Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

R$400,00 BEM PAGOS PARA SER CORNO !

Click to Download this video!

Amigos, o que passo a narrar neste momento é a realização de uma fantasia, minha com a ajuda de minha esposa. Moramos em Franca-SP, temos na faixa de 34 anos, Sou moreno 1.85m 96kilos, ela morena mignon 1.62, tipo Sheila Carvalho. Ambos com curso superior e empresários, casados a 10anos. Quando começamos a namorar ela me disse que tinha uma fantasia de dar para dois ao mesmo tempo, isto mexeu com meu NDA, e desde então tenho a fantasia de vê-la transando com outro homem, e que muitas vezes isto foi potencializado quando ele me contava o que fazia na cana com seus ex-namorados.

Embora ela fosse uma loucura na cama, não transavamos anal, e eu nem podia gozar em sua boca e tanto implorar, pedi a ela que me fizesse corno, no começo ela disse que eu estava louco e que nunca aceitaria isto, que sá falava isto na hora do sexo.

Porem de tanto insistir ela topou, porem devido ao fato de sermos conhecidos em Franca, precisávamos fazer isto em outra cidade. Para não nos expormos decidimos que seria com um garoto de programa, então começamos a procurar um candidato. Lucia fazia questão que o cara fosse bonito, eu que ele tivesse um pau grande.

Depois de tanto procurar achamos um, via site de Ribeirão Preto, que Lucia gostou, Gustavo, estudante de educação física, moreno, olhos verdes, 1,90 e 19cm de pau, R$400,00 o programa.

Liguei e marcamos de encontra-mos no shopping em Ribeirão Preto, Lucia para provocar fui com uma minissaia bem pequena. Nos encontramos na praça de alimentação, sentamos conversamos, e expliquei minha fantasia, Lucia sempre tímida devido a situação falou pouco, porem Gustavo bem comunicativo disse entender e que tinha experiência neste tipo de situação, que era discreto e que gostou da gente (dela), terminamos o papo dizendo que iríamos conversar em casa e que depois ligaríamos para ele, Ele a cumprimentou com um beijo no rosto e um abraço rigoroso.

No carro a caminho de casa, Lucia perguntou o que eu tinha achado dele, disse que por mim sairíamos naquele momento direto para um motel, e perguntei qual sua opinião, ela levantou a saia, e pegou minha mão colocando em sua bucetinha toda molhada, sem pensar entrei em um talhão de cana, e comi ela desesperadamente dentro do carro.

No outro dia, perguntei a ela se iríamos marcar, ela já meia sem jeito disse que não se sentiria a vontade em trepar com outro comigo por perto, para variar brigamos !

No outro dia, assim que cheguei em casa, sugeri a ela, se na primeira vez fossem apenas os dois, sem dar o braço a torcer ela gostou da idéia, porem disse que iria pensar, novamente levei ela para a sala e a comi como um louco sobre o sofá, e depois de gozarmos ela disse que toparia, eu novamente pedi que ela fosse uma verdadeira puta, pois senão não faria sentido.

Liguei para o Gustavo e marcamos para sexta-feira as 13:00 no RibeirãoShopping, pois eu iria reservar um quarto no Hotel Ibis que fica dentro do shopping. Nesta semana não fizemos mais sexo, Lucia foi se depilar (inteira), fez um bronzeamento artificial, comprou uma cinta-liga branca que quando me mostrou, bateu uma excitação muito forte misturada com ciúmes.

Chegado o dia, fomos para Ribeirão, chegamos no IBIS as 11:00, fizemos check-in, subimos para preparar o ambiente. Comprei 4 garrafas de vinho e algumas cervejas, Lucia já no quarto foi tomar um banho, ao sair passei creme em todo sei corpo, ela estava linda. Lucia para relaxar tomou uma garrafa de vinho sozinha. Ajudei ela a colocar a cinta-liga. Eu conseguia ouvir meu coração batendo dada a excitação.

As 13:05, Gustavo ligou disse estar na recepção, dei um beijo em minha esposa e sai do qurto deixando ela e pedindo para ela aproveitar, ela já meio tonta devido ao vinho, disse PODE DEIXAR !

Desci, até a recepção dei a chave magnética do quarto ao Gustavo, olhando para ver se ninguém estava nos observando, disse é o quarto 213. Ele disse alguma sugestão do que fazer com ela.

Como estava nervoso, as palavras saíram confusas, COOOMO ASSSIM !

Ele perguntou : do que ela gosta ?

Eu disse : tudo !

Ele disse : ela gosta de ser tratada como uma puta ou uma dama ?

Eu confuso e gelado disse : uma dama !

Ele disse : Ok, fique tranquilo, qdo acabar eu te ligo, vc vai estar por aqui ?

Eu, sem ter o que falar, disse, sim, vou andar no shopping, qualquer coisa vc me liga.

Ele disse : ok, e saiu rumo ao elevador !

Me deu uma vontade grande de voltar atras, e cancelar tudo, mas eu simplesmente deixei ele ir.

Sai, e tentei andar no shopping, porem não conseguia parar de pesar, e meu pau esta muito duro, sentei na praça de alimentação, entrei em lojas, fui até o Pinguim pedi um chops e fiquei lá, confesso que não sabia o que fazer.

As 18:25 minutos o Gustavo me liga, dizendo que estava indo embora e pediu para eu encontrar ele na recepção do Hotel.

Andei aos passos largos, e encontrei ele na entrada do hotel com um sorriso safado !

Ele disse que foi legal, eu perguntei se ela gostou, ele disse : Ah! Isto você tem que perguntar a ela !

Paguei R$400,00, e ele saiu e disse me ligue para combinarmos a proxima vez !

Fiquei confuso, pois não havia dito nada sobre proxima vez a ele !

Até o elevador parecia demorar, sai quase que correndo pelo corredor, e qdo abri a porta, quase que meu coração sai pela boca.

Lucia estava deitada de bruços na cama apenas com as meias da cinta-liga, com uma bela poça de porra em suas costas ...

Dei um beijo de língua, como se fosse o primeiro beijo que dei nela, melado, demorado, e perguntei como foi ?

Ela, sem me poupar, disse NOSSA FOI DEMAIS !

Tirei rapidamente minha roupa, peguei papel higiênico e limpei a porra deixada por ele nas costas de minha esposa. Ela disse nossa foram 3x. Estou fodida ! bem fodida !

Comecei a chupar aquela bucetinha inchada, enquanto ela me contava os detalhes, as posições, tamanho, e a pegada dele.

Coloquei meu pau (16CM)de uma única vez em sua buceta, que delicia comer uma bucetinha já arregassada por outro, e gozei, gozei muito dentro dela !

Assim que me recuperei, ela me chamou para tormarmos um banho, e a cada momento me provocava mais falando dele.

Terminamos o banho, e fui passar creme em seu corpo, ela deitada de bruços na cama nas marcas de mordida e suas costas, contavam que tinha acontecido um sexo bem animal, neste momento ela me pergunta :

Não reparou nada ?

Eu : Não, o que ?

Você não disse a ele que eu era um puta, então puta faz tudo, até anal !

Quando separei suas nadegas, deu para ver seu rabinho, bem aberto e vermelho ( tinha um diametro de uma moeda de 5 centavos ). Consegui falar :

Nossa ! e tentei introduzir meu pau, mas ela reclamou que estava ardendo demais.

Acabei gozando com uma chupeta, ela se trocou, colocou um micro vestido, e descemos até o estacionamento. Parecia outra mulher, estava mais fêmea, mais autoconfiante, mais sensual, mais provocante, até encarou o recepcionista do hotel na minha frente.

Fomos embora para casa, onde durante o final de semana fizemos sexo 4x, sem anal e me masturbei 5x. – Enfim consegui realizar parte de meu sonho, bastava mais uma parte que estava prevista para o práximo fim de semana, porem devido aos efeitos colaterais nela, aconteceu depois de 15, onde pude ver, mas conto em uma práximo relato.

Nosso sexlog: http:sexlog.com.brperfil.php?id=putinhacasadamaridotarado

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


diretor me comeu contosboa f*** mulher leva travesti para comer o maridoAs 3 porquinhas do vizinho Contos eróticosTrai meu marido em um swing com a nayara e o fernando contos eroticoscontos e Relatos reais de nora transando com sogro em BrasíliaChantageada e comida contosconto erotico humilhei meu maridoCont erot irmanzinhacontos eroticos fui arrombada no parque de diverçaoconto erotico eu esculto minha mae gemendo com meu padrasrosardentinhas ninfetasminha prima e uma jebatransparente e coladinha bucetinhamotoboy gay contocomtos etotico meus.amigos comeram.minha maeContos tarados por cu de bundudaPadrinho iniciando afilhada novinha contos eroticoscomendo vendedora de produtos contos eróticoscontos eroticos de sogra carenteexcravo domestico casa dos contos gaycontos de incesto - brincando de encoxar minha irmã novinha lindacontos eróticos funcionáriaconto estava de biquíni cavadinha e ecitada na praiaconto erotico real eu meu tinha comemos minha tiame comeram contos teenconto erotico real eu meu tinha comemos minha tiaTodos dias pego carona e chupou a rola do primo do meu maridoContos eróticos picantes pecados na igreja com padresPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contosContos me exibindocasa do conto minha filha sentou no meu colo de mini saiacontos bebi com meu tio e acabei transando com eleconto comeu mae feiaconto erotico filha mamae me ensinou a ser putinha parte 2impinando a bunda contoContos dormindo com juninhoconto erotico samuelRabuda negra sendo enrabada em pe conto eroticofodo minha princesinha. contos eroticos de incestospornô brasileiro fui trabalhar na casa da minha tia e comi minha prima de baby dollcontos eroticos casadinha exibicionistacontos eróticos vc me acha bonitaemtiada fas sexo e masseje em padratoconto erotico o soldado arrombou minha bucetacontos erotico comi cu da tia no conventotransando pela primeira vez no boa f***corninho esposa picudo frouxo contoMinha prima viu-me a mastuContos eroticos: desde novinho era afeminado louco pra da o cuconto pau fora sunga biwuicontos com teens sentando na ro do pri com doze anoscontos erticos/meus doi primos revesaran em mincontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elacomi a filhinha conto eróticoela sentiu meu pau crescendo contos eroticosCasada viajando contosa minha mulher e o casetao cavalarvelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinhaporn linda sobrinha porreiConto erotico Zoofiliamae jenmendo muito alto filho comendo mae no quartocheiro calcinha mar massagem conyocontos eróticos meu marido me levou numa casa de swingSou gay e tranzei com um travest contos eroticoacordei com meu cuzinho todo melado contos gaycontos estava louco pra dar o cu acabei dandoEsposa safada em casa com o compadre contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacomi minha mae na varanda contoscu furico bunda peito pênis contos eroiticoscontos eroticos primo da esposacontos de incestos mae puta e filho espertosalto alto conto eroticocontos eróticos seios devem ser mamadosPuta desde novinha contosNovinha Bebi porra do meu amigo contominha mulher confia em mim eu filmei joguei na internetPerereca ou buceta de cunhadaconto gay viciei na rola do negÃotravesti bombom contos eróticoscontos eroticos de muheres casdas q alivirao seus fusionario