Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A NOITE INTEIRA NA BUNDINHA DA NENINHA.

Click to this video!

Olá pessoal estou de volta!rn rn No meu primeiro conto não dei meu perfil. Neste vou fazê-lo: tenho 1,67; tenho 39 anos, solteiro (por opção), nível superior, pênis de tamanho natural (com muito orgulho), gosto de sair e A-DO-RO- mulher.rnrn Este conto que vou narrar aconteceu comigo neste mês, exatamente dia 19 de Setembro. Esta garota na verdade eu já, no primeiro dia, passei a pica bem gostoso. Vamos chamá-la de Neninha . Vou narrar nosso segundo encontro pois este foi mais maluco.rnrn Eu e meus amigos frequentamos bailes. Todos os sábados arrumamos algum lugar para ir. Confesso que depois que comprei um carro nunca saí com tanta mulher como estou saindo agora. Mas vamos lá. Neste sábado 1309 fomos a um forrá. rnrn No baile bebemos e dançamos com a mulherada. No lado percebo a Neninha. Para não passar batido aquela noite fui garantir minha foda. Peguei uma cerveja e me aproximei de sua mesa. Cumprimentei de longe e alí fiquei disfarçando o motivo da aproximação.rnrn Quando ouvi alguém me chamando. Feliz da vida me aproximei. Dei um beijo nela e suas amigas e também sua irmã que estava junto. Ofereci um cerveja e bebemos juntos. No meio da conversa ela me perguntou: rnrn - Está lembrado de mim?rnrn Respondi afirmativamente que sim. Como poderia esquecer daquela noite. Que chupeta maravilhosa, que foda fenomenal!rnrn Dançamos um pouco. Ela começou a me beijar e passar a língua na minha orelha. Pronto. Meu cacete já estava de protidão. Ela percebendo começou a se esfregar em mim.rnrn O horário avançava e ela queria ir embora. Para minha felicidade caía um temporal. Ofereci uma carona para ela e suas amigas. Levei todas para suas casas e por último a irmã dela. Em frente a casa dela ao descer sua irmã comecei a dar uns pega. Como a coisa já estava incendiando pois a safadinha tirou meu pau da calça e iniciou um delicioso boquete convidei para irmos à garagem que guardo meu carro. Como não tenho garagem eu alugo e ela fica afastado do dono ajudando bastante nessas horas.rnrn Chegando lá entramos. Dei um espaço na frente para poder esticar a conchonete que o dono tem guardado. No carro sem cerimônia ela soltou o cinto da minha calça liberando minha pica. Como não uso cueca foi fácil. Ela olhou com gula e mamou com vontade novamente. Chupando primeiro a cabecinha vermelha como uma cereja e foi descendo até o saco, chupando ele inteirinho e dizia:rnrn - Que rola gostosa meu amor!rnrn Saímos do carro e peguei a conchonete e estendi no chão. Ela deitou e eu comecei a chupar sua tetas que não eram muito pequenas. Que delícia de peitos. Tirei a calcinha dela dei um banho de língua e parti pra cima. Comecei a esfregar meu pau e ela delirando, suspirando fundo e pedindo que a comesse logo.rnrn Comecei a colocar e ela fazendo expressão de dor. A cabeça do meu pau é um pouco grande. Tamanho normal mas de uma cabeçona avantajada. Comecei o movimento de vai-vem. Neninha me arranha as costas de tanto desejo:rnrn - Vai soca esta rola cabeçuda na minha buceta vai!rnrn Pedi para Neninha ficar de quatro, pois adoro esta posição. De pronto ela atendeu. Empinou o bundão gostoso e fui colocando meu pau. Quando estava no ritmo ela tirou meu pau e com ele na mão, adivinham onde encostou? Acertaram! No cuzinho maravilhoso dela. Na pura felicidade Neninha pediu:rnrn - Vai come meu cú bem gostoso igual da outra vez! Minha bunda já estava com saudade da sua rola meu amor!rnrn Fui penetrando bem devagar. Quando a cabeça entrou ela gemeu alto. Comecei a socar o resto. As minha bolas já batiam na buceta dela. Comi feito um tarado. Variamos bastante as posições sem deixar o cuzinho dela. Era de lado, por cima, de quatro. Enfim gozei dentro do seu rabinho. Descansamos um pouco abraçados e ela começava de novo a rebolar no meu pau. Enfiei a tora e vai-vem de novo.rnrn Neninha gozou várias vezes. Parava de vez em quando para chupar meu pau e rola no cú. Enquanto isso a chuva não parava de cair. A ultima rodada foi quando estavamos nos trocando. Eu a abracei por trás e ela disse no meu ouvido:rnrn - Quer comer minha bunda mais uma vez?rnrn Sem precisar responder, Neninha desceu sua calça, pegou no pau encostou no cuzinho e sá tive o trabalho de empurrar. Comi de novo e desta vez encostado no porta do carro. Olha foi a gozada mais louca da minha vida. Já com as pernas bambas entramos no carro e a levei embora. Na despedida dei uns beijos nela e ela me passou o número do seu celular e disse:rnrn - Quando você quiser minha bunda é sá ligar. Agora você é o dono dela tá!rnrn Chegando em frente a sua casa nos beijamos e ela começou a passar a mão no meu pau de novo. E pediu:rnrn - Deixa eu chupar esse cacete mais um pouquinho!rnrn Deitei um pouco o banco do carro tirei o pau pra fora e Neninha envolveu a cabeçorra com uma chupada deliciosa. E dizia baixinho:rnrn - Que pintão gostoso. Não acredito que essa coisa linda me comeu hoje. Espero que você sinta vontade de me comer de novo. Aí pode ligar pra mim que minha bundinha vai estar prontinha pra você meu gostoso!rnrn O dia estava clareando e não dava tempo para nada. Neninha então deu um beijo demorado no meu pau e nos despedimos combinando a práxima foda num motel.rnrn Fui para casa feliz da vida pois estava louco para fuder e dei sorte encontrar com ela. É isso aí amigos espero que gostaram da minha narrativa. Sou meio cabaço em produção de texto. Mulherada, mandem um e-mail para mim. Bjs. ([email protected])rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


nora bunda gostosa provacando sogro conto eroticocontos eroticos cunhadinha dormindoarrombado; contos gayo ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anossexo emprestei minha mulher pra um amigo que estava preso conto eróticoscontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticoa transei cm um aduto na infanciaconto etotico xota da tiamaisexo peituda goza no oralComi a cadeirante casada contoscontos eroticos sou casada realizei o desejo do meu sobrinhoconto erotico historia de mulheres casada em fretando pau gradeas antigas Sophie travestis masturbando na salacontos eroticos envagelica abusadacontos eróticos fui arrombada pelo começominina pela de mostrngo a busetacontos eroticos de pivetescontos minha mae baixinha gostosaconto negro taradocontos eroticos engravidei uma novinha faveladawww.Contos Eroticos de sexo gay incesto pai estrupando filho virgem gay sexo violetos em contos.comcontos fui acampa e virei cornocontos eroticos com objetosgostosas de saiascurtinhas de perna pra cimacontos estrupo na casabde praoaxxx conto mais babado do incestocontos fodendo senhora negracontos eroticos de enteadasMinha esposa adora um homem negro contos eroticosp*** da bunda grande deixando seu c* todo arrombado com peito bem grandebuceta com muito tesao goza na primeira estocadamama direito vadia csralholevantou umas da minhas pernas,se encaixou na minha entradinha e foi metendo devagarzinhocomigo vamo mulher do meu irmão meu irmão viu como um laser transar entre família comigo a mulher do irmãocontos porno esposas estuprados submissoscontos eroticos deixei meu namorado meter na amiga delecontos eroticos minha sogra de calcinha rendameu sogro me comeu contos eroticoscomi a mae do meu amigo contoContos eroticos empregada humilha a patroaContos eroticos noviça virgemcontos filha peituda provoca seu pai de baby doll ele fudeu elacontos eroticos meu cunhado estourou meu cabacinhominha esposa e o porteirovidios novinhas dos mamilps diros pontudoscomeram meu cuzinho conto gaya patroa e a filha. conto eroticoeu e titia baixinha bunda carnuda cu virgem contosno acampamento enquanto eu dormia contos eróticoscontos eróticos, minha esposa putaconto eroticos com fotos menino de dezeseis anos chupando peito da irmã de vinte anosconto erostico cASALCOM UM MOLEGUE EM CASAwww.eu aronbei minha sobrinha de doze anos de idadecontos erotivos aconteceu em monteverdeContos de esposa gostosa acompanhado marido numa festaMinha mulher foi iniciada por um negão contos eróticosbrincando no mato contoscontos meu comedor de cupornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da BahiaDei meu cu pro meu tio pra ele se alegrarmeu cu aberto e ardido de picaSou novinha e putinha boqueteirá do papai contoseroticoscontos eroticos so de pensar gozoseduzida por uma lesbica contoconto erotico foto mae que cu arrombado da senhorasentada nua no colo no conto eroticovidio de mulheres sendo emcochada ela fica de calcinha toda molladaconto erotico maes rabudas na praia c facontos minha mulher olhando o volume do caracontos eróticos gravou tia dando pra doisvou rasgar sua boceta vagabundameu primo pegou no meu penis de 10cmsem cadastro zoofilia sai mijando leitecontos eroticos mae e filhocontos eróticos gay encarado na escolacontos bi minha tia me pegou dando pra o meu tioContos eróticos no banheiro da escolaconto eróticos espiando o meu paiMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contoscontos eroticos embriaguei meu marido e dei o cuzinho do lado delecontos tias de 29 anos loiraContos eroticos amorosa amigacontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandono hotel com meu filho contos de encestocontos de coroa com novinhoprofessor e aluna contostesao chefe quero elevelha peituda cheia de celulites contocontos eroticos filha da minha namoradacontos eroticos com a vovómeu tio safado gosta de mim ver de vestidinho curto porno