Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CORNO DO CUNHADO DE NOVO

Click to this video!

To aqui de novo pra relatar mais uma aventura entre eu minha esposa e o marido da irmã dela. Nossa aparência vocês já sabem, eu moreno, forte, 18x7 cm de pica, minha esposa branca, corpo normal meio cheinho sem ser baleia, coxas grossas, branca e um bocetão de dar inveja em vaca, o cunhado dela é alto, quase dois metros, forte, peludo, pernas grossas e uma rola muito grossa mesmo, uns 15x10 cm que deixa minha mulher arrombada. Bom vamos a mais uma aventura nossa. São anos de transa a três sem o menor pudor ou preconceito, pelo menos de nossa parte, certo dia eu acordei cedo num domingo estava moreno de tesão de meter a três então convidei minha esposa pra dar uma volta de carro comigo, disse a ela que iríamos a locadora entregar uma fita e depois podíamos passar na casa da irmã dela um pouco, como minha esposa sabia que sua irmã estava viajando com a família e Cezar seu cunhado estava sozinho em casa ela logo desconfiou das minhas intenções e me perguntou o que eu ia fazer lá já que ele estava sozinho e provavelmente ainda dormindo, então disse a ela que estava com muito tesão e queria vê-la dando pra ele na cama da irmã dela, Ana ficou meio assim com a situação, mas acabou se excitando com a idéia, então pedi que ela vestisse um short curtinho e uma blusinha sexi e saímos, no caminho eu ficava acariciando as coxas e passando a mão na boceta dela mesmo com as pessoas passando na rua, principalmente quando passávamos em frente a algum bar cheio de homens, ela me mandava parar, mas não tinha convicção do que falava então continuei a excitá-la até chegarmos na casa da irmã dela. Lá chegando Cezar já estava acordado e sozinho como eu queria, entramos e ele foi logo oferecendo uma lata de cerveja, então enquanto bebíamos pedi a minha esposa que fosse fechar o vidro do carro que eu havia esquecido aberto, assim que ela saiu de perto perguntei a Cezar qual a possibilidade de chegar alguém ali naquela hora, e ele me disse que era quase zero, ele então perguntou por que e eu respondi que assim poderíamos brincar um pouco, o que ele logo entendeu e concordou, como o quarto dele dá de frente pra rua ficava fácil de vigiar pela janela.

Cezar então me disse que eu poderia ir pro quarto com minha esposa e ir começando a esquentar que ele ia tomar uma ducha e já iria lá participar, assim que minha esposa voltou contei a ela e Ana ficou meio temerosa, mas acabou concordando, então fomos para o quarto da irmã dela e minha esposa disse que não queria demorar muito por que era perigoso, nisso concordei com ela, então tirei minha bermuda e dei minha rola pra ela mamar, assim que Ana começou a me xupar o cunhado dela apareceu enrolado em uma toalha e entrou no quarto subindo na cama por traz dela e já começou a lamber as coxas de Ana e foi subindo até alcançar sua bunda e ficar lambendo, então tirei meu pau da boca dela e pedi que ela mamasse nele, Ana puchou a toalha do cunhado e aquela tora caiu pro lado a meia bomba louco por uma chupada, minha gata não se fez de rogada, segurou firme a pistola do cunhado e enfiou na boca numa chupeta deliciosa que fez Cezar gemer de tesão, eu continuei em pé tocando uma e ao mesmo tempo de olho na janela pra ver se não aparecia alguém, corno não né? A mulher dando pra outro e eu vigiando, rs, mas adoro isso, Ana xupou um pouco o pau do cunhado dela até virar uma estaca de duro e então parou, nisso Cezar colocou minha amada na beira da cama e começou a xupar sua xana deliciosa que escorria de tesão, como o tempo era curto ele deu apenas algumas linguadas e se colocou na posição para fode-la, Cezar apontou aquela tora na entrada da xana de sua cunhadinha e socou tudo de uma vez, minha mulher sá jogou a cabeça para traz e curtiu o tesão, então me aproximei e tirei os peitos dela de dentro da blusinha sem sutiã que ela usava e Cezar já caiu de língua nos bicos tesudos, parecia uma criança faminta mamando em minha esposa, enquanto isso eu comecei a acariciar o grelo de minha esposa pra ver ela gozando também, claro que aproveitava e descia com dois dedos abertos e colocava a rola de Cezar nomeio e ficava acariciando enquanto ele entrava e saia da xana dela, aquilo era uma delicia, ele bombava forte dentro dela que levantava as pernas a fim de sentir a pica no fundo da boceta, Cezar não conseguiu segurar muito nesse ritmo e anunciou o gozo, começou a gemer forte e gostoso e enxeu a boceta de sua cunhada de porra, assim que acabou de gozar ele se levantou e foi saindo pro banheiro, me coloquei na posição entre as coxas de minha mulher pra lamber sua boceta e fazê-la gozar e limpar sua xana daquela porra toda que escorria e assim que passei a língua ergui os olhos e vi Cezar parado na porta nos observando então ele saiu em silêncio e foi tomar seu banho, eu buscava toda aquela porra de dentro de minha mulher e bebia tudo até que ela não aguentou e gozou esfregando a boceta em minha cara, então soquei minha pica na boceta arrombada e fodi forte gozando em seguida nos levantamos e ela voltando à realidade não quis nem tomar banho, colocou a roupa e fomos para a cozinha papear sem comentar nada sobre o ocorrido ali, mas eu sabia que tinha sido demais essa foda pelo fato de estarmos na casa e na cama da prápria irmã dela, metendo com o marido da irmã. Bom essa foi deliciosa, mas tem muito mais depois conto outras. Adoro ser corno e também quero ter uma experiência com casais bi, se alguém da região de campinas quiser entrar em contato estou aberto a propostas, depois de nos conhecermos podemos colocar minha gata na jogada, meu e-mail é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos gay entre primosdei para o comedor do bairro filhos contowww. indiando a rola na gostosa por baixo do vestidocontos eu marido na prai de nudismoconto erotico lésbicas roçando.a buceta na caraMães chupando filho contoseroticostitio viu minha bucetinha e achou linda contosconto irma casadacontoseroticos presidiovideos porno sobrinha branquinha fugindo dos tios negoesconto minha mostrouConto erótico minha irmã me chamou pra ir ver a porta do guarda fato que quebrou e ela enpinou a bunda pra mimfui arrombada porvarios contoszoofilia cavalo violentos o dedãomeu pai me arregasou todaContos punheta no garoto constrangidocontos minha cunhada de shortinhos bem curtinhoflogdosexo.compauloelizabethninfeta chupa buceta e cospe a goza com nojocontos minha esposa eu e mais 2 travestisMinha netinha sentou no meu pau contos eróticoscontos eroticos primo da esposafui ensinar a sobringa dirigir ea fudicontos erotikos comendo o cu da minha madrinhaMeu sogro meseduziu contovizinha teen contocontos meu pai me seduziucontos eróticos cantada na rua não resisti e traícontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosdando pro genro. contos eróticosconto sexo de madrasta fazendo fio terra no entiadocontos eroticos lobisomemCArnaval Antigo com muinto trAveco fazendo surubagrelo xoxotudaproposta indecente de colega porno de trabalho a casadacacetudos e contos eróticosencarei 30cm contosamelhor buseta de bashia do mundo gosanoContos eróticos no banheiro da escolacontos sexuais de jessica no carroConto incesto sogra no volantecomendo cuzinho de elanyContos me exibindocontos eroticos comeu meu cu no onibus e da cobradoraconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem docontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anoscontos relatados por mulheres que foram abusada e acabaram gozandomim mastrudo dia sou mulhe contosgoza nuoutro egravidavideo de morena clara casada traindo com um bem dotado acima de 22 cmconto erótico pepinocontos eróticos caminhoneiro seduziutransei com minha tia nas dunas da praiaNayara chupando contocontos eroticos de rabo inocenteminha esposa de shortinho na obra contocontos eroticos gay abuso vizinhoeu sempre quis,contos eroticoscontos eroticos meu genro se vestiu de mulhercontos eróticos inversão bêbadovisinhalesbicacoros bem casada no primeiro anal da vida contos mais lidosvi meu afilhado peladoconto transou com desconhecido na festa de rodeiocontos eroticos espiritoconto guey jogador chupa adversário no vestiárioconto de arrebentando o meu cu com a pica grandeme cumera porque tava sem calcinha negros cotosvídeo do Seu Madruga metendo a pica no c* da Dona Florindacontoa eroricos minha mulher meu inimigocuzinho doido por pica cdzinha contoComo eu faço para passar a minha pica dura na bunda da minha tiaMamando rola na escola contoseroticosa primeira vez com homem casadogay surra chinelo putinhafudendo minha aluna contos eróticoso que acontece se ficar com penis infiando 30hora parado dentro da buceta