Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO FLAGRA

Click to this video!

Este verdadeiro conto, excitante e delicioso, vai te levar ao delírio.rnrnZé e Paula chegam em seu condomínio de casas por volta de meia noite, a casa em meia luz, sua filha deveria estar em casa assistindo filme com o namorado, era o combinado.rnrnZé ficou com preguiça de guardar o carro, e como o condomínio é seguro, fechado, sem riscos, deixou-o fora mesmo, pois ele e Paula haviam ido a restaurante novo, para comemorar seus 19 anos de casamento.rnrnEntraram abraçados, ouviram uma música que vinha da sala de TV, e deveria ser a filha com o namorado assistindo um filme, foram até lá para dar um olá, mas não encontraram ninguém, chamaram pela filha e nada, acharam estranho, mas como Paula estava apertada foi para seu quarto no banheiro, enquanto Zé encarregou-se de verificar onde estava sua filha.rnrnChegando na suite da filha, começou a ouvir gemidos que vinham do banheiro, a porta encostada, ele lentamente abriu, e se deparou com a filha e seu namorado no chuveiro.rnrnFicou perplexo com o corpo que sua filha, com pouco mais de 22 anos tinha, não sabia que nua, a filha era tão linda, e como tinha crescido.rnrnOs dois, mais pareciam um sá no chuveiro, nem deram bola para alguém na porta, o casal era liberal, mas nunca tinham presenciado tal cena. O pai fica ali, parado na porta, espiando aquela cena totalmente excitante e desconcertante, o Flávio, que Luana namorava há uns bons 8 meses, segurava a filha por trás, de pé, metendo seu pau profundamente na buceta da menina, o que a fazia gemer, pedir mais, enquanto rebolava para o namorado.rnrnFicaram nesta posição por mais uns 5 minutos, quando ela se vira de frente, com seus seios fartos, duros como rocha, oferecidos para a boca do companheiro, o que imediatamente, além de começar a sugar com volúpia, pega a perna esquerda de Luana, num processo circense, joga em seu ombro, deixando a mostra aquela xoxota coisa mais linda, os pelos devidamente depilados em formato de V, o que deixou Zé mais louco ainda com a visão da filha fodendo com seu namorado no banho.rnrnFlávio, o namorado sortudo da filha gostosa de Zé, sugando como um terneiro suas tetas maravilhosas de mamilos rosados e de tamanho bem avantajado, mas na medida, pega seu cacete, duro como rocha, de tanta excitação, e mete de uma sá vez na racha de Luana, muito molhada e cheia de tesão, naquele vai e vem, ficam por mais alguns minutos, quando Luana solta um grito e um urro de prazer, anunciando o gozo que chega, acompanhado de uma tremedeira, tendo que o namorado segurá-la para não cair no chão.rnrnApás esta elétrica gozada, Luana beija amorosamente e com muito tesão, lingua na lingua, e começa a baixar seus lábios, indo para o peito liso do moço, já com a intenção de ir descendo, pois sua mão direita já punhetava o rapaz, que não continha o tesão, tanto pela expressão de prazer em ser tocado, como que pela rigidez de seu mastro.rnrnQuando Luana passa pelo umbigo, Flávio se joga na parede, se encosta, levando o corpo pra frente, já esperando que os lábios de sua amada e gostosa namorada, toquem a cabeça de seu pau, o que ocorreu lentamente, com a água do chuveiro batendo em seus corpos, ela finalmente chega ao pau do namorado, puxa todo pra baixo, deixando a cabeça a mostra, e passando a lingua em toda extensão daquele pinto gostoso, segundo palavras dela ao namorado, descendo então até as bolas, sugando uma a uma, sem deixar de, com a mãos, manter o caralho duro, para logo logo engoliar tudo.rnrnEla suga deliciosamente cada bola, punheta e volta para a cabeça, passa a lingua, ele geme, ele se contorce, e ela, mais que depressa, coloca aquele cacete duro dentro da boca, vai e vem, engolindo toda a extensão, agarrando com a mão o saco de Flávio, fica assim por uns 5 minutos, quando percebe que seu amor está prestes a encher sua boca de porra, aumenta então o movimento de punhetar e sugar a cabeça, não esquecendo de agarrar as bolas com a mão que sobrou, mais que depressa, ele entra em êxtase, e começa a pulsar, vem o primeiro jato de porra, a primeira gozada, onde ela, adoradora de semen, não desperdiça nenhuma gota, engolindo tudo, na sequencia, vem os demais jatos, e olha, que o cara fazia 3 dias que não comia sua namorada, gozou muito, e ela continuou ali, mamando com gosto, até o pau do rapaz começar a amolecer.rnrnSe beijam longamente, se abraçam, e tomam o banho para esfriar os animos.rnrnZé, por sua vez, de pau duro, chega no quarto onde sua esposa o espera, e, surpresa, pergunta porque ele estava excitado.rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Moleque fez minha esposa nojenta mama sua rola historias eroticascontos eroticos mae filho filhacontos eroticos peguei meu marido chupando os peitos da prima delevideo de sexo fetiche mastubaram a buceta dela com varios consodos grandescontos eróticos bucetas pequeninascontos de coroa com novinhotirando a calcinha no banheiro toda meladinha visgandocontos eroticos de senzalasContos eroticos A reforma Viciada em sexocontos chavecando o cuzinho da coroaconto eu doida pra gosar mas si tinha meu papainovinhas escoteiras abusadascontos eroticos mulher testemunha de jeováconto comi meu amigocache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html garotas virgens bundudas enrabadas no circo contos eroticossobre lamber e chupar a vaginacontos eroticoscontos minha irma me chupou dormindocontos eroticos "cadela" "sem comida" "fome"conto novinha devendoDona Florinda chupando a rola de Seu Madruganossa que putona gostosa delicia"relatos eroticos" piscina "cunhadas"pegou todas da familia atraves de chantagen conto erotico de insestoComi a cadeirante casada contosContos erocticos dei comprimido ao velhomeu marido viajou peguei o carro paguei travesti contosMeu meio irmão do pau de chocolate contoscontos comi minha mãevideos putas chupando e achado q a pica e poucacontos mulher e marido duas vadias para um.machocontos erotico de travesti no bairro campo limpoGangbang nas incesto fotoscontos gays mamando no mamilocontos eróticos de bebados e drogados gaysConto erotico o velho me chupavacachoro da familia gozando detro da buseta da mulhehistorias eroticas comendo a irmãConto incesto chicotadas no rabao da filhaa loira e o cavalo contoconto de arrombando o cu do empregadocontos eroticos enrabada a forca pelo padre dentro da igrejamulher melancia de cinta liga e espartilhoContos erotico amigas devendocontos inserto fatos reais gayEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DE CALCINHA FETICHE OLHANDO ESPELHO MINH BUNDAeu sou o viadinho do meu cunhado contos eroticospelanca contos eróticosconto cutuquei pai na bundia delacontos dei pro meu genrocontos traindogritei de dor contos eróticoscontos eróticos comendo a mulher do irmão na festa do final de anoContos eroticos de mamae qconto eróticos extremoscontos eróticos gay cuidando do cachorrão do vizinhocontos eróticos da em cima da irmacontos de traicao anal,postados no facebookConto erotico apoata insanacontos eróticos enrabando a namorada do meu sobrinho que tava babadaconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuconto erotico com sogrocontos eroticos sou casada o velho da chacara sozinhoContos eroticos viagem longa incestuosacontos eróticos eu quero te fuder mas aqui vão verseduzi meu irmãocontos mordidinha na bucetavoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos assistiu escondidocontos eroticos subrinhas virgempornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da Bahiarealizei a minha maior fantasia transei com um jovem loiro do pau grande e meu marido assistindoconto erotico no beco escuroconto erotico eu e minha sobrinha de menor no matinhocontos eroticos gay infanciaconto d patricinha c o borrscheirofoto de mulheres que traem os maridos de Hortolândia