Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI AS DUAS CUNHADAS

Click to this video!

Bem o que vou relatar agora é, de certa forma, uma continuação do conto "Esporrando a cunhadinha" no qual relato como começaram as minhas trepadas em miha deliciosa cunhadinha caçula.

Um belo dia fomos para a casa de praia eu, minha cunhadinha caçula e minha cunhada do meio, a qual chamarei aqui pelo nome fictício de Suzana, uma magrinha com o corpinho perfeito e com uma carinha linda e bastante sacana... Era um dia de terça feira, e minha noiva sá poderia ir no fim de semana, junto com seus pais... Assim me coube a deliciosa tarefa de "proteger" as duas naqueles dias...

Logo que chegamos, minha cunhada do meio, sugeriu que fôssemos à praia... Eu e a minha cunhadinha-amante gostosinha, recusamos alegando cansaço, sá para ficarmos sozinhos em casa...

Poucos minutos depois eu já estava todo enfiado (como sempre) na xoxotinha raspada da cunhadinha caçula, arrancando-lhe gostosos gemidos a cada empurrão da minha grande e grossa vara em sua grutinha careca e molhada. Ela, já bem sacaninha, pedia que eu metesse mais... e com força, o que eu fazia, xingando-a de putinha gostosa, vagabunda e dando-lhe gostosos tapas na cara, o que a deixa louquinha, e disposta a qualquer coisa...

De repente ouvi um barulho de algo caindo, e não tive dúvidas... Suzana estava nos observando...

Em vez de parar, aquilo foi me dando mais tesão... e quando já estava quase explodindo, mandei a cunhadinha abrir a boca e despejei uma enorme quantidade de esperma, que inundou sua boquinha, sua cara e seus deliciosos seios... A esta altura eu já tinha localizado Suzana... Ela estava no terraço da casa dos fundos, de onde dava para ver nitidamente o que acontecia no quarto, pois estava aberta a janela ...

Suzana estava com a mão dentro do seu shortinho branco tocando uma gostosa siririca... Mandei a minha cunhadinha amante limpar o meu pau com a boca... e, em seguida, passei a chupar o seu grelinho e seu cú... Sob os olhos atentos de Suzana...

Fiquei fodendo aquele cuzinho com os dedos e a língua... até que minha cunhadinha não aguentou e, ficando de quatro pediu que eu metesse nela bem gostoso... Posicionei-a com o cú bem virado para a janela, e ficando de pé na cama, fui enfiando-lhe, bem devagarinho, o pau na bunda... de cima para baixo, para a penetração ficar bem visível. Ela gemia alto, pensando que a maninha estava longe... e saber o contrário sá ia aumentando o meu tesão...

Eu perguntava em voz alta, se ela estava gostando do meu pau em seu bumbum e ela dizia que era bom... eu mandava ela pedir para e meter... ela pedia, e eu mandava pedir mais alto... Aquilo foi ficando mais e mais gostoso... e logo estávamos no mais louco orgasmo... Ela gozava como uma gata e eu detonei meus jatos de porra fervente em seu apertado rabinho, fazendo-a explodir o seu maravilhoso gozo plenamente, e aos gritos de tesão..

Deitei-a de lado e, ainda com o pau em seu buraquinho, fiquei beijando-a na boca e fazendo carinhos gostosos no corpo e nos lindos cabelos... em pouco tempo eu já a masturbava.. Com o pau já duro novamente ainda enfiado naquela linda bundinha, em pouco tempo ela gozou novamente. Preferi não buscar o meu orgasmo desta vez... Já que estava convencido que iria atacar Suzana assim que ficasse a sás com ela... Deixei minha cunhadinha-amante dormir um gostoso e pesado sono e desci para a sala de estar... Pouco tempo depois escuto a chave girar na porta ? Adivinha quem era... Suzana... toda molhadinha com a água do chuveiro do quintal, pois tinha se banhado, para simular que tinha, de fato, ido à praia e se banhado para tirar o sal...

Quando ela entrou, meu pau chegou a estalar dentro do short. Ela me vendo, e observando o volume(eu propositalmente estava sem cuecas), ficou completamente sem graça... Perguntei se ela tinha curtido a praia, e ela falou que sim... que a água estava morninha, e outras mentiras. Eu me levante do sofá e fui conferir aquela gatinha molhada de perto... O volume do pau no short estava indisfarçável e ela não sabia se olhava ou se fazia de bôba... Estava completamente atônita e frágil para o ataque que viria... Que saber como foi ? Vote neste relato que eu publico a sua segunda parte... Com todos os detalhes que aquela maravilhosa foda em família merece...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Lingua na buceta contoscontos eroticos comendo uma carcereiraconto erotico viado afeminado escravizado por macho dominadorcaregando no colo pornodoidominha mae tava dando a buceta pro papai e fraguei contos eroticoscontos erotico gay negro dando pra brancoconto erótico meu pai fude minha esposa rindo da minha caracontos eróticos gay putinha pedreirosconvidei o Celso para enrabar minha esposacontos eroticos o porteirozoofilia cachorro montando com forçaConto eroico comendo as primihascontos eroticos de enteadaspornô doido a tia convencia sobrinha a chupalacomi a madame na fre.te do marido. experiencias sexuais.Emrabado por travestis na frente da mulher contospaguei aposta chupando contos contos eroticos transando com a cuhada branquinha da boceta peludacontos eróticos satisfazendo minha patroasou homem quero dar o cu para uma putaporn contos babesitter em casa familiasentei na rola do padrinho contos eróticosver contos porno anal no onibos de escurcaocontos minha bunda ernome encoxada de pau super durocontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maeconto real espiando no buraco casal sexo chacaraconto erotico meu bezerro boqueteiroContos eroticos tarado por seioshistorias verdadeiras de maridos que fragaram as esposas dandopirulito do titio contos inocenteRelato minha mulher no shopping sem calcinhacontos eroticosmasturbando o cuzinhover contos eroticos de irma dando pro irmaoconto cutuquei pai na bundia delaconto erótico vó e seu netinhocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoconto chantageei minha irma evangelicaaos 60 anos dei a buceta pro menino de 15 contoscontos eroticos verdadeiro primo bem dotado da minha mulher pasa ferias em casapapa fode a filha com sai posta e mae nao ve porno.comcontos eroticos levei rola com meu marido en casawww.sexo com cunhadss.com.brcontos elas gostam de chupar e punhetapura foi dar pra cavalo e acaba com a buceta estoradaconto só uso fio dental sou gaúchafiquei com o marido de minha amiga com aprovação dela contos.eroticossou uma mulher crente mas quero picaxxx cuada dando pro cuado e abunda bem moleafilhada deita no lado do padrinho e ele passa a mão nela e ela gosta em pornocontos eroticos fudendo minha bisavohttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto-categoria_2_114_gays.html&ei=e8yqT8MC&lc=pt-BR&s=1&m=564&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Contos+Fudendo+um+hetero+com+o+cu+sujo&ts=1485672497&sig=AF9Nedkia2TWDM2T0ozn41vBE5bkl1pQLAcontos eróticos sobre sobrinhabucetudamulher casada crente relata que da o cu para outro/contos recentesso alisandu abuceta cheia de tesao pra gosa contos ajudei meu marido a comer minha sogragostei de ser enrabadona davela os homens nao tem frescura conto eroticowww.contos eroticos de tias soteironas com sobrinhos.comcontos gay negrinhocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos eróticos fode ai rebola vadia isso abre isso aí que pau grandeprimeira vez que dei o rabetãomalandrao dando o cuzinho pra boy malhado contopapai encheu minha boca de porramorena cabelos pretos seios durunhos e aureulas escuras deliciacontos eróticos de mulher encarando um pau gigante e não aguentavoyeur de esposa conto eroticopapai tirou do meu cu quis por na minha bocamão amiga trêm metrô onibus show contos eróticosConto porno ui ui ui metecontos eroticos fiz megane com meu marido