Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI A GORDA DELICIA

Click to this video!

Sempre gostei de ler os contos do site e agora criei coragem para escrever um, não sou um cara sarado, tenho 31 anos, 1,70m, uma barriguinha causada pela vida sedentária, mas um apetite (e curiosidade) sexual considerável. Como um leitor assíduo reparo que sempre as mulheres dos contos são super gostosas, mesmo sendo coroas de 60 anos para cima, saradas que frequentam academia. Meus contos (sim, pretendo escrever mais que um) serão diferentes, pois gosto de mulher de verdade com pneuzinho, celulite e etc. Adoro uma gordinha com seus grandes e sou louco para sair com uma mulher mais velha.
Bom, vamos direto ao assunto, vou contar da vez que comi uma gordinha deliciosa. Trabalho como gerente em uma loja de materiais de construção e o meu patrão tem outra loja na mesma rua, mas de roupa feminina com 2 vendedoras e uma gerente. Tudo começou quando meu ajudante ficou uma semana de licença e meu patrão resolveu mandar cada dia uma vendedora da loja roupa ficar comigo sá para eu não ficar sozinho no balcão. Tudo correu bem durante a semana, as 2 venderas ficaram em dias alternados e como o movimento estava fraco ficamos conversando sobre várias coisas, mas meu ajudante voltou e as meninas voltaram para sua rotina normal.
Alguns dias depois passei pela loja de roupas para dar um oi para as meninas e a gerente veio falar comigo, uma loira mais ou menos da minha altura, gordinha com uns peitos enormes. Disse que não era justo ela não ter ficado na loja comigo, pois as meninas sá contaram coisas boas de mim e ela nem me conhecia direito. Mais que rápido perguntei se tinha internet e msn, trocamos e-mail e começamos a nos corresponder.
Logo de inicio pensei que ela sá queria saber fofocas sobre a loja e tal, mas com o tempo as conversas começaram a ficar mais quentes e ela a reclamar do marido que era mais velho não estava comparecendo, então resolvi jogar limpo e disser que queria levá-la para um motel para resolvermos o problema dela. A resposta não poderia ser pior, ela disse que éramos amigos e que eu estava confundindo as coisas, que ela confiava em mim por isso estava se abrindo e blá blá... Resultado: ficamos alguns dias sem nos falar.
Depois de uma semana ela me liga e pergunta se ainda estava de pé o convite e mais que rápido falei que sim. Marcamos em um motel práximo e a peguei depois do seu horário de serviço. Quando entramos no quarto ela ainda estava um pouco contrariada e com medo, me perguntou se não ia ficar nervoso se não rolasse nada, disse que sem problemas e que o importante era ela se sentir bem, mas eu já estava tirando a roupa. Ela pediu um momento para se arrumar no banheiro e eu fiquei ansioso esperando ela sair.
Depois de alguns minutos ela sai com um baby-doll pequeno para aquele corpo todo que já me deixou mais de pau duro do que estava. Deitou na cama e queria se cobrir, pois tinha vergonha do corpo, eu fui jogando o lençol no chão e falando que seu corpo era lindo e não precisava ter vergonha. Fui fazendo carinho em seu corpo até ela ficar relaxada e começar a apertar minha pica por cima da cueca. Depois de alguns minutos ela já estava morrendo de tesão e me pergunta se não vou tirar sua roupa para ver o que tanto queria. Não precisou pedir 2 vezes, tirei o baby-doll e fiquei de frente com aqueles peitos enormes e desabotoei seu sutien e fiquei embaixo para receber o peso na minha cara. Eram peitos gigantescos e com mamilos minúsculos que conforme eu ia chupando eles iam ficando durinhos, fiquei muito tempo beijando aqueles seios lindos.
Depois fui descendo pela sua barriga um pouco avantajada até chegar em sua calcinha já com metade da buceta para fora e fui tirando devagar até perceber que ela não tinha nenhum pelinho, totalmente lisinha e fiquei louco e cai de boca naquela buceta deliciosa e molhadinha (adoro me lambuzar em uma buceta), chupando aquele grelho maravilhoso.
Quando já não aguentávamos mais de tensão ela me pediu para enfiar minha pica em sua buceta (nesse dia ela não me chupou, quando relatar os outros encontros digo como foi) e já foi ficando de quanto com aquele bundão enorme na minha frente não resisti (quase não dá tempo de colocar a camisinha) e coloquei de uma vez o meu pau, meti como nunca naquele bucetão e ela sá pedindo mais. Bombei muito nela até que gozamos praticamente juntos. Cai do seu lado da cama e ela mesmo tirou minha camisinha, deu uma pinhetada e foi colocando outra e antes de me recuperar ela já estava sentada no meu pau cavalgando feito louca. A visão daqueles peitos subindo e descendo me deixou doido e cada vez que ela rebolava na minha pica eu empurrava mais ele pra dentro. Gozamos muito aquele dia e em muitos outros também e se gostarem desse conto descreverei como foram.
Mulheres maduras, gordinhas e safadas que queiram uma aventura ou uma amizade sem preconceitos podem escrever que vou responder.
[email protected]
Até a práxima.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos dormindo e acordando com cutucadasconto minha mulher gosta quando levo ela nas festinhaspresenciei minha esposa me traindoera menina meu primo batia punheta pra mim olharrelatos de anã transandopedreiro gozou vendo munher lavando roupas/conto eroticoconto erótico acordei com alguém me comendo fodendo bucetinha molhadaensinando a minha cunhada a dirigir contos eroticoshomens apanhados a pila na maoconto gay sexo levando tapa do machofraguei meu garotinho de seis anos mamando o pau do vizinho contos eróticos gayEu olhava a bucetinha de melina e ficava loucoContos eroticos de esposa na estradacomtos arrobadapornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da BahiaConto erotico sou madura greludaporno com tio acorda subrimha pra fufet com eleconto porra meu exconto erótico sobrinho provoca seu tio bebado pelado e tio o comecontos eroticos fui putinhacontos de crosdresseresconto erotico meu amigo hetero deixou eu chupar o pai deleconto erotico comeu a amiga da. minha mãe seios gg contos comidas pelo tiocomeram meu cuzinho conto gaycontos eroticos foi comer cu de esposa e viu que tava arrombadaxv inserto chupando a busetinha da novonha dorminocomendo e sendo comido por hipermegadotadomeu cuzinho desvirginadofilho tadoendo tira docu contos eroticoscontos eróticos de gay e titio e amigocontos eróticos miha mulhere fica masturbando vendo travestivideos de cornos que chuupamcontos eroticos srntar no colo inceztoconto sentei no pau do meu tio com dez anosconto erotico pm macho batalhão estocadasBucetas virgemdas das adolecentes doidosou casada meu visinho novinho contosconto:enrabadoadoro dar para o nosso cachorro contos eróticosContos eroticos de meninas estupradas.conto erotico arrombei o travesti do baile funkporno traicao roludo conto pornoconto erotico meu marido bebeucontos fui arrombada em casa pelo amigo meu filhoFui corno e gostei muitocontos eróticos minha mãe fumou baseado e comi elacontos eróticos enrabando a namorada do meu sobrinho que tava babadaminha iniciação gay contoscontos de coroa com novinhoAmante de coxas grossa e bundao contoscontos eróticos para ler a sogramamando no titio contos gay inocenteconto brincando de cachorrinhocontos eroticos na praiacarnavaldeputariasxvidio mulher xota de cabritameterola com menor idadecavalo mangalar goza na boca da coroa resen separadacontos eroticos descobri que era gay e não sabia parte5conto erotico estupro sequestro sadomasoquistaconto gay papai gosta que chupem o pau delemeu cuzinho ta sangrandocontos erotico os mininos comerao meu cu guando ajente brincavaMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contoschantagem com irma contoscontos homens que usam calcinhatransei com meu sobrinhomamae e eu na praia de mudismo contominha esposa nem desconfia que eu gosto é de rola contos gaywww.contopadrinho.comcontos inocênciafudi gostoso no volley