Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EMPRESTEI UM DINHEIRO, DEI MEU CUZINHO E NO FIM GA

Click to this video!

Olá machos safados e deliciosos,



Á algum tempo eu estou sem postar nada no blog e hoje resolvi voltar e compartilhar com vocês uma das transas que eu estava esperando á tempos. Antes de falar dela, no primeiro post vou contar como começou a brincadeira de "Gato e Rato". Onde eu trabalho tem um segurança que vou chamá-lo de Edu para preservar sua verdadeira identidade que tem uma relação muito boa com todo mundo, ele é alto +- 1,70m, careca, 39 anos,casado, magro, branquinho e muito safado, mais muito safado mesmo. Desde o começo eu adorava falar putaria com ele, sabem como é né, mais nunca tinha em mente por isso em prática. Acho que desde o começo ele sabia que eu AMO UMA PICA e por isso foi ele quem pôs em prática seu plano diabálico. Um dia a gente estava conversando sobre sexo e ele me falou:

-Eu nunca comi um cuzinho e sempre tive vontade, porém as mulheres não aguentam o tamanho da minha pica.

Eu respondi:

-Por que você não come um viadinho então? - E dei uma risada.

Ele me disse:

-Sempre tive vontade, mais nunca tive coragem. Se você quiser é sá falar e a gente marca para eu te comer, porém acho que você não aguenta. -E deu uma gargalhada.

-Aguentar eu aguento, porém não sou viado. -Dei novamente uma gargalhada achando que era apenas uma brincadeira e sai.

Passado alguns dias eu já havia esquecido aquela conversa. Mais ele não. E foi nesse dia que tudo definitivamente começou. Era mais ou menos umas 17h30m quando eu estava indo embora e sá ficaria o Edu e um funcionário da empresa. O funcionário sá sairia as 18h e o Edu precisaria esperar para poder ir embora. Quando fui passando pela guarita aonde Edu estava para que ele pudesse abrir o portão para mim ele me chama:

-Ô Viny, vem cá. Tem alguém ainda lá dentro?

-Tem sim, o José.

Edu diz:

-A é, ele chegou atrasado e sá vai embora mais tarde. É foda queria ir embora mas não posso por causa dele.

Eu disse:

-Se quiser faço companhia. - "Juro para vocês que falei isso sem ser na maldade"

Ele diz:

-Sá se você ficar aqui e chupar minha pica, porque estou muito excitado. - E me mostrou seu volume

-É pra já delícia - Dei uma risada

Ele falou:

- Estou falando sério e acho que você não aguenta minha pica. - Eu olhei e dei uma risada já safada.

-Você tá falando sério? Eu aguento, se quiser mostro pra você

Edu mais que safado me diz:

-Então entra aqui dentro da guarita. - Eu entrei.

Ele fechou a porta e olhou pelo monitor que tem dentro da guarita. Então ele olhou para mim e começou a tirar o cinto da calça e desabotoar a calça, colocando sua pica para fora. Pela 1ª vez pude deslumbrar o tamanho e o formato de sua pica. Uma pica branquinha, grande e grossa com uma cabeça estilo cogumelo, pêlos aparados e saco bem branquinho e aparado. Eu comecei a passar a mão nela e quando dei por mim já estava passando a lingua na cabecinha. Edu começou a gemer e mandar eu colocar toda a minha boca carnuda nela e eu não me fiz de difícil e comecei a chupar a pica bem devagar. Comecei a engolir ela como se fosse um sorvete de chocolate, cujo sabor eu sou apaixonado, e ele gemia baixinho para não levantar suspeitas. Descia até seu saco e chupava as bolas fazendo ele delirar ainda mais de tesão.

Dizia Edu:

-Que delícia, isso suga as minhas bolas seu safado, nossa se soubesse que você gostava tanto assim antes já tinha te dado ela pra você chupar.

Ele então pediu para que eu abaixasse as calças o que atendi prontamente e ele começou a passar a mão na minha bunda e me disse:

-Quero comer esse seu cuzinho que parece delicioso.

Isso me levou a loucura e comecei a chupar ele com mais gosto e ele começou a anunciar que ia gozar. Eu continue a chupá-lo sem cerimônias e ele logo tirou minha boca da pica dele para poder esporrar sua porra deliciosa. Eu pedi pra engolir, fato que ele achou estranho no começo, porém deixou eu engoli sua porra deliciosa mostrando a putinha submissa e safada que sou. Ele no final deu uma risada de safado e me disse:

-Sabia que você gostava disso, seu safado. Agora quero ter a chance de comer seu cuzinho.

Eu prontamente respondi:

-É sá marcar, macho safado e você pode comer ele á vontade.

Ele então riu e pediu para que eu não comentasse com ninguém do trampo o que aconteceu, o que atendi. Depois disso ele mudou muito comigo e essa mudança foi para a melhor. No práximo post contarei enfim sobre a transa maravilhosa que tive com ele.



Bjos na pica de cada um de vocês e até mais;



Putinho Safado

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Sobrinho da Academia tia gordinha conto eroticoEstourei o cu da crente na viagem contosesposa torcendo de biquini em casa conto eroticocontos escravizada por chantagensContos eroticos selvagem com meu amigocontos erotico de estupromenininha conto eroticoContos eróticos meu primo meu amor minha vida metecontos eroticos d zoofilia cine maxcontos homem casado chupa picq homem casadocontos eroticoslingua no curelatos reais minha eaposa pediu pro amigo comer o cu virgem delacontos erotico de filho travesti bundudozoofikia contis eriticos homem aosixonado pela eguaContos fui estud fud mãe e filhaconto transando com ladraodei na infacia e não me arrependo contos gayscontos eróticos brincando na piscinaConto de puta presa e estuprada diariamente por muitos machoscontos erotico escondi debaicho da cama fraguei minha esposaContos eróticos de bebados gayscontos eroticos de incesto selvagemContos eróticos sarrado minha tiameu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadenoivo corno no altar contos eroticoscontos eroticos aventura em resendecontos erotucos escritos lesbicos transei com uma nerdcontos traindocarlão socando ate as bolas no cu da vadiaconto erodico 5 amigos me fuderaoconto cu suado da bonecacontos eroticos incesto bate com a pica/na cara/da cunhafaconto erotico amigo pauzudo do marido comeu eu e minha filhacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html vem me comer me esfolar porr contocontos sexo a ninfetinha tarada e virgemcontos minha esposa eu e mais 2 travestissogras e madrasta fazendo boquetes rapidosponogafico morena25 gotojaContos.eroticos..de.incesto.no.dia.decasarconto minha visinha mando eu descabaça sua filhacontos marido deu sonifero para esposacontos de inxesto como o meu marido não me notava então eu fiquei dando mole para o meu irmão para ver o que ia acontecervideo de jovens travesti praticando incesto com padrastoesculachado por vários machos na frente do marido conto eróticomulher tranzndo com ponei realcontos eróticos travesti dando o cu para homem do pau grandeBebada me bulinaram contos eroticoscontos: sentei no colo do velhocontos eróticos esperava o meus dormir eia na cama do papaicontos de sexos ainda dimenorconosco toma a porra de. macho na. bucetagaroto.burrinha.zoofilia.contoContos excitantes sou gaúchaFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viucontos apostando uma encoxadaConto erótico na casa do tio tarantoconto incesto tô gozando na buceta e ela engravidoumelequei a bucetacontos eróticos faZer o que se comer titia é gostosocontos eróticos filhinha bobinhacontos porno de incesto real pai filha e mae juntoscontos gay chupei o pau do borracheirofamília naturista contoscasa dos contos eróticos camila a namorada gostosa do cunhadoConto incesto minha mae me ensinou a fuderPorno conto ponheta da casada buzrelato erotico meu filho me secava doiscontos eróticos minha bundavoyeur de esposa conto eroticocontos de mototaxista e gay