Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UM SABADO INESQUECIVEL

Click to this video!

Prazer em escrever aqui já faz algum tempo que leio esses contos e vou escrever de agora em diante algumas de minhas aventuras nesse meu tempinho me chamo Anthony, sou de João Pessoa Cidade maravilhosa, tenho 1,77a 75kg branco cabelo preto cabelo preto, vou começar algo que aconteceu em minha vida que de alguma forma mudou minha vida.

Era um sábado não tinha muito o que fazer sair com um amigo e fui a um shopping da cidade tomar algumas cervejas, e meu amigo marcou com 2 amigas para nos conhecer e nos acompanhar durante aquela chope, chegamos primeiro e começamos a beber e a olhar aquela jovens lindas bronzeadas, passou uns 30 minutos e meu amigo disse olha para a escada pois as 2 estão vindos ali, nossa fiquei encantado com beleza de uma loira maravilhosa linda seu cabelos lisos andar, mais a sua amiga não era bonita, nem feia, não me atraia.

Quando eles chegaram tive a maior decepção quando meu amigo me apresentou como sua mais nova namorada a garota loira linda, sobrou pra mim a garota que não era bonita que se chamava Débora, ( Tomara que ela não leia), ficamos de papo por algumas horas e eu tinha que arrumar alguma desculpa para fugir ate que passou por mim um primo e me chamou e ficamos batendo um papo e expliquei e mandei ele arrumar uma desculpa pra me tirar dali, e foi feito dei uma desculpa e disse que tinha que sair urgente.

Já no andar de baixo e passar milhões de coisas em minha cabeça, que porcaria de dia e coisas do tipo, esbarrei em uma garota mais ou menos 22 anos quando vou pedir desculpa ela disse Anthony como sempre distraído heim, eu olho era Renata uma garota que estudei a anos atrás uma das minhas melhores amigas, ficamos de papo e a convidei para sair e expliquei que não podia ser ali e disse o motivo no qual ela riu bastante e disse que eu estava no mesmo jeito.

Saímos em direção a praia, ela me disse que queria ir a sua casa e formos ela me falou que queria me apresenta uma prima doida que tava la, eu já pensando em Renata e fazer mil loucuras mais sempre formos amigos nunca rolou nada, mesmo ela sendo uma garota maravilhosa dos padrões de beleza que deixa qualquer homem louco, chegamos em sua casa ela aperta o interfone e a prima atende e abre entramos e ela esquece e dizer que esta com visita, quando entro a sua prima esta apenas de toalha, que toalha maravilhosa não pareei mais se olhar aquela ruiva, seu olhos com de mel e Renata me chama por 3 vezes ate eu acorda, verdade estava pasmo com a beleza daquela ruiva, ate que ouvir os risos das duas.

Anthony, Anthony, Anthony essa é minha prima Carol, e nos apresentamos e nos beijamos(rosto) naquela sala, eu imaginei nossa vou deixa de ver essas perninhas, lindas ela vai fica com vergonha e vestir uma roupa, engano meu ela ficou um bom tempo e falou pra Renata que seu Pc tava com defeito e Renata como sabia que eu mexia com isso me pediu para olhar, e a Carol não foi se vestir ficou ali de toalha uma toalha grande mais que deixava seu corpo maravilhoso, ela foi me ajuda a tirar o cabinete e ficamos cara a cara a hora que nos levantamos e ficamos sem graça olhando um para o outro e rimos bastante, depois disso ela disse que ia colocar uma roupa.

Eu falei a Renata que pena, e rimos bastante, e Renata disse se prepare como ela vai se vestir conheço, minha prima, pegamos algumas cerveja e ficamos, quando vejo vem uma deusa ruiva, Carol linda com uma saia jeans não curta mais deixa suas coxas lindas apertadas, belas, nossa uma camisa verde tomara que caia, e ficamos ali a beber, passando um tempo convido as 2 para passear na praia do jacaré Renata disse que não, e disse para ir nos 2 que não ia fica vendendo cocada para nos 2, e riu bastante, e Carol disse que era besteira mais acabamos indo sá nos 2 eu e a Carol.

No carro já coloquei uma boa musica one u2 e começamos a bate papo e a rir bastante, ela a e dizer que era loucura a sair comigo que nem me conhecia, ai falei que eu já fui o melhor amigo de sua prima, e começamos a falar de nossas vidas e coisas, em um momento peguei em sua mão levei a meu rosto e beijei, ela ficou parada e sem dizer nada e fiquei assim pegando e alisando sua linda e cheirosa mão.



Chegamos na praia formos passear e sem falar nada peguei em sua mão e comecei a andar com ela de mão dadas, quem conhece a praia do Jacaré sabe que lugar mais belo não existe, ficamos ali e olhando suas belezas e rolou nosso primeiro beijo, nossa que beijo maravilhoso, ficamos um bom tempo como bons namorados naquele beijo, ao som eletrônico que rolava na praia e achamos melhor fica namorando no carro e o tinha deixado em um lugar estratégico meio escuro mais tranquilo, e ficamos nos beijando, o ar condicionado não tava mais conta do nosso calor, nossas mãos passavam por todo nosso corpo, aquele bumbum, nossa maravilhoso, e beijei aquela boca sugava a sua língua, ela tirou minha camisa beijou, passou a beija meu peito, a beijar meu pescoço.

Não aguentava mais e em um ato loucura ela sai de cima de mim baixa minhas calcas ela sobre em saia e sobe cima de mim, ai vi uma calcinha branca, linda, nada vulgar e sim bem menininha nossa que maravilha, e ficamos ali nos beijando e ralando, o cheiro de sexo tava no ar, ainda bem que meu carro é uma Pajero e ta pra fazer uma festa boa é uma o banco cama. Risos ficamos ela saiu de cima e começou a me toca e olhando e deu um beijinho, nossa que coisa maravilhosa, aquela boca de anja aquela rosto angelical agora engolindo meu pau, chupando que delicia, nisso eu tentava tocar em sua bucetinha mais tava difícil, quem já fez em carro sabe como é, e dava ora nota como ela tava molhadinha.

Não aguentando mais nem pensei, puxei ela pra cima de mim coloquei e calcinha dela de lado, aquela bucetinha linda e cheirosa, com poucos pelos, ela subiu e ficamos com calma e olhando para os lados para ver se ninguém nos observava mais nosso prazer falava mais alto já que o carro tinha vidro fume, ficamos nos beijando e fazendo amor mesmo sem camisinha nem me importava com doenças, com gravidez, aquela paixão falava mais alto, tirei sua camisa e comecei a beijar seus seios lindos médios firmes, ela gemia e ficamos pouco tempo assim e gozo veio e quando falei que ia gozar ela disse pode gozar dentro, eu tomo remédio e gozei e ficamos abraçados e nos beijando, acabamos nossa noite dormindo motel, um dos granes amores da minha vida, Carol linda ficamos por mais de 1 ano namorando pena que ela viajou e hoje mora em Minas.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto fui comido por doisrose empregadinha contossofrendo no boquete contos eroticosconto erotico caronaconto erotico com homem velho coroa grisalho peludo do trabalhocontos eróticos de gays novinhos bonitos loiras namorado com muitos beijos nameu compadre tem fantasia herotica cm migo o q devo fazermeu priminho, meu putinh na infânciacontos esposa deu pro sobrinhocontos noivas deram pra cunhadoincesto filho comeu mao no dia fertil contos eroticominha esposa ela não gostava de depilar sua buceta cheia de pentelhos eu disse pra ela se você raspar sua buceta vai ficar linda eu não sabia que minha esposa que ela tinha raspado sua buceta a noite eu entrei no quarto minha esposa tava deitada na cama com o lenço em cima da suas pernas ela disse pra mim tirar o lençol de cima da suas pernas eu tirei o lençol sua buceta tava raspadinha ela me perguntou pra mim você gostou da minha buceta raspadinha eu disse pra ela sua buceta raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta ela gozo na minha boca ela chupou meu pau eu comecei a fuder sua buceta ela gozo ela ficou de quatro eu comecei a fuder seu cu conto eróticoContos eroticos abusadas pelo meu padrastocontos eroticos chantageando a menina arrogantetitiocolocadevagarcontos eroticos me emrrabaram no escuro da barraca ao lado d maridocontos eroticos sendo comida por um cachorro e um homemcontos feminino vacilei e me entregueicontos eróticos com vizinhaContos punheta na massagem no penis do meninomeu cunhado tirou o cabaço do cú da minha esposaminha tia so de roupao contos eroticosvideos putas chupando e achado q a pica e poucacoleguinha liberal gay contosContos eroticovirei submissocomi minha cunhada adriananegoes picudos/contospegando minha priminha novinha contoswww.xvideovirei/putacunhadavidiopornocontos tava de shirtinho em casa o mendingo me comeu em casacontos gay com moto táxicontos eroticos-estuprei minha irmaconto erotico minha prima dedando meu pruquito a noiteconto erotico minha mae chupava minha bucetianha deus de pequenaContos eroticoss adoro trepar sem camisinhacontos verídicas de sexo em montes claroscontos eroticos mae fazendo podolatria com o filhoEu roberto o cachorro conto erotico gayContos erotico comeram meu cu ate eu desmaiar okinawan gélico pornôcontos eroticos de esposas de caminhoneirosno colinho do vovô contos eroticosmeu marido arrumou um macho pra me engravidarcontos de mulheres que levam na cona e no cuconto gay zoofilia com galinhacontos eróticos f****** gostoso na mesa de bilharcontos de dei o cu para um jumento Negrãocontos minha filha enrroscada na minha picaContos eroticos namoradas sendo realizadas por pintudoconto anal popozuda crentecontos eroticos engravideivelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinha o mineirinho que me cativou 2cumendo cu da mae e tia contos eroticostomou viagra e meteu na esposachama Laura para ir comigo lá no a f*** com gayfoda gostosa com amigos contos conto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuincesto de filho e mae lua de mel no hotel conto eróticomulher pois o marido a xupae o travestecorno cu veado negao conto erotico esposa dedos no cu consolocantos eroticos de casada dando o cu vergicontos eroticos enchi a boca da ninfetinha de porraconto erotico caronacontos eroticos morena na garupa da motoeuconfessomulher de meu irmaotransei com amigo da minha filhacontos fodendo senhora negraMe comeram ao lado do meu namoradovesti as roupa feminina e dei meu rabinhoMãe mamando pau do filho contoseroticoscontos eroticos chatagiada a beber espermasComtos erotico chuponas.de.rola.prima cazada ve seu primo comendo a subrinha depois pedi para o primo fuder com ela no sexo