Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O METRO DE NOSSA VIDA

Click to Download this video!

O METRO DE NOSSAS VIDAS....

Já escrevi sobre a nossa aventura com o amigo Léo. Volto a escrever sobre eu e a Nanda.

Outro dia Nanda chegou em casa dizendo que o metro estava super lotado, que não podia nem se mexer, estava amarrotada. Contou então que naquele aperto um homem ficou colado por trás dela prensando-a contra o cano onde se segurava. Em dado momento ela sentiu uma pressão mais forte e que o cara estava de pau duro forçando o contato. Pensou em reclamar mas algo a segurou. Como estava cheio demais deixou ficar. Cada um que passava para descer ou subindo fazia com que ele a apertasse mais. Ela começou a gostar da brincadeira e também se mexia contra o pau do cara. Em dado momento passou a mão atrás e teve certeza da rola dele dura. Sabendo que outras pessoas estavam em volta deles e não percebiam nada ela deixou a mão e passou a acariciar a rola dele por cima da calça até que ele desceu na estação. Disse que ficou molhadinha e chegou a gozar. Disse também que tem certeza que o cara também gozou nas calças. Nessa noite ela gozou muito pensando nele.

Por coincidência nosso amigo Léo (aquele que transou com ela e depois ela fugiu de outras aventuras) ligou dizendo que viria a São Paulo e o convidei para ficar em casa. Quando contei a Nanda dizendo que ela poderia reviver aquele momento do passado ela ficou brava mas depois vi que se excitou com a idéia. Não deu outra. Quando Léo chegou vi em seus olhos o tesão despertar. Como percebi que aquele dia no metro foi muito especial para ela a abracei por trás quando estávamos na cozinha e comecei a me mexer junto a sua bunda já com meu pau duro dizendo “que tal o Léo fazer o papel do cara do metro”. Ela se arrepiou toda.

Apás o jantar enquanto Nanda estava cuidando da cozinha contei ao Léo a aventura dela e pedi para ele ir lá a abraçar por trás dizendo que é o cara do metro. Fui atrás, ela se assustou quando Léo a abraçou prensando-a contra a pia. Porém quando ele beijou sua orelha dizendo que era o cara do metro ela fechou os olhos e relaxou e enquanto ele passeava as mãos por seu corpo e ela acariciava seu pau sobre a calça até que ouvimos seu suspiro de gozo.

Ali mesmo na cozinha nos despimos. Léo a colocou sobre a mesa e começou a chupar seus seios e desceu pelo corpo até chegar em sua boceta. Quando a língua dele penetrou sua vagina um arrepio passou pelo seu corpo e ela gemendo falou que sentia saudades de sua pica. Ela acabou gozando com suas chupadas. Ele a puxou se colocando com o pau na entrada da boceta dela, dizendo que estavam no metro e que iria fode-la na frente de todos os passageiros. Sá passava a cabeça nos lábios fazendo com que ela gemesse e se jogasse contra ele até que a ouvi suplicar “vem mete essa pica gostosa na minha boceta Léo, me faz gozar muito, quero sentir você todinho enterrado, quero ser a putinha do metro.” Suas pernas o enlaçaram pela cintura e vi o pau do Léo sumir dentro da Nanda. Ela foi as alturas.

Dei meu pau para ela e sua boca o engoliu, ela chupava e a cada estocada dele eu sentia uma mordida. Nanda teve orgasmos múltiplos e gozamos como loucos dando um banho de porra nela. Fomos para o quarto e aquela noite foi tão sensacional que tive medo de os vizinhos terem participado ouvindo nossos gemidos de prazer. Dormimos abraçados com a Nanda entre nás e quando acordei Léo já estava dentro dela de novo fazendo-a gemer mais uma vez. Nanda agora adora quando o metro está lotado, já chegou até a por a mão por dentro da calça de um rapaz e fazê-lo gozar e quando chegou em casa me fez beijar e lamber suas mãos e transamos fantasiando que ele a está fodendo no metro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


pirulito do titio contos inocentecontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos no cu é mais gostosoFui trabalhar de servente e dei meu cu contoscontos erotico com patra sendo fodida pelo avo do cazeroEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticoencoxada onibus apagado contosconto minha irma fui arebentada travesteFoderam gente contos tennscomi ela na pia da cozinha/contocontos erotico meu amigo na picina de casameu tio um coroa safado contocontos erótico com enfermeiracontos toqei uma siririka cm uma cenouraconto erotico ele me amassou e eu fingia dormircontos. senti o pau do meu pai na minha bundacontos eroticos com meninas de menorporno bundas muitissimo leve ou seja molecontos eroticos de incesto: preocupada com meu filhofilme porno de saia curta botando uma pomba no cu e clorandoContos eroticos fudi minha irmãEmpregadinha é virgem de cu e buceta conto eróticoconto erotico o soldado arrombou minha bucetaconto erotico sou loira olhos azuis tranzei com um negão Aiii primo mete contoscontos eroticos no elevadorcontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindocontos erótico com irma na cadeiaconto erotico gay o marido da minha irmaconto erotico marido perdeuconto xota cu irmãzinhaamamentar o pedreiro contos maes evangwlicas contos incestoscontos eroticos de incesto com filhinho viadinho com a mamãedando.para irmaos contoscontos lesb ralar a xanacontos anal com pau animalescocontos perdendo a virgindade com o pedreiro e encanadoraposta conto eroticoconto erotico perdi calcinhaconto erotico estuprada de biquíniesposa fogosa casa dos contos erotico 3capitulominha namorada perguntou se eu era gay contocontos eroticos venha ca sua puta safada,eu vou arrombar seu cu de cadelaFui Comida pelos colegas do colegios contosfoto de sexo conto eroticos da minha sobrinha pimentinha parti 1cunhada pediu pra ver meu pinto contosViadinho Na Africa Contos Eroticoscontos eroticos encestocontos eroticos fudendo com varios homens na escolasDiaristasafadinhacontos eróticos no trabalhoConto erótico tapa na minha filhacontos orgia com maeDona Florinda mostrando a periquita para o professor Girafales ele lamberporno com prima e irmaimagemcont erot padrinho meteu tudoconto fazenda com mamaecontos eroticos namorada brava e virgemcontos eroticos eu e minha noiva fomos comidos pelo coroacontos eroticos menina com pedreirofiquei de pau duro quando mi.ha esposaminha bucetinha chego a sangra na rolona do velho contosContos esposa eo caseirocontos irmãzinhaComi no bar contos erotico brasilsurda muda gostosa contoo mudinho comeu meu cuconto erotico dona de casa casada cantadacontoseroticosviolentadasPau gigante.arrombando o cu da inocência. Jcontos de menininhas sentando no colo de homenscontos eroticos fudendo a mae travestiContos eroticos gay dando pro maconheiro safadocontoesposanuajovem mostrando os pelinhis fino ds bucetacontos eroticos de submissaovideos a muher levantado o vestido pra maridocomer a buceta delacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticosde medicade tanto insistir em ver minha mulher em cima de outro pau ...contos exitantes comi a mulhersinha domeu patrão na cama deleo pito da minha sobrinha e o cu da cunhada contossou puto e dei meu cuconto erótico d********** mulher brinca