Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CASAL SAFADO

Click to this video!

Olá, meu nome é Vitor e minha mulher se chama Daiane (fictícios), tenho 30 anos, 1,62 cm, 69 kg,, branco, olhos e cabelos castanho claro, a Daiane tem 19 anos, 1,65 cm, 59 kg, morena, cabelos cacheados, boca maravilhosa e um corpo delicioso. Sempre fomos muito bem na cama, muito bem mesmo, sempre fantasiamos coisas durante as transas, falamos muita besteira e ficamos atiçando um ao outro durante o tesão. É durante nossas transas que acabamos descobrindo as fantasias, tanto minhas quanto dela, pois na hora do T nem percebemos o que estamos falando. Foi durante uma transa que a Daiane descobriu que eu tinha tesão em vê-la com outra, que eu tinha tesão em imaginar ela chupando outro(s) paus, foi durante uma transa que descobriu que eu tinha vontade de vê-la dando o cú para outro e também muita vontade de vê-la com o rosto todo cheio de porra, assim também durante uma transa que descobri que ela morria de vontade de me ver chupando um pau, foi quando estávamos transando e eu peguei um consolo para ela chupar enquanto eu a comia, então ela começou a chupar feito uma puta e depois pegou o consolo e passou na minha boca, como eu estava com muito tesão, abocanhei o enorme consolo, ela quase desmaiou de tesão ao ver aquilo, e começou a enfiar e tirar o consolo da minha boca e outras vezes o socava até a garganta para eu engasgar, eu estava gostando daquilo, mais ela estava gostando muito mais, então voltei o consolo na boca dela e começamos a chupar juntos, ela enlouqueceu mais ainda, me chamando de safado, e eu chupando com ela comecei a atiçar mais ainda, dizendo que queria um de verdade, que queria chupar um pau de verdade junto com ela, ela gozou muito e depois disse que sempre teve vontade de fazer isso depois de um dia que veio me passar manteiga de cacau e pensou besteira. Depois dessa transa fizemos isso outras vezes, deixei ela enfiar o dedo em mim e claro adorei, já gozei com ela me masturbando e depois de gozar em minha barriga ela pegou minha porra com a mão e me fez engolir tudinho, sempre dizendo que era pra eu beber sem fazer cara feia e acostumar com o gosto, porque putinha tem que gostar de porra, já gozei em cima da sua bucetinha e depois cai de boca, limpando tudinho e engolindo cada gota.

Nosso tesão é realmente uma loucura, e uma de nossas fantasias era sair com outro casal, então criamos um sexlog e partimos pra seleção, depois de uns 2 meses decidimos sair com um casal de outra cidade que estava por aqui a passeio, ele era magro, alto, moreno claro, ela era loira com marca de biquíni e tudo, saímos e fomos a um barzinho, mas ficamos sá nisso, 2 dias depois decidimos sair de novo e ai sim fomos ao motel, eu já tinha conversado com a Daiane que não haveria troca, que seria sá sexo no mesmo ambiente e bi-feminino. No motel começamos a nos pegar ao lado da cama práximo ao casal, a Daiane tirou meu pau e começou a me chupar, o casal tbem fez o mesmo, eu confesso que não estava muito confortável com aquilo e então acabei gozando logo, então nos deitamos ao lado do casal que ainda estavam transando, a Daiane até tentou algo com a outra mulher mas ela não curtiu e logo foi pro banheiro, então a safada da Daiane começou de pegação com o cara, eu acabei deixando mesmo morrendo de ciúmes, deixei pq eu tinha sido o único cara dela e acho que ela tinha que experimentar. Então ela partiu pra cima e chupou o cara com muita vontade, mas muita vontade mesmo, oq eu sinti era uma mistura de ciúmes, raiva e tesão ao ver ela chupando e punhetando aquele pau na minha frente, o cara pediu várias vezes pra fuder ela mas eu fiz sinal pra ela que não, então ele gozou na mão dela, quando a mulher do cara viu a cena ficou puta da vida e brigou com ele rsrs, fomos embora e nunca mais nos falamos e depois eu e a Daiane não pensamos mais em fazer isso novamente. Foi muito bom como experiência e podem ter certeza que a Daiane adorou e muito chupar outro cara. Essa histária é real e todas as outras que irei postar também, portanto aguardem que tem muita coisa pra frente ainda, pois já fizemos muita sacanagem e queremos realizar várias ainda.

Obrigado e espero que tenham gostado da introdução de nossas sacanagens.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos mamando na novinha cheia de leite no riacho de biquinicomi uma contoprimeira mulher a fazer zoofilia.no cinemaputinha desde novinha contos eroticosdando banho cacula conto eroticos gaytiradp o cabaso da novimhadando pro genro. contos eróticospassinho de várias lésbicas se chupando uma volta sem pararcontos eróticos com gordascache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html Contos erotico como minha cuinhada mais velha de 45anos.casa dos contos eroticos novinhas delicias cedusindo o tioconto erotico estuprada de mini saiacontos eróticos funcionáriaconto erótico greludinha amiga chupa chupa flagracontos gay jogador de basquete novinhoenfiaram uma bucha no cu do estupradorContos eroticos minha mulher dormindo e eu louco pra fudelacontos erotico a casada virou minha femeazinhagostoza mastruba aloprado fas ele gozar xvidiocontos punheta com a maecontos gay com moto táxinegras abrino o cu pra meter nele gostosorelatos coroas defloraçãocontos eroticos caminhoneiro obriga meninadando o cu no cine arouchetenho 20 e comir e comir o cu do meu irmao de 15ler relato de suruba na casa da comadriconto ela deu e se fudeuesposo liberando a esposa para viajar conto  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  comi a filhinha conto eróticocontos euroticos porno tia luciacoroa louraca enxuta bocetao inchada inchadacontos de incestos e orgias com minha cunhada gravida minha irma nudistasConto erotico meti tanto q sangrouContos eroticos sobre irma fazendo faxinacontos masturbcontos erotico a casada virou minha femeazinhaconto erotico minha irma fedorentacontos eróticos gay putinha pedreirosbudao fudida por varios brutosDesvirginando a subrinha de 18 anosconto erotico gay cuzinho rosinha tapas socarelato casada dandocu em fesConto mana onibuscontos eróticos trair namorado atrãoboquete no filho contoscontos eróticos mãe e filho de araraquraContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorporno idoido na purberdadecontos eroticos colega da faculdadecontos eróticos me obedece putinhacontos eróticos fui pra casa da tia e meus primos me arrombaramerotico menininhaMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contoscontos eroticos na viagem comi sogra e mulher no carroporno abuzado mulhe olho tapadopornô o homem que nuca viu uma boceta quando viu endoidoucontos meu primo me comeudormindoconto lesbica desde novinhacontos eroticos de esfregando o pau na bunda da mamae dormindocontos sou bem fudidaconto eonico de sexo analconto eroticos comi minha vizinha de 7aninhosTransei com minha prima brincando de esconde escondefilme aconzinha porncontos selvagens arregacei o rabo da minha esposadando pro genro. contos eróticoszoofilia tesouracoroa dona de banca em teresina dando bucetaconto erótico vesti cinta liga pro meu filhocontos erótico estuprada pelo chefinhogordinho cagando na vara conto eroticos19 anos contos gayscontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescaria