Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DESTA VEZ FOI DIFERENTE

Click to Download this video!

O que passo a relatar foi minha segunda experiência de quatro. Nesta época tinha 34 anos. Sou casado com filhos, não sou afeminado e adoro mulher, mas... Minha primeira vez aconteceu aos 31 anos, meio que de repente. Dei e gostei. Nos ultimos 3 anos, volta e meia sentia uma vontade danada de dar, ser mulherzinha de alguém. E foi assim que aconteceu a segunda vez. Naqueles dias estava com uma vontade danada. Tentei apagar o fogo com dedadas durante o banho, mas a danada da vontade não passava. Depois de muito tentar, resolvi ir pra cama com alguém, mas quem? Um dia, estava sá, não trabalhava neste dia, filho pro colégio, resolvi entrar na internet. Apás alguns papos sem muito sucesso, um rapaz me chamou pra conversar. Meio sem entusiamo comecei a teclar com ele e acabei sabendo que era cabeleireiro de um salão de um bairro do outro lado da cidade. Conversa vai, conversa vem, ele perguntou se não gostaria de sair com ele. Expliquei a minha situação e disse: "Sá se for agora." Pra minha surpresa, ele topou. Marcamos num motel. Eu entrei sá e escolhi uma suite. Liguei pra ele e passei o motel e o número da suite em que estava. Uns 20 minutos depois ele chega. Conversamos um pouco e ele perguntou se eu realmente não queria comer ele. Eu falei que não. Então ele falou: "Se vc quer dar a bunda, então vou te comer muito." E começou a tirar a calça, ficou de cuecas, veio na minha direção, começou a me despir, beijando um pouco meu pescoço, meus peitos que são meio salientes, tipo de menina moça, sá que um pouco de pelos, batendo uma punhetinha no meu pau que já estava durinho, quando me mandou sentar e chupar. Foi neste momento que ele tirou a cueca e me mostrou um belo pau, uns 18cm, meio torto, mas super duro. Sá pra ter uma idéia, o meu é pintinho, tem apenas 12,5cm, embora grossinho. Ele veio na minha direção, mandou eu abrir a boca e enfiou o pau nela. Comecei a chupar feito um louco. Nossa, como eu estava com vontade...

Aos poucos fomos nos deitando, ele foi me chupar, voltou a me dar o dele, nos viramos, fizemos um 69 bem gostoso, quando em determinado momento, ele fala: "Anda, vem, não quer dar...então fica de quatro que eu vou comer..."

E eu, sem falar nada, sá me virei, fui até a ponta da cama e de quatro fiquei, me arregacei o máximo e perguntei: "Assim está bom?"

Ele: "Maravilhoso! Adoro um viadinho obediente e com a bunda empinada pra mim."

Eu sá conseguia gemer com ele mexendo os dedos em mim. Ele colocou a camisinha, lubrificou e nada. Estava dificil de entrar. Ele então falou: "Porra, cara! Quando vc me falou que era apertado achei que era mentira tua. Tá dificil de entrar. Tu é cabacinho mesmo! Faz força pra fora...senão fica dificil e vai te machucar..."

Foi quando me lembrei da orientações do meu primeiro homem. E assim, foi, fiz força pra fora e senti a cabeça entrando. Devagar foi indo, quando de repente, ele enfia mais e mais e dá uma estocada, entrando tudo. Eu dou um grito e gemo muito. Ele, sem dá, começa a me comer, devagarinho, curtindo minha bundinha. Sinto ela sendo alargada por aquele belo pau. Sá consigo gemer, enquanto ele fala diversas coisa no meu ouvido: "Viadinho gostoso, era isto que vc queria? Dar a bunda? Tô comendo...." E falava, e falava, e aquilo me excitava demais. Meu pintinho estava durinho. Volta e meia ele me segurava pelo quadril e fudia forte, outras vezes, se debruçava sobre mim e comia devagar, sabia comer uma bunda de homem. Depois de um tempo, deitou-se sobre mim e continua a comer, vez por outra mandava eu rebolar no pau dele. Que delícia que é rebolar com o pau todo dentro da minha bundinha, adoro...

Apás um tempo assim, ele levanta, tira o pau de dentro de mim e me manda ficar debruçado no braço do sofá da suite. Eu vou e fico do jeito que ele queria. Ele vem novamente, agora já alargado, o pau entra tranquilo, sá tesão, sá prazer. Ele me chama de putinha, que eu tenho uma bunda super gostosa e começa a fuder forte, explodindo num gozo maravilhoso. Eu termino minha punheta e gozo praticamente junto. Delícia!!!

Sem reação, com o cuzinho arreganhado, fico deitado de bunda pra cima no sofá e vejo ele mijando no banheiro e penso: "Que loucura! Normalmente quem vai mijar depois da transa sou eu."

Pois é, desta vez foi diferente.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


trepafas sensacionaischantagiei a negra contoso grelu esticadoConto herotico em futibolcontos eroticos calcinha desaparecendocontoseroticosasmeninas pono vitgen nãoa aguentiu epediu p parama magrelinha de rua contos eroticosrevista em quadrinho de babas eroticascontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos sexo a papai vai doer não cabeestalos da cama-contos eróticoscontos com minha irma e amigacanto erotico levei rola do meu amigocanto erótico meu marido viajou ficou em casa eu e minha filhaa bumda que sempre sonhei comecontos eroticos fui obrigada a chupar paudei a b***** para o meu genrorebentando o cu da irma pequena contoscontos gays com mílitarescontos eroticos garotinha levadacontos de padrinhos com afilhadasmulher chama homem pra chupar sua b***** dela já foi gozar e alguns amigos queridoscontos trai meu marido na viajemconto erotico eu e os meu colegas comemos o cuzinho do guri a forçamassage ando a cunhada contonora novinha banhano peladinha pro sogro ver/contoseroticosconto erotico meu chefe me comeu meu marido consentiuconto erotico visita tio na cadeiaconto erotico dona de casa casada cantadapiru inchado conto xxxcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaComi minha mae a forca contos eroticoscontos eroticos comi a vendedora evangelicacontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elaconto eurotico pescano com sobrinho e marido beldocontos etoticos casais disputam bunda maior das espisasConto Erotico Sou Morena A Gostosona Da Favela E Dei Minha Xana Pra Um Branco Do Pau Grandecontos fudi com o zelador do prediocontos trai com meu inquilinocasada chantageada e submetida aos limites contos eroticosquero ver Roberta Close dando lombo e mamando com homem super dotado Roberta Close d********* e chupandocontos eroticoso passeio de barco eu meu marido e nosso peaosequestro e muitas lambidas no greloContos eroticos gratis de estagiarias lesbicaasArromba essa puta soca essa rola na minha buceta me fode contosMeu namorado virou corno contos teencontos:casados virando cdcontos eroticos levei rola com meu marido en casaconto gay mamando pastor roludoatolando nas cachora no cioconto eroticos comi minha tia com a calcinha na mãonovinha do Recife masturbando assim tão pequeninavi minha cunhada dormindo vi minha cunhada dormindo comecei a comer ela acorda assustadaminha cunhada quis que eu a visse nuaContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas timidasconto bebi muita porra sem saberdepilando o sobrinho pau durocontos enrabado na saunaconros eroticos dando prp amigo do namoradocontos eroticos fui pega de durpresa pelo papaiconto erotico gay da primeira vez do homem casadoContos eróticos de lésbicas gemeas sarrando a bundapapai deu banho e colocou o dedo npepeka d filhinha conto eroticoContos enganei minha esposa vendei ele eo meu amigo comeu elaContos erotico comeram meu cu ate eu desmaiarcontos eroticos chantagiei meu paiMeu genro quer me comer e agoraFiz troca troca com meu primo eu com 10 e meu primo mais velho contos erotiosconto erotico chantageada pelo deficientecontos de noiva putinha corninho safado titío caralhudocontos eroticos gays negroscontos eroticos flagrei minha namoradacomo fazer pra minha sogra ter tezao por mimcontos di novinha no sitiocontos eroticos domia ele cospi nu meu cucontos madre superiorasvi meu padrasto pegando a minha mãe e eu gostei muito sou gay