Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

LOIRA SARADA E NEGÃO DA CONSTRUÇÃO

Click to Download this video!

Bem, Meu nome não posso revelar, então vou me chamar de JUJU, tenho 27 anos sou corretora de imáveis, casada há seis anos com Marcos, engenheiro 38 anos, moreno claro, 1,67m, com aquela barriguinha de cerveja, ele não é muito de praticar esportes, gosta apenas de sair com os amigos para beber. Como já disse tenho 27 anos, sou loira 1,70m, olhos castanhos claros, rosto de boneca, pele super bronzeada, cabelo liso até na altura da bunda, peitos médios durinhos e muito empinados, e um bumbum que é de parar o transito, tenho 104 cm, muito grande, redondo e duro, zero de celulite, pois malho dês dos 19 anos, as mulher ficam morrendo de inveja e perguntam o que eu fiz para ter uma bunda dessa, mas é genética mesmo, e mas um detalhe que não posso esquecer, como sou bronzeada tenho aqueles pêlinhos loiros que todo homem gosta, nas coxas e no bumbum, modéstia parte não tem um homem que não olha para eu na rua. Na academia eles me chamam de pâniquete pois dizem que eu pareço muito com a JUJU do programa pânico, por isso escolhi esse nome.

Vocês devem estar perguntando o que uma loira tão gostosa como eu esta fazendo com um baixinho barrigudo, hehe, na verdade muita gente me pergunta isso, mas as coisa acontecem casei nova, com 21 anos, ele mas velho, eu bobinha me apaixonei e casei. Ele morre de ciúmes de mim, vivi implicando comigo mas eu não dou nem confiança, nunca tinha traído ele, nem passava por minha cabeça, não era disso, até que comecei a dar umas aprontadas depois de saber que ele já tinha me traído, vê se pode ele me trair.. Fiquei muito puta, mas resolvi dar o troco calada, não briguei nem nada, mas queria dar o troco. E aqui vou relatar minhas traições pois não tenho como contar isso para ninguém, e já estou pirando... preciso desabafar.

Hoje vou contar como foi minha primeira traição. Depois de traída, perdi aquela preocupação de estar ou não estar dando mole para alguém e queria me divertir, perdi o respeito pelo meu marido. Como eu disse eu trabalho como corretora de imáveis, mas dificilmente ia às obras em si, sá em um dia ou outro, pois me sentia mal, pois os piões ficavam me comendo com os olhos, todos mexiam mas, nenhum nem tentava me cantar pois sabiam que não tinha chance, sá mexiam, coisa do tipo, o que é issooo... que gostosa...que rabo ;.... etc.. eu ficava toda sem graça, eles ficavam cochichando e rindo. Meu patrão não gostava que eu fosse, pois parava literalmente o trabalho deles. Mas depois de ser traída não ficava mais sem graça e passei a ir mas vezes lá.

Em uma dessa idas, quis chamar mais ainda a atenção deles, fui com uma sainha branca super apertada mostrando todas as curvas que tenho, peguei um fio dental preto, que sumiu no meu rabo, um decote que deixou meus peitos pulando pra fora e coloquei um salto, estava muito gostosa e queria deixa aqueles peões loucos, quando entrei na construção a obra parou, eles ficaram doidos, fiquei morrendo de medo de ser estrupada ali, porque nunca tinha visto eles assim. Andando pela construção vi uma cena que me deixou espantada, um negro urinando, em um cantinho na parede, isso é extremamente proibido, e logo fui chamar a atenção, quando ele virou fiquei mas espantada ainda, ele segurava o seu pinto e era muito grande, algo que nunca tinha visto, tentei disfarçar, e perguntei o que ele pensava que estava fazendo, ele pediu desculpas e disse que isso era normal nos outros locais onde ele tinha trabalhado e que era primeira semana dele no trabalho, e ele ainda balançando seu pau enorme bem na minha frente, eu estava toda sem graça mas não consegui tirar os olho daquilo com cara de espanto, devia ter uns 24 cm, muito grosso, era um cavalo. Ele percebeu meu espanto e perguntou sinicamente, mais algum problema senhora, respondi não.. e ele foi mas ousado, nunca viu um desse né: Fiquei calada mas me tremendo toda, sai rapidamente para que ninguém percebesse a cena que estava acontecendo e voltei para o escritário.

Chegando em casa não conseguia fazer outra coisa a não ser pensar no que tinha acontecido e o que tinha visto, aquilo me deixou muito excitada, estava pegando fogo, de noite com meu marido, fui procurá-lo e ele incrivelmente broxou. Aquilo me deixou ainda mas furiosa, estava com muito tesão, tomei um banho frio e tentei dormir.

NO outro dia fui me arrumar e já pensando no negão peguei a saia mas safada que tinha curtíssima, com uma calcinha de renda toda atolada na bunda, na verdade todas as minhas calcinhas somem na minha bunda, um decote mostrando ainda mais que no outro dia, e fui trabalhar.

Chegando no estacionamento quem eu vejo chegando o negão e mais três amigos, quando eles me viram ficaram malucos e começaram a mexer.. nossa dona juju, desse jeito agente não trabalha, você ta muito gostosa.. fingi que nem ouvi e entrei no escritário. Quando entro no escritário sá tinha eu e meu chefe, homem de uns 67 anos de idade, bem velinho mesmo, mas muito rico. Ele me pediu para chamar um funcionário da obra que ele queria conversar com ele pessoalmente e sá eu podia chamá-lo pois muita gente ainda não havia chegado para que fosse chamá-lo.

Quando subi, apenas os três e o negão haviam chegado, e perguntei se o funcionário .. havia chegado.. logo o Negão chegou perto de mim e disse, no meu ouvido, loira quero muito te comer, me da seu telefone, vamos sair.. fiquei tremendo.. e respondi que nunca.. e logo pegou um pedaço de papel e uma caneta e escreveu seu numero e me deu, e disse novamente no meu ouvido, quero muito te mostrar ele em ação.....fiquei... paralisada.. ele aproveitando o meu nervosismo pegou minha mão e colocou no pau dele sobre a calça, fiquei toda sem graça mas aquilo tinha me dado um tesão incontrolável, para que os outros não percebessem sai rapidamente mas levando seu numero.

Fiquei o dia todo pensando no que tinha acontecido, e fui para casa, chegando lá.. meu marido disse que tinha que viajar e sá voltaria no domingo à tarde, era uma sexta feira. Falei que estava tudo bem e que poderia ir, ele disse que era para pedir a empregada para passar o final de semana aqui em casa,para não ficar sozinha, eu disse que faria isso. Ele me deu um beijo e saiu. Minha cabeça virou, fiquei louca de tesão mas morrendo de medo do que poderia acontecer, não liguei pra empregada foi nada, era melhor ficar sozinha, quem sabe não tomava coragem de encarar aquele negão pirocudo.

Na sexta não tomei coração, estava com muito tesão mas morri de medo, mas no sábado quando era 5 da tarde tomei coragem e liguei. Ele atendeu e disse quem era, ele pirou.. nossa dona JUJU.. e ai vai querer ver ele em ação... falei que queria mas ele tinha que ser carinhoso pois eu nunca tinha ficado com um tão grande.. ele ficou mais empolgado ainda, passei o endereço e marquei as sete da noite.

Fui correndo no guarda roupa e peguei umas calcinha vermelha atoladinha como sempre e coloquei um baby-doll rosinha. E esperei...

Não demora muito e o negão chega, todo suado, de bermuda e camisa regata, mostrando seu físico malhado. Quando ele me viu já foi para o ataque... falando que eu era a mulher mais gostosa que ele já tinha visto.. e já pegando na minha bunda.. eu fiquei assustada mais, deixei, na verdade eu tava doida por aquele pau.. sem demora eu abaixei as calças dele ficando de cara com aquele monstro... cai de boca naquele pau... mas mal conseguia colocar na boca.. tinha que abri a boca toda ... mas fui chupando muito babando muito, lambia tudinho, até as bolas.. eu estava loca de tesão, o pau do meu marido era um chaveirinho perto daquele pau gostoso... chupei durante uns vinte minutos e ele não aguentou.. gozou na minha boca... eu nunca tinha deixado ninguém gozar na minha boca... mas estava tão louca que bebi tudo... e era muita porra... encheu minha boca todinha.. Pra mim ele ia dar um descanso depois de gozar mas para minha surpresa o pau dele continuou a mesma coisa, até maior...

Ai ele me disse bem gostoso no ouvido, agora vou ter chupar todinha, nossa que língua.. ele colocava a cara na minha bunda e lambia meu cuzinho, depois de frente na buceta, me beijava todinha.. me chamava de puta, gostosa,, safada...cavala... etc.. me colocou de quatro e começou a penetrar... eu gritava muittoooo... era muito grosso e grande... na sala onde estávamos tinha um espelho grande, onde via ele atrás de mim com aquela vara.. e eu linda.. com minha bunda empinada e ele enfiando.. nossa eu loira e ele negão... que tesão vendo aquilo me disse por dentro, quero sá meter com negão agora.. nossa... eu gritava como uma puta.. ficamos mais de uma hora pra ele conseguir me penetrar de verdade, ele metia devagar, pois se não não aguentaria tanta vara.. muito tempo depois ele começou a meter com mais força... eu já tinha gozado duas vezes.. mas não estava satisfeita e ele não tirava o pau de dentro.. falava que era pra acostumar que ele queria me pegar de jeito...vai acostumando piranha que daqui a pouco vou te rasgar toda... eu gritei e pedi... então vai negão mete tudo seu pirocudo, come sua puta loira.. mete com força...nossa pra que eu disse aquilo, ele já todo suado começou a me rasgar toda.. o suor espirrava e ele socava, batendo na minha bunda.. e enfiou tudo, eu gritava como um louca...ele ficava uns 5 minutos socando direto.. depois parava e continuava.. me colocou em pé na parede e socou com mais força ainda.. até que ele falou que ia gozar de novo.. gritei pra ele gozar na minha boca de novo.. tinha adorado.. ele tirou o pau da minha boceta, me botou de joelhos e ele gozou em mim todinha..e encheu minha boca de porra..tomamos um banho na banheira. Metemos a noite toda e ele ficou doido pra comer meu cuzinho.. chegou até a enfiar um dedo.. mas não deixei, falei que não aguentaria, e que deixaria pra práxima.. ele ficou doido e de manha foi embora.. No outro dia no trabalho fingi que nem o conhecia, e não meti com ele mais ..pois não queria caso com ninguém pra não dar bobeira, larguei o emprego pois ele ia com certeza contar pra todos os outros peões.

Até o práximo.conto...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha mae e filhos conto eroticocontos reais de exibicionismo com roupas sensuais para entregadorconto erótico "comeu meu marido "comendo a deficiente contos eroticosmeu cuzinho desvirginadovideos bichobruto cavalo comendo égua Gozando nas tetinhas contos eróticoscontoseroticos assaltoeu sei que ele quer um pau, contoscontos de esposa dando pro cunhadoirmão roludo cone urmã dormindofui me encontra com o cara ele tinha um pau deliciosocontos eróticos encontrar minha antiga namorada depois de 30 anosdeu sonífero para comela prnoconto sou novinha e toquei punheta pro tioContos nao sabia bate punheta amiga de mamae me explicounovinhos fodeno apremira veizhomens velho gay contoscontos eroticos/comeu novinha peludinhawww.conto mimha mae min torturou com vibradores na bucetazoofilia ela casou com negao mais quando viu o tamanho do pau enorma dediu ajudaa maecontos de filhos que sentou no colo do paizãocontos eroticoscomi minha irma drogadacontos de cú por dinheirocontos eroticos gays meu filhinho pequenoContos heroticos gays e heteros Brutosinquilino do meu esposo contos eroticoContos eroticos emprrsarios dupla rcontos porno esposas estuprados submissoscontos gay amigo da minha irmaContos eróticos gay de calcinha brincando de esconde esconde no sítio do tiu e deuconto erotico puxou o cobertor e viu minha pica grossaconto erótico greludinha amiga chupa chupa flagraPorno contos avos iniciando ninfetinhas no incesto maes paispezinhos perfeitos da minha erman conto eroticosexo contos eu e meu filho adotivo fizemos sexomarido menage experiencias swxuais veridicasa irma dela dorme conosco de calcinhaconto erótico de guri afeminado,chupadorContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindo no chaoContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de visitas orasguei a bucetinha da minha filha de sete anosbotamos pra fuder contoscontos eroticos estuprada e gemendo gostoso issooo vaiiii nao paraSou gay e tranzei com um travest contos eroticocontos de surubas inesperadas com esposa e travestiscontos eróticos mulheres mais vadiaso pai da minha amiga é um tesão contos eróticoscontos eroticos pintor gozou nas minhas calçinhasconto eróticos com velhinhacontos eroticos arrependidaContos eróticos fiquei desemprego e o nosso velho vizinho rico comprou minha mulher 3Contos de comadres lesbicasconto minha mulher e um cao d rua fodendoprofessor de natação metendo a vara na colegaconto de o tenente me chupou muito gayconto erotico sodomizando a bucetacontos ainda menina dei pro meu irmaozinhoSiririca contosContos de homens casados maduros,que gosta da sadadeza gayCasada viajando contosgarota no cio brincando com cachorrocontos eclxado a tia de sainhacontoseroticos comeu a namorada de calcinha fio dentalAtras da casaxvidioconto erotico filha mamae me ensinou a ser putinha parte 2contos eroticos mae acidentadacontos eróticos de gay Fui Comido pelo meu colega de trabalhosoquei a rola na sogra contomulher enfiando chave de fenda no pênis do homem xvideosmeu buraquinho guloso no teu pauConto erotico rapaz nao sabia bate punheta cm 19 ano pai ensinou a bate punhetatudas conto erótico de karlaconto minha mulher cheia de porrameu policial gostoso chupou meus seios e grelinhocontos erótico menininho na faxina pessoas fazendo sexo gostossooooconto porno a virgem babiconto erotico com imagens impregada com o irmão da patroa de pau grandeconto minha noiva era viciada em dar o cuzinho antes de ficarmos juntoscontos coroa 58 anos pau grossovideornpossdei para meu genromulher poe seu cachorro dormir com ela e acaba deixando ele lember sua bucetacontos trocando sexo por TCCfui arrombada contoswww.contos eroticos corona novinho.brSEDUZI MEU PADRINHO +CONTOSMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .Paraíba putinhobaixo forte troncudo e pau grosso gaycontos eroticos traindocontos o moleque safado e dotado me provocava usando sungaela me contou que estava toda assada de fuder a noite toda