Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, MINHA ESPOSA E A MELHOR AMIGA DELA!!! 1

Começo aqui um relato que jamais pensei que aconteceria. Meu nome é Marcelo, moro em Belo Horizonte. Meu maior sonho sempre foi transar com duas mulheres, fantasia esta que se via sempre frustrada porque minha esposa, Lúcia, sempre negava os meu pedidos. Somos ambos jovens, casamos pelo ideal do amor e pela liberdade de podermos ter a nossa prápria vida, com muita sacanagem. Lúcia sempre topou todas as minhas vontades, branquinha, cabelos castanhos escuros na altura dos ombros, olhos verdes, pequena, por volta de 1,65 m, seios grandes, bunda carnuda, barriguinha lisinha, estilo mulherão misturada com patricinha da Savassi (quem mora em BH sabe do que eu estou falando...). Sempre sexy e bem vestida, Lucia é do estilo mineirinha, sabe seduzir e levar um homem a loucura. Eu, moreno, cabelos grandes até o ombro, áculos estilo nerd, 1,85 m, forte mas não malhado, sempre fui louco com essa minha esposa, desde os tempos de colégio, onde já davamos uns amaços na hora do recreio. Hoje temos eu 25 e ela 26.

O que venho a contar é que sempre fomos uma casal bem safado, já transamos de tudo quanto é forma e gabávamos de ter reiventado o Kama Sutra de tanta depravação. Mas Lúcia persistia em negar-me essa fantasia de transar com mais uma mulher na nossa cama, sempre alugavamos filmes de sacanagem onde rolava umas cenas assim, ficavamos assistindo e nos masturbando e eu sempre tentava fazer a cabeça dela quanto a isso. Várias vezes ela quase aceitou, devido ao tesão do momento, mas no fim sempre se recompunha e negava-me o prazer de tê-la junto com alguma outra gata, de vê-la transando com essa outra mulher e transar com as duas juntas.

Acontece que Lúcia tem uma amiga muito linda chamada Daniela. Diferente da Lúcia, Daniela era o estilo minhonzinho, magrinha, mas com aquele corpinho de modelo, peitinhos pequenos, bundinha empinada e carnudinha, cinturinha fina, cabelos negros até a cintura, sorriso de menininha. Sempre fui amigo dela também, nos tempos de colégio, quando brigava com a Lúcia, a Daniela era quem vinha me consolar e, por causa disso, uns beijinhos já haviam até rolado. Mas como ela era muito amiga da Lúcia, nunca passamos disso...

Entretanto essa histária estava para mudar....



Duas semanas atrás o que eu menos esperava aconteceu. Lúcia viajou durante um mês para a casa dos pais e voltou, sedenta de sexo e cheia de volúpia e desejo. No dia que chegou, louca de vontade de trepar como nunca e tirar o atraso de um mês de distância, pois devido ao trabalho, não pude acompanhá-la, Daniela apareceu lah em casa para uma visita, pois havia muito tempo não nos encontrávamos.

Lúcia, louca de tesão, chegou a dizer para não atendermos, fingirmos que não estávamos em casa, mas acabou resolvendo atender pois achava sacanagem deixar a amiga, que não via a uns dois meses, ficar na porta desse jeito.

Daniela entrou, meu Deus! Continuava linda, usava uma sainha dessas curtinhas, uma bota de bico fino salto alto preta, blusinha preta com a barriguinha de fora, os cabelos soltos até a cintura. Confesso que não acreditei no que ví, fiquei cheio de tesão. Lúcia estava com um shortinho jeans de ficar em casa, curtinho, a calcinha miunuscula enfiada na bunda deliciosa, com as laterais se insinuando pra fora, um top branco sem sutiã que mostrava claramente os seios grandes arrepiados de tesão, cabelos presos em rabo de cavalo.

Eu, sá de bermuda, tive que correr para o quarto colocar uma cueca, pois sá de ver aquelas duas deusas alí, conversando na sala da minha casa, super descontraídas e relaxadas, já comecei a imaginar coisas e o tesão já foi acordando o amigo lah de baixo, que a um mês não comia nada, sempre fiel a esposa gostosa.

Daniela ficou lah em casa a tarde toda, fiz um almoço improvisado para as gatas enquanto elas colocavam a fofoca em dia. Quando deu umas 19 horas (Dani chegou por volta das 19 horas) ela ameaçou de ir embora, e Lúcia pediu para que ela ficasse mais pois havia muito tempo que não a encontrava. Eu disse que se ela ficasse eu abriria uma garrafa de wiskie pra gente tomar vendo um filme, acabou que a Dani aceitou o convite.

Fomos para a sala de televisão, as duas sentaram no sofá da sala, que é bem grande de 4 lugares, desses que quando vc senta vai lah no fundo da almofada, eu fechei a cortina pra dar o clima de cinema e liguei o dvd...

Foi quando começou abruptamente na tela da TV uma cena de sexo de um cara com duas mulheres, cena de um dvd que estava dentro do aparelho e que quando liguei foi acionado pela função resume...Os três ficaram olhando a cena calados, corri para desligar o dvd, desliguei...Dani protestou.. “Achei que esse era o filme que a gente ia ver!” com um sorrisinho cheio de malícia. Olhei para Lúcia já esperando aquele olhar de repovação, pois apesar de ser uma putinha na cama sempre fez o estilo comportada na frente dos outros, quando me surpreendí vendo-a cheia de tesão, toda arrepiada, com a mão levemente encostada na bucetinha por cima do short, pressionando-a.

Ela deu uma piscadinha para mim e falou “Gato, serve esse wiskie aí com gelo porque eu tô com muito calor...”

Eu fiquei todo sem saber o que fazer, peguei o wiskie e serví pra ela, o que a Dani reclamou “Sá pra esposa queridinha é que vc serve é....?” O que eu mais sem graça ainda fui buscar um copo para a Dani quando ví a cena mais sexy que já ví na minha vida toda...

Lúcia, cheia de tesão acumulado pelo longo tempo sem sexo e estimulada pela cena do filme, pôs o dedo médio dentro do seu copo, molhou-o de wiskie e passou na boca da Dani dizendo pra ela “Bebe comigo amiga!” e dando uma piscadinha pra Dani. Eu fiquei louco de tesão na cena, tomei um gole da garrafa mesmo de wiskie e fiquei estático vendo a Dani, toda marota chupar o dedo da Lúcia e, em movimento seguinte, ir em direção a boca dela e passar a língua suavemente nos lábios da minha esposa.

Aquilo me enlouqueceu, sonhei tanto com essa possibilidade que quando a ví acontecer na minha frente não acreditei... fiquei estático olhando as duas gatas, que de uma lambida da Dani nos lábios da Lúcia, evoluiu para um beijo de lingua terno entre as duas amigas.

Dani, mais voraz de desejo pela amiga, foi beijando o pescoço da minha esposa, lambendo de vagarinho até os ombros nus e abocanhando por cima do top brando o seio esquerdo de Lúcia, que por sua vez acariciava os cabelo de Dani, cheia de tesão e desejo. Dani abaixou o top de Lúcia e começo a lamber os biquinhos arrepiados de Lúcia, rodeando com a lingua e dando umas mordidinhas cheias de tesão. Lucia, de olhos fechados, escorregou a mão direita pelas costas da amiga e puxou a mini saia para cima, revelando uma calcinha preta minuscula, toda enterrada na bundinha carnuda da Dani...deslizou os dedos empurrando a calcinha para o lado e apertou o dedo médio, o mesmo que havia molhado de wiskie, contra o cuzinha da amiga, que já gemia cheia de tesão com o seio direito de Lúcia na boca...

Eu não podia mais aguentar a ver aquela cena....meu cacete já estava gritando por liberdade...então sentei-me em uma cadeira e fiquei vendo as duas gatas trepando no meu sofá, enquanto ia acariciando meu pau explodindo de tesão...

Foi quando Lúcia olhou para mim e, puxando a cabeça de Dani para cima, deu um beijo de lingua selvagem na boca da amiga, de olhos abertos, olhando para mim....quando terminou de beijar a Dani falou “Hoje vou realizar essa sua fantasia gato, vou deixar você tontinho de tesão depois desse um mês de castidade!” E levantando falou para a Dani “Tira meu short sua putinha!” A Dani, adorando o jogo de sedução da amiga, tirou o short, junto com a calcinha da minha esposa. Lucia falou “Agora chupa a minha bucectinha sua safada, chupa bem gostoso igual você fazia antigamente quando eu ia dormir na sua casa e você me atacava de noite enquanto eu fingia que dormia...”

Meu Deus!!! Eu estava no paraíso, estava vendo a melhor amiga da minha esposa, chupando a buceta dela cheia de tesão, e ouvindo a minha prápria esposa assumindo que já havia tido relações lesbicas com a amiga...aquilo foi demais pra mim.

Já não estava aguentando mais de tanto tesão, tirei meu short junto com a cueca e fui na direção da minha esposa que estava de pé, com um pé no braço do sofá, com a Dani no meu das pernas dela chupando aquela xaninha depilada, não totalmente,que eu já havia tantas vezes chupado e desbravado...

Puxei o rosto de Lúcia e metí minha lingua loucamente na boca dela, o que fui prontamente correspondido...no meio daquele beijo cheio de tesão, sentí a boquinha da Dani, toda lambuzazda do suco de Lúcia, abocanhando o meu cacete, que não é desses de filme mas que deve ter aí uns 19 a 19 cm mas é bem grosso.

Parei de beijar a Lúcia...ela viu que Dani já tinha abocanhado o meu pau e falou “Sua putinha, já ta chupando le né!? Sempre soube que vc tinha uma quedinha pelo Marcelo!” No que a Dani sá de uma piscadinha pra ela e começou a lamber as bolas do meu saco...Lúcia foi até a amiga e ficou junto com ela..enquanto uma lambia meu saco a outra chupava meu cacete, que tava explodindo de tesão...

Lúcia, conhecendo bem meus pontos fracos trocou com a Dani de lugar e passou a lamber o meu saco e indo até o meu cuzinho, dando uma linguadinhas lah que me deixavam louco, pressionado com a língua...

Ficaram assim, até que eu falei que não ia aguentar mais...então Lúcia levantou, encostou atrás de mim aqueles seios gostosos nas minhas costas e bateu uma punheta deliciosa, enquanto Dani ficava dando umas lambidinhas na cabeça do meu cacete...Foi quando não aguentando mais explondí num gozo absurdo de grande, esporrando o rostinho da Daní todo, na enxendo a boquinha dela...ela não gostou tanto mas então minha esposa, que é uma vadia que adora uma porra, foi até ela e lambeu o rosto da amiga, meteu a lingua deentro da boca dela e engoliu a maior parte do gozo e ainda teve folego de dar mais umas duas chupadinhas no meu cacete, que já estava amolecendo, limpando ele do gozo no orifício.

Caí sentado no sofá, com as pernas bambas depois de todo aquele tesão...não acreditando no que tinha acontecido alí...e nem imagiando que ainda teria uma segunda seção.... Mas essa fica pro páximo conto!!

Quem estiver afim de escrever pra mim: [email protected]



Abraço,

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos, bebada dei a buceta pra todos da boateconto erotico colegial virgem sentindo desejocontos eroticos gravida do aluno mete aiiicontos eróticos solitáriodei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticoconto porno mulher crenteminha sogra minha esposa duas vadia contos eroticospai menininha conto eroticoconto ele me comeu a força meu noivo bebadoconto eróticominha traiu meu pai mulher casada vira putaconto de fudendo cu da menina jessicaContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavaContos eroticos te amo mana contos eroticos sogra 2018reais conto de incesto mamae mi deu pro pai e irmao mi comercontos eróticos, deixei minha namorada ser comidaContos erótico filhinha gosta de mamar picaconto erotico gay meu dono convidou um negao pra me fodercontos eróticos no elevadoreu e meu mae usa drogas filhos contos eroticoconto traição sobrinha recém casadaPutinha desde a puberdade contos eroticoscontos eroticos aprendendo a fazer meu primeiro boquete com meu padrinho velhoDo caralho-tecnico de informatica-contocontos gay sentou no colocontos eroticos nas prostitutas com mendigoscantos eróticos d********* para o meu irmãoMeu+tio+ficou+bravo+comigo+e+arrombou+meu+cu+conto+eroticocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos minha ex abriu a menteconto erotico peguei meu marido trepando cõm minha irma na camaxanimhacontos eroticos pe de mesaTranzei cm meu primo,contorelatos menage com a empregadaSou casada fodida contoCasei e virei puta contoscontos eróticos incesto/dava por dinheiroContos dormindo com juninhocontos eróticos meu marido eu e meu alazãoMulher se bastubou na frente do padastro e levou picacontos eróticos metendo com casalSexo com meu cachorrocontcontos gays sendo o viadinhos dos adultos que me humilhavamContos eróticos de zoofilia: no bosque engatei com 6 cachorrosa arte de apanhar contos eroticohumilhado travesti contoscontos eroticos safadinhameu marido me levou ao cinema erotico contos eroticosSou casada fodida contofiz a garotada gozar contoatrizes peitudas formosíssima fazendo filme pornôrelatos de ninfetas q foram arrombadas no carnavalmeu primeiro namoradinho gay contosite onde posso encontrar contos eróticos com retrato nora putacontosminha sogra me provoca só de baby dolltravesti adoro calcinhas fio dental e o vibrador da minha irma contor sou homemmeu irmao fudeu com mamae contos Contos mamae e titia e irma bacanal incestofamília naturista contosContos eroticos... Uma rapidinha com a cunhada de vestidocontos de sexo pau e pau mais eu prefiro grande e grosso no cuzinhoconto erotico minha esteada gravidacontos eroticos com mae e filho e pai assistindopeladas e meladas de muita manteiga no cucontos eroticos vizinhas velhas seduzem menininhosfiz a vadia sentir dor contos eroticosconto abrindo a buceta da mulher como de uma eguscontos eroticos corno oferecendo namoradaconto erotico peguei meu marido trepando cõm minha irma na camaconto hertico meu vizinho me arrombou sem minha prrmissaocontos eroticos amigo do meu paicontos eroticos maduras bundao cuzaocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaGozei no pau do meu irmão dormindo contoscontos eroticos dei sonifero pra minha irmacache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html contos eroticos eu e mamãe fodidas na fazenda comi minha madrasta contoDiaristasafadinhacontos eroticos gay velho barbeiroEu vi o tamanho da rola do meu irmão na sauna contos de incesto femininoxvideo de guatro bem reganhadinha faço ele gozacunhado fagendo sexo com cunhada