Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMO É BOM DAR CARONA A SECRETARIA

Click to this video!

Adoro ler os contos e agora resolvi postar os meus. Sou negro, profissional liberal, resido em Sampa e vou contar aqui algumas aventuras que aconteceram comigo, sempre preservando as fontes, utilizarei nomes fictícios conforme determina o site. Estava cursando faculdade de administração e precisava fazer estágio, mandei vários currículos e nada, até que um dia um amigo me indicou uma empresa na zona norte de Sampa que estava precisando de estagiário. Fui ao local deixei o currículo e depois de três dias me chamaram para entrevista e fui aprovado e na semana seguinte iniciei o estágio no período da tarde das 14h00 às 18h00, porque estudava no período noturno. Todo inicio de trabalho é triste não conhece ninguém não sabe o que fazer, mas fui aprendendo o trabalho e conhecendo as pessoas que trabalhavam lá, havia apenas 19 funcionários fixos, fora os que vinham prestar serviço algumas vezes. Mas a maioria era mulher e logo percebi que tinha alguns rapazes que mantinha um relacionamento com algumas meninas era o preferido e coisa e tal... Procurei fazer amizade com todos e apás algum tempo já estava dando carona para a secretaria, que vou descreve – lá {magra, 1,60 de altura, cabelos curtos, bumbum arrebitado, seios pequenos}, porque ela saia no mesmo horário que eu. A secretaria que vou chamá-la de Aninha, porque ela é baixinha, logo descobri que ela tinha dois filhos de 19 e 19 anos e que era viúva, o marido havia morrido a alguns anos e não tinha namorado porque se achava feia e que não tinha tempo para namorar. Iniciamos uma amizade sempre que podia dava carona de carro até uma estação do metrô que ficava mais fácil para tomar o ônibus porque ela morava na zona leste. Um belo dia estávamos se arrumando para sair e fui ao banheiro para urinar e não tranquei a porta, no local sá tinha um sanitário, ela não percebeu e entrou e ficou toda encabulada pedindo desculpa porque eu estava lá dentro. Tentei acalma – lá, e logo passou, voltamos à rotina de sempre, me tornei amigo dela. Conversávamos de amenidades até que um dia consegui entrar no que eu queria, falar de sexo, ela demonstrou ser experiente e liberal. Adorei e passei a tentar montar uma estratégia de ataque, um dia eu cheguei para o estágio e percebi que ela esta triste ela me contou que o seu chefe lhe tinha dado uma bronca porque ela não sabia fazer um documento que ele pediu no computador. Pensei é agora, no final do dia perguntei qual seria o documento que ele queria fazer e a ensinei fazer e ela ficou contente. Logo depois saímos como de costume e lhe ofereci a carona e ela aceitou e fomos embora, sá que era uma sexta-feira e aqui em samba, fica tudo parado porque o trânsito é complicado. No trajeto como estávamos no carro, ouvindo música ela voltou a me agradecer pela ajuda e me falou que se eu necessitasse de algo era sá falar. Fiquei um pouco em silêncio pensado como poderia pedir que ela fizesse uma gulosa, pensei se ela não aceitar vai ser uma merda, terei que pedir demissão. Mas vou falar, ou tesão era maior naquele momento, falei que eu queria era uma gulosa. Mas não falei apenas peguei a mão dela e coloquei na minha perna, ela ficou toda vermelha, mas não falou nada e continuou com a mão na minha perna, já que ela gostou fui subindo a mão dela de modo que ficasse estacionada encima do meu pênis que ficou duro que nem uma rocha. Ela percebeu e falou o que aconteceu com ele, naturalmente não poderia deixar passar em branco, falei é a sua mão maravilhosa que esta fazendo tudo isso. Logo abri o zíper e ela já o puxou para fora da calça e iniciou uma punhetinha bem de leve, mas muito gostosa. Eu fiquei preocupado porque ao meu lado passava vários veículos altos, como ônibus e alguém poderia ver. Mas fizemos o trajeto maravilhoso, ela segurando no meu pênis e eu passando a mão nos seus peitinhos e nas pernas, porque ela estava de calça jeans. Que delicia.... mas naquele dia não rolou a gulosa, mas já estava com meio caminho andado, como se diz na gíria popular. A gulosa somente aconteceu dias depois. Depois eu conto. Gostou do meu conto, procuro mulheres liberais, sigilo absoluto, mande e-mail: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu.tinha.cinco.anos.e.ja.dava.o.cu.pro.meu.primo.contos.prpibidostransparente e coladinha bucetinhaconto eróticos desejandoa mulherdomeu filhocontos erotikos coroa so leva no cu pois esta de chicoconto erótico duas rolar na velhacontos porno sou putinha pra minha mae no puteiro da familiacontos eróticos com mulher alemoavideo de porno com machos a força brutameneteconto erotico eu peguei meu pai comendo cu da emprega na marraContos eróticos incesto teens tomando banho com meu paicontos eróticos dopando meu sobrinho gay dormindoanão transando com jamaissonhar com a mulher tranzndo com outrofiquei bem machucada por fuder com cachorro enorme contos de zoofiliacomo enraba uma colega. de trabalhoContoseroticos novinha magrinha virgem estupradas pelo tiovideo de namoradosendo cornocontos relatados por mulheres que foram abusada e acabaram gozandoconto erotico bi com atendente de hotelcontos eróticos Paula vizinha casada gostosaconto meu marido choro quando o negao me estrupocontos eróticos lanchaconto eróticos pai pauzudo e filha baixinhaconto pai comprado calcinha para filha virgemtirando virgindade de menina Londrina Paranácontos erótico com enfermeiracontos eroticos marido foi trabalhar e meu sobrinho me pegou no banhoenfiaram uma bucha no cu do estupradorensinei a bater punhetacomi a novinha dormindo ela fico brabacontocontos eróticos de chuva com irmãcache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html contos eroticos na filacontos eroticos seduzi uma mulher e roubei elacontos eroticos sou viciada na pica do meu filhogozei gostoso e tive que ir pra casa com a buceta cheia de porra. contos eróticoscontos de no dedinho do padrinhocontos eroticos papai me criou para ser mulherfui comida peloamigo transexual contospuxa agarra japinha cabelos pornoconto gay meu cunhado comeu meu rabo e virou meu namoradoMulheres solteira salvdoroutro chupando os peitos da minha mulher. contosContos-esporrei na comida da cegaCONTO O SEQUESTRADOR SEGUNDA PARTEchupando pica abrancando o namorado pela cintura amadorvídeo pornô dois cara comendo a mulher do cara do homem assaltando a por lágrima é como o c* do homemenrabada na frente do meu marido/contoscontosminha enteada gosta de dar a bundsconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande delecontos cachorro lambendo penis de homemcontos eróticos cadela e putona famíliascontos porno eu e meu marido fomos violentadoscomeu a tia da bunda grande contomasturbando com obras em xasa contorevista em quadrinho de babas eroticasprofessor de artes marciais me fudeu contos gayContos eroticos estrupei minha filha renata por ver filmes porno de pai e filha no meu computadorvideos de casais namorando muitoogostosocontos novinha rabuda deu p paimeio das pernas uma pica dava inveja grossura esposaCaralhogigantedentrocontos eróticos minha tia virou p*** do seu sobrinhoContos eroticos meu filha de seis anos chupa endidatiti do cu apertado emnincesto brincando com irmã de pig escondemeu namorado pediu um tempo fiu pra balada e aprontei conto eróticoscontos eroticos minha filha de fio dentalver contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionárioscasa dos contos eróticos camila a namorada gostosa do cunhadoo pai da minha amoginha me comeu contos