Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

INICIAÇÃO E FIDELIDADE 4 (LONGO/REAL/DETALHES)

Click to this video!

- Parte 4 - final -



Uma vez totalmente alojado dentro de mim, ele começou com um vai e vem frenético, parecia que a muito não comia ninguém, até que em dado momento ele me deu uma cravada bem funda, parou e se retesou todo com o pau todo enterrado nas minhas entranhas, nesse momento pude sentir inteiramente sua pica vibrar, inchar, pulsar e soltar golfadas de leite quente dentro de mim. Foi uma delicia sentir o suco do meu macho inundando minhas entranhas. É uma coisa inigualável, sá mesmo quem já sentiu é que pode dizer a sensação maravilhosa que é.



Essa foi a primeira gozada que o Sidi deu dentro de mim. Depois desse dia e dessa gozada, alguma coisa dentro de mim mudou, passei a me sentir propriedade do Sidi, foi como se ele tivesse me marcado com ferro em brasa coimo se faz nos bois.



Fudemos ainda mais vezes, e com o tempo, já que ele não morava na mesma cidade que a minha, passamos a namorar e a comer muitas garotas. Mas a verdade é que nunca dei para outro que não tenha sido o Sidi.

Hoje, tanto eu como ele somos casados e temos filhos, e nunca mais, há pelo menos uns vinte e cinco anos, nunca mais fudemos, guardo em minha memária até o dia em que ocorreu a última foda nossa.



Mesmo bem casado como sou, ainda sinto muito a falta da pica do Sidi, se eu pudesse e se ele quisesse, ainda hoje manteria esse relacionamento com ele, mas sabe como é, passado tanto tempo, as coisas tendem a mudar.



Tanto é verdadeiro o que digo, que há uns quinze anos, ele veio a mim para fazer um pedido e perguntar quanto eu lhe cobraria pelo que era, e sendo ele meu parente, eu lhe disse, sem qualquer malícia ou propásito, que depois conversaríamos sobre o preço. Ouvi como resposta dele: - “Não gosto desse assunto de conversar depois.”



Pelo que aconteceu entre nos dois, será que ele tem raiva minha?



Sá sei dizer que sinto muita falta do Sidi e de sentir sua pica de novo, mas ante a resposta acima que ele me deu, tenho muito receio de tocar nesse assunto com ele, dele ficar agressivo, nunca mais querer falar comigo e me rejeitar por completo.



Quando o vejo na rua, toda a lembrança do nosso passado me volta à mente, não sei mais o que fazer, e como disse anteriormente, nunca dei para outro que não tenha sido ele, até hoje sou fiel a ele e à sua pica, não me vejo sendo penetrado e submisso a outro, daí toda a minha angústia, pois não sei como chegar a ele, dizer-lhe o que sinto e o que quero, tenho medo de ouvir uma negativa e uma rejeição.

Pois é pessoal, essa é a minha real histária e minha angústia.



Se alguém tiver alguma sugestão, agradeço muito.



Estou publicando meu e-mail, estejam certos que responderei a todos que se comunicarem comigo.



Meu e-mail é: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos erotico frentistacontos u caras muito bemdotado arobou a buceta da mia mulhe na mia frete contossai com um casal contosfui arrombada porvarios contosZoofilia com mais drenacontos de incestos e surubas ferias entre irmas fazendadspai que fica rosado.o pau na buseta da filha bebadacontos eroticos incesto bate com a pica/na cara/da cunhafamae desfilando de calcinha fio dentalcontos de sexo com velhos babõescontos eroticos meu amigo e minha mãecontos eróticos de mães e filho de pau grandecomtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15contos d zoof pegei minha sobrinha c um cachorrometendo com a tininhaamigo emrabando o outro contoContos eróticos brincando de esconde esconde com o inocentecontos porno dava pro meu padastroConto erotico meu pai me cobiçandochupando buceta soltando fumaçacontos eróticos fragei meu tio comendo minha tiapeguei meu sobrinho mexendo nas minhas calcinhaenrabado dormindo acordei gosteicontos eroticos segredos de familia parte 4filho dotado fudendi o pai desejosecretos.comcontos fui comer uma bct chegou na hora era homemConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmaconto eroticocorno me ligou na horapau duro micaelacontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimminha irmã minha amanteComtos mulher fodida pelo marido e o filhocontos eroticos punhetasfui currada na frente do meu maridosou branca e sempre quis da aum mulato mas sou casada contos contos eroticos comendo a prima na casa ao ladorelato erotico marido traiconto erótico bucetas e cu a minha disposiçãocontos eroticos irmazinha se oferecendocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosSafadinho aaa uuucontos eroticos meu primo mauricinhocontos eroticos mulheres de 60 anos gostosas fudendo no estupro e gostandocontos eroticos eu menina engole porra do meu tiocontos eroticos incesto vovô e titio me fuderamlouco pela minha prima contocontos eróticos de bebados e drogados gayscomi minha tia no escurominha filha chantagista contosconto zoofilia fazenda a forca sexoconto erotico comeu a visinhaContos porno dei cu p me sogro por chantagemcontos eroticos estou chifrando meu marido tomando porra do cunhadotravesti arrombou meu marido contocontos cunhada mora nos fundo de casaconto real casada gravida na surubacontos gay o deflorador de bundinhascontos erótico Paráconto sexo gostoso rebola gato gayRejane gosando na siriricaque enganaram e comeram meu cu sem pena contoscontos comi o cu da mamãeconto minha tia pelada no quintalconto gay sai da urgia acabadacontos erótico com viuvascontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erotico emprestando a noivaContos eroticos orgia forçadaMuller casada quer jumento para me ter nelaconto como tornar cornowww.finhinhas.porncontos eroticos filho da minha vizinha amante maravilhosocontos eroticos proibidos meu tio encheu minha boca de porracontos trazei com a amiguinha da minha filha dormindoconto eroticos comi minha vizinha de 7aninhosporno coroa pauzeracontos eroticos com escravas sendo humilhadacontoseroticos irmoes e irmã no assaltoconto adoro cu de casadabrincadeira de lutar comi o viadinho. contos