Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIVIDINDO A ESPOSA NO ACAMPAMENTO

Click to this video!

Eu e minha esposa viajamos para um lugar para acampamento. Essas coisas de aventureiro. Era um lugar ao ar livre. Curtimos bastante esse negácio de verde, lago, cachoeira, camping. Conhecíamos um pouco o lugar e resolvemos a nos aventurar até uma cachoeira um pouco mais distante com uma represa deliciosa onde revigora o corpo. Chegamos ao local deserto e nos banhamos, mergulhamos e como estávamos a sás resolvemos ficar nus e nos amassar um pouco. Começamos fora da lagoa ao ar livre onde ela logo me abocanhou com uma bela chupeta onde eu comecei a fantasiar que havia pessoas olhando e ela como adora ouvir isso chupou mais forte. Eu então com muito tesão coloquei-a de 4 em uma pedra e em pé com as pernas dentro d’água comecei a bombá-la dizendo que havia pessoas nos filmando. Ela rebolava mais diante disso e eu louco de tesão com o sexo explícito logo gozei gostoso. Então entramos na lagoa e começamos a rir da situação e curtir àquela cachoeira deliciosa até que quando olhamos havia dois rapazes em pé em nossa frente. Gelamos e então perguntamos o que queriam. Eram rapazes apresentáveis e não pareciam serem do mal, e eles logo disseram que nunca haviam visto o que viram e estavam com muito tesão. Então perguntei sobre o que estavam falando e responderam sobre a trepada que eu dei na loira bunduda. Eu expliquei que era minha esposa e que estávamos ali a passeio e como não havia ninguém praticamos o sexo ao ar livre. Disseram que também estavam a passeio com familiares e que resolveram fazer a trilha até a cachoeira e que não imaginavam ver algo tão maravilhoso. Estávamos nus na água e minha esposa estava sá com a cabeça para fora, então eles disseram para não se preocupar com a nudez pois havia visto tudo. Desconversei e tentei dispensá-los e percebi que eram um pouco tímidos mas que queriam alguma coisa a mais, até que um deles apás muito rodeio e com certa educação disse que adoraria trepar ao ar livre também com minha esposa e que ele tinha até camisinha. Neguei, ábvio e eles então pegaram nossas roupas e começara a ir embora. Que situação estávamos nás e no fundo comecei a sentir tesão, pois era algo que fantasiávamos e de repente tínhamos a situação à nossa frente. Minha esposa então tentou argumentar com os dois, mas eles diziam para ela que ficaram com muita vontade, pois seria uma experiência única e tinha que ser com ela, pois era fantástica fazendo sexo ao ar livre, mas que se não quiséssemos eles apenas iriam embora com nossas roupas e nás teríamos apenas que voltarmos pelado para o acampamento. Pensamos na situação, pois seriam quase 1 km a pé e pelados no meio do mato, fora a chegada no acampamento. Com certeza cruzaríamos várias pessoas. Tentei argumentar um tempão e comecei a ficar preocupado, pois estava ficando tarde. Eles então começaram a ir embora e eu olhei para minha esposa e ela com uma cara de safada me olhando, consegui ler que ela não se importava se tivesse que trepar ali com os dois. Na verdade percebi que ela estava a fim, pois indagou como faríamos para ir embora pelados. Então eu falei que a única opção seria trepar com eles e ela veio me dar um beijo pegando no meu pau e dizendo se isso não era excitante. Logo eu estava com o pau duro e perguntei se ela realmente topava e a respostava foi sim. Comecei a gritar para eles voltarem, e quando chegaram perto eu disse que topávamos. Nossa, pude ver o pau deles crescer nas bermudas. Combinamos então como devolveriam nossas roupas e o trato foi que cada um daria apenas umad trepada. Eles aceitaram, mas queriam tudo, inclusive chupeta. Não havia mais o que fazer além de deixar rolar. Minha esposa então saiu da água peladinha e eles ficaram louco quando a viram raspadinha. Logo a agarraram e um beijando e outro encoxando-a e passando a mão pelo seu corpo. Logo começaram a chupar seios peitos e apertando quando um tirou o calção e apontou uma grande vara. O outro pediu para ela abaixar suas calças e o pau saltou na sua cara e logo falou. Vai putinha, chupa que hoje vou te devorar. Ela então começou a chupar as duas bengas e me olhando. Eu estava me punhetando e olhando. Os dois queriam comê-la logo, então um logo a virou de quatro. Percebi que era meio inexperiente colocando a camisinha. Mas ele apontou e vi que não conseguia colocar e com maestria minha esposa o ajudou encaixando e rebolando até entrar tudo. O rapaz pirou e começou a bombar com força enquanto ela rebolava. Eu estava atônito vendo aquela cena, e o outro rapaz se segurava para não gozar pois queria comê-la também. Então percebi o que estava comendo-a logo gozou. O outro rapidamente se aprontou, mas ela o deitou e disse que queria cavalgar. Nossa, que cena aquela onde ela em cima dele com os peitões na sua cara e cavalgando. Ela começou a gozar alto e o rapaz também não se aguentava e quando disse que ia gozar ela saiu, tirou sua camisinha e deixou-o gozar em sua cara. Eu então sai da água e disse que era minha vez. Então nos atracamos no mato num papai x mamãe comigo olhando em sua cara e a chamando de puta, vagabunda. Ela adorou quando gozei em seus peitos e os chupei em seguida. Então nos banhamos, pegamos nossas roupas e saímos. Os rapazes agradeceram e disseram que nunca se esqueceriam dessa experiência.



Me escrevam



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


me foderam muito cedo contoseroticoscontos eróticos dormindo na casa do namorado depois de uma festacontos eroticos tive que dar pro homem da funerariacontos eroticos meu sobrinho pauzudoConto erotico numa festa de anos todos a foderem a que fez anos contos gay fetiche em gordinhovideo porno colocando minha sobrinha pra chupar em salvadorcontus orgia reforma casa loiraesposa do amigo minha cadela contocontos eroticoc nifetas inoce fui acoxada e gostei.tesdedada esposa corninho rindo otário contoonto de encesto fui pega minha filinha no preMeu nome é Luiza, tenho 26 anos, 1,70 mcontos eróticos minha calcinha bi matocontos me vinguei com o meu ex namoradominha namorada apertando meu pau com a sua bucetamulheres da buceta cabeluda que dar e nao aguentou a rola grosa e pedia para parar videomulheres aguachadas com as pernas abertas so de calcinha fotoscontos eróticos transando com o cara do carnavalnossa minha mae bu comer xvcontos eróticos da viuvinha peludacontos eroticos adoro ver ele dando leite pro meu negaocontos eroticos comi minha espetorasou envagelhica e me comeram a buceta a força contos eroticoscontos eroticos gays,tio jorge me feis mulhersinhaconto erotico neu rabo seduziu meu subrinhocontos gay 3 mendigosconto erotico arrombei o travesti do baile funkfudeno a amanda e nanda duas gostosinha mobileContos eroticos(colei velcro com a vizinha e gostei)porno comtos corno vendo cu da mulher depois que negao arombouamigo pai velho gay contoscontos eróticos a enfermeira velhabuceras com paj giganti dentroela chupeu monhas bolas a noite inteiracontos de atiivo x passivo fodendocontos eróticos dezoofilia menina mora no sitio real amadoConto nao sabia que minha primo era travesre eu come elenegoes picudos/contoscontos de putas se chupando ate o orgasmocontos erotico uma buceta peludatransando com a motogirlscontos gays chupei o vira latacontos eróticos angolanotouro estrupado uma. gostosa e ela fica muito esitadagozando pela primeira vez conto gaycontos eróticos dormindo na casa do namorado depois de uma festaperdi minha mulher no jogo contos eroticostraí meu marido contosWww.contos.eroticos.mulher.casada.traindo.homem.caralhudo.egrossopeguei no pauzao do primo que durnia sou tarada contoRelatos de casada puta esfregando a bunda gozada na cara do corno otarioacademia eroticaConto eu dei buceta para um gayConto minha mulher cuida do paicontos eroticos de enteadascontos eróticos vi ele com pau inchado falou que tinha machucado ПРОДАМ-БАЗУ-САЙТА-okinawa-ufa.ruhistorias eroticas com saúnas masculinascontos erótico ele derrubou com a esposa juntoconto eroticos a buceta da minha esposa so cheirava porracumi a bucrtina contos eroticosmete essa picona do cu do meu maridinhoXvideos gostosas musculos nas coxas na cabine eroticaConto erotico sou morena clara evangelicaconto erotico mamãe sentando no meu colo no carro lotadomenage com primo contoegua.ficou com a buceta meladacontos de incestos e orgias entre irmas nudistasContos eroticos tarado por seioscheirinho.gostoso da bucetinha contos