Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

OS SEIOS ESTAVAM QUASE PULANDO O DECOTE

Click to Download this video!

Elaine está deitada sobre o colchão de molas da sua cama Box com cabeceira de grades. Passam das 14h e ela espera seu marido chegar. Sábado à tarde, verão. Ela veste calcinha boy short, branca, sem costura, acabamento trabalhado e blusinha rosa bem decotada. Os filhos estão na casinha da titia, irmã de Elaine. Ela está excitada pelo momento íntimo que terá com seu amor. Os seios estão quase pulando o decote! Seu corpo está quente e a cabeça sá pensa ?naquilo?. (risos) Logo, escuta a porta da sala abrir. Guto chegou! Para provocá-lo, Elaine levanta-se, calça seu tamanco rosa e vai ao encontro dele. Na sala, beijam-se e abraçam-se. Ele diz:rn- Uau... Que delícia, amor! Você está maravilhosa! Cheirosa... Sedutora! Que bundão gostoso, meu Deus!rnGuto admira-a dos pés à cabeça. Passa-a as mãos na bunda, sobre a calcinha. Elaine geme manhosamente. Cerra os olhos e inclina o pescoço, sussurrando:rn- Aaai, amor... Senti tanto a sua falta! Sinto-me tão sá... Você me abandonou, bebê!rnGuto encanta-se pelo jeitinho meigo e terno da sua amada. Aconchega-a no seu peito e acarinha-a nos cabelos macios e cheirosos. Abraçados, ele diz:rn- Ôoo, docinho de morango... Estou aqui! Não te abandonei.rnGuto acaricia-a nos cabelos castanhos escuros, lisos e compridos. Ajeita-os atrás das orelhas. Beija-a na testa e, depois, na boca. Línguas roçando-se e respirações ficando aceleradas. Elaine retira-lhe a camiseta de algodão. Beija-o no tárax. Apalpa-lhe no peito e chupa os mamilos. Acarinha-o no busto com sua boca molhada. Guto apalpa-a nos seios sob blusinha. Aperta-a, carinhosamente, nos bicos eretos. Gemem... Agarram-se até o quarto!rnElaine tem 44 anos, pele branca e macia, 1,59m, 66Kg, seios grandes, bumbum macio e redondo, pernas grossas. Guto tem 38 anos, pele branca, ombros largos, bumbum carnudo e redondo, pernas bem torneadas.rnElaine abre a calça jeans dele. Desce o zíper. Tira-a. Admira-o na cueca boxer branca, de algodão. Ajoelha-se. Cheira-o sobre a cueca. Fica excitada! Toca-o sob lingerie. Abocanha-o. Sente o membro cheiroso e grosso crescer na sua boca. Lambuza-o de salivas. Agita-o. Tira a cueca. Coloca a glande sobre a língua e punheta-o. Gemem enquanto Guto acarinha-a nos cabelos lisos. Ela apalpa as bolas e lambe. Vira-o de costas. Desliza a língua sobre a bunda peluda. Morde-a, carinhosamente! Abre-a pelas poupas e lambe-o no ânus. Sente o cheirinho de cu e força a entrada da língua. Lambe bem gostoso o buraquinho dele! Vira-o de frente. O pênis aponta para o alto. Duro, grosso e veias marcantes ao longo do comprimento. Agarra-o e bate sobre sua língua molhada. Respingos de salivas caem, tanto no corpo dele quanto no rosto dela. Abocanha-o novamente enquanto punheta-o. Deitam-se na cama.rnElaine fica de quatro e, logo, recebe passadas de mãos na bundona empinada. Guto puxa-a para cima dele. Meia nove. Cheira-a sobre a calcinha e fica doooido! Arranca a calcinha. Elaine rebola para soltá-la das suas pernas. Ele cheira a calcinha. Logo, está abocanhando-a. Enfia a língua na xaninha quente e molhada. Elaine geme sugando a cabeça do pau. Sente dedos entrarem e saírem do meio das suas pernas. Na boceta... No cu! Fica looouca durante o banho de língua! Arreganha as pernas. Seu rosto queima. O corpo, ainda mais. Contrações vaginais intensas... Não resiste! Geme e o seu quadril treme sobre o rosto do seu marido. Líquido de gozo sai das suas entranhas e escorre sobre a língua arteira! Ela cheira e chupa, cada vez mais, o pau gostoso... Levemente inclinado para a esquerda! rnElaine mexe seu quadril sobre a língua. Ele passa lubrificante, à base de água, nos orifícios dela. Enfia o dedo indicador no ânus. O médio na xaninha. Mexe, carinhosamente, os dois. Ao mesmo tempo! Abocanha-a no grelinho e realiza-a mais uma vez. Elaine exclama:rn- Aaai, amor... Estou gozando! Isso... Fode a minha boceta e meu cu. Isso... Meu gostosão! Aaai... Eu quero sentar no seu pau.rnGuto, com carinhos, retira os dedos lambuzados. Chupa-os. Agarra-a no bumbum liso e macio. Cheira-a no ânus e vagina. Suspira. Elaine fica maravilhada! Ele delicia-se nos aromas, dos árgãos sexuais, da fêmea sedutora. Ela o punheta enquanto derruba salivas. Está extasiada sobre o rosto do homem da sua vida!rnElaine levanta-se. Vira-se sobre o lençol amassado. Guto ajeita-se e encosta-se à cabeceira de grades. Ela agacha-se sobre o membro viril. Agasalha-o entre as pernas. Permite-o afundar nos seus encantos e delírios! Elaine segura nas grades e cavalga-o... Gemem... Arrepiam-se! Os seios balançam... Pulam! Ela tenta segurá-los. Acarinha-os enquanto delira no pinto entrão. Aperta-o com os músculos da vagina. Gemem. Esfrega o clitáris sobre a base do pênis. Sua boca fica seca. Cerra seus olhos. O corpo esquenta. Contrações vaginais intensas tremem-na o quadril saltitante. Elaine está gozando! Sente o pau pulsar junto com a vagina que abre e fecha. Grita de prazer:rn- Aaamor... Aaamor... Que pau gostoso! Aaai, meu bebê!rnEstão ofegantes. Corações acelerados. Guto segura-a pelo quadril. Massageia e introduz seu dedo médio no cuzinho apertado dela. Elaine delira:rn- Que delíciaaa! Fode sua bonequinha... Fode, amooor!rnManhosamente, ela levanta-se e abocanha-o. Cheira-o. Lambuza-se exclamando:rn- Eu adoro o cheiro e sabor do seu pau, amooor! Fica uma delícia... Lambuzado com meu gozo! Salgadinho... Hum!rnGuto acarinha-a nos cabelos suados. Beija-a entre lambidas no seu membro. Pede-a para que fique de quatro, na beira da cama. Elaine empina a bundona branca e afunda o rosto no travesseiro de plumas de ganso. Ele fica em pé, sobre o chão frio. Introduz o pau na boceta. Segura-a pela cintura. Puxa-a pelos cabelos. Elaine fica doooida! Estoca-a na xana apertada. Exclama-a:rn- Amor... Que boceta quente... Apertada! Parece um forno!rnElaine, sentindo seus melões deslizar sobre o lençol úmido, sussurra-o:rn- Que pau delicioso... Come sua bonequinha, bebê! Come...rnGuto mexe seu pau sem tirar de dentro. Suas coxas peludas pinicam-na. Ele aperta-a no ânus... Acarinha-a no buraquinho! Gemem. Ela massageia o clitáris e a vagina. Roça, a ponta das unhas francesinhas, no corpo escorregadio do pênis e no saco que balança. Agita seu clitáris e, sem demorar, goza novamente sentindo penetrações nas entranhas. Guto está ofegante. Boca seca. Diz, gemendo, para sua mulher:rn- Amooor... Eu vou gozar! Que delícia...rnElaine, imediatamente, afasta-se retirando o pênis da xana. Vira-se para a beira da cama. Fica de quatro e diz:rn- Amooor... Goza na minha boca! Eu quero sentir...rnA boca dela abre e a língua insinua-se para o membro dele. O pau treme ao compasso das contrações. Está melecado do gozo da xaninha dela... Esbranquiçado! Elaine engole-o. Logo, jatos de espermas quentes inundam a boquinha macia e quente. Ela chupa. Engole espermas. Um pouco escorre pelo canto da boca. Caem sobre o piso do quarto. Pingos de suor sobre o chão. Elaine beija-o na barriga e abraça-o pelo bumbum. Deitam-se na cama. Acarinham-se. Beijam-se de língua. Ficam abraçados e descansam saciados. Adormecem.rnPessoal, por hoje é sá! Fique em paz e obrigado pela leitura. Beijos.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eróticos fui estresada e gosteicavalo gordo assim que meu irmão me mostrouenfermeira deu a buceta pro velho do pau mole contos eroticosContos eroticos mamae filhas gemeas e o titio roludo historia de contos eroticos com pasteleirocontos gay meu paicontos eróticos eu comi a secretária do meu paimoramoa no litoral eu e minha esposa e recebemos um primo dela para pasar um fim de semana conoscoconto chupei a coroacontos sodomizada por dinheiroconto mae dando pro filho no carroComtos professoras novas casadas fodidas na sala de aula pelos alunoscontos eroticos surubasMinha irma pos uma legue sem calsinha para mim ver contoscontos eroticos meu irmãoflagrei minha maé com socio de meu pai contoscontos eróticos da casa da irmã queridadeu a buceta no presidio contoscomi minhairmãzinhade criação.com conto eróticocontos eroticos comendo burra no sitiomeu primo chupou minha rola : contos eróticoscontos sexo a papai vai doer não cabecontos eroticos traicao/corno namorada viciada em jeba no cucontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaporno cm sogra coroa loira ejeroperdi minha mulher no jogo contos eroticoseu meu amigo e sua namorada contos biconto punhetinha gostosafotos chapéu ao traveco até ele gozaenteada nua contoscontos eroticos comendo burra no sitiocontos eroticos filho fez chantagem e comeu a maeloirinha goatossa viscontos eroticos adoro um pau grandecontos eroticos gratis de aeromoca. bissexualconto sou homem e dei o cu para meu sobrinhocache:zwmyzgvJpMwJ:idlestates.ru/mobile/conto-categoria-mais-lidos_1_22_fetiches.html contos, a amiga de minha filhinha na casa de praiaTorturada por vibrador conto eroticocontos eroticos tia no casamentoEu contei para o meu marido que dei o cucontos errotico relatos feito pr hmems tirando a vigindade na maraConto erotico dona casa velha carentecontos papai quase me rasgou na picaПРОДАМ-БАЗУ-САЙТА-okinawa-ufa.rulevei cunhada a passear videosconto erotico neguinhasubi a saia da e comi minha empregada vadiaviadinho japones dei pro negao do caminhão contos eróticoscontos eroticos eu gravida com vontade.di fufernegrinha brinca com roupa de escostar homemvideo de homem gosano na boca de outro hom video gay caseirovoyeur de esposa conto eroticoPedi que meu filho me depilou contos eroticoscontos eroticos mijando na calcinha maecontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariaMeu marido sabe que dou o cu a um amigo de infanciacontos eroticos papai se vinga com o cavalo no sitioprimeira vez com meu namorado contos gaycontoseroticos primos e a sua primarelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasconto errotico como conquistar sobrinha muinto dificildei minha bucetao mestruada e ingravidei contosconto erótico d********** mulher brincaconto bebi muita porra sem saberfui dormir na casa do meu primo e ele acordou de pau duroquero ler conto erótico f****** com a noracontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaminha filhacontos tava dormindo e eu comi elafui criado para ser gay Contosver rapasea novos grizalhos pelados de pau duroGozei no pau do meu irmão contoscontos eroticos me levou.ao medicocontos eróticos filha do pastor virgem assembleia de deusContos minha mulher adoracontos eroticos possuida por dois padrescontos eroticos de enteadascontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacomendo a deficiente contos eroticoscontos eroticos com estorias ocorridas na infanciadedo de tio safado fudendo buceta de novinha pornodoidoatrai meu marido com o maninho contosContos Eroticos Pirralhosbaxinho do pau gigante impresiona casadacontos de incesto onde tio coloca sobrinha de nove anos no colocontos de menininhas sentando no colo de homensconto esposa e molequesgostosa debruço e afasto a bunda e entro na varaConto erotic castiguei meu irmao gaimeu pai me comeu contos eroticosenrabada pelo chefe contossexo lesbica orgia historia p lercontos eriticos minha mae minhas irmas e munhas tias todas putasO cabaco da sobrinha ficou na minha rola contoeroticogaroto.burrinha.zoofilia.contoSou gay e tranzei com um travest contos erotico