Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRAI MEU NAMORADO COM MEU PRIMO

Click to this video!

Em um final de semana titia me ligou e perguntou se o meu primo, o Ricardo (aquele que passei as melhores férias da minha vida) poderia passar as férias comigo em Sampa, eu disse que o convite continuava de pé que eu ia adorar receber o priminho aqui em casa.

Na quinta feira fui busca-lo no aeroporto e assim que ele chegou dei um abraço apertado e fomos para o carro onde ele começou a alisar minha perna e dizer que eu estava mais gostosa do que quando tinha ido na casa dele. Fui ficando cheia de T mas resolvi avisa-lo que estava namorando e que no dia seguinte ele conheceria o Pedro e que era para ele se comportar.

Quando cheguei no apto. ele me agarrou e me beijou e começou a me alisar, não aguentei e comecei a gemer ele rapidamente tirou a pica para fora e disse que era para eu mamar bem gostoso como uma putinha, me abaixei e engoli aquele cacete que estava duro como pedra, ele então me puxou pelos cabelos me deu outro beijo e começou a meter a pica na minha xota ali mesmo, eu logo gozei com aquela tora entalada na minha xaninha. Ele então me levou ate o sofá, me colocou na posição de frango assado e meteu de novo na minha buceta enchendo ela de leitinho. Quando ele tentou continuar eu disse que precisava ir trabalhar, então me levantei tomei uma ducha e me arrumei.

Fui trabalhar e fiquei imaginando chegar à noite e continuar o que tinha começado pela manha.

Na sexta avisei que minhas irmãs e nossas primas viriam aqui em casa para comemorar a vinda dele para Sampa e que o Pedro também viria. Ele disse que não ia ter problemas que ele queria mesmo conhecer o corninho do meu namorado

O combinado foi todos trazerem bebidas e então so teríamos que pedir as pizzas, o primeiro a chegar foi o Pedro que se entrosou muito bem com o Ricardo. Depois chegaram minhas irmãs e primas.

O papo rolou descontraído, com muitas brincadeiras. Por volta de 2:30 o Pedro anunciou que estava cansado e que iria dormir e logo depois todos começaram a se despedir ficando somente eu e o Ricardo, que assim que se viu sozinho comigo disse que queria me comer, eu disse que ele estava louco que o Pedro estava no meu quarto dormindo, ele disse que era para eu ver se o corninho continuava dormindo e depois era para voltar que ele ia meter gostoso no meu cu.

Essa situação foi me dando T, entrei no quarto sem fazer barulho e o Pedro dormia feito um anjo. Então sai rapidamente e fui para o quarto de hospedes onde o Ricardo já estava me esperando, quando entrei ele sussurrou no meu ouvido que eu já sabia o que tinha que fazer. Então me apoiei na cama empinei a bunda, ele chegou a calcinha para o lado, deu uma lambida no meu cu e começou a enfiar aquela caralho grosso no meu rabo, eu abafei o gemido no travesseiro e fui rebolando e ele foi aumentando o ritmo das estocadas no meu cu, acabamos gozando juntos. Ele então tirou a pica do meu cu e disse que era para eu ir para o meu quarto, deixar a porta entreaberta e fazer com que o Pedro metesse no meu rabinho que estava cheia de porra dele.

Fui para o meu quarto meio zonza com aquela situação, mas cheia de T e doida para provocar o Pedro e sentir ele metendo aquele caralho gostoso no meu cuzinho, deixei a porta entreaberta, me deitei ao lado do Pedro e comecei a alisar o pau dele, depois abaixei o short e comecei a mamar no pau dele e fui sentindo a pica dele endurecer antes mesmo dele acordar. Continuei chupando o pau enquanto ia alisando o saco também, então o Pedro acabou acordando e disse que estava gostando muito daquela surpresa, nisso fui passeando a língua pela barriga dele ate chegar bem perto do ouvido dele e dizer que queria sentir aquela pica no meu rabo, ele então disse que ia meter bem gostoso no meu cu, antes disso enchi de lubrificante o meu cuzinho pois fiquei com medo dele perceber que meu eu já estava lubrificada de porra.

Deitei na cama de forma a conseguir ver a porta, abri bem a perna e ele estava de pé me puxou para a beirada da cama eu apoiei os pés no peito dele e mandei ele meter logo aquele caralho gostoso que meu cuzinho estava querendo uma pica. Ele foi metendo a principio devagar, depois começou a meter com força e eu comecei a contrair o cuzinho e ele foi enlouquecendo, nisso tirou o pau do meu rabo me colocou de 4 na cama e meteu de uma vez o pau no meu cu e começou a bater na minha bunda dizendo que era para abrir bem o cu, que ele estava doido para gozar, falou isso e logo aumentou o ritmo das estocadas enchendo de porra meu cu. Como eu não tinha gozado ele tirou a pica do meu cu e meteu dois dedos dizendo que meu rabinho estava bem lubrificado, eu pedi para meter mais dois dedo que eu queria gozar logo, ele então meteu os 4 dedos eu senti meu cu sendo arregaçado e continuei rebolando e ele metendo gostoso me chamando de putinha arrombada que adorava dar o cu quando gozei parecia que o mundo ia acabar de tão gostoso que foi.

Dormi agarrada ao Pedro e no dia seguinte antes de levantar ele encheu de porra a minha xotinha e quando saímos do quarto pedi para ele ir a padaria comprar coisas para o nosso café, assim que ele saiu o Ricardo me agarrou e disse que eu era muito piranha e que ele tinha ouvido nossa toda a nossa foda, a da noite e a da manha, e que tinha ficado cheio de T e que ia meter ali mesmo e que era melhor eu deixar bem rápido pois assim o Pedro nem ia desconfiar.

Eu me senti uma vagabunda, e fiquei cheia de T, virei de costas para ele, tirei a calcinha, apoiei na pia da cozinha e mandei ele enterrar logo o pau, ele então meteu dois dedos na minha xota depois lubrificou meu cuzinho e meteu a pica no meu cu, eu logo gozei com aquele caralho gostoso no meu rabo, logo ele continuou castigando meu cu ate encher de leitinho meu rabinho.

O difícil dessas férias do Ricardo foi intercalar as fodas com ele e o Pedro, mas no final tudo deu certo e eu tinha leitinho em todos os buracos todos os dias.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos, casada mal comidaPorno maes pais iniciando suas ninfetinhas no incesto contosContos eroticos estupros coletivos veriticoswww.contos de gozadas na marraContos Eroticos Dando a Buceta Pro Meu Vizinho Brennogrelao 3cm comendo contoscontos eroticos comi minha madrinha na cama do meu padrinhotravesti zinha bem novinha no carnavalele era cheirosinho conto gaymassagem incomparável faz cara senti tesão e gozaContos De maridos q empresto a esposacontos eróticos marido cornocache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html peguei um menino pra comer minha buceta velha contoscontos eróticos primeira vez travesticontos eroticos papai me criou para ser mulhera crente virgem e o borracheiro conto erotico"ficava mexendo no pau"conto de arrombando o cu do empregadocontos eroticos com velhoContos irma mais velhacontos de sentadinha com o cuzinhoContos dois na minha mulher€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€muleres sendo chupadad e godando pelos homes com gritoscontos eroticos padresContos eroticos gosto de estupro seioscontos eroticos dei com meu namorado dormindo ao ladoContos casado com travesti mas ele fudia com todos d familiaRebola no pau do papai contocontoseroticosbernardoEle foi fundo com ela contos eroticosesposa conta para o marido que ele é corno e que seu amante vai fuder ela na frente do corno e depois vai transformar o corno no maior viado e vai leva sua outra amante pra fuder com a esposadeixando um corno manso contosEDNA safada de são paulo conto aos oito aninhos a filha da minha namorada sentou sem calcinha no meu paueu gordinha arregacada por um roludo contossou casada e dei pro meu irmao contobaixo forte troncudo e pau grosso gaycache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html contos minha mae bebada e fodacalçinhas meladinhas nelascontos.porno fui dar banho na minha filhinha e acabei enfiando o sabonte no cuzinho delapalhia de calcia preta nuaconto erotico desconfiei de minha esposabolinei minha cunhada por baicho da mesa videopirulito do titio contos eroticostomando encoxada notrem contos eoticosgordinha contando suas trepadas c ontocontos mulher infiel marido atento incestofui na casa de massagem e fui enrabada contos eróticosnamorada deixou cara de pau duro contosnetinha safada adora sentar no colo do vovô contos eroticosContos eroticos casal vendo pintudo urinarcontos caipiras amadores bucetasContos eróticos padrastoconto erotico gay dando pro pedreiro sarado de 29 anosconto de irma que viciou em dar o cuzinhocontos eroticos chupadamulher madura em casa fazendo faxina bem à vontade sem roupa ou com roupa calcinha transparentefui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoContoseroticos estuprando Vitórianovinho da pica gigante atolando no mulequeinhoconto gay iniciado parente sozinho cuzinho leiteconto erotico loura com 3 africanosconto eroticos de garotosContos eroticos mae inociando filho novinho conto realcrente carente de porra na bucetaComi minhas primas novinha e safadinha contocontos eróticos de travestistaradomeu tio arregacou minha esposinha casa dos contosme viu pelado conto eroticocontos eróticos dona putonaconto+fui+arebentada+negro+meu+maido+adorouContos eroticos ajudando meu tiu acudentado e vi o pau deledepilano a buceta dela io cara comi elacontos meu pai me seduziucontos fui passear com minha esposa na casa de um amigo e virei cornotravesti jhuly hillsamigo hetero contofui na casa de massagem e fui enrabada contos eróticoscontos eroticos com giuliaContos eróticos cearápeguei a vizinha de surpresa de calcinha e sutiã contosirmã irmão estudando lá no exterior não tinha feito ela com tesão ele com tesão meteu a rola nela bem gostosocache:NCvA3Q684K4J:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria-mais-lidos_4_10_incesto.htmlcontos eroticos de maridosconto erotico debaixo das cobertasContos eróticos de lésbicas transando na casa da amiga de muitos anosporno sujo porra na boca guspe mijos e muita porcariadou para o meu irmao contoscontos eroticos vi minha namorada chorar