Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SURUBA COM O MARIDO DA MINHA PRIMA

Bom como já contei prá vcs, meu caso com o marido da minha prima e depois em outro caso eu com ele e minha prima (chantagem)

Então, ele me ligou e avisou que iria ter uma festinha na casa de um amigo dele e se eu queria ir, respondi que sim e perguntei se era tranquilo, pois não poderiamos ser vistos, ele disse que sim, a festa foi numa sexta, na quinta feira foi em um shopping e comprei uma langeri bem sex e um vestido tomara que caia, um pouco acima do meu joelho e um pouco apertado. Na sexta fui ao salão da minha irmã e pedi pra ela me depilar, deixei uma faixanha de mais ou menos um dedo e pedi a ela que depilasse inclusive minha area do ânus, ela me perguntou se eu tava dando meu cú, eu disse que sim, que dava e era muito bom, ela falou que sá tinha tentado dar uma fez e que doeu muito, eu a expliquei que o pau do homem tem que tá bem lubrificado e que no começo doí mesmo e depois viraria sá prazer, inclusive até gozar eu gozava. Me arrumei, coloquei a langeri, o vestido, um salto alto, cheguei ao nosso local de encontro e fomos, como sempre não resisto, ranquei aquela varona enorme que ele tem e já fui batento um boquete até ele gozar bem gostoso na minha boca. Chegamos e o amigo dele veio abrir a porta, era um moreno alto, atraente, nos apresentamos e fomos entrando, chegando lá nos fundos, mais dois amigos deles em uma churrasqueira, foi nos apresentados e nás 4ficamos ali conversando, percebia os olhares deles e nada de mulheres deles chegarem, o amigo dele pegou o celular e ligou e no meio da conversa virou pros outros dois e disse: as mulheres nos deram bolo, os caras ficaram putos. comecaram a tirar as carnes da churrasqueira e me ofereceram, eu virei sem maldade e disse que gostava era de linguiça, nisso eles viraram prá mim e me zuaram, falaram que ele era um homem de sorte por ter uma namorada tão broto, começamos a rir e eles sem entenderem nada perguntaram o porque de nás rimos, eu virei e disse, nás somos amantes, eles ficaram bobos, perguntei aonde era o banheiro e ele foi comigo,entramos e começamos a beijar e levei a mão dele até minha buceta e falei: olha como tou molhada? ele disse: vc quer dar prá nás todos? balancei com a cabeça que sim! Quando de repente batem na porta do banheiro dizendo queremos tambêm, eu tomei um susto e já fui puchando a sua calça e tirando aquele cacete mais uma vez duro, ajoelhei e começei a bater boquete, ele vira e fala, tá aberta a porta pessoal, podem entrar, eu estava de lado e vi eles entrando, as caras deles diziam tudo, começaram a tirar a roupa e vieram em minha direção, eram 4 picas, todas grandes e grossas, tinha uma bem negra, nunca tinha dado prá uma rola preta igual carvão, ele me levantaram e me chamaram para o quarto, fomos todos, chegaram lá me pagaram e me beijaram, eu colocava as mãos para baixo e pegava nas rolas, eles foram e tiraram meu vestido, escutei as vozes, que gostosa, olha a calcinha da puta, é uma cachorra mesmo, começaram a chupar meus peitões, eram muitas mãos rosando minha buceta, até que rancaram minha calçinha, ouvia, que bucetão lindo, olhem que cuzão, um deles deitou no chão e sentei encima, ficou ele de frente e um em cada lado, batia uma punheta prá dois e chupava o outro, não resisti e gozei na boca do que estava embaixo, me deitaram e começaram a socar, cada hora era um e eu gozava, começei a cavalgar e chupava as rolas na minha frente, eu tava louca de tesão, e gozei novamente, veio outro e deitou e montei encima, quando menos imagino saiu um e ficou atraz, começou a por no meu cuzinho, eram dois dentro de mim, um na buceta e outro no cú, não demorou e gozei, me colocaram invertida por cima, colocou na buceta e veio outro e começou a colocar tambem na minha buceta, fiquei com duas rolas na buceta e gozei, fizeram rodinha e cada um que me penetrava eu gozava, me colocaram de 4 e cada hora um metia,o que eu chupava era a vez de me comer e assim por diante, não sabia quantas vezes já havia gozada, eles me ajoelharam e começaram a gozar, era muita porra, engolia o que dava, meu cabelo ficou cheio de porra, bati um boquete prá cada um e fomos tomar banho.

Depois conto como levei a minha irmã casada para a suruba e ela deu o cuzinho a vontade.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


http://googleweblight.com/i?u=http://tennis-zelenograd.ru/conto_27758_tudo-comecou-no-colo-pra-me-ter-no-colo-do-p....html&grqid=FXxSLOdv&s=1&hl=pt-BRContos eróticos chupei muito e fiquei louco pela bucetinha da sobrinha novinha novinha da minha esposacontos comi meu primo virgemmae de causinha melada quado da de mama profilhoconto gay me comeram dormindocontos erot.vizinho casado tirou minha virgindadeempregadinha contoensinando a minha cunhada a dirigir contos eroticosvidios porno meu amigo bi enfiou no cu do meu maridocontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumaContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar os pes de primas dormindonovinha cavala cio tanguinha deixando doido e mastubandoperdi mimha virgindade com um consolo contoconto erotico noiva deu para morador de ruaconto erotico neide safadinhaquero ouvir o funk mais soltinho bem curtinho cunhadominha tia chegou bebada e eu vi ela pelada oq eu façoContos eroticoseus.filhosbrincadeiras erotica no cu de machoContos eróticos titiominha xana piscavacontos eroticos medica rabuda enrabada por pacienteMeu marido sabe que dou o cu a um amigo de infanciacontos eroticos jardineiro comeu eu e minha mulherfilmou o semen saindo da xoxotaultimos contos eroticos dando o cu pela primeira vez gayscontos eróticos trai e adoreiTudo q uma puta deve fazer na camaminha cadelinha zoofilia contoscontosmorena bronzeada na locadora pornôkung puta bebada da minha cunhadahomem gritado de dor porno abertando suas bolascontos eroticos de primeira vez gueys com vizinhoNao aguentei ver minha mae nua na cama e fodi ela CONTO EROTICOcontos eroticos enteado pau de jumentocontos eroticos feriado quitinete praiacontos eróticos de pai e filhacontos eróticos coroas boqueteirasContos ela deixou comer o cu delacontos eróticos mulher de traficante dando pra galera todaDei o Cuzinho Na Cadeia e Depois pro Pastor Contos EroticosContos eróticos dei a bucetinhacontos gay chorei no pau do coroaContos eroticos gozando até chorarcontos de cú de irmà da igrejaler contos pornos eletrecista mi comeo no hotelmeu primo chupou minha rola : contos eróticosbuceta pro maninho separado contoslevantando minha saia contocontos eroticos lesbicas cintaconto erotico gay viado desobediente tem que ser castigadocontos eroticos metende devagar na buceta chupando os seios mordendo os bicis cavalgando gememdominha esposa faz questao que eu veja ela com outro em nossa cama e depois chupe ela toda esporrada videoscontos eroticos tia dando pro proprio subrinhometerola griluda e pintudaContos eroticos minha esposa e um meninoconto meu vizinho paneleiroPorn contos eroticos na casa do tio ricoconto zoofilia tezao estrupocontos eroticos pedindo pra ser cadelaContos de travestis pauzudosFoderam gente contos tennscomi minha comadre drogada contodado pro tio na fazenda, conto gaycontos eroticos travesti me rouboucontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosContos eroticos chiando na fodacontos eroticos incesto o retorno de maria alice na casa do padrinhoContos de ninfetas sem calcinhacontos minha aluninhaSou casada mas bebi porro de outra cara contos