Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SALSICHA E TEMPERO DE UM SANDUICHE TESUDO!

Click to this video!

Olá novamente! Meu codinome é beija-pau, mas como não me apresentei bem nos outros contos que enviei, resolvi fazê-lo agora. Não sou gay, apenas encaro uma ou outra aventura. Tenho 1,76 de altura, 80Kg, uma pica de 19cm e uma bunda redondinha e arrebitada. Bom.. Gosto muito de sexo. O conto que relato agora é mais uma de minhas aventuras que acontecem por acaso. Há muito não via um amigo que reencotrei numa boate em Natal-RN, numas férias anos atrás. Encontrei esse cara com uma gata, loira de bunda e peitos deliciosos, toda provocante. Ele me chamou pra sentar com eles e a gata não parava de me olhar. Num momento em que ele foi ao banheiro resolvi perguntar a ela, o que estava acontecendo, se ela era realmente namorada dele e porque me olhava tanto. Ela respondeu que era porque quando meu amigo disse meu nome ela lembrou de umas histárias, mas que não podia me contar. Quando meu amigo chegou ela saiu e disse que ia pegar uma bebida, e disse - pergunta pra ele, se ele quiser te conta. Muito sem graça nás dois olhamos um para o outro e perguntamos juntos: o quê? E ela respondeu, vocês sabem melhor que eu. Bom, ela saiu e o assunto não pode ser outro: o que ela falou pra você?, disse meu amigo! Perguntei pra ela porque estava me olhando tanto e ela disse que era por causa de uma histária que você contou. Meu amigo ficou rocho. E aí, qual foi a histária. Acho melhor não falar nada ele disse. Não! Agora você vai ter que falar. É que eu contei algumas daquelas histárias nossa de assistir filme pornô em grupo de amigos e ela achou o máximo e perguntou se nás não queríamos assistir com ela. Na mesma hora eu disse: e você, vai querer. Então, eu sempre quis fazer sexo - dois com uma mulher, você se lembra. Em você eu tenho confiança e ela é mente aberta. Gosta da coisa! Você topa? Nem pensei - bora velho essa mulher, com todo respeito, é um tesão. Nisso ela voltou e nás conversamos sobre o fato e resolvemos sair dali. Já no carro ela perguntou quando é que nás iríamos começar. Eu falei - agora mesmo se quiser. Ela não titubiou e já mandou a mão no meu pau, que em pouco tempo já estava duraço, e eu perguntei - GOSTOU? Põe pra fora ela disse, daí te respondo. O pau pulou pra fora da calça e doida já caiu de boca. Daí ela disse: É isso aí "GG" (nome fictício do meu amigo), você não mentiu, ele é um tesão mesmo! O QUÊ, EU DISSE! Que histária é essa GG? Ela não esperou e respondeu, você não falou pra ele que era louco no Pau dele? Ele disse: você fala demais. Então eu falei - larga mão, agora bota mão aqui e sente a vara. Nisso, chegamos na casa deles e fomos direto pra sala. Lá ela tirou a minha roupa e a dela enquanto GG olhava. Ele tirou o pau pra fora, que acho que era mais ou menos do tamanho do meu e começou a se punhetar. Tirou também a roupa e ficou se punhetando e enfinado o dedo na prápria bunda. Enquanto isso... A loiraça me chupava com volúpia. Me deitei e ela pulou em cima, sentou na minha pica e ela entrou toda até o talo. A loira era um tesão, rebolava, pulava e estava me deixando louco. Aí ela saiu de cima e disse que queria minha pica no seu cuzinho. Ficou de quatro e eu fui com tudo por cima dela. Vagarosamente e deliciosamente seu cuzinho foi engolindo meu pau. Comecei um vai e vem e vadia, locaça de tesão pediu a participação do namorado. Ele veio e enquanto eu comia o cuzinho da namorada, GG se deitou em baixo de nás e começou a lamber a buceta dela e de vez enquanto meu saco batia na boca dele, que parecia não se importar. Derrepente ela falou: Tira seu pau do meu rabo e dá pra ele chupar. Obedeci, sem saber bem se o GG aceitaria, mas ele não se fez de rogado. Engoliu cm por cm da rola e começou uma punheta deliciosa. Daí ela disse: Agora é minha vez - mandou ele sair dali e ficar de quatro no sofá, catou meu pau e voltou pro seu cú, até gozar. Gritou feito uma louca e me mandou segurar o gozo. Dei umaparadinha e ela me ordenou. Dá uma olhadinha no que o seu amigo GG gosta. Nisso ela começou a lamber a bundinha e o cuzão dele e de vez enquanto pegava o pau e chupava também. O cara foi ficando louco, daí ela me chamou, pegou no meu pau e encaminhou pro rabo dele, sem dificuldade mas muito gostoso, o rabão dele aceitou toda minha pica. O viadinho rebolava igualzinho a vadia dele, parecei que tinha aprendido com ela. Daí ela também ficou de quatro, do lado dele, e me pediu pica. Disse: você não veio aqui sá pra comer ele, então manda ver nos dois. E eu fiz.. Dei uma gozada dividindo um pouco de porra pra cada e ele já se virou e limpou todo meu pau, sem deixar uma gotinha, enquanto gozava na boca de sua vadia. Descançamos um pouco e depois retomamos, mas aí não teve jeito, ela pediu para eu comê-la e quando eu comecei a ficar enclouquecido de tesão, com o GG lambendo meu saco. Ele percebeu meu tesão, se levantou, veio por trás de mim e começou a lamber meu cuzinho, que nesse momento já piscava, doido pra levar pica também. Aí não me contive e disse, anda logo cara, o que você está esperando, manda essa vara logo! Ele nem pensou, parou de lamber, se levantou e enfiou sua pica de uma vez sá. Doeu pra caramba, mas quase fui a loucura. Mandei os dois ficarem paradinhos e fiquei num vai e vem, em meiou a um SANDUICHE delicioso, com uma pica no cu e mandando a minha no rabo de loira deliciosa. NESSE DIA FUI A SALSICHA e tudo mais. Quem quiser ver uma bunda deliciosa e pau melhor ainda, manda e-mail com fotos de seus dotes para [email protected] Sem foto não respondo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


amigos sexo troca troca contosContos comendo a surdacontos gay luta livrecontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comipintelhos na transparencia das cuequinhascontos de amiguinhos comendo a bundinha da amiguinhapasseando com o cunhado relatos heroticosvelhos peludos gay contoscontos eroticos meu marido me vendeu no bingoContos eróticos coroa casada na praiaconto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de contos sem querer me apaixoneiconto erotico mano pauzusdocontos eroticos real novinhaNegão Da Picona Na Africa Contos Eroticoscontos eróticos coni minha filha e seu amigo gaycontos eroticos novinha espiando seus tios transaremprimas contos eróticocomvidando e comendo amiga de sua mãegarota da buceta grande cetado nado negãocontos de menininhas sentando no colo de homenscontos eroticos incesto com menininhascontos mem tinha peitinho dava cusinhocontos eroticos cunhadinhosconto guarda roupa da lingerieeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos de bichinha dando pra negaofui tomar banho na casa do amigo e comeu a mulher deleConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmameu amigo chantagia minha mãe. conto eroticoComtos eroticos dei pro tio jorge com pau minusculodedada esposa corninho rindo otário contoContos eroticos das periferiasrelatos reais minha eaposa pediu pro amigo comer o cu virgem delaFudendo a prima,contocontos comi minha mae e o travesticontos eroticos minha sogra franciscaDei meu cu gay pro seguraca do meu paicontos eroticos incesto cunhadacontos eroticod minha esposa deeu para o vizinho pausudacontos porno de zoofilia minha buceta cabeluda engoliu o pintao do cachorrocontos eroticos incesto novinho o cara da tv a caboContos eroticos/dp com a ninfetinhacontos eroticos abri sua boceta e minha porra escorria do seu buracocontos eróticos levando na piscinacontos eroticos. esposo duvidou da esposanegoes picudos/contosirmã transformassem roupa vídeos pornô doidovizinha novinha da obra contoviuva darlene fudendo muitocontos eroticos gay vestido rosacontos eróticos minha buceta pegando fogo i.piscandoinquilino viu as minhas calcinhas contos eroticocontos porno gratis evangelicas submissas e chantageadascache:A_ULZ8FKkSgJ:okinawa-ufa.ru/home.php chorei mas aguentei tudo contos eróticosContos eroticos chupando o funcionario heteroeu sempre quis,contos eroticosContos como foi a primeira punhetinhacontos eroticos primeiro cuconto gemendo no pau do pone taradoPegando a prima logo cedo contocavalo pampo aregasano a boceta da mulherconto garoto esperimentei da cucontos erotico na praia de nudismo com meu sobrinhomeus sobrinhos conto erotico gayafastou as carnes do cu piça perfurou minhas entranhas contostravesti dotadu no rnconto erotico sogra nao querwww.filha caçula da cu pro pai pauzudocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoconto erotico escrava sabrinacontos de coroa com novinhoconto erótico a negona velhadona redonda arreganhado o cuzaocontos eroticos de negros na praia de nudismoconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuamigocontoseroticosJá botei ela para transar eu não vai botar o vídeo dela transando gemendo tácontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeluda