Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIZINHAS TARADAS POR UM CACETÃO

Sou moreno, 1,90cm, peso 86 kl, corpo atlético, malhado, faço academia a 20 anos, tenho cabelos pretos grisalhos, 44 anos, divorciado e um cacete com 28CM e 7,0 de diâmetro. Dizem, as mulheres é claro, sou bonito e atraente, tanto o externo quanto o "interno"( depois de avaliado ).



Faz 6 meses que aconteceu esta aventura que irei narrar.

Havia uma semana que acabara de me mudar, quando certo dia, era sábado à noite, por volta das 20:00hs, ao chegar práximo às portas dos elevadores, haviam 4 pessoas à espera dos mesmos, sendo que 3 delas se destacavam.



Uma mulher...digo... um verdadeiro avião, 32 anos, loira, cabelos longos até os ombros, seios fartos e duros, olhos verdes escuros, 1,70CM,

coxas grossas bem torneadas, cintura fina e....um bundão arrebitado e redondo, coisa rara de se ver; seu nome: BRUNA

( FICTÍCIO).



As outras, suas filhas, gêmeas, cada uma melhor que a outra, fica difícil vc identificar quem é quem. Suas formas, perfil, como queiram, minha nossa....tal mãe tal filhas... 19 aninhos bem distribuídos, coxas grossas, um pouco menos do que a mãe, 1,68CM, bundinhas arrebitadas e redondinhas, cabelos loiros cacheados, olhos verdes escuros, seios médios para grandes, durinhos, cinturas finas. Seus nomes: BÁRBARA E BIANCA.



Ficamos conversando até o elevador chegar, pois moramos num

edifício com 22 andares, além de demorar, pára muito. Conversa vai, conversa vem, as três, mãe e filhas, quem mais se interessavam em dialogar comigo. Trocamos nossos endereços rapidamente, pois não poderíamos perder tempo.



Assim que o elevador chegou, depois de avaliar se caberiam todos, gentilmente, sugeri se poderia entrar primeiro, pois o meu AP fica no 22 andar, tive aprovação e a BRUNA(mãe), emendou dizendo que seu AP fica no 23ª andar e posicionou justamente atrás de mim, BÁRBARA E BIANCA ao meu lado, eu no meio.



Couberam todos, mas ficamos um pouco apertados, facilitando assim as intenções de BRUNA. Assim que o elevador começou a subir, ela se encaixou colando seu bundão em mim e se mexia

como uma cobra. O "bicho" ficou tão duro, que a princípio achei que se demorasse muito, iria gozar ali mesmo.



As pessoas foram descendo e, para nossa felicidade, fomos os últimos a descer. BRUNA disse-me, antes de descer, se poderia

fazer-me uma visita para conferir se o volume que ela sentiu em seu traseiro era real. Claro que concordei, não estava nem acreditando.



Tomei um banho um pouco mais demorado, sá pensando como seria comer aquela delícia de mulher. Por volta das 22:00hs, a campainha tocou. Olhei pelo olho mágico, quem eu vejo? As 3, BRUNA, BÁRBARA E BIANCA. Entraram, fechei a porta e a BRUNA

foi logo dizendo:



- Viemos conferir o que vc tem entre as pernas....rsrsrs....somos

taradas por cacetes grandes, me deu a entender que o seu é daqueles....e foi logo abaixando meu shorts de cetim desses do tipo pijama.



ao contemplar o "danado", falou:

- Eu sabia, senti em meu traseiro ele se avolumar...olha que ainda não estava duro, meio mole. Começou a beijá-lo, chupá-lo...e ordenou que as filhas fizessem o mesmo. Ambas caíram de bocas, chegando atá a disputar quem chupava mais, parecia que havia muito tempo que não experimentavam um rola desse calibre.



Dirigimos até o sofá, continuaram a se deliciarem chupando meu cacete, quando de repente, BIANCA retira de sua bolsa, um creme de chantilee, sabor chocolate, combinando com o meu pau. Aí que elas ficaram mais desejosas.



Depois de uns 15min. de chupadas, BRUNA disse:



- Meninas, serei a primeira a montar nessa pica deliciosa, afinal, mamãe está carente e em atraso a 6 meses.

Dito isso, parece que o caralho tem ouvidos, ficou ainda mais duro com a sensação de ter crescido tb.



Troquei de posição com ela, para chupar aquela bucetinha carente, a esta altura, toda meladinha. Ela urrava de prazer, pedindo para enfiar a língua em seu orifício vaginal e anal, que atendi, é ábvio. Enquanto isso, BÁRBARA E BIANCA se acariciavam num esplêndido 69.



Sentei-me novamente no sofá, ela veio descendo encaixando sua bucetinha meladinha de tanto desejo. Foi descendo e...

começou um vai e vem alucinante até tocar sua bunda em minhas bolas. Dizia: Que maravilha de pica...como isso é bom.....uauuu......vou engolir ela toda.....sinto ele tocar em meu útero....é hoje que me acabo....



Depois de uns 19 min., pedi que ficasse de quatro e disse que era a minha posição favorita e elas responderam quase que em coro: ...a nossa tb. Que maravilha ouvir aquilo.



Comecei a bombar num rítimo mais forte, BRUNA pedia mais,

e as meninas chupavam meus mamilos, fato esse que me dá mais tesão, e elas notaram. Se revezavam tb nos beijos que me davam, digo, chupadas de língua em suas bocas sedentas, ora chupava seus seios, e a rola entando e saindo

da bucetinha da BRUNA, que a esta altura, havia se tornado um bucetão. Ficamos nessa posição por uns 15min.



Chegou a vez de BIANCA. Foi logo se posicionado de quatro, no sofá e ordenou:



- Vem garanhão gostoso, enfia logo essa pica em minha bucetinha que estou em tempo de explodir.

Primeiro, dei-lhe uma chupada em sua grutinha, a cadelinha

urrava e dizia:

- Vai logo, enfia essa rola em mim, seu puto....e fui entrando

e ela empurrava sua bundinha de encontro ao cacete, fazendo com que entrasse tudo. Rebolava como uma cobra, a safada parecia que tinha anos de experiência em sexo.



Começou um vai vem delicioso, ela comandando a entrada e saída do pau, sentia sua bunda tocar em minhas bolas. Ficamos nessa posição por uns 20 min.



Agora é a vez de BÁBARA, disse a BRUNA.



BÁRBARA se posicionou de quatro, e para encurtar o enredo, fez e pediu que fosse igualzinho a BIANCA, sá que, com uma diferença, e que diferença....disse que era virgem no cuzinho e que elas haviam combinado o seguinte:



- Depois que a gente tivesse sido fodidas em nossas bucetinhas, e eu seria a última, queria ser iniciada tb no cuzinho.



Depois de ter fodido bem gostoso sua xaninha, ela disse:



- Quero que vc coloque seu cacete em meu cuzinho com carinho no princípio, mas depois de relaxada, quero com força.



Lubrifiquei a entradinha do botão rosinha com gel, desses vendidos em casas de SEX SHOP, e comecei introduzindo um dedo, depois dois, três....ela pediu:



- Enfia logo essa pica, estou preparada e louca pra ser enrabada....fui entrando, com um pouco de resistência, mas consegui enfiar uns 5cm. Ao sentir que passou a cabeça do pau, começou a empurrar sua bunda de encontro a ele, e dizia:



- Como isso é bom....dái um pouco...mas tá gostossoo....

não pára não...enfia maissss.......vai seu puto, não era isso que vc queria?



De repente começou a rebolar freneticamente e a empurrar sua bunda até tocar sua bunda em minhas bolas.



Como era apertadinho aquele cuzinho....que maravilha!!!!!



Depois de uns 15min, enrabando aquela potranquinha, anunciei meu gozo e como que em coro novamente, disseram:



- Queremos tomar leitinho....

Assim que saí de seu cuzinho, elas assumiram o controle e começaram a sentir porra em seus peitos, bocas e chupavam com tanta vontade até então não havia presenciado.



BRUNA e BIANCA ficaram para nosso práximo encontro para serem enrabadas tb.



Em breve contarei como foi, pra mim, foi mais saboroso ainda.



Quem quiser entrar em contato, meu e-mail é:



rodrigowm2010:gmail.com







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comi minha filha pensando que era a minha mulherContos sempre incentivo meu marido a comer outra putinhaconto erótico bati uma pra elegostosas de caixote apertadinhaConto trepei com o cachorro e meu maridocontos eróticos gay marombascontos comeu a amiga e o amigoEnsinando minha soblinha bunda grande a andar de carro contoConto erotico agachamento no paucontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaContos eróticos Dei para o meu tiocontos eroticos de curtos relatos trvesti negra da picona comendo minha esposa no hotelcontos eróticos dando por ex namorado francisca metendo chifrecontos com fotos travesti xexo com a mae da sua amigawww.conto erotico com sobrinha curiosacontos reais perdi meu cabacinho pro meu caocontos eróticos Levei minha esposaminha tia esfregou/a/bunda/dee/vestido/no.meu/pau.minha cunhada traindo meu irmao com o patrai contosconto eróticos. curiosidade. chupei pintomulherbrasileira conversando putaria contosBrincando com os leitores contos eroticosContos eroticos cachoeiraFoderam gente contos tennsmeu irmao e meu dono bdsm contoconto de sexo ele e ela me comendo muita tapahumberto de pau durocontos eróticos de mães e filho de pau grandeSexu.com.busetas.de.7anuslua de mel da esposa do corno e o amante contoscontos eroticos rabuda no tremcache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"mamae linda e brava/contosconto erotico eu meu marido e nosso amigomulher casada e evangelica dando o cu,contos sexconto eróticos comi minha prima mae solteira carentecontos ela conseguio aguentar com o meu caralhão de 30cm dentro do cuisso nunca podia ter acontecido áudio contos incestoscomtos de travesty petdedo o cabasso do cuzinhocontos estuprada no onibusminha mulher e travesti contos eroticoscontos de akemi uma cd oriental parte 2Contos eróticos meu pai limpavá minha buceta no hospitalcontos eróticos AHHH OHHHEstuprei minha amiga dopada conto erotico conto erotico velho tarado e cachorroConto erotico Gay gozei dentro do cuconto erotico tomando banho com minha amigaconto guarda roupa da lingerieConto de vadia explorada por muitos machosvídeos de lésbicas com grandes mentes se massageandocontos de cú de irmà da igrejameu amigo travesti me comeu contosconto erotico dogmulheres cavalas de quarenta de bucenta inxada e grelo inormeHistórias eróticas sobre estuproscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erótico esposa de biquini contos eroticos amarrada e humilhada analConto erotico o cu da minha enteadaconto eroticos dividindo amigo do meu maridoDei meu cu para um amigo do meu maridoconto comi cliente da minha mulhercontos eroticos aventura em resendecontos eróticos virei fêmea louca por leitinhocontos eroticos fudendo a mae travesticontos eróticos aposta infeliz diretor da empresapai da namorada conto erotico gaypelinhocontospiça enorme burracha anal contoxvideo de guatro bem reganhadinha faço ele gozao treinador me abusou conto erotico gaycontos eroticos o traficante comedor de casadasArombaram meu cu na cabine eroticamulher da sonifero pro marido pra ela ir fuder com o genro