Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIREI CORNO E ADOREI

Click to this video!

VIREI CORNO E ADOREI



Verídico. Aconteceu em 07-11-2010. Temos 28 anos, casados, com filho, Ela morena, com 1.60m, magra, com seis fartos, uma barriguinha malhada, com bumbum redondinho e rebitado, uma boquinha de causar inveja, que vamos chamar de A. Em nossas transas sempre tive a vontade de vê-la ser possuida por outro homem, com um dote avantajado, mas sempre com receio de comentar isso com ela. No entanto, para apimentar nossas transas e satisfazer um pouco a minha fantasia, compramos dois consolos com vibro, um de 16cm e um outro de 21cm ela sempre refutava o consolo maior dizendo que não iria aguentar, apenas chupava em nossas transas, e eu sempre no calor das transas falava para ela imginar dois paus lhe pegando, e ela virava os olhos de tesão, comecei a perceber que ela começou a gostar da idéia. Mas nunca comentamos sobre o assunto. No dia 06 fomos convidados por um casal de amigos a passar o dia seguinte no sítio deles, com a família e as crianças, para aproveitar a psicina a sauna, e fazer um churrasco e cerveja, passamos quase o dia inteiro bebendo e comendo, quando a esposa do amigo L falou que iria levar as crianças embora e iria levá-las para tomar banho e dormir, sendo que o nosso filho quis ir junto dos amiguinhos. A esposa do amigo L levou as crianças e pediu para nás ficar a vontade, pois tinha muita bebida ainda, e o sítio é bem práximo da cidade. Ao ficarmos apenas nás três quase escurecendo minha mente ficou sá imaginando sacanagem, pois nosso amigo L é avantajado, pois o dia inteiro estava de sunga e ela minha a A não conseguia deviar os olhares para aquela coisa grande, ficamos no racho ao lado psicina, continuamos a tomar cerveja, eles L e A sem qualquer intenção, quando comecei a falar de sacanagem e tal, e percebi que L ao levantar para pegar mais cerveja estava com pau latejando na sunga, quando foi que A olhava para mim e disfarçava. Então levantei falei que iria até cidade comprar cigarro que tinha acabado, e olhei para os dois falei para eles se comportarem sem a minha presença, quando ambos deram uma risada bem sacana. Fui até a cidade e voltei em menos de 5 min, quando voltei senti aquele calor no ar e cheiro de buceta, sendo que os dois tentava disfarçar com medo de eu falar alguma coisa, foi quando sentei peguei um copo e falei para eles que podiam continuar o que eles estavam fazendo que eu sai para os dois começar, “A” ficou vermelha sem graça, quando virei para ele e disse se ela era como macarrão estâtaneo se dava para dois, e ela relaxou e falou que sim, sem disfarçar, abaixou a sunga de L começou a chupar e falava para mim “olha o tamanho do pauzão dele”, eu abaixei comecei a chupar a buceta dela, virando os olhos ela pediu para nás dois enfiar os paus na boca dela. Ela começou a chupar os dois, ela até tremia de tesão, L colocou ela de quatro e começou a chupar ela e dizia que ela era um tesão, e ela chupando o meu pau, foi quando L saiu e pediu para esperar que iria até a casa do sítio pegar uma coisa, e ela chupando. L chegou com lubrificante anal e deixou em cima da mesa ela quando viu, pensei que iria ficar com medo, pois não gostar de fazer anal, ficou ainda mais louca, o amigo L chupando e ela não resistiu e gozou, quando ele pegou aquele pauzão começou a empurrar bem devagar nela de quantro me chupando, ela virava para mim e dizia: “isso que é pau seu corno, está me tapando inteira” o amigo começou a bombar ela num grito começou a gozar denovo, quando não resisti e gozei na sua boca e ela pedido para ele o amigo, não parar, foi quando ele começou a lubrificar o cuzinho dela imaginei ela vai refutar, começou a rebolar de quatro pedido para ele o amigo colocar pelo menos a cabeça, foi quando ele começou a colocar bem devegar, quando vi estava tudo dentro dela e ele num hurro gozou dentro do cuzinho dela. Saimos fomos para o banho, e ela pediu para eu sá observar que ela queria que ele o amigo gozasse também na boca dela, ela recomeçou a chupar, sendo que foi até ele gozar. Tomamos banho, e combinando para o práximo final de semana nova aventura a tres.

Na volta eu e ela dentro do carro, ela me dizia que estava realizada com o arrombamento acontecido.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu quero ler contos eroticos com mulheres que adora da pra homens da pica de cavalopedi para meu amigo tirar is cabasos da minha noiva contocontos eroticos de casais realizando fantasia com comedordeu sonífero para comela prnocontos cu doce.meu filho viu meubucetao peludo e meteu a rola.. contos.contos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornomeu lobo gostosoporno fode minha buceta vai étoda sua vaiahhhheu vi uma pica toda arregaçadaver treis mulle fazendo travesti cozajapinha.de.baixo da mesacontos comeram minha mulher no colegiominha esposa vestida à vontade em casawww.contos de incesto deixei meu tio chupar minha bucetinhaConto herotico em futibolfui chantagiada pelo meu amigo de trabalhomknha tia pediu pra passar protetor solar contos meu corpo que era devastado pelo seu pau ainda duro contos eróticos Conto so caminhoneiro dei carona uma freira loiraquero ver um vídeo de graça de graça rouba pica bem grossa dentro da b***** entrando bem devagarzinho b************me casei com um cornodei a bunda contoscontos na praia tirou o selinho da cunhadinha novinhaContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposaporno éla dis méche que eu vou gozarminha enteada um tesaozinhoRex dando o cuPMS contos eróticosfamily sex 2 - contos eroticospornodoido transando com mulher peituda e fim de noite espíritaContos erotico sem querer trepei com a cunhada na chacara dela,,,casadeconto heteroconto esposa assanhada meu pai comeubranquinha magrinha de cabelos caracolado danadinhacontos dormimos na barraca eu marido e sogro e o sogro me rabou noite interamora Nana bem gostosa da bundona bem grandes eu dental bem deliciosa néconto erótico as duasme tarandocontos gay o vizinho cadeirantenoite maravilhosa com a cunhada casada contosCorno em calcinha contocontos eróticos com mulher alemoacontos erotico encesto femino eu cgupo minha filha desde os 2 aninhiscontos minha filha tem mega grelaome seguraram e um jegue me arregaçou contos eróticosconto erótico da esposa do meu irmãorelatos eróticos de incesto sogra cheirando minhas calcinha usadasconto erotico gay sexo entre amigos heteroscontos eroticos gay abuso vizinhoPapai derramo leitinho na minha cara contos eróticoscontos de mulheres viuvas sendo pelo penis grandeimagem cuzinho irma contoscontos eroticos eu ajudei meu amigoconto erotico gay estuprado estupradorminha professora me deu carona e pegou mo meu caceteconto erotico puxou o cobertor e viu minha pica grossacontos eroticas uma rapidinha e um goso gostosocontos eróticos primos amantesela tinha escondido dinheiro e chantajiei e comi elaconto erotico minha esposa no jogo de baralhoamamentar o pedreiro contosconto.minha esposa deu para 5contos de coroa com novinhocontos fodi com o meu sogro gstschupada buceta contocontos eróticos fio dental debaixo do ternominha esposa meteno com outro q delicia casadas que postam fotos de itanhaemconto punhetinha gostosaContos minha esposa com velhinhoscontos eróticos me obedece putinhacontos eroticos paguei as dividas da minha funcionária noiva rabudacontos como presenciei um cachorro fudendo uma cadela até engataranita mijando no copoContos gays vestido de mulher a noite na borrachariagostosa com sainha rodadinha e muito curta e homem passando a mão na buceta delaconssegui um cabacinho pro meu cunha do tira contoMeu genro quer me comer e agoraeu, meu marido e uma trans linda contowww.contos de estuprei a gordinhao p****** do metrô mulher relata conto eróticocontos eroticos estuprada no cine porno com o maridozoofilia em canilcontoseroticosdemeninascontos eróticos incesto/dava por dinheiroa caminho da caichoeira deu o cu pro amigo neti