Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SOBRINHA VADIA

Click to Download this video!

meu none e antonio sou casado com a vera tenho 35 anos, minha esposa tem uma sobrinha ( ana )de 19 anos que muito gostosa(puxou a mae). num certo domingo nos fomos almocar na casa de seus pais(pedro e maria) apos o almoco eu fui tirar um sono na rede debaixo de umas arvores no quintal da casa ja estava quase dormindo quando ana chegou e comecou a puxar conversa comigo, depois de algum tempo ela disse que gostaria de perguntar uma coisa para mim, eu falei que ela poderia perguntar o que ela queria saber,ela me perguntou sobre motel, como era se era legal, eu expliquei mais ou menos, ela falou que tinha vontade de conhecer mas nao poderia ir com o seu namorado(luis) porque ela tinha medo de acontecer alguma coisa(perder o cabaco), ela na maior cara de pau pediu para eu leva-la, aprincipio eu disse nao, mas ela ponderou disse que confiava em mim e tudo mais entao resolvi topar, marcamos tudo certinho hora,dia e local. fomos ao melhor motel da cidade( a menina merecia ), quando chegamos la ela ficou impressionada com o luxo da suite (tinha piscina,sauna,hidromassagem,o teto da piscina abria e os caralhos a quatro) ela quiz tomar um banho e eu fiquei bebendo uma cerveja e vendo um filme de sacanagem, daqui a pouco ela aparece nua e diz que para a piscina quando entrou nagua me chamou e pediu para abrir o teto. a esta altura minha piroca estava dura e nao dava para esconder, ela falou para mim entrar na piscina tambem, eu falei para ela que so se fosse nu, ela respondeu mas e claro, na mesma hora comecei a tirar a roupa quando fui tirar a cueca fiquei bem de frente para ela ver minha rola dura, quando tirei a cueca ela comecou a rir e falar tio que piru enorme e esse o do luis a metade disso, eu falei para ela voce nao e virgem, ela respondeu virgem eu sou mas ja vi a piroca dele, ja rola uma brincadeira entre nos,que tipo de brincadeira, ela falou punheta,boquete, nas coxas, na bunda mas sem meter, chupa meus peitos, faz carinho na minha xoxota mas ainda so virgem, eu estava sentado na borda da piscina e ela chegou bem perto e segurou minha rola, passou a no meu saco comecou a punhetar eu nao aguentei e pedir para ela chupar o que prontamente fui atendido(mama direitinho) nao demorou muito eu gozei na sua boca e tomou um susto com a qtd de porra mas gostou,ela falou que nunca um homem tinha feito ela gozar,eu mandei ela sentar na borda da piscina e abrir as pernas e comecei a beijar suas coxas, sua bucetinha cheirar e lamber seu cuzinho, abrir um pouco sua buceta e passei a lingua ela chegou suspirar de prazer, coloquei seu crelo a mostra e comecei a chupar e morder passando a lingua desde o cu ate o crelo logo a menima gozou, puxei ela para dentro da piscina coloquei minha pica nas coxas e comecei beijar sua boca, seu pescoso, lamber seu ouvidos, lamber e sugar seus peitinhos e junto com isto alisando e apertando sua bunda maravilhosa, gostosa e durinha, depois virei ela de bunda abrir seu rego coloquei o pau para cima e entrou no rego eu pedi para rebolar bem devagar para eu sentir toda aquela bunda na minha piroca. ssaimos da piscina e fomos para cama (todo molhado) coloquei ela deitada de pernas abertas e pedi para ela mandar eu tirar o cabaco dela, o que ela fez rapidamente( ela falava vem titio me faz mulher, tira meu cabaco, arromba minha buceta com este piruzao) mandei ela segurar minha rola com a cabeca na portinha da sua xoxota e comecei a enfiar bem devagar ela gemia a pica ia entrando ela fechava os olhos e abria a boca e gemia de prazer quando entrou tudo comecei a bombar bem devagar e beijando e perguntando se estava gostoso ela respondia com um hum hum hum fui aumentado a forca das bombadas ela gemia mas alto ate comecar a falar que gostoso que caralho maravilhoso que estava sendo arrombada e fudida e pedia para nao parar quando gozou eu senti a buceta dela se encharcar e soltei uma gozada tambem so que na sua barriga, quando olhei para meu pau estava cheio de porra e sangue. no proximo eu conto como comi su cu e nos tornamos amante por um bom tempo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comtos de sexoconto gay minha madrasta me viu vestir as calcinhas delaconto casado dei pra travesticontos gays com gémeossou puta e pratico zoofiliacontos erótico o menino afeminado sento no colo incestoConto erotico de a massagemConto erotico o velho me chupavaConto erotico eu e minha somos.puta do meu padrastocontos devassos meu marido geme para eu chupar seu cuzinhocontos eróticos as amiguinhascontos eroticos assistiu escondidoconto erótico dando carona para idosacontos eróticos de sarados dotados jovens dominaçãomaisexo vidio de zoofilia com travestisconto erotico tarado comendo buceta da cabrita no.zoofiliawww. brasileiras provocando com olharesde safadas pornoconto erotico com meu sogro peladocontos eroticos minha mulher eh safadaContos com picas bonitasContos eróticos, o amigo do meu marido encheu minha boca de galaconto gay meu irmão sacudiu o pau dele pra mim deu pro vizinho trans e ficou grávida contoshay gozando deitado con decl no cuzinhoAdoro usar shortinho feminino e calcinha fio dental afeminado contoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico dando xoxota pro irmaoContos eroticos corno submissocontos casada estrupada pelo sindicocontos cadado da cu pro gerente em aposta entre homensproctologista me comeu gayconto erotica marido tomou viagra e me arromboucontos eroticos parte dois da helena e o padrastoamigas gostam de passar margarina no corpo nuMeu namorado virou corno contos teenContos de ninfetas dando o rabo no trabalhoNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos eróticos de bebados e drogados gayscasada;fodida na África;contos eróticoscontos gay comendo o muleke do orfanatoGostosas nao aguentam o tesao e traem em contoscontos eroticos chifrecontos eroticos chantagem patyContos eroticos urologista bom de bocaPorno pesado gordao arromba magrinha pono doidocontos eroticos na bundinhacospidas na boca porno lesbicasnovinha pauzera trepandocontos bebendo porraConto porno vi mamae sendo sarrada no busaocontos eroticos chantagiei meu padrastocontos erotico castiguei a buceta da vadiacontos erotucos escritos lesbicos transei com uma nerdconto sexo vilma e bety rabinho doendoconto erotico estuprada no terreno baldioconto erotico gay 23 cmFui com um coroa pra sua lancha ele me fudeu conto eroticoConto pornô palmadas na fazendaConto erotico minha esposa pagousconto eroticos tarada mim dei malmoreninho hetero marrento contocontos eroticos meninas estupradas por doisContos eroticos casal ajudando mulek de ruacontos comer cu sogra e filhacontos erótico pai ficou muito bravo ao saber que seu filho é gaycontos eróticos mostra logo filhoContos de estupro sem camisinhaconto erotico levei rola do meu amigocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos herodico de vadia sendo arromba por um cachorrocontos de orgia com maeContos eróticos Gay Calção Recheado do irmãosentei no colo conto erótico contos de estrupadaconto erotico minha esteada gravidaContos de ninfetas que levantam com vontade de da o rabocontos eroticos traindo marido na Sala ao ladoaquela pessoa pirocuda da salaViadinho o que sentiu depois que deo o cuzinho contos eroticos depois vicioutraveati fudendo na cpzinha do apartamento no fruta pornoconto erotico toma leite pra crescer forteConto amarrada abre mais vadiacontos tia marta rabao e margaida