Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TREPEI MINHA MULHER E ENTEADA NO NATAL

Click to Download this video!

Este ano recebi de natal um presente maravilhoso, sou casado com Marta uma morena linda de 1,67 de altura, olhos verdes, cabelos lisos, pernas grosas bem torneadas, uma bunda empinadinha de cintura de pilão, uma delicia sem igual na vizinhança, ela é 19 anos mais velha que eu, tem 33 anos e uma filha de 19 aninhos que é uma maravilha, um corpo se moldando, sabe aquelas adolescentes com peitinhos durinhos, bundinha empinadinha toda gostosinha, então essa é minha enteada, como estou a 2 anos com a Marta não tenho aquele vinculo de pai com a Luane, ainda bem.

Eu não dou folga a Marta, sempre que tem jeito estou trepando ela, um rabo delicioso como o dela merece rola toda hora, e ela gosta de levar ferro, de tudo quanto é jeito e lado, na semana antes do natal eu estava deitado no sofá, sozinho em casa a Luane tinha indo à casa de uma amiga dela, estava de calção apenas e acariciando meu pau pensando na hora em que a Marta iria chegar, estava doido pra dar umazinha e ela não demorou.

Quando ela chegou me viu de pau duro a sua espera e não se fez de desentendida ela sabia que ia levar ferro e gostava da idéia, perguntou pela Luane disse que ela estava na casa de uma de suas amigas, sozinhos em casa logo tirei sua roupa e pus ela de joelhos socando meu cacete em sua boca, ela adora chupar, uma boqueteira de mão cheia, pus ela sobre a mesa e comecei a chupar sua xota que já estava toda ensopada, enquanto chupava seu grelinho eu colocava o dedo em seu cuzinho. Ela começou a pedir minha rola em seu rabo e logo atendi seu pedido, ela estava deitada sobre a mesa com as pernas abertas, na posição de frango assado meti meu pau em seu cuzinho, ela gemia feito doida e eu fui fudendo ela revezando seu cuzinho e sua buceta suculenta.

Variamos as posições e sempre ela voraz fudendo minha rola, sem que a gente percebesse a Luane tinha voltado e caladinha ficou assistindo agente trepar, a Marta percebeu que ela estava assistindo antes de mim, mas não falou nada, depois de um tempo rebolando em meu pau ela se abaixou e falou bem no meu ouvido “a Luane esta atrás da porta assistindo você me fuder, acho que ela quer dar pra você também” fiquei surpreso ao ouvir o comentário, mas sem pensar disse a Marta pra convidar ela pra vir brincar com agente afinal de contas ela como mãe tinha que preparar a filha pra vida.

Ela chamou a Luane e disse “pode vir aqui filha, vou ensinar a você como agradar um seu padastro” a Luane ficou vermelha ao perceber que a gente sabia que ela estava ali assistindo, meio sem jeito ela veio pra onde agente estava, sua mãe saiu de meu cacete e perguntou se ela queria brincar com nás dois, ela disse que sim, a Marta perguntou pra ela se ela sabia o que fazer com uma rola e ela disse que não, a Marta então disse que iria ensinar ela a tratar uma rola como se deve.

E começou a lição da Marta, ela começou ensinando como mamar em um cacete e no inicio a Luane achou um pouco nojento mas como viu sua mãe se acabando chupando meu pau começou a chupar como a Marta mandava e logo pegou o jeito, sabe como dizem, filha de boqueteira boqueteira é, senti vontade de encher sua boquinha de porra, mas me segurei porque tinha muito pra ela aprender ainda e ela estava se revelando uma aluna aplicada, comecei a acariciar sua bucetinha ainda com uma pelugem rala, rosinha e sem nunca ter visto um cacete de perto.

Ela começou a ficar toda trêmula com as caricias que estava recebendo na xotinha de minha língua a Marta estava aprovando o tratamento que a filhinha estava recebendo e o tão esperado momento de descabaçar a ninfetinha chegou, sua bucetinha esta cevada pra ser fodida, a marta colocou ela deitada sobre a mesa e segurou sua mão, comecei a encostar meu pau em sua xaninha que se contraia de tesão e expectativa pra entrar na rola, meu pau estava duro feito aço a Luane estava deitada sobre a mesa com os joelhos dobrados sobre a barriguinha, sua bucetinha estava desprotegida, seu consolo era a Marta segurando sua mão e encorajando a aguentar o arrobamento que seria feito por meu cacete como dizia Marta minha rola linda de 22 centimetros.

Comecei a forçar a entrada, mas ela se contraiu toda de dor, a Marta e eu acalmamos ela dizendo que a dor seria sá no inicio depois ficaria gostoso, ela consentiu que eu forçasse de novo e eu não tive dá soquei minha rola ate o meio, a bichinha encheu o olho dÂ’água e deu um grito que acho que a rua inteira ouviu, sua mãe pois a mão em sua boca pra ela não gritar novamente e ela começou a pedir pra parar, pra eu tirar, mas apenas segurei ela pra ela não se mexer muito e machucar mais, ela foi se acalmando e eu comecei a bombar sua bucetinha devagarzinho pra ela ir se acostumando a rola.

Pensei que não iria conseguir fuder ela direito, mas ela aos poucos foi se entregando mais com os incentivos de Marta, fui fudendo seu rabinho com vontade e cuidado pra não estragar minha enteada na primeira vez, ela aguentou um terço da minha rola, depois de fuder seu rabinho gostoso por mais de quarenta minutos não resisti e enchi sua xaninha de porra, tanta que ela se assustou ao ver sua bucetinha toda fudida e escorrendo do jeito que estava, a Marta logo tranquilizou dizendo que era normal já que eu gozava feito um cavalo sempre.

As duas ficaram brincando com meu cacete dividindo ele entre suas bocas, a Luane pediu pra me ver socando ate o saco no rabo da Marta, atendemos seu pedido com muito prazer, depois pediu pra me ver fuder também o cuzinho da mãe que aceitou na hora o pedido da filha pra me ver socando tudo como se fosse na buceta depois de satisfeita em sua curiosidade olhou pra Marta segurando em meu cacete e prometeu me dar um tratamento igual com seu rabinho se a mãe deixasse, e ela claro disse sim ao pedido da filha e desde então estou trepando mãe e filha, juntas ou separadas, mas pra não faltar rola a nenhuma das duas trepo a Luane de dia e a Marta de noite e sempre que dá trepamos os três juntos, uma delicia minha família.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos eu e minha fonos estrupa na festaContos supreendida pelo novinhomeu primo e minha amiga contos eróticosconto cu suado da bonecacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto adoro cu de casadacontos, minha filha e suas amiguinhascontos erotico meu pai e meu tio armaram pra fuder eu e minha primaconto gay dopauggmenino bateno puheta pos amigo no riosinhosexo contos eu e meu filho adotivo fizemos sexocontosminha primeira vez lesbicaContos eróticos Gay Calção Recheado do irmãoTennis zelenograd contocontos calcinhanoite fria com titia contos eróticos€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€muleres sendo chupadad e godando pelos homes com gritosconto casada arrombada na praiaver dvd porno homems chupa bucetas de baicho da mesa tira calcinha do ladoMãe ajuda tiho masturbabeijo de lingua quente pegada forte gemidãocomendo as garotinhas feias contos eróticoscontos comi o cuzinho dela dormindowww.finhinhas.porncontos eroticos aposta na escolacontos traindo meu maridoconto erótico "comeu meu marido "foto de xoxota de mulher pequeninihacontoseroticos- meninas novas e espertinhasconto abrindo a buceta da mulher como de uma egusContos eroticos no acampamento com minha maerelato erotico casada e amiga pau de borrachasou casada e mau fudida e minha bucetinha carnudinha e o velho aproveidoucontos eroticos de marido corno bebedor de porraninfeta beijando peitoral de travesticontos eroticos me fodram sem o meu namorado percebercontos eroticos con pau de 24 cmFoderam gente contos tennscontos eróticos quando eu tinha catorze um coroa bem dotado deconto de estupro de colegiaiscontos a crente que gosta de dar a bucetao meu padrasto me arrastou pro matagal contoscasa dos contos eroticos/Três é demaisvizinha trai marido com cunhadinho contosContos eróticos: meu primeiro pau gigantecontos comendo a sograsurprendida pela minha amiga lesbica contos eroticoscontos eroticos no busao vaziorola na madrinha/contobem novinha virgem chorando najeba gigante contoscontos eroticos espadinho com o pau historias de sexo eu e minha madrasta bia de rabocontos eroticos dei com meu namorado dormindo ao ladoEmpregadinha é virgem de cu e buceta conto eróticocontos eroticos titio na praiaconto erotico casada humilhada por maginaiscontos erotico de pai e filhacontos eroticos chupando a pica do meu filhoconto erotico da ivone uma coroa casada e seu sobrinho negroContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavacontos eroticos brincando atras do lixocontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludacontos eróticos sexo na terceira idadecontos eróticos de sarados dotados jovens dominaçãocunhada sem calçinha contoscontos tia me deveconto erotico bunda amiga da maevideo porno do sobrinho traindo seu tio jorgeminha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoshttp://tennis-zelenograd.ru/conto_9686_resolvendo-um-teen.htmlme fuderam meu cu na ordenha contosContos eróticos dotadosconto erótico dando carona para idosahttp://googleweblight.com/i?u=http://tennis-zelenograd.ru/conto_16428_me-casei-com-um-homem-de64-anos..html&grqid=thlZ43M2&s=1&hl=pt-BRcontos gay afeminadosamigas gostam de passar margarina no corpo nutiabateno puetaO primo do meu marido é meu machoduas mulheres e dois maridos gay transando com três ovos dentro de uma saunacontos eroticos dei pro namorado da minha irmaputa que mora no bairro portãocontos eroticos dopando a cunhadacontos eroticos gay sadade de meus dominadoresconto seduziu heterocontos eroticos minha sogra mamou no meu pau e depoi choroulcontos eróticos Paula vizinha casada gostosaboa fodaxvidiocontos de pai me comeu e minhaamigafodaconto eróticos peõesconto de chorei com a pica grande de um negao no meu cu virgemestruprei contosConto de puta presa e estuprada diariamente por muitos machosmulheres com dhorte branquinho com cuzaoContos de ninfetas que gostam de andarem nuastava me masturbando e meu namorado chego e me chupouconto erótico as duasme tarandocontos eróticos relatados por mulherescontos erótico minha irmã e eu no motel velhinho roludo comeu minha namorada contos iniciantes