Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEPOIS DE TRÊS ANOS, UM PÉ DE MESA!

Click to Download this video!

Olá amigos, o que passo a relatar aconteceu há uns quatro meses, bom para inicio de conversa, eu sou casado, tenho uma vida hetero, mas sou chegado em um macho de pau duro, já fazia uns três anos que eu não tinha relação com outro homem, haja vista que procuro manter este meu lado separado de minha vida cotidiana, então como eu disse, eu estava na seca de pica a todo esse tempo, pois é difícil vc encontrar alguém confiável e que seja discreto, então certo dia eu estava em uma sala de bate papo, e papo vem papo vai, conheci um cara de uma cidade vizinha a minha e ele me passou seu msn para podermos conversar melhor, eu o adicionei no meu Hotmail, e conversamos aquele dia e acabou rolando um papo bem quente, mas não passou disso, rsrsrs. Eu não sou muito chegado em abrir o msn, demoro vários dias a vários meses, então esse cara ficou adicionado no meu msn um bom tempo, e então há exatamente uns quatro meses, minha esposa tinha ido passar uns dias na sogra, devido a esta estar adoentada e eu fiquei sozinho em casa, então em certo momento daquele dia entrei no meu msn para dar uma olhada na minha caixa de mail, e dai esse amigo que vou passar a chamar de márcio, estava on-line e me mandou um ola, e passamos a conversar, ele praticamente se apresentou de novo e eu também ficamos meio de sacanagem o dia todo, eu jogando charme e ele jogando o laço, em um certo momento ele me convenceu a ir até a casa dele, eu acabei marcando de ir por volta das onze da noite. Confesso que fiquei meio temeroso, mas no final o desejo venceu a razão, e lá fui eu, sá que acabei me atrasando em uns quarenta minutos para chegar a casa dele, quando cheguei na cidade onde ele morava, liguei mas com certeza que ele não atenderia, e que surpresa, ele atendeu, e dai me deu as indicações para chegar até o apartamento dele. Quando cheguei no endereço que me indicou ele já estava esperando na portaria, ele me recebeu com um grande sorriso e um abraço, e pediu para subirmos para o ap dele, pegamos a escada e na subida já senti a pressão, rsrs, levei um apertão na bunda. Subimos até o apartamento del e no segundo andar, e ao entrarmos ele me segurou por trás com as mãos na minha cintura, me virou e me tascou um beijo de língua, eu não sou muito de beijo, mas acabei aceitando, ele pediu para sentar e perguntou se aceitava algo para beber, me ofereceu uma cerveja e começamos a conversar, ele tem uns 1,83, um pouco acima do peso, moreno cabelo raspado e bastante peludo, passamos a conversar e ele passou a me alisar dizendo que tinha gostado de mim e que estava excitado, me mostrando o volume por baixo da calça de malha que estava vestindo, eu disse a ele também tinha gostado dele e estava excitado com a situação ele então baixou a calça e me mostrou seu pênis que estava meia bomba e tinha uns 19 cm daquele jeito, eu fiquei abismado com aquela pica, pois apesar de já ter experiência, nunca tinha visto algo tão grande e olha que eu já tinha enfrentado um 23 cm duro, rsrs, mas ele era diferente, o márcio é bem avantajado, srsrs. Eu me abaixei e abocanhei aquele pau, me matei de sugar, parecia o ultimo da minha vida, mamei ele de cima abaixo, e aquela ferramenta cresceu na minha boca e ficou enorme, a cabeça do pau dele mau cabia dentro da minha boca e o pau dele duro, nossa, todo mundo fala passou a cabeça o resto desliza, rsrs, o pau do Marcio era diferente da regra, srrsrs, começa numa cabeça enorme do tamanho de dois morangos grandes, e quando digo grandes pense naqueles grandes, o corpo do pau dele em vez de diminuir, ficava encorpado e engrossava até chegar na base do pau, o pau dele era em forma de cunha, na hora eu nem pensei nisso, mamei aquela tora por uma boa meia hora, e ele então me pegou e praticamente me carregou até o quarto onde ele se deitou, e pediu para eu ficar de quatro, nossa quando ele começou a pincelar aquela cabeçorra na porta do meu cuzinho quase desfaleci, como disse a cabecinha entrou sem nenhum trauma, mas quando passou a forçar o resto é que foi o problema, rsrsrs, ele socou e socou mas nada de entrar, pedi para ele deitar e perguntei se ele tinha algum lubrificante, e passei no pau dele e no meu “cuzinho”, até aquele momento ainda podia usar esse diminutivo, rsrsrs, sentei no pau dele e passei a forçar, confesso que doeu, e consegui ir até a metade, ele então me segurou na cintura e falou para eu relaxar e passou a fazer um vai e vem, doía mas fui relaxando, e ele foi socando aquela pica, e foi mas não entrou tudo, ele ficou nesse movimento por um bom tempo, me pos de lado então passou a forçar mas não entrava tudo e ele socou no meu anel sem conseguir colocar tudo, por um bom tempo, eu sentia cada vez que ele tirava e colocava, não era uma sensação ruim, era bom e assim foi até que o pau dele começou a pulsar e ele tirou de meu rabo arrancou a camisinha me agarrou pela cabeça e socou na minha boca e me mandou mamar a pica dele, mamei e mamei e senti o jato de porra na minha garganta, ele me segurou e acabei engolindo tudo, engasguei e acabou saindo porra até pelo nariz, mas ele me fez limpara o pau dele até não sobrar nada do esperma dele. Ficamos conversando apás essa foda e eu resolvi tomar um banho, e quando voltei ele entrou no banho em mandou eu me servir de algo para beber, eu me servi de whisky, e fiquei esperando ele, quando ele voltou, se sentou comigo e passamos a conversar e ele me elogiou dizendo que eu tinha um cuzinho apertadinho e eu disse a ele que não era que eu era apertado era ele que era avantajado, rsrs, conversa vem conversa vai ele me segura e me da um beijão e eu aproveito caio de boca no pau dele, que já estava virado numa barra de ferro de novo, ele me deixa mamar o pau e passa a foder minha boca, depois de um tempo ele se levanta e me encosta na parede com o rosto e pau dele já fica na altura do meu rabinho, ele da umas pincelada e enterra aquele bruto no meu rabo e soca tudo que da para entrar, sá que dessa vez na empolgação foi sem camisinha mesmo, ele começa um movimento de vai e vem inesquecível, e me encouchou sem dá, quando menos espero ele me seguro que nem um boneco e me vira de frente e me coloca com a bunda em cima de uma mesa de telefone da sala e numa posição de papai mamãe enterra o pau no meu cuzinho e me lasca um beijo e fica socando, nossa que sensação gostosa, me senti a fêmea submissa nesse momento, ficamos um bom tempo assim, até ele me jogar de bruços em um pufe na sala e eu fiquei com meu “cuzinho”, até aquele momento, todo exposto a ele, e ele não se fez de rogado posso dizer que quando ele enterrou o pau dele no meu rabo e devido a eu estar todo melado e úmido, aquela tora escorregou até as bolas, senti como se fosse a primeira vez, parece que algo cedeu no meu rabinho, e ele parou em cima de mim se ajeitou e socou fundo, parecia que eu estava dando o rabo pela primeira vez, naquele momento ele começou um vai e vem louco, tirava inteiro e socava aquela ferramenta descomunal em mim, aguentei e pedi mais ele ficou louco ficou uma meia hora naquele vai e vem até que me segurou na cintura e me chamando de puta, vadia, cu gostoso, esporrou no fundo de meu recém “rabão”, rsrsrss. Ele se desfaleceu em cima de mim e ficou por um tempo, eu me deixei ficar, estava exausto, ele foi até o quarto e veio com uma maquina e fotografou meu rabo, dizendo que era para a posteridade, pois nem a mulher dele aguentou o pau dele todo como meu rabinho tinha recebido. Ele me deixou ali e foi tomar banho e eu acabei cochilando daquele jeito e acordei com um tapa na bunda, rsrsrs, tomei um banho e fui para casa. Se vc perguntar se gozei, não mas quando cheguei em casa bati uma punheta em lembrança, meu rabinho, não mais se recuperou, eu coloco os dedos para senti-lo e sinto desde então o estrago, rrsrsrs, essa semana estou pensando em visitar meu amigo márcio de novo, rsrss, depois conto o que deu. A única coisa que sei é que não posso dizer rabinho mais, rsrsrsr....

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto eroticos com a namorada e minha irma acampandominha vozinha tava chifrando meu avo com o mendigo contoconto erotico incesto sonifero filhaConto minha esposa dando pro policialminha,sogra carinhosa contosconto erotico as pregas da empregadaconto incesto mestruavaMinha namorada festa na chacara cornoerotico menininhacontos punheta no trabalhominha esposa me convenceu dedos no cu conto hormonal femininoscontos eróticos - seduzido no onibusContos eroticos eu e minha familiaconto gay camisolinhagarotos safadinhos picas e bundas videoscontos eroticos eu sozinha acabei gozando na calcinhacache:4rfP6uYGrfkJ:tennis-zelenograd.ru/home.php?pag=67Foderam gente contos tennscontoseroticosdesvirginandocontos como presenciei um cachorro fudendo uma cadela até engatarminha esposa e os caminhoneiroso contoscontoseroticos de menina adolecentetransando com homem maduro e bem dotadoMinha esposa deu a xoxota pra um mendingosafada pediu pro tio pauzudo gosa dentroconto erotico velho praia nudismocontos de casadas sendo assaltadas e estrupadas gozando gostosoContos gay pinto pequenolevantou umas da minhas pernas,se encaixou na minha entradinha e foi metendo devagarzinhoconto praia de nudismo com a esposa continuacontos minha tara no bundao da mamaefotos da minha mulher gulosacontos gemi grita olha corninhocontos fui estudar a noite que professoracontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos corno meu marido nao viuexibindo a esposa xonto eroticoCasa da maite erotico tia bebadaCasada viajando contoscontos ninfeta provocando com shortinho socadoentreguei minha esposa de bandejaconto de mulher que se masturbacontos eroticos como menino de oito anos da minha ruaconto peguei a coroa dona do cormeciocontos eroticos esfregando devagarinho o pau por trasconto erotico gay motoqueiro marrenticontos comedor de travestiscontos eroticos o negao me estuproucontos eroticos comi duas professorastravesti tomou banho com amiga e comeu bucetinha delacontos eróticos menino pintinhonegra atola a rola e ela da pidocontos erotico no acampamentocontos dei a buceta para meu patrao na fasendavesti as roupas da minha mulher por curiosidade fui flagrado pelo vizinho e virei sua putinha gayprimeira vez com travesti contos eroticosdei o cuzinho é fiquei arrombandoconto erotico de casal fazendo as pazesprima rechonchuda contos fotomeu namorado me fez de putachorou na pica/contover contos porno anal no onibos de escurcaocomtos de incesto com subrinha bebada depos da balada no carroconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontos de casadas liberadaconto eróticos mendigo batendo punheta na rua da minha casaconto erotico peguei meu marido trepando cõm minha irma na camadeixei minha filhinha brincar com meu pau coltos cotos icesto mae e corninho aiii vai mete seu safado vou gozarconto fui trabalha com fio dental torano minha bucetacontos e feitiches homem q adora uma mulher mijando na calcinhazoofilia espanhola gostosa atualcontos de cú de madrinhacontos eroticos velho encheu meu anelzinho de leite e meu marido nem desconfiacontos reais de mulher que deixou cachorro emgatar na bucetaconto erotico.de novinha gosando com o paicontos eloticos marido levar mulher p andar de o.ibos p veer homem sarraando na binda delacontos eróticos de meninas que se descobriram entreDesvirginando a sobrinha de 18 anoscontos comendo a velhaconto xota cu irmãzinhaComtos casadas fodidas pelo patraoconto gay macho arroganteContos eroticos o bucetao cabeludo da minha tia velhaContos podolatria empregadacontos dei a xana pro caseiro