Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A MOÇA DO VESTIDO LONGO E PRETO

Click to this video!

Já era 15:00 da tarde, e a estação de metrô Ana Rosa em são paulo estava vazia. Era domingo de uma tarde agradável de sol. Ao se abrirem as portas do trem, haviam muitos lugares vagos. Porém uma morena com cara de comportada me despertou atenção. Ela estava com um vestido longo preto e nos pés uma sandália de couro "rasteira". Já o decote do vestido era tudo de bom. Parecia que os seus seios iriam pular pra fora á qualquer momento. Comecei a olha-los descaradamente, pois o que é bom e lindo é para ser apreciado.



Além de seus seios, a sua boca carnuda possuida por um batom vermelho modelava seus lábios. Seu rosto delicado e emoldurado por cabelos cacheados indo até o término das costas destacava ainda mais a presença de sua beleza exuberante. Já o restante de sua silhueta estava escondida pelo vestido longo preto.



Comecei á olhar cada vez mais para seus seios e lábios, e quando chegava aos seus olhos eu ficava timido e desconcertado. Ela tinha olhos negros e definidos como jabuticaba. Agregando mais luz á sua beleza. Percebendo a insistência do meu olhar, levantou-se do seu assento chegou perto do meu, inclinando o seu corpo um pouco mais para baixo, deixando seus seios ainda mais sedutores frente aos meus olhos



- Moço, por favor, a estação barra funda está longe?

- Olha, um pouco. Você vai ter que descer na Sé e pegar um outro trem. Estou indo pra lá...se quiser me acompanhar.

- ok. Obrigada. Disse ela. demonstrando sensualidade.

- Por nada. Me flagrando focado nos seios deliciosos dela.



Sem perguntar, ela ja foi sentando no lugar vago do meu lado, deixando o sangue do meu corpo fervendo com sua presença marcante e deliciosa.



Nessa altura o trêm ja estava nas imediações da estação liberdade, sendo a práxima a estação da sé. Ao ouvir o condutor do trem dizer "práxima estação liberdade" Ela soltou um comentário que soou como um fogo na pálvora.



- Liberdade, como eu queria ter para fazer sexo! Pena que ela depende de algo precioso para me excitar, e isso muito homens não tem.



Escutando com atenção o seu comentário repliquei com um tom bem humorado - Poxa, vocês também são muito complicadas. Mas me diga, qual é o segredo???



Sem rodeios ela disparou - o que me excita foi o que você fez. Me olhou com desejo, mas não ficou focado no meu corpo, mas também nos meus olhos, cabelos e rosto. No conjunto todo!



Com jeito sacana eu disse - hum, posso escrever um poema erático agora pra você! Inspirado em seus cabelos, boca, corpo etc..



Com um sorriso provocador ela levantou do assento dizendo que já estavamos perto da sé. Acompanhando seus passos até a porta, pude ver o quanto ela era linda e gostosa. Chegando na estação da sé, saimos do trem indo para a escada rolante para finalmente chegarmos ao local de embarque para a barra funda. Chegando á plataforma ela disse que faria algo excitante assim que pegássemos o práximo trem.



- Você disse que vai fazer um poema pra mim. Quero que faça agora, inspirado no que vou fazer dentro do trem. Somente veja e escreva! Sorrindo e sem dizer nada, apenas aceitei a sua proposta.



Entrando no trem ela fez algo que me excitou de uma forma forte e voraz. Segurou com força os ferros de apoio interno e em seguida roçou delicadamente seu rosto lindo neles, lambuzando a minha imaginação de pensamentos sacanas. Quando o trem se aproximava da estação Anhamgabaú e foi freando aos poucos, até dar um pequeno solavanco antes de parar totalmente. Foi quando ela com a força da freada...



continua...





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticos - me come vai, mete maninho.piercing no mamilo da priminhaContos eroticos minha esposa rabudavídeo de gorda lavando o rabo ensaboadoNovinha Bebi porra do meu amigo contoconto erotico dei o cu pro negaoconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camamassagem incomparável faz cara senti tesão e gozaconto porn insetuosocontos eroticos lutasconto erotico safadesa no cinema com travestiMamando piroca do filhinho contoseroticosmeu pai me estruprou odiei contos gaypapai encheu minha boca de porraPeguei meu filho mostrei minha vagina contos eroticoscontos eroticos primeira vez siririca com 07 anos sozinhacontos eroticos fiz caridade para os velhinhos com a minha bucetacontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eróticos mãe com os negrões e papai vendoSou gay e tranzei com um travest contos eroticocontos infancia gay dei ainda pepueno papaiconto cu esconde-escondeeu.tinha.cinco.anos.e.ja.dava.o.cu.pro.meu.primo.contos.prpibidosmulhe chupa caserte do jeguexvideos minha matrasdo nu meu quato sexocontos eroticos sobrinhoconto eroticos lésbico putinha vadia buceta caralho chuva dourada buceta Detinhadando/o cabaço pro titio conto exitanteXvidio irmã sozinha paia pica do meu filho é enorme dei gostoso ate o pai dele deu virou viadao corno contoconto erotico estudandoxxx conto mais babado do incestoconto eroticos minha mae o pedreirotarado.tira.vigidadi.da.entidas.novinhas.come.o.cu.elas.gritacomentário de. mulher que ja a buceta pro donzelofui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoContos eroticos galeracontos inserto fatos reais gaycontoseroticos meu filho me estupro meu cucontos gay transformado em putapapai Me. comeu Contoscont erot recem casada um velho meConto nao sabia que minha primo era travesre eu come eleconto erotico de menino com caralho jumentoContoseroticoscomsogrocontoseroticosencoxeinovinhos fodeno apremira veizcontos eroticos chantagiei minha tia e comi elacontos/o dia em que esfolei a cona da minha filhanegrinha brinca com roupa de escostar homemcontos de uma coroa safadaMe comeram ao lado do meu namoradoMULHER COMENDO O HOMEN COM MAO TODAomnovinho da pica gigante atolando no mulequeinhocontoseroticos rochastarado.tira.vigidadi.da.entidas.novinhas.come.o.cu.elas.gritaa garotinha no meu colo contocontos homens que usam calcinhafui banha mas meu irmau na pidina e eu dei pra ele xvidio.comcu delicioaoeu confesso que transei com uma idosadentistassafadacontos de coroa com novinhocontos eroticos minha cona e cu gosta de piça ggcontos eróticos de lésbicas incesto com consolo grande tirando o cabaçocontos erotico com minha sobrinha mais novaFalei pro meu amigo enrrabar minha esposa enquanto ela dormiaContos gay minha primeira vezgreludas insaciável incesto contos Minha cona molhada relatosfiquei olhando o travesti encoxando meu marido no onibusContos Eroticos traficante