Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FLAGREI MINHA TIA E APROVEITEI PARA COMER TAMBEM

Click to Download this video!

Meu nome é Luciano, hoje tenho 19 anos, tudo começou quando tinha 19 anos, minha família resolveu ir a praia para passar o fim de ano. Meu tio decidiu ir com a família dele: meus dois primos, minha tia e ele. Como minha família chegou primeiro, já tínhamos arrumado toda a casa, por morar de frente ao mar a casa fica muito úmida. Quando meu tio chegou, arrumou as malas e fomos para praia pela 9h da manha. Meus primos e eu fomos nadar,(João de 19 anos e Paulo 8), porem não tinha passado protetor e minha mãe ficou nervosa e mandou eu ir pra casa para passar o mesmo. Quando cheguei em casa vi que a porta estava aberta. fui olhar e encontrei minha tia no telefone dizendo que o meu tio não fazia mais sexo e que direito tinha que pular a cerca com o vizinho de são Paulo, mas como na praia não conhecíamos ninguém, ia ficar sem sexo. Quando ouvir isso fiquei totalmente com tesão, pois ainda era virgem. Disfarcei e entrei dizendo oi Tia batendo papo ?

Tia: Claro, tem que matar a saudades.

Fui pro quarto passei o protetor e minha tia ajudou a passar na minha costa. Ambos fomos para praia e passamos a manha toda, voltamos para almoçar. Quando volto para praia vejo que minha tia já estava enturmada com um pessoal que jogava vôlei. Ela me chamou e jogamos juntos, percebi que ela olha um rapaz não muito forte, mais parecia um cara fmz.

A noite nossa família decidiu ir ao centro de Praia Grande, mas minha tia falou que estava mal e não iria, então fomos minha família e meus primos e meu tio, quando deu umas 12h 19, falei pra minha mãe que estava cansado e que iria embora, ela falou tudo bem, quando vc chegar me liga, assim não fico preucupada.

Quando estava perto de casa vi que o portão estava aberto, fui caminhando devagar para não fazer barulho e abri a porta, No entanto, vejo uma sombra de um homem passando para o quarto de minha tia. Como não era muito ingênuo decidi pegar meu celular e por na filmadora, sabendo que era putaria. Fui em direção ao quarto de minha tia e a porta estava entre aberta, vi que ela estava chupando o pinto do cara que jogamos vôlei. Comecei a gravar ela fazendo tudo qualquer tipo de coisa. Não sabia o que fazer, então decidi que iria comer ela de qualquer jeito. Voltei para a rua e fui ate um barzinho e quando deu umas 2 h liguei pra minha mãe e disse que estava indo dormi. Cheguei em casa e vi que sá estava minha tia na sala, com o cabelo molhado ao telefone falando com sua amiga. Cheguei e ela desligou o telefone muito rápido, deveria estar falando de seu momento com o rapaz. Perguntei a ela, porque esta acordada

Tia: Estava sem sono e fui tomar um banho

Eu: Ahh Entendi.

Fui dormi, mas sá consegui depois de bater uma.

No outro dia quando acordo .

Vejo que todos estão dormindo, não os vi chegar.

Minha ti a estava na sala, disse oi, ela disse que tinha Café tomei e vi que ela estava mais feliz (acho que sei porque).

Peguei meu celular e comecei a ver uns vídeo que eu tinha, ela como muito curiosa falou deixa eu ver se você tem uns vídeo legais. Falei a ela vai passando e fui ao banheiro. Quando voltei ela estava vendo os vídeos normal, mas quando chegou no vídeo dela, ela ficou espantada,

Eu: o que foi tia ?

Tia: Nada, e sá um vídeo.

Eu sabendo do que se tratava falei

Não é o seu vídeo de ontem a noite.

Ela desesperada falou, por favor não conte nada ao seu tio porque se não vai acabar com a família eu falei, não sei se você merece. Ela falou faço tudo o que você quiser.

Abri um sorriso e falei então, quando você estava corneando meu tio, eu fiquei com maior tesão e agora preciso aliviar ele. Ela entendeu do que se tratava e falou vc não pode fazer isso comigo eu sou sua tia, ai eu falei é mais vc e ate que gostosa, ela me olhou com raiva e falou não sei, qualquer momento eles podem acorda, então eu falei já que você não quer fazer eu mostro a ele. Ela falou eu faço mais tem que ser rápido, tirei um médio pau do shorts e falei da uma lambida( era o meu sonho). Ela falou ta bem mais bem rapidinho, ai falei não igual o que você fez no rapaz, ela começou a chupar e não demorou nem 5 minutos e gozei, ela com nojo cuspiu, falei para ela depois nos continuamos, ai ela se levantou e foi ao banheiro não sei fazer o que.

Quando todos acordaram fomos para praia, minha tia como estava preocupada se eu ia, cheguei perto dela e falei não se preocupa não irei contar, mas agora vamos aproveitar que a água esta vazia e vamos brincar nela, ela se levantou com uma cara de raiva, porque não gostava do mar e foi, eu fui logo em seguida e ninguém quis ir, quando chegamos perto do fundo eu disse vem aqui, ela veio e eu falei que queria perde a virgindade ali, ela toda desesperada falou não da, aqui alguém pode perceber, falei ninguém vai perceber, ai cheguei perto dela e passei a Mao na coxa dela, como era virgem meu pau já estava estourando, falei para ela como que vamos fazer, ela disse não sei, ai eu disse como vc não sabe, vc que e a safada experiente. Ela me olhou nervosa e falou vamos fingir que estamos brincando e vamos mas para longe de nossa família. Quando ficamos numa distancia media de todos, ela disse agora da, eu falei mais não to com o pau duro agora, e falei que precisava de ajuda ela chegou perto mergulhou e quando voltou passou a Mao forte nele, falei que estava dando um sinal. Naquele momento tive uma idéia, tirei meu pau para fora do shorts e falei mergulha e da uma chupada, cada vez que ela fazia isso eu ia ao céu, quando o meu pau ficou duro totalmente, eu disse e agora, ela falou eu vou por meu biquíni para o lado e vc vem por trás mais temos que fazer como estivéssemos brincando. Quando cheguei bem perto dela, ela falou me pega no colo como se fossemos brincar ai ela pegou no meu pau e colocou dentro da buceta, quase gozei na hora, ela disse faz um vai e vem mais devagar quando fiz 2 vezes gozei dentro da buceta dela, Ela falou pronto agora vc não e mais virgem, e foi em direção da praia, ai eu falei não acabou ainda eu quero por meu dedo dentro do seu cu, ela falou que não dava ali, eu falei nos damos um jeito, ela falou eu vou ficar fingindo que estou mergulhando e vc mete o dedo, quando ela fez isso eu já meti o dedo com tudo ela levantou e falou tem q ir com calma e foi nervosa em direção a arei e falei isso não vai acabar tão rápido . CONTIUO SE RECEBER EMAIL DE QUE GOSTARAM.





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Casada viajando contoscontos trai meu maridoconto erotico arrombei o travesti do baile funkMeu doutor chupou meu grelinhoprofessora novinha e senha resolvi dar o c******Conto porno de estuprada por pai da mim amigaSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininocontos eróticos crentecontos eróticos homem maduro gostoso da pica grande f******conto meu amor meu sobrinhoCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadaprovocando meu tio com um short com as popa da bunda de forabebadas na piscina contoscontos eróticos meu comeu esposa dele e a minhacontos virei a cachorrinha do meu amigocontos eroticos amiga seduz sua amigacontoseroticosbvparticipei de uma suruba contosconto erótico gay brincandocontos eróticos me fode caralho vaiconto erotico perdi calcinhaContos enteada acampandodepois direto para fudela dormindoSexo anal "nunca mais fui a mesma"contos eroticos menino de calcinhaContos filho namorado "pintinho"contos erotico transei por dinheirofui chupada igual uva contoscomo da a buceta direutinhocontos erotico defrorado pelo irmão mas velhoconfesso transando com trêsursao tio roludo contohttp://okinawa-ufa.ru/conto_7625_tirei-o-cabaco-da-prima-dentro-da-cana.htmlcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casagozando na submissa deitadacomo dopar uma mulher e fazer sexo contoloira gostosa goza sozinha comtá um poko da sua safadadecontos de estupro nao resiste minha enteadaconto mulher usa a buceta pra fazer caridadeconto gay cinema pornô Recifea primeira f*** com travesticontos de esposas que deram ocu em troca de diheirocontos eróticos mamãe puta do meu amigocontos eroticos menina tomando.leite na colhercontos de incetos e orgias entre irmas nudismocontos eróticos de mulheres debochadas transando com outro na frente do maridocontos eroticos de afeminados na escolaConto erotico sou puta undaContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindo no chaomeu padrasto meu donoContos eroticos com cunhadasconto comendo a velha prostitutasogra e nora se lambendo contodei a xana contos eroticoswww.espiando minha filha dormindo de camisola contocontos de mulher metendomega rolas mega bucetas mega gozadas profundasContei para meu marido que meu patrao fudeu minha bucetacarlão socando ate as bolas no cu da vadiaConto erotico socando rolacontos eroticos com escravas sendo humilhadacontos de cú por medocontos meu padrato comeu meu cuzinho enquanto eu fingia esta dormindoNovinha Bebi porra do meu amigo contovideos de peladas e meladas de manteiga no cuconto erotico iniciada por meu tiopirulito do titio contos eroticosprguei a tia na ciririca contosjogo de carta em aposta conto incestotransando com a namorada mais perfeitaconto real espiando no buraco casal sexo chacaraO amigo dele me comeu contoscontos meu cunhado é corninhoMEU ENTEADO ME FEZ CHORAR NA ROLA DELE CONTOcontos eroticos minha comadre me chamou pra consertar o chuveiro e comi elacontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadoContos de bofinho chupando bucetapedreiro orrobando buceta da filha do patraomae e filho transa junto do marido e do cunhado vendo tv abaixar downloadsconto eróticos menina pobreConto erotico sogra peituda 70 anosconto erotico mulher casada ajudano um mendigo pirocudogreluda se masturbando com seu cão no quartoconto erotico combinei que comeria uma e ela deixou chantageada e humilhada pela empregada negraContos eroticos minha mulher nao resistiu caiu de boca no pau de meu primosconto erotico minha vo ficou de sutiameu corno .e seus anmigos comedores do meu cu .contos c/fotos