando a esposa na dpcontos eroticos medicocontos eroticos inocenteCamila minha enteada Tirei o c***** dela bem gostosouma médica v**** chupando pinguelo da pacientehomens velho gay contoscontos papai socou tudo no cu da filha ela se cagouvideos de peladas e meladas de manteiga no cuporno mobile sequioso animal com mulheresela gritou dizendo q seu cu tava doendo contos